História Como eu era antes de realmente te conhecer - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, D.O, Kai, Personagens Originais
Tags Baekhyun, Chanbaek, Chanyeol, Exo, Kai, Kaisoo, Minah
Visualizações 50
Palavras 2.053
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lemon, Mistério, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OLAAA MEUS QUERIDOS
por favor não me matem, eu não tenho o que dizer, não atualizei por que estava com preguiça kskskskkskskjs.
Bom vão ler...

Capítulo 17 - De volta para meu amor


  Depois do almoço a tarde foi calma, conversamos, assistimos alguns filmes, Luhan sempre por perto, Baekhyun e Chanyeol não se separavam por nada, e Sehun sempre mexendo no celular.
  Já passava de seis da tarde, resolvi tomar um banho rápido. Ao sair do banheiro ouvi vozes diferentes na sala e uma agitação, fui até lá dando de cara com Kai na sala um pouco alterado e os outros tentando alcamá-lo, me aproximei devagar e fiquei esperando alguém dizer o que estava acontecendo. Eu não queria ver Kai naquele momento, ainda estava um pouco magoado pelo o que ele tinha feito mais cedo.

  _ Eu contei para Minah que eu já sabia de tudo e a expulsei de casa, depois disso vindo pra cá ela quase me atropelou... - disse olhando pra mim.

  _ E-eu nem sei o que dizer... Você está bem ? - eu tinha ficado realmente preocupado com ele, me sentei ao seu lado tentando achar algum ferimento, felizmente não achei nada. Olhei pro Luhan que aparentava estar com ciúme.

  _ Estou bem Kyung - disse calmo.

 _ Que bom que não aconteceu nada - depois disso Baekhyun apareceu na sala com uma xícara de chá em seguida entregou ao Kai. Ele tomou tudo rapidamente, Chanyeol que até então estava quieto começou falar.

  _ Kai não pode sair com essa louca a solta, sabemos muito bem do que ela é capaz, ela quer mata-lo... - com certeza, Minah estava descontrolada, naquele momento parecia que a raiva que eu e os outros tínhamos do Kai por ele ter me traído havia sumido, só o que queríamos era protege-lo.

  _ Com certeza... Ele vai ficar aqui e ponto. - disse Baekhyun voltando com uma troca de roupa e uma toalha entregando para o Kai, Baekhyun estava saindo e voltando da sala e ninguém estava percebendo.

  _ Sim senhora omma - disse o moreno se levantando e indo em direção ao banheiro.
Nesse momento pude ver Luhan sentado no sofá de cabeça baixa, fui até ele e o abracei de lado.

  _ O que houve ? - perguntei dando um beijo em seu rosto.  _ Ele está aqui Kyung... Você ainda gosta dele não gosta ? Eu sei que você não me ama de verdade... Sei que ainda quer voltar com ele... - disse começando a chorar. Abracei seu corpo contra o meu.

  _ Lu... Eu te amo, não precisa ficar com ciúme dele, agora estou com você e nada vai mudar isso - segurei seu rosto fazendo o mesmo olhar pra mim.

  _ Não é ciúme... É medo, medo dele te tomar de mim - tentava limpar as lágrimas que insistiam em continuar caindo.

  _ Não vai acontecer nada, ele não vai me tirar de você - após dizer isso encerro a distância que havia entre nossos lábios em um simples beijo.

          Kai : on

  Tomo um banho rápido, tudo estava bem agora, mesmo eu estando correndo riscos de vida ainda estava feliz pelo simples fato de estar com Kyungsoo, a única coisa que eu queria no momento era ficar com ele, ou pelo menos ficar perto dele.
  Vesti a roupa que Baekhyun me entregou e fui até a sala ainda secando o cabelo quando paro na porta ao ver Kyungsoo, o meu Kyungsoo beijando outro. Meu coração acelerou e minhas mãos ficaram trêmulas,  saí rapidamente dali indo para o quarto de hóspedes, me tranquei alí e me joguei na cama, eu queria chorar mas não iria chorar agora, não alí...
  Fiquei um bom tempo alí apenas pensando no que eu poderia fazer para poder ter meu baixinho de volta, eu queria mais ninguém, só queria ele. Ele era único pra mim e não iria deixar outro tomar meu lugar.
 
  Apenas saí daquele quarto quando Baekhyun foi me chamar para o jantar, não estava com fome então tentei recusar, mas acabei esquecendo que era o Byun Baekhyun, ele não pedia algo, ele ordenava então para não acabar apanhando do menor decidi obedecer.
  O jantar foi calmo e silencioso, vi Luhan e Kyung brincando com as mãos de baixo da mesa e rindo baixo. Geralmente era eu que brincava com ele assim, não estava gostando nada de ver aquela cena, tentei não dar atenção mas era quase que impossível.
  Depois do jantar Kyung disse que iria arrumar tudo então todos foram para a sala assistir um filme deixando o mais baixo sozinho na cozinha. Segui até a sala em seguida me levantei indo em direção ao banheiro mas desvio o caminho e vou para a cozinha, Kyungsoo estava lavando a louça de costas para mim, me aproximei e abracei sua cintura logo ele se afastou me encarando bravo.

  _ O que pensa que esta fazendo ? - perguntou baixo para ninguém da sala ouvir.

  _ Desculpa eu não resisti...

  _ Pois se controle, agora sou um cara compromissado... - disse começando limpar a mesa.

  _ Você nunca reclamou disso... pelo contrário, você amava quando eu te pegava de surpresa... - Falo baixo me aproximando novamente.

  _ Para com isso Kai... Você sabe que acabou tudo entre nós... - sua voz parecia trêmula... de choro.

  _ Por que não me perdoa ? Eu já provei que aquele filho não é meu, eu não te traí... Por que ainda continua com isso ?

  _ Eu já te perdoei faz tempo... Mas Kai - parou o que estava fazendo para me olhar nos olhos - Eu fui muito feliz com você, eu sempre te amei desde pequeno e você nunca percebeu... Eu ainda te amo mas eu não quero mais sofrer, não quero mais chorar pelas suas burradas Kai - vejo seus olhos cheios de lágrimas, seguro seu rosto lhe dando um beijo calmo, ele logo me corresponde segurando minha nuca. Fazia muito tempo que eu não sentia seu beijo, tão bom, viciante...

  Levou as mãos até meio peito e me empurrou com delicadeza desfazendo o beijo, o encarei e vi que o mesmo estava chorando, rapidamente tentei limpar suas lágrimas mas ele me afastou.

  _ Não faça isso por favor... Não sabe o quanto dói... Se afaste de mim, estou feliz agora... - se virou de costas pra mim voltando lavar a louça...

  Senti uma dor no peito, meu coração parecia ter se partido, saí dali deixando ele sozinho, segui até o quarto onde eu iria ficar, tranquei a porta e me joguei na cama, naquele momento me permiti chorar. Aquelas palavras foram como uma facada no peito, minha vida não fazia mais sentido, ele não me queria mais então não tinha mais sentido viver.

  Talvez se eu me "entregasse" pra Minah não seria tão ruim, ela iria querer me matar talvez, mas não seria tão ruim como ver o amor da sua vida dizer que não te queria mais.
  Sentei na janela e fiquei observando a rua movimentada de Seul até acabar adormecendo ali mesmo.


    Kyungsoo : on

  Depois que ele saiu da cozinha me senti destruído, eu queria muito ficar com ele, poder abraça-lo e dizer que eu ficaria pra sempre com ele, porém eu sabia que sempre que estávamos bem algo acontecia, eu não iria suportar mais dor, mais perda, eu simplesmente havia cansado de lutar por quem não fazia o mesmo. Quando percebi que estava sozinho de novo arrumei rapidamente a cozinha e fui até a sala, falei pro Luhan que estava com dor e iria dormir, deixei um selar simples em seus lábios e saí.
  Me dirigi até meu quarto, peguei uma caneta e um caderno da minha antiga mochila e comecei escrever.

    "Me desculpa por falar daquele jeito, eu tenho certeza que você ficou mal com isso, eu não deixei de te amar, eu simplesmente quero tentar continuar minha vida sem você, por favor entenda meu lado, eu sempre te amei, sempre assisti você ficar com todas garotas do colégio, quando finalmente consegui me declarar você entrou em coma, foi tudo muito difícil pra mim... Eu sinto uma vontade imensa de te abraçar e te beijar como se não houvesse amanhã mas eu tenho medo de acontecer algo, eu me preocupo muito com você é sempre que estamos juntos algo de ruim acontece. Para seu bem peço que me esqueça e faça o mesmo, tente continuar sua vida sem mim."

  Depois de acabar tirei a filha e dobrei o papel, fui até o quarto o de o moreno estava e coloquei a "carta" por baixo da porta, dei duas batidas e saí correndo voltando para o meu.

    Kai : on

  Acordei ouvindo batidas na porta, e senti um imenso frio por estar dormindo na janela. Levantei e abri a porta, não tinha ninguém ali, pensei ser coisa da minha mente e fechei a porta, olhei para o chão e vi um papel debaixo do meu pé, peguei e sentei na cama começando ler. Reconheci rapidamente aquela letra tão linda.
  Depois de ler tudo já sentia lágrimas escorrendo, finalmente eu estava com a prova de que ele ainda me amava, o que eu iria fazer agora ? ele queria continuar sem mim e eu não iria conseguir ficar longe dele. Resolvi esclarecer tudo de uma.
  Fui até o quarto que ele estava e entrei em silêncio, ele me viu e apenas não deu bola. sentei ao seu lado na cama.

  _ Você tem certeza ? É isso o que você quer mesmo ? Kyungsoo eu não vou aguentar ficar sem você... Eu percebi que você é a pessoa mais importante em minha vida, o único que ficou sempre ao meu lado, sempre fazendo de tudo por mim, e eu não sei o valor que você merecia. Eu quero reparar tudo isso, se me dar uma última chance eu prometo não te decepcionar de novo... - ele continuava de cabeça baixa, me olhou com o rosto todo molhado e me abraçou forte, fiz o mesmo.

  _ Você é um idiota, por que não voltou antes ? Antes de mim pedir ele em namoro... Agora você faz noção de que eu estou dividido ? Se você ficar feliz ele sofre e se ele ficar feliz você sofre... Eu não quero isso - Dizia soluçando entre o choro, apertei mais o abraço. 

 _ Desculpa... Se eu pudesse voltar no tempo nunca teria deixado Minah entrar em nossa casa... - sussurro deixando um beijo em seu pescoço.

  _ Eu quero você... Mas é tão difícil... - olho pra ele tentando limpar suas lágrimas.

    
           Luhan : on

  Fiquei preocupado com Kyungsoo e não consegui prestar muita atenção no filme, deixei apenas o casal é meu irmão na sala, fui até o banheiro tomando um banho rápido, fui até o quarto que estava dividindo com Kyung, quando estava na porta ouvi vozes vindas do quarto, abri um pouco a porta vendo ele abraçado com o Kai, não consegui ficar mais tempo alí então saí correndo da casa, fico no jardim. Era o que eu temia, eu sempre soube que Kyungsoo amava ele e não me amava do mesmo jeito, mas mesmo assim queria ficar com ele, eu me sentia muito bem quando ele estava por perto, me sentia protegido e amado. Mas assim que voltamos para Seul eu já comecei ficar inseguro, eu sabia que eles iriam se encontrar e talvez voltarem, quando Kyungsoo me pediu em namoro foi como um sonho realizado, me senti tão feliz, tudo parecia estar em seu devido lugar, até hoje, ele iria ficar na mesma casa, seria um pesadelo, parecia que algo me avisava que os dois ficariam juntos naquela noite, não queria deixar os dois sozinhos juntos por causa disso, por medo.

  E agora ele estava lá abraçado com ele, com que ele amava de verdade, não tinha dúvidas que os dois eram feitos um pro outro, eu não queria interferir na felicidade dos dois. Deitei na grama gelada e fiquei olhando para o céu, podia ver as estrelas, era tão lindo, eu já não estava mais chorando, estava em paz.

        Kai : on

  Depois de longos minutos abraçados nos separamos e ficamos um encarando o outro, como não fazíamos a meses. Prestei atenção em cada detalhe do seu rosto tentando guardar tudo em minha mente, não queria me esquecer de seus traços, acariciei sua bochecha de leve, ele fechou os olhos sorrindo.
  Segurei seu queixo e puxei seu rosto de leve selando seus lábios em um simples beijo apaixonado.

 

  

 
 










Notas Finais


Já tenho capítulos prontos então não vou demorar tanto assim pra atualizar de novo...

Amo vocês não me matem ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...