História Clara - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Os 13 Porquês (13 Reasons Why)
Tags Clara
Visualizações 16
Palavras 261
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Tenham uma boa leitura (=




*É uma história TOTALMENTE fictícia, e nada disso esta acontecendo a minha pessoa ou com algum conhecido.

Capítulo 1 - Começo


Olá, meu nome é Clara, sim Clara. Um nome tão "claro" para uma pessoa tão sombria. Tenho 20 anos, não venho de uma família de classe baixa, muito menos de uma classe alta, classe média podemos dizer. Sou filha única, então não tenho irmãos para me irritar, mas as vezes irmãos fazem falta. Você se sente solitário. Sem ninguém para conversar, para se abrir.
 
 Mas chega de falar de irmãos, vamos falar um pouco da minha vida. Que para ser mais específico, já se encontra no fim, ou perto dele. Nunca sabemos quando uma vida está no fim, porque quando uma vida chega ao fim, já estamos mortos, sim, essa é a realidade. Na minha vida tem se realizado vários acontecimentos que me abalaram psicologicamente, não se preocupe que eu não fui estuprada ou violentada fisicamente, apenas "zoada", ou pelo menos era "zoada". 
 
 Muitas pessoas podem dizer -ou pensar- que eu não estou sofrendo aponto de me drogar ou me suicidar, mas já pensou o quanto ser motivo de brincadeiras e gargalhadas pode machucar? Ter pessoas te machucando psicologicamente constantemente pode ser um motivo para tomar quaisquer providências. E foi uma providência que eu tomei, ou pelo menos tinha tomado, não deixar mais ninguém me machucar. Mas como fazer isso? Achei que me mudar ia ser o melhor, mas com um "não" vindo friamente de minha mãe, e um "nem pensar" vindo de meu pai, não seria melhor coisa.

 Não sei se vou voltar, não sei se vou sobreviver, mas se eu sobreviver, vou relatar fatos importantes para que me entendam. 


Notas Finais


Realmente não tenho compromisso de voltar, então pode ter sido o último capítulo, ou pode ter sido um capítulo de muitos.

Obrigada por lerem ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...