História Cold as winter( frio como o inverno) - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Drama, Espiritual
Exibições 6
Palavras 939
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Magia, Sobrenatural
Avisos: Álcool, Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 5 - Nenhum sol é tão quente quanto você


foi a primeira vez que Diogo beijava alguém, era tão suave...suas línguas se enrolavam uma nas outras. Eles estavam almoçando atrás do campos do colégio, aonde alunos sempre usavam para namorar. Ela afastou sua boca da dele, eles se olharam por poucos segundos então diogo voltou a beija-la. Foram os momentos mais felizes da vida dele até então. E era algo que ele não deixaria escapar com facilidade.  

Algumas semanas depois Diogo e Gisele estavam namorando, as pessoas da turma comentavam sobre eles pois sempre viram Diogo como o garoto estranho da sala. Gisele não se importava com os olhares encima deles quando andavam de mãos dadas pelos corredores da escola, mas Diogo ficava um pouco desconcertado e as vezes evitava isso. 

-você não deveria se importar com isso, disse Gisele. 

-eu sei amor, eu não queria mas sei-lá...me sinto meio envergonhando com todos esses olhares, as pessoas da sala sempre irão me enxergar como o menino estranho que brigou e quase matou seu colega aos socos. Gisele segurou seu rosto e deu-lhe um beijo rápido por que não eram aceitos demonstrações de afeto na dentro da escola. Quando eles estavam entrando na sala algumas pessoas riram, Gisele estava preparada para dizer algo mas então Diogo segurou sua mão e eles foram sentar. 

Professor: bem, finalmente o festival escolar está começando e  a turma vencedora desse ano ganhará uma viajem para qualquer lugar do país a escolha da turma. 

As pessoas da sala gritaram de felicidade, todas elas estavam animadas. Gisele soltou um sorrisinho para Diogo que respondeu com um sorriso tímido. 

Professor: agora montem equipes para se organizarem melhor e assim façam o melhor que puderem.  

Gisele era uma aluna bem reconhecida pela classe, sempre tirava boas notas e sempre era uma das que ficavam a frente das coisas da turma, ela estava animada era uma ótima oportunidade para Diogo interagir mais com a classe fazendo as pessoas gostarem mais dele. 

-amor, então o que você acha de ser mais participativo nesse festival? Seria ótima para você ser mais aceito pelas pessoas da classe. Mas não quero que você faça nada contra sua vontade. 

Diogo sabia que mesmo Gisele dizendo isso ela queria muito que ele fosse mais interativo na turma, então ele decidiu tentar dar o seu melhor para que ela ficasse feliz.  

Posso ir no seu dormitório hoje a noite? Disse Gisele, preciso conversar sobre umas ideias para a caracterização da sala e gostaria de sua ajuda. 

-claro que sim, não tem problemas. Diogo sorriu calmamente, ele também queria que tudo desse certo mesmo não se importando muito com sua classe fazer a Gisele feliz era um dos objetivos dele e ele não deixaria isso passar em branco. 

A noite chegava então uma batida veio da porta. Diogo abriu com rapidez e cumprimentou Gisele com um beijo no rosto. 

-então, disse Gisele, como é um tema livre acho que seria interessante falar sobre filmes antigos, tenho pensando em fazer um grande cinema mudo na nossa sala. Colocar ornamentos em preto e branco para que fique tudo mais bonito, o que você acha?  

Diogo riu. Então Gisele deu-lhe um tapa no braço e eles acabaram rindo juntos. 

-olha, eu não esperava que você tivesse essa ideia mas sinceramente eu adorei, acho que ficaria muito bem na nossa sala. Alguém até poderia se caracterizar de Charlie Chaplin. 

-eu sei, e pensei que você poderia fazer isso. 

-Eu???! Kkkk você acha que ficaria bem?  

-na nossa sala você é um dos que mais entende de ficar mudo kkk. 

Ambos caíram na risada então Diogo beijou Gisele. Mas dessa vez não eram só beijos, eles deitaram em sua cama e começaram a se abraçar fortemente, os beijos estavam se transformando em algo mais quente. Diogo colocou sua mão por baixo da blusa de Gisele, ela ficou um pouco assustava mas rapidamente já estava novamente entregue aos beijos, Diogo tirou tanto sua blusa quanto a de Gisele. Depois disso tirou seu sutiã e rapidamente eles estavam nus. 

Ele começou a beijar tudo seu corpo, beijou seu umbigo e continuou descendo até chegar em na região mais intima de sua namorada. Ele passava suavemente sua língua por todo o local, ela gemia e segurava a cabeça de Diogo contra o corpo dela. 

Por um breve momento ele parou e voltou a beija-la em sua boca então a penetrou, ela o prendeu com suas pernas enquanto gemia silenciosamente em seu ouvido. 

No dia seguinte Gisele acordou nos braços de seu amado, uma reunião com os alunos da classe começaria bem cedo, ela tomou um banho rápido e se vestiu, ela olhou Diogo que estava dormindo até aquele momento ela decidiu então não acorda-lo, saiu e foi para a reunião de classe que acontecia naquele sábado chuvoso.  

Diogo abriu os olhos e quando olhou para o lado sua amada não estava lá, ele então se levantou e viu um bilhete em sua mesinha, levantou e leu 

"você estava tão lindo dormindo que decide não te acordar, beijos do amor da sua vida, Gisele." 

Diogo riu de felicidade. -acho que é melhor me aprontar para a reunião, tomou banho se arrumou e foi, apesar de saber que provavelmente não pegaria mais nada de importante pois já eram 9:30 da manhã. Ele subiu as escadas rapidamente e quando abriu a porta ele simplesmente não entendeu o que estava vendo, um olhar de desespero apareceu em seu rosto. O vermelho pintava o chão e as janelas, os corpos de seus colegas estavam ali. O corpo de Gisele também. 

Treme* -o que está...as palavras sumiram da boca de diogo, todos as pessoas de sua sala estavam mortas. 

Continua.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...