História Chucky: Parceiros do Crime - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Brinquedo Assassino
Visualizações 2
Palavras 610
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Mistério, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 3 - Deus abençoe o Vinho


Fanfic / Fanfiction Chucky: Parceiros do Crime - Capítulo 3 - Deus abençoe o Vinho

Acho que nunca estive tão nervosa. Isso me incomodava. Não gostava de sentir como se fosse explodir a qualquer momento.

Coloquei um vestido floral,sapatilhas e fiz uma maquiagem leve.

Estava tudo pronto para o tal jantar. Só não estava conseguindo manter o controle com os pensamentos. Haviam perguntas que não paravam de apitar na minha mente. Parecia uma árvore de natal,com milhares de pisca-pisca.

 

Respirar fundo sempre me ajudou a lidar com situações de medo, alegria,nervosismo.... mas agora, por mais que tentasse parecia só piorar as coisas.

Porque eu estava daquele jeito? Quem era aquele homem? Pra que me chamar pra sair? e porque diabos ele me deixa assim?...sem controle....

 

Entrei no carro e dirigi até o restaurante. Um homem alto o estacionou para mim. Quando entrei vi que ele estava na porta.

Seu sorriso era muito bonito e seu olhar sempre malicioso, como se soubesse ou planejasse algo. 

 

-Você está linda senhorita White.

 

-O senhor também.-Caminhamos em direção a mesa e só então reparei como ele estava bonito. Usava coturno,calça jeans preta justa, camiseta branca e jaqueta de couro com correntes. 

 Aquela roupa poderia ser vista como de um roqueiro voltando de um show, um motoqueiro que causa problemas ou até mesmo um garoto rebelde que gosta de confusão. Mas naquele momento estava elegante demais para ser considerado impróprio.

 

-Boa Noite. O que gostariam de pedir?-Disse um garçom alto e velho. Parecia o Alfred,mordomo do Batman.

 

-Um Magret de pato ao molho de mel,acompanhado de ameixas frívolas e um vinho Carmen Premier 1850 Merlot 2015. E de sobremesa  um Brownie com calda de frutas vermelhas.-Minha nossa, o pedido dele do tipo romântico. O que será que ele quer com tudo isso?

 

-Vinho..-Falei em voz baixa assim que o garçom saiu. Eu não lidava bem com bebidas que incluíam álcool. A maioria me deixava com sono, já outros me faziam falar demais. 

 

-Quanto anos tem senhorita White?-Ele olhou para mim e eu perdi o chão. Seus olhos eram de azul intenso.

 

-Farei 19 daqui uns meses.-Sorri de leve e olhei para mesa lembrando dos planos que estava fazendo para meu aniversário.- E o senhor?

 

-Farei 21 em breve.-O olhar malicioso e o tom de mistério voltaram. 

Ele retirou a jaqueta e então vi que usava uma munhequeira de couro no pulso direito e tinha tatuagem de caveira no braço esquerdo. -Não gosta de caras tatuados?-Perguntou ele ao perceber para onde eu olhava.

 

-Pelo contrário, gosto muito de tatuagens só....não sei se tenho coragem para fazer uma.-Ele abriu um sorriso e tanto. Dentes perfeitos e brancos. Nossa,ele deve ter caído do céu direto naquela lanchonete.

 

-Não parece ser do tipo de garota que faria uma tattoo. Mas isso não importa desde que tenha bom gosto musical.-Concordo com ele. Não existe nada pior do que você conhecer uma pessoa legal e depois descobrir que em termos de música é completamente diferente de você. Não que isso seja ruim...apenas torna as coisas mais difíceis.

 

-Ouço um pouco de tudo mas....tenho preferência por Eletrônica e Rock.-Ele relaxou os ombros quando disse ''Rock''.Estava na cara que ele curtia algo mais pesado.- Metal não chama muito minha atenção...então fico com músicas mais....tranquilas.

 

-É uma garota incrível senhorita White.-Ele ignora minha tentativa de falar sobre música para não entrar num clima romântico.-Nos conhecemos  a tão pouco tempo e já me sinto....encantado por você.

O garçom chega com o vinho e o bebo rapidamente. Logo vem o prato principal. 

Nossa,é muito bom. A mistura de sabores me intriga e me deixa no ar. O vinho é perfeito,cheiro de frutas vermelhas e na boca parece veludo.

Bebo mais um pouco.

 

-Obrigada senhor Wilder.-Não sei o que dizer,então só agradeço. 


Notas Finais


Espero que gostem....pq eu to amando


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...