História Confie em mim - Capítulo 36


Escrita por: ~

Postado
Categorias System of a Down
Personagens Daron Malakian, John Dolmayan, Personagens Originais, Serj Tankian, Shavo Odadjian
Tags System Of A Down
Visualizações 3
Palavras 672
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


N posso dizer nada só desculpa pela demora


Boa leitura seus lindo❤

Capítulo 36 - O erro


Daron:ON

Muito tempo havia se passado. A treta do John havia acabado e todos haviam entendido. A turnê já tinha acabado e eu não consegia tirar Pietra da cabeça. Era impossível pra mim, varias coisas que eu fazia e adorava fazer como tocar e tranzar não me alegravam mais... estou em minha casa quando ouso a campainha tocar

Daron:Calma ae!-quando abro, vejo Pietra- Pitra! Faz tempo des do dia em que te vi

Pierta:Acho melhor voltar a sermos irmãos como éramos

Daron:Isso e maravilhoso!

Pietra:Eh

Daron:Entre!

Ela entrou envergonhada, nunca havia vindo aqui, mas alguém deve ter falo onde moro. ela olha pro chão

Daron:Qual o motivo da honra de te-la qui?

Pietra:E que...-ela olha nos meus olhos seria-eu vou me casar com John.

Daron:O que?

Pierta:Em um jantar ele me pediu em casamento

Daron:Eu não acredito! Como?! Isso e ridículo!

Pietra:Mas e a verdade.

Daron:e a mim que você ama Pietra! E a mim que você quer!

Pietra:Não. Eu amo o John

Isso me machucou pra caralho. Eu vou até ela e seguro seus braços apertando eles com força e quando ela tenta se soltar eu tomo sua boca com um beijo quente e cheio de desejo. Ela tenta por um tempo e depois de já sem forças e abraça meu pescoço

Daron:Esqueça john! Você e minha, não vê? Você não pode resistir!

Pietra:Só me satisfaça do jeito que você satisfaz uma mulher, Daron.

Então aperto sua cintutra e a encosto na parede arrancando suas roupas e logo vendo aquele corpão lindo, daí acaricio cada extensão de seu corpo apertando sua bunda grande

Daron:Você é tão maravilhosa...

Ao ver aquela cena, meu membro que já esrava ereto começou a pulsar chamando por ela

Pietra:Venha me tome para si

Então tiro ele para fora e fiquei passando em sua intimidade torturando ela um pouco, ela se encolhia e gemia baixo, pego sua cocha groça e levanto ela a penetrando com tudo

Pietra:hnaaaaa

Ela apertava meus ombros com força sentindo prazer, a intimidade dela por incrível que pareça era apertadinha o almentava o prazer meu prazer, gemendo junto com ela eu pude perceber que ela agia como se fosse nova no mundo do sexo o que me deixava com mais tesão ainda, então me movimento com mais força e velorcidade vendo ela se contorcer enquanto ergo sua outra perna e seguro as duas pernas

Daron:Goze pra mim Pietra.

Então eu vejo ela gozar e sorrio maliciosamente continuando a meter, vendo seu rosto assustado então fico perto de gozar vendo ela arranhar meus ombros. Tiro ele e gozo e vejo ela ofegarnte e molhada

Pietra:Isso foi muito errado!-pego ela no colo e a levo para meu quarto

Pietra:Onde está me levando?

Daron:Vamos errar pra caralho hoje.

Pietra:Eu não posso fazer isso

Finjo que não escuto

Pietra:Daron. Pare!

Entro rapidamente com ela jogando a mesma na cama e trancando a porta do quarto e indo para o paraíso

Pietra:Eu não posso!

Daron:Eu não ligo!

Indo aos seios dela e ignorando suas falas e protestos, chupando eles com tudo dando umas mordiscadas e vendo Pietra passar de molhada para ensopada

Pietra:Para!

Enfio um dedo lá dentro movimentando ele, ouvir os gemidos dela era melhor que qualquer coisa no mundo, ela parecia reagir aos meus toques sempre. Ela parecia ficar doidinha com aquilo, vejo ela arquear o corpo e gozar novamente

Pietra:Eu...nao auento...mais

Daron:Aguenta sim.

Então chego em sua intimidade, enfiando a lingua e em seguida movimentando e enchendo em seu clitóris.

Pietra e contorcia e apertava os lençóis chegando em seu orgasmo segurando meus cabelos. Meu membro começou a ficar ereto de novo. Ela goza melando minha boca

Daron:Delícia

Pietra:O que vai fazer?

Penetro ela sem aviso segurando seus braços contra a cama me movimentando forte e rápido.

Então ela goza depois de um tempo e eu faço a mesma coisa que fiz antes. Logo em seguida caio ao seu lado vendo ela ofegar cansada e satisfeita

Daron:Eu precisava fazer isso

Pietra:Na verdade eu também sabe.

Daron:Adimitiu

Pietra:Mas ainda meu homem vai ser John.

Daron:Por favor. Não mencione ele.

Pietra:Desculpe.

Daron:Acho que você precisa voltar

Pietra:É. Preciso trabalhar

Daron:Por quê não tomamos banho juntos

Pietra:pode ser

Daron:Sério?

Pietra:Sim.

Daron:Vamos.

Então pego ela no colo e fomos tomar banho, nos vestimos e antes de ela sair, ela me beijo como se fosse o último beijo da sua vida

Daron:Eu te amo-Sussurro vendo ela entrar no carro e ir embora



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...