História Como (não) ser um bom amante - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook, V
Tags Bts, Dicas, Jikook, Kookmin, Novela, Yaoi
Exibições 415
Palavras 469
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Adultério, Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá!
Trago uma short!fic de como definitivamente NÃO ser um bom amante.
Não tenho muito o que falar aqui, então bimba.
Tenham uma boa leitura.
:3

Capítulo 1 - Primeiro passo


Primeiro passo:
             → Nunca ligue para seu amante;

Eu, Park Jimin, já fiz isso. Você deve estar se perguntando: “mas por que não?” É simples. Se você é um amante, é porque ou a pessoa em que trai o namorado(a) com você não quer que ele(a) saiba, seja por questão financeira ou porque é um babaca indeciso, ou porque ela está em abstinência em todos os sentidos e o atual não o satisfaz, mas o traidor o ama.

Então, de certo, é provável que ao ligar para a pessoa, você só não estará colocando em risco seus amassos scretos mas também a vida da pessoa com você trai. E sim, essa é uma possibilidade, nunca sabemos tudo sobre as pessoas. E se o namorado(a) do seu ficante for simplesmente um psicopata, masoquista, macumbeiro? Ele(a) pode acabar com a vida de ambos, raciocinem.

Mas como eu já disse, sim, eu fiz essa burrada. Mas não foi culpa minha oras, sinto falta de Jungkook, o que mais poderia pedir além de escutar sua linda voz? Nesse episódio, conto à vocês o que aconteceu depois de ligar para Jungkook.

— Alô? – Jungkook mastigava algo enquanto atendia o telefone.

— Olá meu amor, que saudade de você! – Minha empolgação era grande, faziam 16 horas que não via meu querido amorzinho.

No mesmo momento que terminei minhas palavras, pude ouvir um barulho esquisito na outra linha, com certeza Jungkook havia se afogado com algo que estava bebendo.

 — O QUÊ? – Suas palavras faziam eco dentro da minha cabeça. – “O que houve Jungkook?” – Conseguia ouvir perfeitamente as palavras de seu namorado, Taehyung. – “Nada, só vou me limpar.” – Também ouvi fortes pisadas no chão, e uma pequena corrida, onde o volume da televisão abaixava cada vez mais, de certo estava se distanciando de Taehyung.

 — O que houve biscoitinho? Se afogou?

 — Você está louco. – Sussurrava, mas ao mesmo tempo era perceptível sua vontade incontrolável de gritar.

 — Louco de amores por você meu amor. – Não pude conter o sorriso.

 — Jimin, como você tem coragem de me ligar quando estou com Taehyung? Quer me ver sendo enterrado vivo em uma cova? – O barulho de água era alto, com certeza Jungkook se limpava do desastre que acabara de ocorrer.

 — Jamais, só quero estar todo o tempo do mundo ao seu lado. – Estava abstinente de inteligência e semancol.

 — Eu excluí seu número para não dar problema para nós dois, e você me apronta uma dessas? Nunca mais me ligue quando eu estiver em casa Park Jimin. Nunca mais. – Jungkook desligou o telefone após sua ignorância gravada com voz rude.

É meus amigos, então não se esqueçam, de forma alguma, e nenhuma hipótese, nem que você queira, ligue para o traidor, nunca se sabe quem irá atender seu telefone. Fico pensando comigo mesmo, e se fosse Taehyung que tivesse atendido? Estaria eu mortinho da silva?

 


Notas Finais


Falou galerinha.
Espero que tenham gostado.
Abraços.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...