História Como conheci seu pai - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Colegial, Jin
Visualizações 11
Palavras 716
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Fluffy, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 7 - Presos e espremidos


Fanfic / Fanfiction Como conheci seu pai - Capítulo 7 - Presos e espremidos

 No dia seguinte, era 16:00 e S/N foi até Jin e pergunta:

 - Estou empolgada pra continuar a contar a história, cade nossa filha?

 - Dormindo... – Fala Jin comendo

 - O QUE?! – Nesse momento S/N se irrita

 S/N vai até o quarto de Izzy, e arranca o cobertor dela, e Izzy acorda e fala com sono:

 - Ain... Mãe, to com sono...

 - Senhorita Izzy, você NÃO é filha do Yoongi, mas sim do Kim Seokjin, você devia ta comendo muito e não dormindo, agora levanta dessa cama se quer saber mais da história! – Falava S/N irritadíssima

 Izzy dá um sorriso e levanta empolgada, e vai correndo pra cozinha e senta na cadeira onde estava Jin comendo outro sanduíche, S/N desce das escadas e vai na cozinha e vê Jin comendo e pergunta:

 - Meu amor, me diga... Quantos sanduíches você já comeu?

 Jin estava mastigando e olha S/N com aquele olhar fofo dele aquele olhos arregalados, engole o sanduíche e conta nos dedos quantos sanduíches e fala:

 - Humm... 7 sanduíches e esse é meu oitavo...

 Izzy ri e S/N coloca mão no rosto e fala:

 - Ok... – S/N senta na cadeira e olha Izzy e fala – Quando ganhamos do concurso de culinária, eu confesso que dei uma gostadinha de seu pai

 - Bom mesmo... Porque sou o cozinheiro mais gato de todos – Interrompe Jin falando de boca cheia

 Desta vez, S/N não briga por ele ter a interrompido mas dá uma risadinha, ela tava daquele jeito estressado por causa da sua TPM, S/N continua falando:

 - Então filha, eu dei uma gostadinha do seu pai mas eu ainda o odiava ARMAGAMENTE... Mas eu conseguia olhar pra cara dele sem dificuldades, até um dia, que pra mim foi um dos melhores mas antigamente eu achava horrível, eu e seu pai estávamos na saída resolvendo assuntos de escola, sim, outro trabalho escolar juntos, até ele abrir o armário pra pegar o material e um desconhecido nos empurrar pra dentro do armário...

 - COMO VOCÊS COUBERAM NAQUELE ARMARIO?! – Perguntou Izzy

 - Ficamos espremidos dentro do armário, por mais que seu pai coma muito ele era magro, e é magro até hoje... – fala S/N que olha Jin comendo o nono sanduíche dele – Você come demais amor

 - Eu sei bem, e isso me deixa feliz – fala Jin de boca cheia.

 S/N ri e olha Izzy falando:

 - Ficamos espremidos naquele armário e Jin gritava com aquela voz que antigamente eu achava HORRÍVEL, mas eu amo essa voz hoje – S/N sorri apertando a bochecha de Jin e falava – ele gritava por socorro e era muito engraçado aquele gritinhos de medo, eu ficava quieta e falava: “Mano, você é um idiota de ficar gritando aqui... Todo mundo já foi embora, para de gritar que meu ouvido ta doendo!!!” Pelo menos seu pai não era safado que nem o Rap Monster

 Izzy dá uma risada doce e S/N falava:

 - Seu pai me encarava com aqueles olhos fofos, e eu começava a gritar de raiva “AAAAHHH! QUERO SAIR DAQUI!!!” seu pai me olhava sem entender nada e falava que ele também queria sair dali, eu tive que ficar a noite inteira com ele, espremida, e era verão e sabe como sou calorenta, e eu comecei a soar, e seu pai se mexia muito o que fazia eu ter mais calor, e até ele começa a falar pra mim irritar “To cum fome...” ele repetia aquela frase toda hora, eu grito com ele “EU TO COM CALOR E AI?! CADE SEUS MALDITOS LANCHINHOS?! ESQUECEU?! ENTÃO NÃO POSSO FAZER... NADA!!!” Seu pai assustado fica quieto e eu irritava e eu falo cruzando os braços “Um dia descobrirei, quem nos prendeu aqui! Quando achar que ela corra!” seu pai apenas me encarava o que me deixava com raiva e eu briguei com ele á noite inteira, até o sol nascer e Jimin abrir o armário e ele fala “Olá, dois pombinhos!” eu soava e quando ele falou aquilo eu xinguei o Jimin até perder a voz e sai de lá batendo o pé... Foi tudo, agora filha por favor... VAI LIMPAR A CASA QUE NEM ME PROMETEU! Por sua sorte o Yoongi vai vim nos visitar hoje...

 Izzy sai batendo o pé e S/N fala:

 - Não fica emburrada se não chega de historinha!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...