História Conte até cinco - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias As Provações de Apolo (The Trials of Apollo), Os Heróis do Olimpo, Percy Jackson & os Olimpianos
Personagens Nico di Angelo, Will Solace
Tags Eitha, Nico Di Angelo, Solangelo, Wico, Will Solace
Exibições 211
Palavras 1.166
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Yaoi
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olá, parceiros, como vão???
Desculpa os erros, não revi

Boa Leitura...

Capítulo 1 - Capítulo Único


Você gostar de alguém..? Tudo bem, perfeitamente normal. Agora ser obrigado por esse “alguém” a ir a lugares que não quer, isso sim é uma coisa totalmente diferente. E era sim que Nico di Angelo se sentia. Sendo obrigado a ir a um lugar que não quer por Will Solace.

Socou todas as roupas que achou que precisaria na mochila nova que ganhou, e ainda colocou alguns objetos a mais. Olhou um última vez no espelho, desnecessária já que isso não o fez ficar melhor, e saiu do chalé 13 soltando fumaça pelas narinas.

— Ei, Nico. — Escutou a voz o chamando, virou-se bruscamente pronto para matar quem quer que seja a interrompê-lo bem no momento que jogava uma maldição...— Amigo...Amigo...

— Grace....— Range — O que faz aqui?

— Calma, garoto, só queria falar com você antes de ir. — Jason sorrir amarelo testando o território e se é seguro continuar.

— Não tenho tempo!

— Ok... — O rosto de Jason ganha um tom aliviado, mas aos poucos vai se contorcendo como se sentisse dor — Ah, não...tem que ser agora, ou a Piper vai me matar.

— Ótimo, posso fazer o velório, mas depois! — Olha para os lados para ver se Will não está chegando, mas cedo o loiro teve uma pequena crise de ciúmes por causa do Jason, e se isso se repetir talvez Nico receba outro castigo do silêncio... Mas espera, Di Angelo, se isso acontecer você não precisará ir com ele e ficará o final de semana inteiro livre de loiros que te obrigam a comer legumes....

— Deixa de ser chato, Nico, vai ser rápido prometo. — Junta as mãos como em uma oração — Podemos ter essa conversa em seu chalé?

Só nós dois? Você só pode esta brincando! Will vai me matar.

— Não.

— Então tá, falamos aqui. — E foi a vez de Jason a olhar para os lados, se aproximou mais um pouco de Nico e em tom conspiratório fala — Pipes me fez ver uma coisa.

— Que?

— Que você nasceu no século passado e depois ficou preso naquele cassino.

—...

— E que você não sabe de muita coisa sobre... Sobre certas coisas da vida...

— Valeu, gênio. Primeiro me chama de velho e depois de burro.

— Não foi isso que eu quis dizer...é só que...— Colocou a mão atrais da cabeça, corou...

Que? Por que Jason Grace, filho de Júpiter e pretor romano esta corando?

— É que você e Will vão passar o final de semana juntos e provavelmente vão...érrr...

— Você não esta fa... — Braços circulam a cintura do moreno que imediatamente reconhece o dono deles devido ao arrepio quente que lhe sobe a espinha. — Will.

— Oi, baixinho. — Beija o lóbulo da orelha do menor fazendo questão de olhar para Jason com um clara expressão de: ele é meu! — Grace.

— Oi, Will.

Será que ele não percebe que Solace não quer vê-lo perto de Nico?

— Posso saber o que conversavam?

— Também queria saber. — Nico escapa dos braços do namorado. — Jason ainda não falou.

— Aah...deixa para depois então... Vocês devem esta apressados. Tchau, tenham um bom final de semana. — E sai rapidamente murmurando um quase inaudível: “Piper vai me matar!”

— O que ele queria? — Will cruza os braços todo sério.

— Já disse: eu não sei! E se vai ficar com raiva fala logo, por que assim volto para o meu chalé e vou dormir.

Will pensou um pouco e aparentemente decidiu que não valia a pena, pois puxou Nico para um longo beijo apaixonado. Com os braços apertou mais ao corpo do menor o trazendo para o impossivelmente mais perto.

+++

Will seguiu puxando Nico pelo braço em direção a estrada que passa próximo ao acampamento, do alto os dois avistaram um carro esperando e quando Solace falou que era o seu irmão mais velho que os esperava, o filho de Hades estancou no chão.

— Que foi? — O loiro pergunta sem entender nada. 

— Você não falou que alguém iria vir nos buscar.

— Deixa de ser chato Nico. — Continua a caminhar e Di Angelo é obrigado a segui-lo.

O irmão de Will, um cara de pele morena, 20 anos e com um enorme sorriso nos lábios, ao ver o irmão desceu do carro e o puxou para, um abraço que foi prontamente retribuído. Ao tentar fazer o mesmo com Nico, o menor conseguiu escapar ficando por trais do namorado.

Entraram no carro, e tudo que Di Angelo queria era ter nascido avestruz para poder enfiar a sua cabeça no chão. Pois dentro daquele carro se sentia bem mais que fora do lugar.

Alan, o irmão, até que seria legal se... Se Nico fosse o tipo de pessoa que sorrir e gostasse de festas.

Chegam e Will o arrastava ara dentro da casa enorme e amarela.

Primeiro: Qual é o problema dos Solace com a cor amarela?

Nico até tentou recrutar mais seu namorado, sempre é tão persistente e é por esse motivo que Nico Di Angelo esta indo passar um final de semana inteiro com a família de seu namorado, família esta composta por: um irmão mais velho filho do padrasto de Will, o Sr. Gabriel, a mãe Sra. Naomi e uma garotinha de 7 anos filha do casal. São quatro pessoas, assim como o Will, alegres e muito, mas muito, agitados.

Alan trais a mochila dos dois e leva para a parte de cima da casa, onde Nico traduziu como ser o lugar onde ele provavelmente irá dormir.

— Melhora essa cara, Di Angelo. — Will se joga no sofá da sala, o moreno continuou em pé olhando desconfiado para os lados, a última coisa que ele quer é ser atingindo por braços como Alan tentou fazer. — Minha mãe deve esta preparando o jantar. Até por que, Sr. Di Angelo, o senhor demorou muito para se aprontar tive até que ir busca-lo.

— Eu não demorei...— Cruza os braços dando de ombros. — Foi o Jason que queria falar algo comigo....

— Willllllllll!!!!

E é nesse momento que Nico vê seu namorado sendo engolido por vários, vários braços...dois mais finos e outros dois maiores.

— Mãããee...

Will tinha sua bochechas puxadas, cabelos levantados, dentes sendo expostos...

— Filho, você anda se alimentando bem?

Será que ainda dá tempo de Nico sair de fininho antes que essa revisão chegue nele também?

— Mamãe, tem um cara aqui! — A menina, Claire, aponta para Nico — Quem é ele?

Droga, bem na hora que o moreno terminava seu plano de fugir!

— Este é o Nico e meu namorado. — Will finalmente escapa das duas vai até o garoto parado no meio da sala e o abraça pela cintura.

O jovem filho de Hades e de Maria, Nico di Angelo contou até, exatamente, cinco.

Um: dois seres humanos do sexo feminino passarem de confusas a um expressão feliz.

Dois: As duas darem um passos a frente.

Três: Esse único passo transformando-se em corrida em sua direção.

Quatro: Os braços das duas o prendendo como cobra a sua presa.

Cinco: Nico di Angelo procurando uma maneira de respirar e sobreviver a aquele aperto todo.

Deuses, elas mulheres são mesmo meras mortais?

Will apenas rir de sua cara!
 


Notas Finais


Então????
Outras fic
Q fiz ontem: https://spiritfanfics.com/historia/3-perguntas-6755751

Quer saber sobre o castigo do silêncio? https://spiritfanfics.com/historia/o-convite-6482371

Até...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...