História Christmas Horror Story (Interativa) - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~doceira

Postado
Categorias American Horror Story
Personagens Personagens Originais
Tags Ação, Ahs, Aventura, Christmas, Colegial, Drama, Interativa, Natal, Revelaçao, Romance, Suspense, Terror, Tragedia
Exibições 145
Palavras 680
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishounen, Colegial, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Fantasia, Festa, Ficção, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Orange, Romance e Novela, Saga, Shonen-Ai, Sobrenatural, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá pessoas, então... Essa é a nossa primeira fic interativa e será nada mais nada menos que de American Horror Story hehehe.
Eu espero que quem for participar, goste da história, pois tenho certeza que vão querer ficar até o final :V

Capítulo 1 - Prólogo e fichas


1989 

— Quando sugeriu que viéssemos roubar esse shopping, eu achei que fosse uma boa idéia. — Afirmou Anabeth enquanto ela e seu parceiro caminhavam pelo pátio vazio e iluminado apenas pelas luzes das lanternas dos dois. 

— O que fez você mudar de idéia?

— A vibe desse lugar, Sebastian... 

— Por que de repente você passou a se importar com essa merda? 

— Por que eu nunca senti isso antes. 

Era a mais pura verdade. Sebastian e Anabeth eram amigos desde a primeira infância e parceiros de crime há anos. 

Com 10 anos veio o primeiro ato ilegal: com facilidade eles entraram na direção da escola e alteraram suas notas. Repetiram o ato várias vezes nos anos seguintes, mas não de uma maneira que os deixasse sob suspeita, eles modificavam as notas de uma maneira que as suas pontuações finais, fossem o suficiente para passar raspando. Espertos demais para duas crianças, eles começaram a carreira como ladrões 2 anos depois. Primeiro a lojinha do bairro, depois uma loja de departamentos, em seguida hipermercados e então os locais de crime foram ficando mais difíceis, como um jogo separado por fases. A fase seguinte foi uma importante joalheria local, depois uma mansão, um museu. Na sequência foram alçando voos mais altos: fazendo a limpa em cidades pobres e ricas sem qualquer preconceito. Nem um dos dois jamais teve medo de nada. 

Mas aquele Shopping, apesar de ser até um lugar fácil e bem compensatório de se roubar, estava deixando Anabeth assustada, sem qualquer motivo aparente. 

Ouvindo os próprios passos enquanto caminhavam rumo a uma boutique famosa do shopping, ela prestava atenção demasiada ao que acontecia a sua volta e tudo o que ouvia além do seu coração acelerado, sua respiração ofegante e os própios passos e o do amigo, era o silêncio. 

Um silêncio assustador. 

Ela viu um vulto passar ao seu lado e um vento frio tocar a sua pele no mesmo momento. Começou a gritar, mas foi rapidamente calada por alguém que tapou sua boca. Acertou a canela de quem a segurava e ele a soltou. Pegou rapidamente a sua arma e apontou na direção onde quem a agarrou estava e acabou se surpreendendo. 
— Tá louca, filha da puta?! — Sebastian reclamou, sua perna esquerda estava levantada, ele massageava a sua canela dolorida. 

— Por que me agarrou? — Sussurrou em um tom irritado enquanto abaixava a arma. 

— Por que você estava prestes a berrar e atrair um monte de seguranças pra cá. Quer se foder? Se fode sozinha! E quer saber? — Ele disse enquanto colocava seu pé no chão — Some daqui! 

— Eu gritei por que tem alguém aqui, eu vi! ele passou do meu lado. Você não pode ficar só, nesse lugar! 

— Eu não vi nada e eu avisei pra você não se drogar antes de vir pra cá. 

— Eu não fumei, eu sei o que eu vi! Vem embora comigo! 

— Eu só vou sair daqui quando terminar de fazer a limpa! E some daqui! Se não vai ajudar também não atrapalha, porra! 

Ela ia tentar convencê-lo quando ele a interrompeu.

— Queima o chão, Anabeth! Vai! 

— Depois não diz que eu não avisei. 

Ordenou irritada, enquanto deixava o estabelecimento correndo. 


 

2016 

— ...No dia seguinte Anabeth descobriu que o seu parceiro foi morto depois de roubar algumas lojas. Ele foi encontrado no chão do banheiro do shopping, cercado por cacos de vidros de vários tamanhos, com a cabeça sangrando, como se tivesse batido a testa contra o espelho, várias vezes. 

— Que história horrorosa. — Comentou uma das várias senhoras reunidas na igreja da cidade. 

— Eu ouvi falar que aquele lugar é maldito. — Disse uma mulher bem velha. — Mas nunca cheguei a ter certeza. 

— Por que está nos contando essas coisas em plena véspera de Natal, padre? — Perguntou uma senhora gordinha. 

— Essa história me foi contada em segredo de confissão pela própria Anabeth. Eu estou arriscando sacerdócio, mas eu não poderia deixar de contar isso para as senhoras. 

— Mas por que? — Ela Insistiu. 

— Seus filhos. — Fez uma pausa. — Boa parte deles está se juntando para confirmar a suspeitas de que aquele lugar é mal assombrado. As senhoras precisam impedi-los.


Notas Finais


Então... Aqui fica muito bem explicado o que irá acontecer. Deixarei nos comentários, tudo sobre as fichas e se houver qualquer duvida, seja ela qual for, pode mandar uma MP para mim ou minha minha amiga que, com certeza nós iremos esclarecer.
Mas, mais uma coisa: a história se passa em 2016, caso não tenha entendido direito :V
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

R e g r a s
📌Favorite a história.
📌Verifique se a aparência que você escolheu ainda não foi reservada.
📌Fichas têm de ser enviadas apenas por Jornal ou Tumblr.
📌 Fakes e desenhos não serão aceitos como aparência.
📌A partir do momento que mandar sua ficha, automaticamente você aceita que nós demos a finalidade que quisermos ao seu personagem na história.
📌 Seja frequente em seus comentários, adoramos feedbacks.

D i c a s
💥Quanto mais detalhada a ficha melhor.
💥 Aparências que fujam do padrão: Olhos azuis, pele clara, traços delicados... terão o seu valor.
💥Não deixe informações da ficha cedida por nós faltarem e se quiser acrescentar qualquer coisa, pode. Mas por favor, não deixe faltar as informações que pedimos.

Por enquanto é só.
XOXO


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...