História Cold Lady. - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers
Personagens Ayato Sakamaki, Azusa Mukami, Carla Tsukinami, Kanato Sakamaki, Kou Mukami, Laito Sakamaki, Personagens Originais, Reiji Sakamaki, Ruki Mukami, Shin Tsukinami, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, Tougo Sakamaki "Karlheinz", Yui Komori, Yuma Mukami
Tags Diabolik Lovers, Seres Sobrenaturais, Vampiros
Exibições 73
Palavras 916
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Oieee espero que gostem deste capítulo!, é mais um que seja lara o divertimento do meu Povis!💙

Capítulo 5 - 2° Efeito da LS (lua de sangue)


Yukino P.O.V's on: 

Eu estava andando pelo jardim calmamente, quando derepente uma rosa que saiu de Nárnia cai na minha cara:

Yukino: AH!, que merda!, eu amo rosas mais esta PASSOU dos limites- A lançou chão e congelo ela, deixando-a pesada, assim tacando para bem longe (autora: Tadinha ;-;)

Yukino: Tch!, cansei de ficar aqui!- Me teletransporto para dentro de casa vendo Ayato morder Yui, passo por eles sem dar a mínima importancia, já estava estressada de mais!. E quando ouvi a voz enjoativa de Ayato fiquei pior ainda.

Ayato: hum?, você está mais fria que o normal...-Ele para de morder Yui e a larga. Que chato

Yukino:..E..o-que-é-que-tem?!-Digo pausadamente, eu acho que estou deixando a atmosfera fria.

Ayato: Noossa, está estressadinha? Ta parecendo o Subaru!

Yukino: Damare! (Cala a boca)- Esta peste está me irritando

Ayato: Calma ai

Yukino: Tsc, não estou com paciência para você!-Sai andando até a porta de meu quarto, mais quando fui abrir acabei barrada por um certo alguém de chapéu.

Laito: hm, Ohayo Yuki-san!-Veio em minha direção.

Yukino:...Não me dê apelidos...Seu..-Foi interrompida por aquele fedelho que me prensou na porta de meu quarto, LARGA DO MEU PÉ CARA!.-

Laito: Você não me deixou terminar o que começamos aqui no seu quarto. Que tal resolvermos isto?

Yukino: Me large antes que você vire picolé de sangue...

Laito: Nfufufu, aqui esta mesmo gelado..Só de lensar em como pidemos nos esquentar, já fico excitado..-Suas bochecas ficam coradas...Aff, que nojo

Yukino: Tudo bem, se não quer me dar licença, terei que cuidar de você sozinha -Estralo meus dedod

Laito: Nfufufu...Vá em fre-

Agarrei seus braços os coloquei atrás de suas costas pisei na sua cabeça e o algemei com algemas de gelo.

Pronto, agora é so o arrastar para bem longe...

...No jardim..

Yukino: mesmo se você aparecer no meu quarto, continuará preso...Baka.

-Apareci no meu quarto, e me deitei em minha cama

 Minha paciência frágil já avia acabado com aquele ruivo, agora este pervertido vem para cima de mim...Grr vou tentar tomar um chá de cabela gelado...Mas...Tsc!, não tenho isso agora, que merda!!!-Terei que sair da qui de novo.

Fui a cozinha procurando nos armários algum pó de canela, abria todos eles mais nada, nada, e NADA AAAI

Reiji: O que está procurando?-Reiji aparece bravo

Yukino: Pó de canela. Aqui tem tanta coisa mais não tem canela?!

Reiji: Calma, apenas procure com mais atenção- Ele pegou um saquinho de pó de cabela e me entregou- Não precisa fazer escândalo.

Yukino: Tsc, agora me dá.-Tentei legar da mão dele mais ele desviou

Reiji: Não e assim que uma dama deve agradecer...

Yukino:..Grr, agradecer uma OVA!, foi você que ofereceu!, eu não pedi nada

Reiji: Hum, que falta de educação, terei que lhe punir severamente.-Ele largou o saco de canela na mesa, pegou minhas mãos e me deixou de costas para ele, assim me prendendo no balcão, caramba, o que estes vampiros tem para ficar prensando as pessoas assim?, que coisa.

Yukino: Não serei eu a punida aqui, seu vampiro nojento.-Fiz uma espada de gelo aparecer na minha boca, virei um pouco minha cabeça para o lado, assim fazendo a ponta da espada chegar perto dele e o assutar. Ele foi um pouco para trás perto da parede, pegei o saco de canela da mesa e arremesso minha espada na parede ao lado da cabeça dele, fazendo a estrutura (da parede) rachar.

Yukino: Não pagarei por tal ato.-Me teletransporto para meu quarto. Estralo os dedos e todos os meus objetos de chá aparecem na mesa, como o bule a xícara, as colheres etc.. Coloco o pozinho dentro da água quente e a faço levitar e virar gelo (autora: ela também tem hidrosinese)(acho que é assim que se escreve), depois faço o gelo virar água, e é assim que se faz chá de canela (Autora: Incrível mesmo, todos irão fazer assim agora!;-;), coloco o chá no bule e começo a me servir....Levo a xícara até meus lábios e tomo um pouco.

Quando fui dar meu segundo gole, a porta de meu quarto é aberta com força.

*BLAM*(pior efeito sonoro de porta)

Yui: Yukino-chan, Yukino-chan!!-Ela vem correndo até mim

Yukino: O QUE FOI!!!

Eu me levanto da cadeira ficando de frente para ela, e a menina fica parada tremendo

Yukino: Fala logo humana!-Me sento novamente irritada e fecho osnolhos

Yui: B-bem..Reiji pediu para mim lhe falar que os Mukamis irão ficar aqui até a lua de sangue chegar.

Yukino:Mukamis....

Esta palavra..Kou...Mukami...Mukami....

Yukino: O QUE?!, SE ELES VIEREM AQUI EU ARRANCAREI A CABEÇA DAQUELES IMUNDOS FORA!!!!-Levanto da cadeira com uma aura assombrosa em volta de mim.

Yui: Yukino-c-chan de acalme onegai...é so por um tempo..

Yukino: Quem decidiu isto?!

Yui: Eu acho que foi o Tougo-san que informou Reiji-kun

Yukino: Aquele miserável está tentando testar minha paciência... (autora: que paciência?/Yukino: A QUE EU ACABEI DE PERDER, CONTINUA LOGO ESTA COISA/autora:...;-;)

Ouço alguém bater na minha porta. Olho em direção ao barulho e vejo Reiji

Reiji: Desçam, os Mukamis já chegaram.

Yui: H-hai, Reiji-kun, você vem?-Yui olhou para mim

Yukino: Sim.-Desço as escadas e vejo aquele maldito idol me encarando cínico. Tch..

Reiji: Bom, se apresente. Creio que ainda não se conheçam.

Yukino: Sou Yukino Shimizu.-Digo friamente

??: Sou Ruki Mukami

Kou: Kou Mukami, um prazer Neko-chaan

??: Tsc, Yuma Mukami

??: Azusa...Mukami...

Reiji: Ótimo, agora que todos já se conhecem iremos jantar daqui 10 minutos. Não tolero atrasos. Fiquem a vontade.-Reiji diz a ultina frase com tom de desprezo.

Yukino:...Humpf, que perda de tempo.

Laito: eei, Yuki-san, quando irá me soltar-Olho para ele com ignorância.

Yukino: a hora em que eu quiser...

Kanato: Yukino-san, por que está tão brava hoje?

Yukino:...Talvez seja..um efeito de algo..Rhum!, quem se importa irei subir agora

- Vou para o andar de cima e sinto olhares queimarem nas minhas costas, principalmente dos Mukamis.

Caramba, hoje foi um dia e uma noite estressante...


Notas Finais


Oiiee! Obrigado por lerem, (Desculpem qualquer erro)💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...