História Confuse Girl - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amor, Boatos, Matween Spinosa, Mistério, Romance
Visualizações 9
Palavras 813
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - Nossa árvore


Fanfic / Fanfiction Confuse Girl - Capítulo 2 - Nossa árvore

Eu resolvi responder o Shawn, sabia que a probabilidade de eu me arrepender era enorme mas respondi mesmo assim.
"Tá, o que você tem a me dizer?"-L
"Melhor conversarmos pessoalmente, a gente pode se ver amanhã depois da aula, na nossa árvore?"- S
"Tudo bem..."-L
"Okay, obrigado por dar a chance de eu me explicar"- S 
[...]
No dia seguinte eu fui pra escola, já pensado o que seria nossa conversa e no que ele me falaria, porque nós não tínhamos nada sério então tudo bem ele ficar com outras garotas. Eu não falei pra ninguém o que tinha acontecido, nem pro Jony nem pra Ratchel, porque eles não gostam muito dele é não me senti confortável pra falar pra eles.
A aula de química parecia não acabar nunca, eram só 40 minutos mas pareciam horas, quando ela acabou fui correndo para a "nossa árvore", foi lá onde a gente ficou a primeira vez, meu irmão tinha ido buscar o carro e deixou nós dois lá, estávamos falando sobre filmes e derrepente um silêncio tomou conta do lugar, eu olhava nos olhos dele e sentia que podia ver a alma dele lá, e fomos nos aproximando, quando vi a mão dele já estava na minha cintura e minha boca na dele, mas o beijo foi rápido porque o Matt já estava voltando, pegamos as malas e fomos pro carro, depois disso passaram 2 dias e não tínhamos falado sobre o que tinha rolado, mas nós encontramos pessoalmente na segunda e conversamos, e ficamos mais uma vez, depois disso ficamos umas 5 ou 6 vezes, até o dia da festa em que além do beijo dele na Loren teve o boato que espalharam sobre mim...
Quando cheguei na árvore ele já estava lá de baixo sentado, ele não parecia bem, meio tenso não sei. Cheguei fria, não queria demostrar meus sentimentos pra ele. Ele se levantou e eu falei:
-Pronto, pode falar!- disse com um tom seco.
-Desculpa, você sabe que você não era, ou melhor não é uma qualquer né? Eu queria que você tivesse certeza de que não fui eu que espalhei o boato e que o beijo na Loren, não foi algo que eu queria.
-Eu nunca achei que fosse você que tivesse espalhado o boato, e em relação à Loren, nós não tínhamos nada sério, não me devia fidelidade, além disso o que um não quer, dois não fazem.
-Na hora estava mal, porque seu irmão tinha nos visto se beijando e eu pensei que se ele visse eu com a Loren não ia se importar da gente ter ficado, mas foi bem pior, porque ele achou que o boato tinha sido eu. 
-Mas você sabe quem foi? 
-Na verdade sim, mas esse não é o caso, eu queria ficar com você de novo e dizer que senti muita saudades quando foi pra Londres, perguntava todo dia pro Jony sobre você, mas ele se recusava a falar qualquer coisa, então fiquei preocupado. - Ele disse enquanto tentava se aproximar e segurar minha mão, mas eu me afastei e puxei-a.
-Tá tudo bem, eu não vou ficar com você de novo, já é passado, mas me diz, quem que espalhou o boato? 
-Eu não quero que saiba, porque vai te magoar, mais do que o boato em si, me desculpa Ly, me desculpa mesmo, eu não queria que nada de que aconteceu com você acontecesse, você não merece. Sabe que pode contar comigo né, mesmo o Matt não falando mais comigo, podemos ser amigos, ou mais que isso se quiser.-Ele tinha um olhar triste e preocupado, estava diferente, não sei o que aconteceu esses meses mas estou ficando preocupada.
-Shawn não me chama mais de Ly, eu não consigo mais ter aquela relação com você acabou, assim como sua amizade com o Matt, e outra eu quero saber quem foi que espalhou o boato, e se não me contar eu descubro sozinha.
-Ly, isso não vai te fazer bem, e eu não consigo ficar longe de você, pelo menos amizade por favor.
-Shawn para de me chamar de Ly, você sabe que só meu pai me chamava assim, acho melhor eu ir, tchau.- Peguei minha mochila e me virei de costas.Ele segurou minha mão e disse :fica eu preciso de você, de verdade, eu preciso de uma amiga e eu sei que você é a única que ainda tem um mínimo de consideração por mim e a única que eu posso confiar. 
-Desculpa Shawn, mas eu também preciso dos meus amigos agora. 
-Tudo bem, não se preocupa com os boatos eles não definem quem você é. Ele segurava minha mão tão forte, como nunca nem tinha segurado minha cintura, ele realmente precisava de mim, mas eu não podia ficar mais nem um segundo ali se não cairia em lágrimas, e não queria que isso acontecesse na frente de um dos motivos. 

 


Notas Finais


Por favor, não esqueçam de comentar o que acharam e deixar a crítica construtiva, XOXO


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...