História Confusão (ChanBaek) ABO - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Visualizações 207
Palavras 1.082
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Ooi docinhos como vão ?
Espero que gostem desta história , estou um pouco/muito insegura de ter postado ela , mas vamos lá , se estiver com algum erro desculpe-me

Boa leitura 💙

Capítulo 1 - Nova casa e novas...brigas ?


(POV BAEKHYUN)



Chegando em casa exatamente às 21 horas , encontro minha mãe sentada no sofá da sala , com um semblante alegre . Deixo as sacolas de compra em cima da mesa do centro , e me jogo de qualquer jeito na poltrona


-  Filho eu tenho uma ótima notícia . -Diz com um sorriso de dar inveja a qualquer um .

-  Diga - pronuncio com a fala cansada

-  Arrumei um novo emprego - diz em seguida se levantando .

-  Sério -digo me levantando surpresa . Desde que minha mãe foi despedida da casa dos Kim’s ela nunca mais conseguiu um emprego , nisso resultou de eu ter de procurar um  .

-  Sim, sim , A dono da casa permitiu que eu possa morar em sua moradia e deu permissão para você ir junto comigo .

-  Mentira né -digo incrédulo , isso nunca aconteceu antes .

-  Verdade verdadeira...eu contei para ela que tenho um filho , A mesma ficou feliz , por que diz que você poderá fazer companhia para um de seus filhos .

-  Espera , ela tem filhos?

-  Sim ,Mas então gostou da notícia ?

-  Claro...Quando iremos nos mudar ?

-  Hoje é dia 5 ? -pergunta e eu concordo com a cabeça - Então eu começarei daqui duas semanas . Agora vá dormir , tem que descansar pois amanhã será novamente um dia cansativo .

-  Sim , boa noite mãe .

-  Boa noite meu filho .-Diz e em seguida me dá um beijo na testa.





( Dia 20 de janeiro )

( 2 semanas depois )



(Autora on )



-  Terminou filho ? - diz a senhora Byun parada na porta .

-  Sim mãe , já irei descer com as malas


Dito isso , Baekhyun caminha em direção a porta com suas bagagens , que se resulta em apenas duas malas , assim como de sua mãe .


A vida dos dois não são uma das melhores mas sempre dão um jeitinho de arranjar algo . Eles mora em uma casa pequena de dois quartos, um banheiro , uma sala e uma cozinha , mal tem espaço para mais pessoas, Baek trabalha como caixa de um restaurante , e com o dinheiro que recebe , paga as contas e faz uma compra que dure até ele receber novamente .


Saindo de sua moradia , O mesmo coloca as bagagens dentro do porta malas do táxi e espera sua mãe , a mesma logo sai e tranca a grade de sua casa , Baekhyun por sua vez dá uma última olhada e logo entra e em seguida fecha a porta do carro , e logo o motorista da partida , e perdido em seus pensamentos , O mesmo sente que sua vida irá mudar completamente , assim ele espera .



(POV BAEKHYUN)


Mais ou menos em 20 minutos o carro para , dando me a vista de uma casa ou melhor um casarão . Isso daqui é uma mansão , nunca fui de ligar muito para isso mas mesmo assim eu estava impressionado . 


Minha Omma toca a campainha e logo o portão destrava causando um barulho com o qual eu acabo me assustando .


Entramos e logo pude notar o jardim imenso , logo mais atrás um local cheio de árvores , Isso daqui é muito lindo meu Deus .


-  Dona Byun , que bom que chegou -diz uma mulher,( bem arrumada por sinal ) logo dando um abraço em minha mãe - Você é o filho dela, não é ? … Baekhyun ?

-  Sim…

-  Prazer , me chamo Park Lee .

-  O prazer é todo meu senhora Lee -digo e a mesma sorriu terna para mim .

- Vem vamos entrar .


Gostei dessa mulher , ela parece bem legal , só que uma coisa eu percebi que , quando estava entrando notei uma pessoa sentada nos olhando , seria o filho dessa mulher ? não percebi muito pois foi rápido demais  .


-  Sinta-se a vontade


Tentei não reparar muito na sala mas foi em vão , pelo meu cálculos aquela sala era do tamanho da minha casa , isso era notório , qualquer um perceberia isso


-  Meu filho , onde está seu irmão ? - fala a senhora Lee com um menino , ele não era muito parecido com a mesma , mas tinha algumas coisas semelhantes , como o cabelo Preto o nariz ea boca . Ele era muito lindo , Meu Deus me ajuda .

-  Sei lá -diz ele indo em direção a porta

-  Filho não vai se apresentar ?

-  Se eu disser que não estou com vontade ? -dito isso sai e fecha a porta

-  Perdoe o comportamento do meu filho , está acontecendo algumas coisas e tal que está deixando ele assim .

-  Entendo - pronúncia minha mãe

-  Mãe eu vou ....Quem são vocês ? -Diz um rapaz alto , pele branca , cabelos lisos e pretos , e olhos da mesma cor , Posso dizer e concordar , Ele é triplamente mais bonito que o outro .

-  Filho essa é a nossa nova empregada -diz a mulher apontando para minha Omma - E esse aqui e o filho dela - O Olhar dele parou bem nos meus , senti um frio estranho percorrer a minha espinha .Ele deve ser um alfa , é com certeza é

-  Prazer me chamo Baek Yerin - Minha mãe estendeu a mão para o rapaz


O mesmo encara a mão e depois a face da Mesma .


-  Não importa , não preciso saber o nome das empregadas , só estão aqui para cumprir seu papel e nada mas - diz se virando para a porta mas logo virando de volta - Aliás, me chamo Park Chanyeol -diz me encarando dos pés a cabeça e depois foi embora


Como ele ousa ser grosso com a minha mãe e ainda nem para cumprimentar ele a cumprimenta , Fechei a cara mas logo minha omma colocou a mão em meu ombro e olhou-me com uma cara de “Não se preocupe “


Muito atrevido esse daí , não é porque minha mãe é empregada dele , ele pode tratá-la mal , algo me diz que vai continuar assim, mas Se continuar , pelo jeito  vou ter alguns barra muitos probleminhas com esse tal de Park Chanyeol , porque com a minha mãe ninguém se mete .



Eu posso ser um omega, filho de uma empregada , mas ninguém insulta eu muito menos o ser que me deu vida .


Notas Finais


Gostaram ? se sim , comentem , favoritem, estarão ajudando e incentivando muito , lembre-se , estou muito insegura com a historia.

Até a próxima meus docinhos 💙.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...