História Cinco Quilômetros de Vida - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Original, Romance
Exibições 2
Palavras 467
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Eu já escrevi esse texto a um tempo...mas agr decidi colocar aqui...espero que goatem. Bjs

Capítulo 1 - Capítulo Único


Tony amarra um de seus cadarços enquanto olha para o relógio apreensivo. Já fazia bastante tempo que tinha esse caminho como habitual, mas os minutos antes sempre o deixavam assim. Ele levantou-se, se alongou, trancou a porta e começou. Primeiro caminhando, depois acelerando mais e mais até chegar ao ritmo de costume. Já deixava para trás meio quilômetro, quando avistou a velha lanchonete onde, quando pequeno, tomava sorvete com a primeira garota que fez com que coração acelerasse mais que aquela corrida. Ver esse lugar o fazia sorrir diariamente. Dois quilômetros e alguns metros, já sentia cansaço nas pernas. A paisagem era verde e o outdoor que anunciava o serviço do melhor advogado da cidade era quase um crime em meio a tanta beleza natural, mas o fazia lembrar-se do passado. De quando o homem de terno estampado no cartaz era só mais um colega, porem o colega que o apresentou a mulher que o tornaria homem, uma bela mulher de cabelos vermelhos. Três quilômetros, as pernas formigam, a vista embaça e assim que avista novamente vestígios da cidade o cheiro de pão fresco o faz lembra que foi na padaria de onde esse vinha que comprou o mais belo e maior bolo branco que já vira em uma festa, o de seu casamento. Quatro quilômetros. Ele pensa que já está cansado demais pra continuar, mas supera esse pensamento e as pernas se tornam tão automáticas que toda dor some. Nesse quilometro não havia nada em especial, as casa eram feias e sem vida. E isso o fazia se perguntar: “Por que deixei a chance de ter uma vida inteira ao lado da primeira garota que fez meu coração acelerar, pra quem comprei um bolo branco enorme anos depois, por apenas mais uma noite com a garota de cabelos vermelhos?”. Ele não tinha respostas para essa pergunta, por isso o nada o fazia lembrar-se disso. Seu quinto quilômetro estava acabando e então ele avistou um banco. Ele sempre lhe dava vontade de parar para descansar, e assim ele fez. Sentou-se e esperou olhando para os portões da escola a sua frente. Os portões se abriram e no meio da multidão de crianças, uma linda garotinha de cabelos escuros veio em sua direção e o abraçou. Enquanto apreciava cada segundo ao lado sua filha, ouviu um automóvel buzinar alguns metros. Era ela, mais linda que nunca. Ele via sua filha correr até o carro e depois esse indo embora na estrada todos os dias e imaginava o dia em que suas pernas seriam fortes e sua coragem grande o bastante para que ele levantasse, fosse a até o carro e olhasse nos olhos dela mais uma vez, iniciando assim seu sexto quilômetro.

Texto dedicado ao meu amigo Antônio L., mais um homem que precisa iniciar seu sexto quilômetro. 


Notas Finais


Vcs podem conferir esse e outroa textos mais antigo no meu blog
http://fragmentosde1eu.blogspot.com.br/2015/06/cinco-quilometros-de-vida.html?m=1


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...