História Como chegou a isso ? - Capítulo 31


Escrita por: ~

Postado
Categorias .hack//Liminality
Personagens Personagens Originais
Tags Escolar, Hentai, Luta, Shoujo
Exibições 1
Palavras 1.758
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Comédia, Ecchi, Escolar, Hentai, Luta, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Passei um tempinho sem postar capitulo mas cá estou eu de volta e espero que gostem deste capitulo

Capítulo 31 - Desconfiada


O konatta e eu chegamos e fomos direto para a garagem da "minha casa". Pra ser super cincera eu quase desmaiei tinha uma Halliday vison preta sinistramente linda. Eu olhei para o konatta e ele disse. 

 - oque você ta esperando hime ? Sobe nela pra ver se é legal Eu obedeci,não liguei de estar com vestido ou não, apenas queria aproveitar mais um presente especial. Como eu tenho que agradecer á tia Gaya e o Eidrien. O konatta começou a espirrar e é logico que eu levei ele pra dentro de casa. Sua roupa estava ensopada e concerteza eu vou ter de pedir uma roupa do Haruki emprestada. 

 - konatta vai indo pro meu quarto vou pegar uma roupa do Haruki pra você - tabom 

-Ele foi andando e eu fui fazer 3 xícaras de chás bem quentinhas. [...] Entrei no quarto do Haruki com uma bandeja com chá,ele estava acordado lendo,estava com um óculos super fofo oque deixava ele bem serio.

 - ah...Haruki

 - oi peurprEd



- sim eu amei mas...você pode me emprestar uma blusa e um short de dormir seu ? - falei com um sorriso fofo 

 - ah o konatta ta aqui ? 

 - sim,é que eu e ele pegamos chuva mas só ele se molhou 

 - claro - ele disse mexendo no guarda roupa dele e pegando as peças de roupa pro konatta 

- mas e essas três xícaras de chá ? Uma é pra mim né ? 

 - claro - disse isso em um tom obvio e nós dois saímos do quarto dele,indo em direção ao meu. cheguei na porta do meu quarto ainda com a bandeja com os chás na mão,não consegui abrir então o Haruki que abriu pra mim. 

 - konatta nós estamos entran..... - quando nós entramos nos deparamos com o konatta estava com uma toalha amarrada na cintura,seu cabelo sensualmente bagunçado. Corei violentamente, minha cara concerteza estava parecendo um tomate. 

 - você podia ao menos ter ficado no banheiro -o Haruki falou jogando as roupas no konatta. 

 - ta vou me trocar,e obrigado pelas roupas-  disse indo para o banheiro do meu quarto 


 para o banro e eu peguei um pijama e fiquei esperando o konatta sair do mesmo. [...] Lavei meu rosto e me troquei saindo do banheiro com o meu vestido dobrado em minhas mãos. O konatta eo Haruki me olharam co    mo se eu fosse um pedaço de carne,e meu pijama nem era curto.

 - oque foi que vocês estão me olhando ? - falei olhando para os dois

 - nada - os dois disseram juntos. Liguei a luz do abajur e desliguei a luz do quarto,isso deixou meu olhos bem mais descansados. Nós três tomamos nosso chá enquando conversavamos. - boa noite gente já to indo dormir                

 -boa noite Ele me deu um beijo na bochecha e bagunçou o cabelo do konatta,saiu do quarto bocejando e coçando os olhos. Assim que ele saiu do meu quarto o konatta me olhou com muita malicia. Me virei de lado para colocar a minha xicara,mas quando terminei de colocar ela senti as mãos do konatta na minha cintura, me puxando com força. Ele me deitou e ficou por cima de mim,sua boca veio de encontro com a minha rapidamente,sua lingua veio de encontro com a minha e um calafrio percorreu pelo meu corpo. Logo ele parou os beijos e foi de encontro com a meu pescoço, ele dava vários chupões e mordidas pelo meu pescoço,eu tentei não deixar nenhum gemido sair de minha boca mas mesmo assim pequenos gemidos insistiam em sair da minha boca. 

 - oque foi Hime-chan você quer se controlar ? Você sabe que não consegue - ele disse isso quase em um sussurro rouco e deu uma gargalhada rouca que me fez estremecer. Suas mãos iam tirando meu pijama e meus seios médios praticamente pularam do pijama. Suas mãos percorreram toda a atenção que não estava coberta e um pequeno gemido saiu da minha boca. Seus labios macios percorreram por meus seios e eu estava quase delirando. Eu o ajudei a tirar a blusa dele e o short,ele estava com uma cueca azul,e bem o volume que continha bela era de qualquer pessoa ficar assustada. 

- é assim que você me deixa hime-chan - disse em um tom de descaramento que nem eu sei como um ser pode ser assim 

 - pervertido - falei em um tom falso de raiva 

 - eu sei que você gosta - disse sorrindo     

        Mordi meus lábios e isso foi como um convite para ele vim louco por cima de mim. Ele arrancou meu short e minha calcinha juntos,e ele começou a me chpar cada vez me dando mais prazer, como se nada mais importasse para nós nesse momento, e para ser cincera não importava mesmo. Eu apenas apertava meus dedos contra o lançou, não podia gemer se não com toda certeza iria acordar alguém. 

 - k-konatta e-eu aiiii -esse foi meu último gemido antes de gozar 

 O konatta tirou a cueca dele e apenas me olhou com um certo prazer ao me ver desse jeito.

 - tem um amiguinho querendo sua atenção Hime-chan Eu apenas sorri maliciosa e fui em direção a ele 

       Konatta On 

 Ela me fazia gemer,mesmo eu querendo gemer gritar pra ela o quanto ela é gostosa,o quanto ela me deixa louco mas agora eu não posso. Sua lingua me faz ficar cada vez mais excitado e louco. Eu segurei no cabelo dela com carinho,e gozei na boca dela. Ela quase. me bateu por causa disso. 

 - konatta - falei limpando a minha boca 

 - oque foi ? Não gosta de Leitinho ? - ele falou de una forma maliciosa e a 




 - idiota

 - bom...acho que eu tenho que terminar oque nós começamos Coloquei as minhas pernas em volta da cintura dele e nossos corpos começaram a se mexer em movimentos lentos. A mão dele foi até o meu cabelo e o puxou de lado,sua boca veio de encontro com o meu pescoço e ele depositou um chupão que concerteza ficaria bem marcado. Eu cravei as minhas unhas na costa dele com força oque fez o mesmo aumentar o ritmo das estocadas dele. Nossos corpos se mexiam em uma sincronia perfeita

 - k-kata-r-ra eu... -ele disse isso e gozou logo em seguida eu gozei também e nós dois caímos deitado na cama. Nosso peito sobia e Décia freneticamente quase que nós dois não conseguiamos respirar corretamente. Eu olhei para ele e sua mão veio em direção ao meu rosto. Seus dedos deslizaram por meu rosto.

 - eu te amo katara 

 - eu também te amo 

 Ele selou nossos lábios e pude ver o quão doce ele é,me levantei e fui direto para o banheiro, fiz um coque bem feito e coloquei um lenço para não molhar o meu cabelo. Quando olhei para trás o konatta estava lá com a cara mais lisa de todas

 - você ia tomar banho sem me chamar - falou ele colocando a mão no peito e fingindo uma dor emocional 

 - sim - falei seca mas eu estava brincando - claro que não vem logo Liguei o chuveiro e logo nós começamos a tomar banho. [...] O konatta dormiu só de cueca e eu coloquei um baby doll rosa bebe. Enquanto ele dormia eu fui arrumar aquela bagunça toda que nós deixamos. Cai feito uma pedra na cama e antes de dormir fui ver que horas eram e eu levei um susto já eram três dá manhã, também quando eu cai na cama foi de vês. Dormir feito uma pedra. [...] 

       Konatela.  ON

 Acordei e nós dois estávamos em uma posição bem estranha. A minha perna por cima da dela seus braços em cima da minha barriga e minhas mãos nos seus seios. Me levantei com cuidado pra não acordar ela. mas não teve jeito,quando olhei para ela seus olhos pretos extremamente lindos estavam olhando para mim. 

 - bom dia meu amor - falei sorridente para ela 

 - bom dia amor -ela falou fexando os olhos Como eu sou um ótimos namorado,pulei em cima dela ea mesma olhou com uma cara feia para mim. Ela passou a mão no meu cabelo e beijou a ponta do meu nariz. Eu como não sou nada bobo peguei logo pela nuca dele e a puxei para um beijo. 

 - eu to com sono konatta - ela falou manhosa fexando os olhos Eu cheguei perto do ouvido dela e disse. 

 - ontem você não ficou com sono rápido né ? -falei isso das bochechas dela coraram,ela ficou parecendo um tomate fofinho. Ela apenas me olhou com uma cara emburrada e se cobriu. Ainda eram 10 da manhã e só quem tava em casa era o Haruki então eu deixei ela ir dormir,e fiquei encostado na cabeceira da cama com o lençol coberto só até o meio da minha cintura. A porta do quarto se abril e o Haruki apareceu,o mesmo me olhou com uma cara estranha mas nada muito serio eu acho...

 - konatta eu posso falar daqui a pouco com você ? 

 - a claro -Quando eu disse isso ele saiu do quarto,e eu coloquei a bermuda que ele me emprestou. Sai do quarto sem fazer barulho para não acordá minha princesinha. abri a porta e fui em direção para a cozinha. O Haruki estava encostado na pia,os cabelos brancos bagunçado dele ficava em sintonia perfeita com os olhos vermelho dele. 

 - olha konatta,eu vou ter que te falar a Gaya ta grávida,e vamos dizer que ela quer deixar de surpresa para a katara então como ela já sabia que você ia descobrir primeiro vê se fica quieto. Ele disse isso pra mim e sua expressão era de quem não se importava. Agora eu não intenso como assim eu seria o primeiro a descobrir e porque falar primeiro para mim ? Bom era só oque eu queria saber.

  Duas semanas depois

 Bom venho estranhando a tia Gaya está tendo enjôo os já faz algum tempo,ela anda comendo coisas saudáveis e diz que é para fazer bem a ela,bom ou minha tia ta muito doente ou ta gravida mesmo. 




- katara,pega a minha bolsa antes de eu ir no mercado

 - ta bom tia só um minuto - disse isso e fui subir as escadas e entrando no quarto dela,a bolsa dela tava em cima da cama e no móvel dela uma embalagem ? Bom não liguei muito mas cinceramente fiquei curiosa e com toda certeza vou ir ver oque é quando ela sair desci entregando a bolsa para minha tia.



    Continua...


Notas Finais


Bom foi essa bosta que eu chamo de capitulo mas mesmo assim né espero que gostem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...