História Complicated - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Guns N' Roses
Personagens Axl Rose, Duff Mckagan, Izzy Stradlin, Slash, Steven Adler
Exibições 12
Palavras 701
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - What Did I Do?


Stephanie's P.O.V

-Este é seu quarto. Não é muita coisa, mas dá pro gasto.-Steven disse, me mostrando o cômodo. Havia uma cama de casal ao centro, um espelho de corpo inteiro na direita, uma penteadeira ao lado da porta, e uma cômoda com cinco gavetas. Perto do meu antigo apartamento,-repleto de ratos, com cheiro de esgoto e vizinhos descontrolados-aquele quarto era um hotel cinco estrelas.
Axl e Slash chegaram logo em seguida com as minhas malas, e ajudei a colocá-las em cima da cama. Guardei todas as coisas em seus respectivos lugares, e desci para conversar com meus novos "colegas", porém encontrei só Duff.
-Ei, cadê os outros?
-Deram uma saída.-ele sorriu-Vem cá gata, senta aqui.-Ele disse, batendo a mão no local vago ao seu lado no sofá. Sentei.
-Me diga...-Ele continuou-O que te levou a
vir morar com cinco caras alcoólatras, tarados e barulhentos? 
Ri com o modo que ele descreveu a si mesmo e aos amigos.
-Olha Duff... Perto da minha antiga casa, morar com esse tipo de cara me parece a visão do Paraíso.
-Porra! Aquilo deveria ser horrível então! 
-Realmente era, mas pelo menos eu estou aqui agora!
Ele sorriu quando eu disse isso, um sorriso bem bonito aliás. Sorri de volta.
-Mas fala aí Steph-ele continuou-conhece o Axl há muito tempo?
-Olha, desde que e a Lucy começaram a namorar... Acho que faz uns cinco anos já.
-Tudo isso?! E ele nunca apresentou você pra gente?!
-Pois é! Meio difícil de acreditar, mas é real.
-Filho da puta!-ele exclamou, o que me fez rir. Ficamos conversando mais uma meia hora, quando ele me convidou para ir até o bar.
-Vamos lá, os caras provavelmente vão chegar tarde pra caralho, e o bar é aqui perto.
-Tudo bem. Mas por que você não saiu com eles?
-Ah, eles foram ver coisas para a banda, mas Axl não quis te deixar sozinha. Logo, me ofereci pra ficar aqui com você.
-Certo. Vamos lá então, Duff! 
Saímos da casa e fomos andando até o bar. Era um local simples, mas bem aconchegante, chamado Rainbow. Entramos e fomos até o balcão.
-Duas doses de Jack Daniel's.-Duff pediu, e depois olhou para mim-Desculpe, nem perguntei se você bebia.
-Bebo sim.-Disse, sorrindo. O barman colocou duas doses no balcão, e nós dois viramos. Fomos jogando conversa fora enquanto bebíamos, e depois do que se pareceu duas horas, estávamos completamente bêbados.
Duff pagou as bebidas-com uma dificuldade extremamente aparente-, e me levou pela mão até fora do bar. Nós ríamos de absolutamente tudo que acontecia. Eu andava, tentando me equilibrar, até que Duff me segurou pela cintura, para me ajudar. Mas como eu disse, a gente estava completamente bêbados.
Quando ele me segurou, eu olhei para ele, e um instante de silêncio se seguiu, o qual foi interrompido quando eu agarrei Duff. Ele não pareceu surpreso (efeito de muitas doses de Jack Daniel's), e então começamos a nos beijar. Já estava de noite, então Duff interrompeu nossos amassos e disse:
-Psiiu... Não quer continuar isso em casa?

Duff's P.O.V

Ela riu da minha proposta, me segurou pela mão e me puxou até a porta de casa. Ela era extremamente gostosa! Chegando na porta, a agarrei pela cintura com uma das mãos, e com a outra abri a porta. Entramos na casa e fomos até a beira da escada. Ela me beijava vorazmente, com muita excitação. Levantei ela no colo, e subi com ela me beijando até meu quarto, onde a joguei na cama. Subi por cima dela e continuei a beijá-la, enquanto massageava seus peitos. Ela soltava leve gemidos de aprovação, então decidi tirar a blusa dela e comecei a chupar seus seios. Ela gemia de prazer, enquanto apertava meu membro. Parei de chupá-la, e ela tirou toda a minha roupa. Coloquei uma camisinha em meu pênis, e retirei sua calça e sua calcinha. Ela voltou a me beijar, e fui introduzindo lentamente meu membro, e dando leves estocadas, as quais ela gemia de prazer. Transamos até que nós dois gozamos. Deitei-me ao lado dela, e ela se aconchegou em meu peito, e fiquei acariciando o cabelo dela. 
Depois me toquei da merda que havia acabado de fazer.
E se ela se apegasse?


Notas Finais


ficou curtinho, mas espero que vocês tenham gostado <3 beijoss


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...