História Como não te amar? - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Imaginação, Revelaçao, Romance
Visualizações 8
Palavras 539
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Obrigada por me acompanhar nessa aventura achei de emoção. Bjs😘

Capítulo 4 - Vamos morar juntos


Fanfic / Fanfiction Como não te amar? - Capítulo 4 - Vamos morar juntos

Aa não acredito qlágrimandiz)) na mesma casa. Não tenho certeza se isso é bom ou ruim.

- Então vocês já se conhecem ?

- Sim não já nos conhecemos, não é mesmo Sarah (disse ele com aquele olhar que invadia minha alma).

- S-Sim somos da mesma escola.

- E mesmo avia me esquecido, Edward por favor ajude Sarah com as malas. E nos adultos vamos entrar.

Não acredito vou ficar sozinha com ele aqui. Meu Deus me ajude.

- Então Sarah quer dizer que vamos morar na mesma casa.

- E o que parece rsrsrs.

Edward on

Até que ela fica bem bonita quando esta nervosa. Seu rosto está todo vermelho até parece um tomate. 

-Olha só eu não quero que ninguém fique sabendo que estamos morando frames mesma casa , isso iria acabar virando uma fofoca.

- Entendi 

Acho que ela não tá ligando muito pra isso.

- Ei me dá essas malas ai eu te ajudo a carregar.

- Muito obrigada, está mesmo muito pesada.

- Uma menina fraca como você não conseguiria mesmo carregar isso sozinha.

- Quem você tá chamado de fraca (ela me deu um soco).

- Ai meu Deus me desculpe não era pra ser tão forte.

Edward off

Meu Deus eu dei um soco nele, não era pra ser tão forte assim. Acho que ele desmaio vou levar ele lá pra cima. Pedia ajuda ao meu pai e levamos ele lá pra cima, ele é bem pesado.

- Pai agora você pode descansar eu vou cuidar dele agora a final foi minha culpa.

- Ok filha Boa noite.

Fui lá em baixo pra poder pega uma toalha na testa dele. Ele fica tão lindo quando está dormindo parece até um anjo, acho que ele está acordado.

- Você está bem ?

- Sim, você até que é bem forte para uma menina fraca.

- Desculpe se eu te machuquei não era a minha intenção.

- Eu sei, bom acho que todos já estão dormindo. Já comeu?

- A inda não 

- Bom então vamos comer algo estou morrendo de fome.

Nós desemos fizemos alguns sanduíches e ficamos conversando por algumas horas.

- Sarah eu soube que quando sua casa estava desabando você correu lá pra dentro. Por que tinha algo de importante ?

- Sim tinha uma coisa muito valiosa pra min. 

- O que era?

- O retrato da minha mãe e a única lembrança que eu tenho dela, e única coisa que eu me lembro dela o seu rosto. Minha mãe morreu quando eu era bem pequena então não me lembro muito bem dela.

- Há sim, eu sinto muito deve ter sido difícil.

- Não muito afinal eu tenho o meu pai, mas confesso que era difícil ver as outras crianças com suas mães e eu sem. (Lágrimas escorem dos meus olhos) me desculpe e que eu....

- Eu entendo tudo bem (diz ele enxugando minhas lágrimas ).

Ele olha em meus olhos e eu fico Vermelha na mesma hora, meu coração está batendo tão rápido que parece que vai pular pra fora.

- Você está vermelha, está com febre?

- Não, eu estou bem só preciso dormir um pouco. Boa noite.

- Boa noite até amanhã raio de sol.

Ele me chamou de raio de sol meu Deus oque está acontecendo? Acho que é ele que está com febre. Será que eu bati nele muito forte? Meu Deus. Ele está confundido a minha cabeça.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...