História Consequências - Capítulo 4


Escrita por: ~ e ~Neko-Creepy

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 3
Palavras 973
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yuri
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 4 - Amigas


Fanfic / Fanfiction Consequências - Capítulo 4 - Amigas

4Cap de consequências

Pov's Sophie

Cheguei à casa de Jenny, logo a adentrando a mesma, sem pedir licença e me joguei no sofá da sala.

—Aaaaah você voltou.-Kristin disse descendo as escadas e me jogando uma almofada.

—É o que parece.-Digo sem animo pegando o controle da TV ao meu lado, logo a ligando para assistir um programa qualquer. estava passando Psicose.

—Ei Krist cadê a Jenny?-Perguntei me virando para a mesma que estava se escorando no sofá, olhando para mim.

—Acho que foi no Super mercado.-Disse indiferente e se jogou ao meu lado, tirando o controle de minhas mãos e mudou de canal para um desenho.

—Eei, eu estava vendo aquele filme!-Disse tentando tirar o controle das mãos da minha amiga, que esticou os braços colocando o controle acima de minha cabeça sem tirar os olhos do desenho.

Krist sempre foi a mais infantil, as conheci em uma loja de brinquedos. Eu estava procurando um presente para o filho da minha vizinha, que iria completar 3 anos, quando esbarrei com uma menina que corria frenéticamente pelos corredores animada, olhando para os brinquedos com um certo brilho no olhar, foi engraçado ver Jenny se arrastando atrás dela e perguntando se já podia ir embora.

Flashback on

E lá estava eu, em uma loja de brinquedos, procurando o presente perfeito para uma criança de 3 anos. Mal me mudei para cá e minha vizinha que mal conheço me convidou para a festinha de 3 anos de seu filho Thomas Jarvis.

Estava olhando os brinquedos, segurando em mãos uma pelúcia de urso que havia pego no outro corredor, quando vejo uma menina arrastando um carrinho cheio de brinquedos, sorrindo feito uma criança olhando para os mesmos, com uma outra garota atrás dela, se arrastando atrás da mesma, com total desanimo.

Foi quando os olhos da menina pararam em mim e no ursinho, ela vem sorrindo ate mim e me pergunta se eu gostava de brinquedos.

—Bom na verdade é para o filho da minha vizinha e eu não sei se ele vai gostar...-Disse aquilo e ela puxou meu braço, fazendo-me largar o ursinho no chão, enquanto ela me arrastava pela loja.

—Não tem problema eu te ajudo sou especialista nisto!-Ela disse me puxando, dando pequenos saltinhos pela loja, enquanto a outra menina se arrastava atrás de nós.

Não demorou nem 10 minutos e eu já estava com uma miniatura de um personagem de um desenho. já no caixa, ela havia se despedido de mim, paguei o presente e saí da loja, satisfeita com a minha compra.

No outro dia na faculdade, acabei encontrando com elas e ficamos conversando durante o intervalo.

Trocamos nossos números e acabei saindo algumas vezes com elas.

Flashback off

Sai de meus pensamentos quando escutei a porta se abrir, revelando uma Jenny nitidamente cansada. Ajudei ela com as compras, levando-nas para a cozinha. Me encostei no balcão, enquanto Jenny guardava as coisas e Kristin mexia no celular.

—Então meninas, vocês ficaram sabendo da balada que abriu a pouco?-Perguntei saindo do silêncio.

—Hurum,fiquei sim, e também ouvi as pessoas falando bem de la.-Jenny disse guardando a pasta de amendoim e me encarando.

—Por que? Você quer ir lá? -Ela me perguntou e eu asenti com a cabeça.

—AHÁ SABIA!-Ela disse e puxou meu pulso, me fazendo parar de frente para Krist, que estava entretida, jogando em seu celular, Jenny puxou o celular de Krist e pegou a mesma pelo pulso, nos puxando para fora de casa.

Jenny abriu as portas de seu carro e nos empurrou para a parte de trás e foi ate a porta de casa, trancando a mesma. Eu e Krist nos entre olhamos tipo: O que ela tá fazendo?

Jenny entrou no carro e acelerou, não falamos nada durante o trajeto ate chegarmos no Shopping, Jenny estacionou o carro e nos mandou descer.

Sabia o que ela iria fazer, ela nos puxou para dentro de uma loja de vestidos de festa e começou a pegar alguns.

Ela já tinha mais ou menos uns 8 vestidos nas mãos, de cores e estilos diferentes, Jenny nos empurrou para dentro de um provador e nos mandou experimentar os vestidos.

Depois de uma eternidade experimentando vestidos, ela me fez ficar com um vestido preto tubinho com alguns detalhes em azul escuro e um gigantesco decote na frente, era realmente muito bonito o vestido!

Já Kristin ficou com um vestido azul escuro com as mangas longas de renda e algumas detalhes brancos.

O vestido era meio solto, mas ficou realmente lindo no corpo dela.

Jenny, como a mais estravadora, ficou com um vestido curto também preto, com algumas pedrinhas em um tom que parecia cinza com as alças caídas pelos ombros e com o corte em V nas costas.

Pagamos os vestidos e saímos da loja e fomos até o estacionamento, onde estava o carro de Jenny, entramos e ela nos levou para a casa dela, no caminho inteiro ficamos tagarelando sobre como seria lá na boate.

Chegamos e descemos do carro, Jenny foi na frente abrir a casa enquanto eu e Krist tirávamos as compras do carro. Entramos na casa e Krist subiu levando nossas compras para o quarto.

—Bom gente eu já vou indo.-Disse e Jenny praticamente gritou.

—NÃO! não vai não, hoje vamos tirar a noite das garotas!-Jenny falou aquilo e Krist deu uma pequena comemorada.

—Huruoooo!

Depois daquilo, nos reunimos na sala e Krist colocou um filme, Jenny trouxe algumas besteiras da cozinha.

—Soph bem que você podia subir e ir pegar umas cobertas né? -Krist pediu e eu suspirei, logo subi, passando pelo corredor chegando no último quarto, o de Jenny, ao tentar abrir a porta estranhei por estar trancada então me dirigi ao quarto de Krist e peguei no seu closet uma coberta apeluciada azul claro.

Desci e me sentei no sofá ajeitando a coberta em cima de nossas pernas, Jenny colocou o filme e eu acho que vi só ate a metade,quando olhei pro lado as duas estavam dormindo, filme estava muito parado. E quando menos esperava, caio em meu profundo sono.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...