História Colegas de Quarto | YoonSeok - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Visualizações 26
Palavras 510
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia)

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 13 - Agressão


Fanfic / Fanfiction Colegas de Quarto | YoonSeok - Capítulo 13 - Agressão

Coisas boas não estariam por vir.

Dias difíceis virão, mas eles sabem que enfrentariam juntos.

Dias depois, os dois chegaram de mãos dadas no trabalho.

-Um beijo meu amor, bom trabalho.- Diz Hoseok dando um selinho em Suga.

Suga retribui, e senta a sua mesa na recepção.

[......]

- Ei moço, venha aqui- Diz uma voz direcionada a Suga no fundo do corredor, dentro de uma sala.

- Não posso, estou trabalhando- diz Suga.

-Venha é muito importante!- Diz a voz gritando.

Suga assustou com a intensidade da voz e foi em direção a ela. Logo que entrou a porta se fechou. Era um homem.

- Então você é o Namoradinho do filho do chefe né ? Que fofo vocês dois, tão novos, e tal nojentos. Me dá ância. - Diz o homem.

Pensamentos de Suga on

Mas se nós somos fofos, por que somos nojentos ? Jaissusjsisksis

Ok, deixa pra lá eu posso me ferrar com isso. Mas o que sera que ele quer comigo?

Pensamentos de Suga off

- O que quer dizer com isso?- Diz Suga

- Lerdo ! Eu não irei aceitar  um gayzinho aqui na empresa onde EU trabalho ! - diz o homem.

Logo após isso o homem começa a espancar Suga. Várias sessões de socos, e chutes, pontapés e vários puxões de cabelo.

Suga morrendo de dor por ser chutado imensas vezes, cai no chão. 

Após ouvir vários barulhos, o pai de hoseok chega na sala de mansinho, sem que ninguém veja. Mas Suga viu de canto, então para o chefe não ver que ele estava perdendo, decidiu se recompor.

Suga se levantou e partiu pra cima do desgracado, dando vários chutes na barriga dele , e socos na boca.

Suga bate nele, até ele cair no chão. 

Sangue escorreu pela boca de ambos.

Quando o chefe realmente entrou na sala, suga fingiu surpresa. 

- C-chefe..-  diz suga. - Só estava me defendendo...-

- Acalme-se Suga, eu sei o que o senhor estava fazendo.-

 



Tudo se resolve, o homem é demitido.

Hoseok chega praticamente o Bolt na sala onde estavam os três:

- SUGA PELO AMOR DE DEUS VOCÊ TA BEM ? O QUE ACONTECEU? O QUE ESSE DESGRAÇADO FEZ? - diz hoseok chutando o homem que ainda estava no chão, praticamente desacordado pela surra.

Suga abraça Hoseok como se fosse seu último dia na terra.

- Só me abraça, eu te amo. - Diz suga.

- Vamos pra casa, eu cuido de você.- Diz hoseok fazendo suga se apoiar nele. Hoseok dá uma piscada para o seu pai, que responde com o mesmo gesto.

[........]

- O que aquele ímbecil fez pra você?- diz hoseok passando pomadas e remédios nos lugares das feridas.

- Ele só disse que eu era um gayzinho, e que não aceitaria isso. Diz Suga com os olhos lacrimejando. - Isso é muito novo pra mim, nunca fui chamado assim, mas também irei suportar se for pra ficar do seu lado.- diz suga novamente, mas dessa vez dando um beijo na testa de hoseok.

- Então você é o Gayzinho mais forte que eu conheço, por que se fosse eu , estaria no chão indefeso, haha! - Diz Hoseok.

- Nunca deixaria te baterem, nunca- diz Suga.

Os dois se beijam.

Continua..?


Notas Finais


Sorry pelo capítulo bosta, minha vida tá corrida.
NAO ME ABANDONEM
LOVE VOCÊS


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...