História Como eu caí... - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Amor, Anjo, Anjo Caído, Anjos Caídos, Demônio, Magia, Sacrifício, Sobrenatural
Exibições 9
Palavras 458
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Fantasia, Ficção, Luta, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência
Avisos: Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 3 - Traição


Depois de um tempo escorada nele eu tive uma ideia.

- Eu amo você... - Sussurrei. Azrael pareceu se assustar, mas deu um pequeno sorriso travesso. Sorri de volta e com a cabeça ainda em seu ombro dei um beijo em seu pescoço. Senti ele passar um braço pelos meus ombros e segurar a minha bochecha com a outra mão, me obrigando a olhar pra ele.

- Eu também amo você, minha anjinha. - Ele deu um beijo delicado na minha testa.

Sem dizer nada, ficamos nos encarando por um tempo. Eu não queria sair nunca mais daquele universo para o qual aqueles olhos me transportavam. Ele dou outro beijo na minha testa e começou a traçar uma trilha pelo meu rosto, até que parou perto da minha boca.

- Azrael... - Sussurrei e ele parou, colando nossas testas. Eu conseguia sentir a sua respiração.

- Sim?

- Eu não sei se eu devia... - Senti uma lágrima brotar nos meu olho, e ele logo a limpou.

- Se você deve, eu não sei. Mas se não quisesse, não teria me procurado.

Dei um sorriso de canto e ele acabou com a distância entre nós. Seus lábios eram macios, ele era delicado e respeitava o meu ritmo. Eu não queria me separar, eu já não sabia de mais nada, apenas que eu amava ele. Depois de um tempo ele separou.

- Desculpe. - Ele sussurrou com as nossas testas coladas. - Eu preciso respirar agora. - Assenti e avancei de novo. Dessa vez ele ditou o ritmo, um pouco mais selvagem, mais humano. Tentei acompanhar, mas era muito complicado. Ele explorava cada canto da minha boca e eu não conseguia fazer nada. Mas nem queria. Eu estava amando aquilo.

Ele enroscou os dedos no meu loiro cabelo cacheado, dando leves puxões que só deixavam tudo muito mais gostoso. Passei minhas mãos por seu peitoral a mostra e ele deu um leve gemido abafado pelo beijo.

- Não acha que está indo muito rápido, Anjinha? - Ele separou e sorriu olhando nos meus olhos. Neguei e dei mais um selinho nele.

- Não me importo com nada. Nem com o Criador, com a minha missão, com o risco, com nada. - Sussurrei e senti ele arrepiar. - Eu só quero você.

- Eu também. - Ele voltou a me beijar, de maneira profunda e apaixonada. - Sinto que você precisa ir...

Assenti. Eu tinha que voltar ao Paraíso, embora o MEU paraíso estivesse bem na minha frente.

- Eu voltarei. - Falei e ele me abraçou. Eu sabia que ia sentir a falta dele, principalmente depois disso.

- Até mais, Anjinha.

- Até mais, Amor. - Dei um último selinho e saí voando, sem saber o que me aguardava.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...