História Consequências - A Escolha - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Exibições 21
Palavras 650
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela

Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Hello loves ☺❤
Sejam muito bem vindos \o/
Alguns avisos importantes:
Quando a narração não estiver sendo feita pela Katherine, será narrado na terceira pessoa.
Postei os cinco primeiro capítulos agora e no domingo postarei mais 2 😆

Boa leitura 😚

Capítulo 1 - Capítulo - I


Fanfic / Fanfiction Consequências - A Escolha - Capítulo 1 - Capítulo - I

No Futuro...

Olá mamãe, se estiver lendo essa carta agora, saiba que amo todos vocês incondicionalmente, me perdoe por tudo que está passando, saiba que nunca quis te causar dor, eu te amo apesar das nossas brigas, me desculpe por te decepcionar nesse momento, sei que sempre quis o meu bem, só eu que não percebi isso antes, peço, por favor, que não se culpe, eu fiz a minha escolha, e como você sempre disse, elas tem consequências. E as minhas chegaram com um peso mais alto do que eu poderia imaginar, por favor, não me julgue. Eu admito que errei e errei muito, mas estou tentando me redimir de alguma forma, sei que deve estar confusa, sinto muito novamente, mas sim mãe, fui eu quem fez tudo o que te disseram, não tente entender como entrei nessa, eu apenas escolhi esse caminho. Mas agora estou pagando pelos meus erros. Não sei se um dia terei o perdão de Deus, mas acredite, rezo todos as noites para que isso aconteça.

Senti os olhos encherem d’água, meu coração estava acelerado, olhei para Alexia com desespero, e ela sorriu como se tentasse me confortar em silêncio, engoli em seco e pude sentir o gosto amargo na boca. Isso ainda era estranho. Se Ian estivesse aqui, com toda certeza estaria rindo da situação.

Olhei para o papel novamente. Despedidas nunca foram o meu forte, mais essa estava sendo mais difícil do que eu esperava.

Mas era o certo a se fazer, não podia confiar a mais ninguém essa responsabilidade. E Esmely sempre esteve certa, carregar o sobrenome Montessori era uma maldição. Não daria esse futuro a ele, ninguém merecia uma família como aquela. Talvez com a minha, ele pudesse ser feliz como eu um dia já fui.

Apenas peço que cuide dele mamãe, por favor, eu imploro! Acredite eu quero poder amá-lo da maneira correta, mas não consigo. Quem sabe um dia eu esteja livre para isso... Mas nesse momento não mereço um ser puro como esse, o mundo em que vivo é cheio de mentiras e maldades, e eu o deixei me mudar. Sinto muito por não ser mais a mesma que saiu dessa cidade á quatro anos atrás, mas espero que um dia possa encontrá-la novamente.  Na conta do papai foi depositada uma quantia para as despesas, daqui a alguns meses farei novamente. Cuide dele e não se preocupe comigo. Vou ficar bem.

Escolham um nome para ele. Adeus.

                Katherine Morgan. 

Ethan colocou a mão sobre o meu ombro. Sorri com o calor causado por ele.

― É melhor assim Kate, mas precisamos ir, ele já está perto, e você precisa fugir. Não podemos deixar ninguém saber sobre a criança.

Meu tempo era curto. Eu nem poderia me despedir. Ouvi o seu pequeno choro, era quase como se estivesse sentindo que seria abandonado pela própria mãe.

Eu sou um monstro.

Olhei para o pequeno embrulho azul na cadeirinha e senti o meu mundo desabar mais. Poderia até ser injusto o que estava acontecendo comigo, mas não era. Estou apenas colhendo o que plantei, e esse era o meu futuro de agora em diante.

Viver como uma fugitiva.

Segurei o pingente do colar que ele me deu entre os dedos. Aquela era a minha melhor lembrança, uma prova do seu amor.

E mesmo que às vezes eu pense que nunca passou de uma mentira, a ilusão me causava menos sofrimento. E se tem algo que aprendi com Ian, é que a verdade muitas vezes é a pior escolha a se fazer.

Tirei-a do pescoço e a coloquei perto do bebê. De certa forma, ele teria algo que representasse os dois, mesmo que nunca pudesse nós conhecer.

― Espero que tenha um bom futuro pequeno príncipe. ― sussurrei controlando as lágrimas, ele sorriu inocentemente. ― Você tem os olhos do seu pai... ― beijei sua bochecha com delicadeza. ― Adeus filho. 

 


Notas Finais


E aí gente ?? Gostaram? Espero muito que sim 😆
Esse capítulo é só uma amostra do futuro da pequena Kate.
Muita coisa aínda vai rolar.
Até o próximo gente 👉❤
E se gostaram e ficaram curiosos deixem um comentário 😉
😘😚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...