História Cold Love - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias A Origem dos Guardiões, A Pequena Sereia, Enrolados, Frozen - Uma Aventura Congelante, Valente
Personagens Anna, Ariel, Elsa, Flynn Rider, Jack Frost, Kristoff, Mérida, Príncipe Eric, Rapunzel
Exibições 25
Palavras 1.530
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Escolar, Ficção, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olha eu again (no mesmo dia ainda que milagre)
Vou postar a segunda parte assim que terminar de escrever ( daqui a pouco acho)
Vou postar esses 3 cap pq fds eu vou viajar heheh

Capítulo 17 - "So queria dizer... eu te amo" Festa a fantasia Pt1


Fanfic / Fanfiction Cold Love - Capítulo 17 - "So queria dizer... eu te amo" Festa a fantasia Pt1

Pov Merida

~~ dia da festa~~

ETTTAA POUHHAA É HOJEEEE, CHAMA A LUDMILA GAROUTADA. Acordei num pulo, tava tao ansiosa com essa festa, tipo a primeira festa no terceiro ano, cara....CARA hahahh [Autora; to felizona glr]. Acordei Punzie me jogando em cima dela, ela estava tao ansiosa quanto eu para essa festa.

-PUNZIE SUA LINDA SABE QUE DIA É HOJE ? – gritei no ouvido dela fazendo ela bufar e colocar a travesseiro na cara

-Dia de você calar a boca, vaza Meri, a festa é so de noite – ela me jogou da cama

-Voce é chata, vou procurar alguém que esteja tao animada como euzinha aqui – falei entrando no banheiro, sai com minhas higienes pessoais já feitas e foi procurar Anna, que sempre esta animada com qualquer coisa, bati na porta do quarto dela e Elsa abriu

-Opa, ta todo mundo aqui? – falei entrando

-Bom dia – Elsa falou rindo

-Bom dia gente

-Ta animada ein – Ari disse percebendo minha animação

-Claro, hoje é a festa maravilhosa hahah

-Se acalma é so de noite – Anna disse e eu me sentei (lê-se joguei)  na cama ao lado dela

-Eu sei, tenho problemas com ansiedade

-Eu também – Ariel deu um bufo e olhou um pouco nervosa para Elsa, achei melhor nem perguntar

-Gente... – olhamos para Anna pensando que ela iria falar alguma coisa importante – to com fome

-Vamos comer? – perguntei

-A gente já comeu – Elsa falou rindo – E a Anna também

-To nem ai, continuo com fome, não comi muito. – ela se levanto-  vamo Meri?

-Vamo – concordei e desci com ela para o refeitório, na nossa mesa os garotos estavam conversando, depois de pegar o café da manha nos duas fomos la

-Oi oi – disse

-Ola Merida, ola Anna – Kristoff disse, e deuum sorrisinho quando disse “Anna”, eita muleque ai tem coisa, ela so sorriu avermelhada

-Oi. Entao, vocês vao na festa ne?? – Anna perguntou, mas era o tipo de pergunta que so tem uma resposta, e se respondesse o contrario você morre

-Vamos ne, se a gente não for vocês nos arrastam – Jack disse rindo

-Otimo, ainda bem que você sabe – e começamos a conversar um pouco enquanto comíamos nosso café

 

Pov Elsa

Carai, sabe quando você não sabe como parar de tremer? É como eu to agora. Desde que Ariel me contou que iria nos contar na festa mal consegui dormir, agora então CHESUS, procurei manter a calma e não me desesperar, mas tava difícil.

-Relaxa Elsa – Ari falou depois que as duas saíram

-Como? Não da meu amor – falei esfregando minhas mãos umas nas outras

-Eu também estou muito nervosa, nem sei se vocês vao acreditar em mim – ela colocou a mao na cabeça

-Calma, se eles não acreditarem eu faço uma pequena demonstração, se é que me entende – demos uma risada leve

-So me prometa uma coisa – ela disse – se não acreditarem em mim, você vem com a gente? Voce e Anna, sei que ela você convence

-Deixar o resto aqui?

-Se eles não acreditarem... não temos escolha, precisamos ir hoje ou nunca – parei um pouco para pensar – Elsa... la no reino você vai ter tudo, uma educação melhor, vai ter amigos te esperando, vai ter um castelo so seu, pessoas que te amam, vai ter tudo

-Mas não vou lembrar de nada que aconteceu antes – abaixei a cabeça

-Na verdade... não sabemos se você vai ficar sem memoria mesmo, talvez se você cruzar a fronteira as memorias voltem, tenha esperança – era o que eu mais queria ter agora, mas parece ser difícil de acontecer

-Eu so quero uma coisa, caso isso de voltar as memorias não funcione, quero que você me conte tudo, tudo de quando eu era... normal? – dei um sorriso de lado

-Pode deixar, mas eu sei que vai dar tudo certo, mas você promete? – ela insistiu e eu um pouco relutante respondi

-Esta bem, eu prometo, eu vou com você – ela me deu um abraço e senti uma lagrima caindo no meu ombro – vai dar certo

 

~~ umas horinhas depois~~

 

-Merida, cade a Anna? – perguntei me arrumando junto com Merida, Punzie e Ariel (e Anna mas ela não tava la)

-Ela foi no quarto buscar maquiagem – Punzie respondeu no lugar

-Qual é sua fantasia mesmo? – perguntei para Punzie

-Da princesa Rapunzel, já que meu nome foi inspirado nela – verdade ne, o nome dela era Rapunzel, mas tecnicamente era baseado nela mesma.... que loucura

-Hahah criativo – Ari falou e nos nos entreolhamos

- E você Ariel? – Punzie perguntou

-Sereia – ela sorriu, mas eu não entendi

-E eu de chapeuzinho vermelho – peguei minha fantasia linda maravilhosa

-Elsa você vai ficar um arraso, mas se a Ruby pegar você imitando ela, ela te mata – Ariel sussurrou pra mim, e eu entendi que a tal da chapeuzinho era essa tal de Ruby....tao ta

-Galera, ACHEI O PÓ – Anna falou entrando como se fosse um premio

-Parabens Anna, agora você pode passar massa currida na cara – Merida falou e todas rimos

Depois de todas se arrumarem, passar maquiagem, cabelo e tals descemos para encontrar os meninos e irmos todos juntos. Os garotos estavam muito bonitos (por incrível que pareça), Flynn se fantasiou de pirata, Kristoff de vampiro, Erik nem se fantasiou, e Jack, bom eu não sei se é uma fantasia mas ele estava com um moletom azul escuro com flocos de neve em baixo, um calça marrom e segurava um cajado de madeira, e também estava descalço. Quando descemos um “uou” se formou na boca de todos (a proposito Anna estava de cleopatra )

-Oi – disse sorrindo um pouco envergonhada

-Voce esta linda – Jack disse e eu fiqui BEM envergonhada

-Voce também....? – esperei ele dizer sobre a fantasia

-Estou festido de mim mesmo – dei uma risada, ele é louco so pode

-Como assim?

-É assim que me vestia em casa – meu sorriso desapareceu, lembrei do que ele iria fazer, lembrei da minha promessa, tremi na hora – vai dar tudo certo, mas antes da lua vir vamos nos divertir um pouco – ele sorriu e não pude evitar de sorrir também, ele ficava mais lindo de perto

-Meu deus, que festa ein – Merida disse quando estava na porta, nos entramos e o pessoal já foi dançar, eu (como não sei dançar) fiquei sentada numa mesa vendo as coisa que rolava, não demorou muito e já via gente se beijando, credo galera.

-Não vem dançar não? – Jack chegou perto de mim e tentou falar comigo, mas teve que ser a base de berro porque não dava para escutar nada

-Não sei dançar, melhor não – disse gritando também

-Claro que sabe, vem – ele me puxou para a pista de dança, comecei a me soltar um pouco, ate que não era difícil hahah, tava curtindo bastante com Jack, e comecei a pensar (ótima hora para pensar) em tudo que tinha acontecido nessas semanas, tanta coisa absurda, mas Jack sempre esteve ali, me divertia com ele, ele me fazia sentir bem,e acho que gostava de mim, em nossas vidas “normais” já ficamos, queria tanto lembrar, como é beijar ele como é ter ele. Fiquei olhando tempo demais e ele percebeu

-Vem comigo – ele gritou e puxou meu braço me guiando ate a sacada do salao

-Vao sentir nossa falta – falei, mas não queria sair dali

-Ainda temos tempo, eu so queria falar umas coisas antes de... você sabe, e se não der certo, eu vo ter que ir de verdade, então – ela respirou fundo – eu so quero dizer que, em nossas vidas normais, eu me apaixonei por você, desde o dia que te vi, você me encantou, depois de um tempo, finalmente consegui beija-la e ter você, foi a melhor coisa que já me aconteceu, depois de tantas saídas as escondidas, tomei coragem e pedi para namorar com você, e você aceitou, nos eramos felizes, so nos dois, você e eu. Mas ai você veio parar aqui, longe de mim, longe de todos, em uma vida completamente diferente, onde não se lembra de nada. Quando soube do que tinha acontecido com você, vim o mais rápido que pude, e quando te vi, soube que era você, e tudo começou de novo. Mas sabe qual é o melhor de tudo isso? É que eu pude me apaixonar por você de novo – ele disse segurando meu rosto, com os olhos marejados e encostou a testa na minha

-Eu posso não lembrar de como eu me sentia, mas sei o que quero agora – não hesitei e beijei ele, foi um beijo estranhamente familiar, urgente, cheio de paixão. O melhor, então eu lembrei. Não de tudo, mas lembrei da sensação de estar com ele, dele me beijando outras vezes, do pedido de namoro, das saídas escondidas a noite, lembrei do cheiro do seu corpo, do primeiro beijo, do sabor dos seus lábios, das loucuras que fizemos, lembrei de nos.

-J-Jack – gaguejei – e-eu... o que?

-Aconteceu alguma coisa? – ele perguntou

-E-Eu lembrei Jack, consegui lembrar de nos dois – abracei ele forte e o mesmo retribuiu

-Hahah eu sabia, sabia – ela ria e chorava ao mesmo tempo, ele fez um floco de neve  ao meio com as mãos, e eu o completei, era lindo.

-Eu te amo – ele disse e nos beijamos no meio do beijo também disse

-Eu te amo

 


Notas Finais


bejim


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...