História Com amor, Hinata - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Karin, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara
Tags Naruhina, Naruhinasasu, Orange, Sasuhina, Sasukarin, Sasunaruhina
Exibições 121
Palavras 2.344
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Ficção Científica, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Mutilação, Spoilers, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá! Estou começando um novo projeto em paralelo com minha outra fanfic!
Eu li o mangá Orange a pouco tempo e realmente fiquei apaixonada pela história, decidi então adapta-la para os personagens de Naruto.
Lembrando que os direitos da história são da autora Takano Ichigo e os personagens de Naruto a Masashi Kishimoto.
Boa leitura!

Capítulo 1 - Carta 1


06 de Abril 2016, 07:15 a.m -  Casa dos Hyuuga

Alcançou a entrada de casa, calçando os sapatos apressada. Agarrou sua bolsa e avistou as cartas que o carteiro havia deixado por baixo da porta.

“Hyuuga Hinata”

Eram os dizeres atrás de uma delas, sem muito tempo para questionar-se do que se tratava, Hinata guardou-a em sua bolsa e correu para fora de casa.

“06 de Abril: Hoje é o primeiro dia da minha vida em que eu cheguei atrasada.” Havia se decidido, aquilo seria a primeira coisa que escreveria sobre o dia em seu tão companheiro diário, ao qual nunca passava um dia sequer sem dividir seus sentimentos e os acontecimentos importantes. Para uma boa aluna, aquele era um acontecimento importante. Cessou os passos ao adentrar a Escola de Ensino Privado de Konoha. Trocou seus sapatos rapidamente, sorrindo por estar usando o sapato que continha listras verdes na horizontal em ambos os lados, indicando que ela era uma aluna do segundo ano. O sinal alto indicava que ela deveria ir logo para a sua sala, uma vez que a Cerimônia de Abertura se iniciaria em breve.

Entrou na sala pedindo licença para o professor que concedeu de imediato, afinal não haviam começado ainda. Hinata sentou-se no seu lugar de costume, última carteira na fileira do meio. Acenou para os amigos, Sakura, Ino, Shikamaru e um Naruto um tanto quanto empolgado, antes de finalmente sentar-se. Suspirou aliviada.

- Espero que tenhamos um ano muito produtivo e de muitas conquistas. Nós, os professores, decidimos em conjunto que seria uma boa ideia manter a mesma turma do ano anterior, já que vocês já têm laços de afinidade. Não nos façam questionar nossa decisão. – Kakashi, o professor de matemática e o primeiro professor do dia anunciou. Hinata não entendia porque das meninas, especialmente as calouras terem tanta afeição pelo mais velho, mas não se questionava muito também. Ele sempre usava uma máscara tapando a boca, o que vez ou outra dificultava o entendimento do que era dito, a Hyuuga ouviu um boato certa vez, de que ele a usava por ter dentes grandes como de uma lebre. Mas ela não saberia dizer se acreditava em tal coisa ou não. – A Cerimônia de Abertura começará em breve, retornem imediatamente à sala após o término. Antes disso, devo apresentar-lhes o aluno novo, transferido de outra cidade. Aguardem um momento que vou buscá-lo.

Tranquilamente, o professor colocou as mãos no bolso e saiu da sala, deixando para trás um bando de alunos cochichando como seria esse tal aluno, os garotos torcendo para que fosse bom no futebol e as garotas para que fosse tão bonito quanto os galãs dos filmes de Hollywood.

Um estalo lembrou Hinata da carta que se encontrava em sua bolsa, procurou-a por um instante e analisou seu envelope, era simples e só continha seu endereço e nome atrás. Abriu o mesmo deparando-se com uma grande quantidade de papel dobrada. Uma carta, uma grande carta.

Desdobrou o papel curiosa e alheia ao que acontecia a sua volta. A caligrafia lhe era muito familiar.

“Querida Hinata,

Ou deveria lhe chamar de Eu do passado? Isso pode parecer estranho, mas eu estou escrevendo esta carta 10 anos no futuro, para mim mesma.

Você provavelmente não acredita em mim...”

Hinata levantou os olhos perolados e olhou ao redor, sentindo-se incomodada, aquele era algum tipo de brincadeira de mal gosto? Deviam ter inventado uma piada melhor. Mas percebeu que ninguém estava lhe dando atenção, por isso voltou a sua para a carta.

“Por isso, vou lhe contar algumas coisas que estão prestes a acontecer.

Se tudo ocorreu de forma correta, você deve estar recebendo está carta no dia 06 de 2016, você esqueceu-se de programar o despertador e se atrasou pela primeira vez. Você se sente muito bem usando o sapato listrados dos alunos do segundo ano. O professor ao qual você não entende a atração que as outras garotas sentem, Kakashi, anunciou que iria buscar um aluno novo, um garoto transferido da cidade de Tóquio. “

Os olhos perolados fixaram-se na porta ao ver o professor adentra-la com um garoto em seu encalço. Ele usava o uniforme masculino, tinha cabelos pretos rebeldes e olhos igualmente pretos. Ele era lindo, ela poderia dizer.

“O nome dele é Uchiha Sasuke. Ele irá sentar ao seu lado, a pedido do professor. “

- Este é... – Kakashi virou-se para o quadro anotando rapidamente o nome do aluno no mesmo. – Uchiha Sasuke, foi transferido de Tóquio para Konoha.

- Por favor, cuidem de mim. – O garoto de cabelos negros, fez uma breve reverência e Hinata encontrava-se levemente assustada pelo conteúdo da carta ter acertado aquilo.

- Uchiha. Pode sentar-se... – O professor procurou por um lugar vago. O coraçãozinho de Hinata parecia querer implodir. -  Ao lado da senhorita Haruno. – Suspirou aliviada ao perceber que aquilo não passava de um blefe, não era nada daquilo, não era uma carta do futuro. Era só uma brincadeira boba de alguém.

- Ér... Sensei. O Sai senta aqui, ele pediu para ir ao banheiro antes, lembra? – Kakashi coçou a cabeça lembrando-se que o rapaz realmente havia saído pouco antes de ele ir buscar o aluno novo.

- Bem, então sente-se ao lado da Hyuuga. – O Hatake apontou na direção de Hinata que agora suava frio, Sasuke seguiu até lá, lançando-lhe um sorriso gentil, sentando-se logo em seguida. Não se contendo de curiosidade ela levou os olhos a carta novamente.

“Uma vez que ele esqueceu-se que o Sai senta do lado da Sakura e mandou-o sentar lá.

Espero que isso possa ter de convencido da veracidade desta carta. Bem, o que tenho a lhe fazer é um pedido. Para o seu próprio bem. Hoje, com 26 anos eu vivi momentos maravilhosos, essa época foi com certeza uma das melhores da minha vida. Porém, tenho arrependimentos que carrego comigo até hoje.

Eu quero que você não tenha os meus arrependimentos, por isso, por favor, não chame o Sasuke para acompanhá-los hoje após a Cerimônia de Abertura. “

Fechou a carta sentindo o coração acelerado. Aquilo era uma coincidência, apenas uma coincidência. Tinha que ser. Guardou a carta na bolsa devidamente, antes de serem chamados para a abertura da Cerimônia.

 

06 de Abril 2016, 11:42 a.m – Sala 2.2 Escola de Ensino Privado de Konoha

Esticou os braços no alto, espreguiçando-se, e sorriu para o amigo loiro que se aproximava de sua mesa.

- Hinata! Você vem com a gente até a padaria da Sakura, certo? Nós vamos comer os deliciosos pães feitos pelos pais dela.

- Isso! Eles estão testando algumas receitas novas, tenho certeza de que você vai adorar, Hina! – A amiga rosada de aproximou sorridente.

- Claro! – Hinata respondeu animada, gostava de passar um tempo com os amigos.

- Isso aí! – Naruto comemorou. – Shikamaru e Ino também vão com a gente, ele não consegue negar comida de graça. – O loiro comentou arrancando uma risada de Hinata por seu entusiasmo. – Hey, você! – Chamou e Hinata acompanhou com os olhos a direção que Naruto havia chamado. - O garoto novo.

Sasuke que calmamente saia da sala de aula, com sua mochila e mãos nos bolsos virou o rosto para trás.

- Venha com a gente também, vai ser divertido.

- Ah... – Pareceu ponderar por um momento. – Desculpem, mas eu tenho um compromisso. – Os cinco amigos o encaravam interessados, especialmente uma das meninas que imaginava se ela deveria impedir os amigos ou não. Decidiu que não, uma vez que não queria acreditar na carta.

- Ah, por favor. – Naruto lamentou, aproximando-se do outro. – Tenho certeza de que você irá se divertir, além do mais você precisa fazer novos amigos!

- Eu não sei...

- Ah vamos lá, nós podemos nos conhecer melhor, será divertido! – O loiro deu um tapinha nas costas do mais alto.

- Huh... Tudo bem, então. Se for rápido, não terá problema. – Anunciou arrancando comemorações de Naruto a seu lado. – Esperem só um momento, preciso enviar uma mensagem. É rápido. – Ele pediu enquanto os colegas saiam da sala. Hinata deu uma última olhada no moreno que sacou o celular e digitava rapidamente, antes de se juntar à Sakura e Ino.

 

06 de Abril 2016, 12:00 p.m – Caminho da padaria Haruno

- Então, vamos as apresentações! – Naruto começou olhando para Sasuke que caminhava um pouco atrás. – Esta é Haruno Sakura, os pais dela são donos da Padaria Haruno. Que contém os melhores pães da cidade! – Apontou para a rosada que sorriu abertamente.

- Me chame apenas de Sakura.

- Esta, é a Yamanaka Ino. Qualquer dúvida sobre beleza converse com ela, ela é realmente ligada nestas coisas.

- Olá. – Ino sorriu e Sasuke sorriu de volta.

- Esta. – Naruto apontou para Hinata. – É Hyuuga Hinata, ótima aluna, tem as melhores notas. – Hinata segurava os braços atras de suas costas e sorriu gentil. – Nara Shikamaru, ele está sempre lendo. – Apontou para o amigo que segurava um livro. Que ergueu a mão em um aceno e voltou a atenção para o livro em suas mãos. – Eu sou Uzumaki Naruto, artilheiro do time da escola. – Sorriu animado.

- Sério? Você joga futebol? – O Uchiha pareceu interessado.

- Huh, sim! Você gosta?

- Sim... eu costumava jogar em Tóquio.

- Legal! Posso tentar conseguir uma vaga para você no nosso time.

- Ah! Não sei se eu poderia...

- Huh? Por que não?

Os dois garotos andavam na frente e Hinata observava-os, pareciam se dar bem naquele momento, será que havia sido um erro convidá-lo? Não poderia ser, o que havia de errado naquilo? Não pensaria mais naquela carta, definitivamente era só algum tipo de pegadinha.

- Vem, Hinata! – Naruto chamou quando viu que amiga ficou para trás, estavam perto da padaria Haruno e Sakura tinha ido buscar os pães, eles esperariam na ponte ali perto.

 

06 de Abril 2016, 12:25 p.m – Ponte Hashirama

- Então, aqui está! – Sakura aproximou-se do grupo de amigos que voltaram sua atenção para ela. – Tenho pães com recheio de queijo e carne, de maçã e melão, carne de porco e curry vegetariano. Dois para cada um.

Naruto começou a dividir os pães de acordo com o que o cada um pedia, Sasuke ficou com o de carne de porco e curry vegetariano, Hinata recebeu os de maçã e melão e carne e queijo por ter dito que “tanto faz”, mesmo que quisesse o de curry vegetariano, uma vez que era seu recheio favorito. Não queria causar discórdia, já que todos haviam sido pegos. Naruto havia ficado com os de carne de porco, já que o recheio lhe lembrava de lámen.

- Você quer trocar? – Hinata surpreendeu-se ouvindo a voz de Sasuke ao seu lado.

- Huh?

- Eu posso ficar com o de maçã e canela, eu te dou o curry vegetariano. – O rosto de Hinata corou levemente, ele havia percebido? Ela assentiu levemente fazendo a troca, tocou os dedos frios de Sasuke no processo e um pequeno arrepio lhe percorreu, a pele dele era extremamente macia. Agradeceu a troca e ambos comeram lado a lado, em silêncio, um silêncio confortável.

 

06 de Abril 2016, 1:47 p.m – Caminho para a Estação de Trem

- Vocês se lembram do festival esportivo do ano passado? – Naruto perguntou divertido.

- Nem me lembre disso. – Ino falou desgostosa.

- Shikamaru caiu na piscina no meio da prova de natação, tiveram que recomeçar a prova de 100 metros que estava em sua última volta por culpa dele! – Sakura contou rindo, arrancando risada dos amigos, menos de Sasuke que apenas observava divertido e de Shikamaru que parecia ofendido.

- Isso não é justo, pelo menos eu estava na equipe de organização.

- Claro, porque você é terrível com esportes. – Naruto caçoou deixando Shikamaru vermelho de raiva.

- Mas você é muito bom lendo, Shika. – Hinata falou tentando ajudar, mas só piorou a situação. Uma fumacinha saia da cabeça de um Shikamaru irratado, que começou uma serie de xingamentos, chamando Sakura de testuda, Naruto de perna de pau, Hinata de CDF e Ino de porca, por conta do significado de seu nome. Começando então uma discussão ao qual Sasuke observava do lado de fora, Hinata segurava Naruto para que não avançasse sobre o amigo que parecia ter conseguido o que queria, uma vez que ele já havia pegado seu livro e voltado a ler.

Todos pararam de discutir ao ouvir o som da gargalhada de Sasuke, um pouco afastado da confusão.

- Ele está rindo. – Naruto comentou o óbvio.

- Vocês são divertidos. – O Uchiha comentou e os outros sorriram brincalhões, acabaram rindo juntos. Naquele momento, Hinata percebeu, ela não se arrependia de terem convidado ele. Definitivamente, convida-lo foi uma boa ideia.

Chegaram na estação e despediram-se, Naruto e Hinata seguiram por um caminho e os amigos para outros diferentes, em direção a suas casas. Sasuke aguardava o metrô.

- Hey. – Naruto chamou antes que Sasuke fosse em direção a sua plataforma. – Tudo bem em chamá-lo apenas de Sasuke?

- Tudo bem. - O moreno sorriu para o casal que lhe sorriu de volta. - Até mais. – Hinata decidiu que passaria a chamá-lo de Sasuke no dia seguinte, agradecia por ele ter saído com eles.

 

06 de Abril 2016, 10:16 p.m – Casa dos Hyuuga

Hinata sentou-se em sua cama com a toalha na cabeça, esfregava o cabelo escuro que estava molhado por causa do banho. Havia dormido demais após chegar em casa depois de sair com os amigos, bocejou preguiçosa. Lembrou-se da carta em sua bolsa e decidiu ler mais um pouco.

Estava tudo ali, o passeio com os amigos, dormir demais aquela tarde... esticou o braço alcançando seu diário sobre a escrivaninha. Aquilo era assustador, tudo que estava escrito ali sobre seu dia, estava na carta. Mesmas palavras, mesma caligrafia. Da mesma maneira, a diferença era que estava em terceira pessoa. Seu coração estava tão acelerado que podia escuta-lo bater. Aquilo não poderia ser verdade, poderia? Tinha que ser. Não parecia ser só uma coincidência, naquele momento ela estava convencida. E assustada. Fechou a carta e o diário com força, se aquilo era verdade então ela não queria saber. Ela não queria saber do futuro.


Notas Finais


O que acharam? Bem, espero que eu consiga transmitir a vocês o mesmo que eu senti lendo esse mangá maravilhoso, se vocês puderem leiam o mangá definitivamente vale a pena.
A personalidade do Sasuke está um pouco diferente do que conhecemos, mas tenham calma. A muito para acontecer!
Comentem, por favor, isso faz muita diferença <3 <3
xoxo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...