História Conto pervertido - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Inuyasha
Personagens Inuyasha, Kagome, Personagens Originais
Tags Amor, Chapeuzinho Vermelho, Inuyasha, Kagome, Obsessão, Perversão, Violencia
Visualizações 126
Palavras 495
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Hentai, Lemon, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel
Avisos: Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Yooo....kkk esse Cap é só para descontrair próximo já vai ser o hentai,então tenham paciência se demorar uma semana okay?!

Boa leitura...eu acho...

Capítulo 3 - Maçã Verde?!


                    Kagome

InuYasha amarrou meus pulsos com uma fita vermelha,parecia tão frágil e tão delicada...engano meu! Não consegui soltar meus pulsos de jeito nenhum,por mais que eu tenha feito força.

-InuYasha...por que está fazendo isso comigo?-Minha voz saiu fina e falha,tenho certeza que ele está rindo por dentro da minha situação...

-Ora...Não seja tão dramática...não vou lhe fazer mal...-Ele sorriu enquanto me pegava nos braços.

Começou a correr em uma direção totalmente desconhecida por mim.

Nem ao menos tentei me debater,sei que não conseguiria me soltar tão cedo....

-Espero que você grite meu nome bem alto!-Disse enquanto me olhava de maneira maliciosa me fazendo corar.

-Pare de dizer coisas assim! É constrangedor...-Procurei olhar para qualquer lugar menos para o rosto dele...que certamente estava com um sorriso debochado estampado no rosto.

-Seu que você gosta...-Ele afirmou,como se estivesse lendo a minha mente.

-Minha barriga dói....-Mormurei fazendo uma careta de dor. Sentia meu estômago revirar e meu rosto queimava.

-Calma!-Ele parou de correr e me colocou sobre a grama verde.-Espere um pouco que vou buscar algo para você!-Falou enquanto sumia do meu campo de visão. Eu estava de bruços no chão,oque fazia uma ânsia de vômito muito forte me atingir.

-Droga!-Exclamei tentando me virar. Tenho a certeza que devo estar parecendo uma minha se mexendo.

-Calma!-Ouvi a voz dele perto do meu ouvido e logo fui levantada do chão. InuYasha me ajudou a me sentar na grana e me estendeu uma maçã verde.

-Onde encontrou essa maçã?-O olhei desconfiada e ele sorriu levemente. Tenho a leve impressão que ele está brincando com a minha cara.

-Não vou te envenenar!-Ele pegou a maçã e a mordeu com vontade. Meu estômago fez uma barulho alto e contrangedor...parecia uma trovão...Maldita hora que não fiz meu desjejum.

-Parece que está com fome...-Ele ficou momentaneamente serio,até sorrir como uma criança boba.

-Pare de rir de mim!-Falei emburrada e ele riu mais ainda.

-Bobo!-Mostrei a língua pra ele.-Me da logo essa maçã!-Ele passou uma das mãos pelas minha cintura Me fazendo arrepiar e foi com as garras afiadas de encontro com o pano fino que amarrava meus pulsos.

-Arigato!-Agradeci e em questão de segundos puxei a maçã das mãos dele.

Em questão de poucos segundos eu já tinha comido ela toda,não era pra tanto,mas tenho certeza que ele esta achando que eu sou um Dragão disfarçado,por que eu quase engoli a maçã inteira.

-Se estava com tanta fome era só me dizer....-Ele me pegou no colo,nem sei como ele conseguia correr naquela velocidade...só sei que em questão de segundos nós estávamos na frente de uma casa. Não era uma casa tão pequena,contando com o segundo andar.

-De quem é essa casa?-Perguntei me contendo para não gaguejar e tremer.

-Logo logo vai saber!-Ele sorriu maliciosamente para mim me fazendo corar.

-Inu...InuYasha....-Eu sabia que nesse exato momento que eu sentia as mãos atrevidas dele entrarem pela minha roupa e irem de encontro com a minha intimidade,sabia que estava completamente vermelha e entregue á ele...

-Você vai ser minhas de qualquer jeito,apenas aceite me amor!-Ele sussurrou no meu ouvido é eu estremeci...


Notas Finais


Digam se está bom...críticas e ideias são muito bem-vindas!
Kiss de cereja🍒


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...