História Colors - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Chandler Riggs, Norman Reedus, The Walking Dead
Personagens Carl Grimes, Carol Peletier, Daryl Dixon, Maggie Greene, Rick Grimes
Tags Carl, Fear, Grimes, Negan, Rick, The Walking Dead, Zombies, Zumbis
Exibições 118
Palavras 870
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção Científica, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Espero que gostem deste capítulo!
Não se esqueçam de comentar!
E obrigado pelos 97 favoritos!! Sério, eu nunca acreditei que uma fic minha ia ter tantos favoritos assim! Huahua
Sem mais falatório, boa leitura pessoal! <3

Capítulo 18 - Perdão.


Daryl acorda na enfermaria de Alexandria. No seu braço, há um fio que o conecta com o soro e isso o irrita. Ele tenta tirar o fio, mas percebe que está fraco demais pra isso. Seu corpo fora ao limite ao tentar parar Quiet e agora ele se lembrava da chacina que tinha acontecido. Quiet havia matado os Sussurradores com suas próprias mãos e aquilo foi a coisa mais brutal que ele havia visto em toda a sua vida.

Alguém entra no quarto e acende a luz. Sua visão fica um pouco perturbada, mas logo vai se adaptando a claridade.

Era Rosita.

- Como você está? - ela pergunta.

- Como Quiet está? - ele diz mudando de assunto.

- Solta.

- Não me diga que ainda estão pensando em trair Quiet e levá-la para execução. Todos viram do que ela é capaz.

- Matar ela está fora de cogitação. Rick vai perdoá-la.

- Como?

Ela anda de um lado para o outro e tira o boné.

- Foi o que eu disse. Ele vai perdoá-la. - ela comenta cabisbaixa. - Todos irão, na verdade. Ela... salvou todo mundo. - ela dá uma pausa. - Olha, eu errei, ok?

Daryl fica confuso e Rosita o ajuda a se sentar.

- Como assim? - ele pergunta.

- Eu errei ao ter provocado você pra ficar comigo, mesmo sabendo que você não gostava de mim. Isso foi estúpido, e fez Quiet quase te matar duas vezes. Eu nunca me perdoaria se isso acontecesse, mas... eu estava fraca, vulnerável, precisava de alguém.

- De um homem.

Ela cora de vergonha e afirma:

- Isso. - ela respira. - Faça as pazes com ela. Faça isso por vocês dois.

Daryl balança a cabeça e volta a se deitar.

- Rick quer falar com você, estão todos preocupados.

Então, Rosita sai e logo em seguida, Rick entra com aquela cara surrada e cansada. Os dois se abraçam e ficam ali por bastante tempo.

- Veja pelo lado bom, nós vencemos os Sussurradores. - Daryl fala.

- Quiet venceu. Eu a subestimei, ela quase me matou.

- Ela quase mata todo mundo. - Daryl comenta e eles riem.

- Ela disse que queria falar com você.

- Eu também quero falar com ela.

Rick sorri e diz:

- Espero que tenhamos um tempo de paz.

Daryl só retribui o sorriso e se despede de Rick. Outros visitantes entraram, como Maggie, Carl, Michonne, e até mesmo, Dwight. Ele já estava tão cansado que não conseguiu aguentar mais um minuto de olhos abertos. Seu corpo clamava por mais um pouco de descanso, tanto físico como psicológico.

Ao acordar, percebeu que alguém havia deixado flores e já estava saindo pela porta.

- Ei - ele chama. - Foi você que deixou as flores?

Então quando a pessoa se vira, ele viu que era Quiet.

Ela sorriu de lado e se aproximou, olhando para as flores. Ele também sorri, meio sem jeito.

- Você tem a mania de quase me matar toda a hora, mas dessa vez foi pra valer. - comenta ele.

Quiet só sorri.

- Me desculpe. - ele diz. - Por tudo. Por todas as coisas que eu te fiz passar, por Rosita, pelo tiro, por tudo. Você me perdoa?

Ela assente, afirmando que o perdoava.

- Por que você não fala? - pergunta ele.

O sorriso no rosto dela desaparece, mas então ela só se aproxima e encosta sua testa na dele, o beijando logo em seguida. Foi um beijo demorado e lento, os dois queriam mais, mas as circunstâncias não permitiam ainda. Ela pega um pedaço de papel e escreve:

 

Mortes.

 

- Você não pode falar por causa das mortes?

Ela balança a cabeça afirmando que sim.

- Quer dizer que quando você mata, você não pode falar?

Ela balança a cabeça novamente.

- Por que? - ele pergunta.

Ela escreve:

 

Mais mortes.

 

- Se você falar, isso vai causar mais mortes?

Ela balança a cabeça novamente.

- Eu estou confuso. Quem fez isso com você?

Ela escreve:

Longa história. Cientistas. Tenho que ir embora.

- Já? Fique aqui por mais um tempo.

Ela balança a cabeça dizendo que não e dando um sorriso triste.

- Pra onde você vai? - ele pergunta.

Ela apenas dá outro longo beijo nele, saindo pela porta em seguida. Daryl fica sem entender, mas logo liga isso a história que Negan lhe contou, sobre os cientistas terem pegado Quiet para fazer testes, como em todas as outras crianças de Hilltop, mas de coisas que deram errado no final.

Seu corpo desvencilhou mais uma vez, e então tudo ficou escuro.

Desta vez, ao acordar, o soro já não estava mais no seu braço, e seu corpo estava mais revigorado. Se levantou e andou como de costume, por toda a sala.

Abriu a porta e viu Maggie do lado de fora.

- Daryl! Você está melhor?

- Bem mais revigorado. Onde está Quiet?

Maggie demora.

- Ela... deixou isso.

Havia um cartão de papel, e Daryl pegou ele. Ele leu silenciosamente e Maggie perguntou:

- Algum problema?

- Diga a Rick que tirei férias. - ele sai andando.

- Pra onde você vai? - ela pergunta.

- Me encontrar com Quiet.


Notas Finais


Foi pequeno, mas espero que vocês tenham gostado!
Estou preparando um bem legal pra vocês!
Bjs e não deixem de comentar! <333


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...