História Contos de fada - o amor do príncipe pelo o plebeu - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Amorgay, Contosdefadagay
Visualizações 26
Palavras 1.646
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Lemon, Orange, Shonen-Ai, Shoujo-Ai, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Pansexualidade, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Gente essa é minha terceira história por favor sejamos gentil com esta pessoa ah e desculpe vá ortografia so péssimo nisso então se uma pessoa me ajudar a revisar eu agradeço e essa história tá sendo escrita pelo o celular que meio ruim mais enfim leiam

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Contos de fada - o amor do príncipe pelo o plebeu - Capítulo 1 - Prólogo

Essa história acontece a muito tempo atrás no tempo de réis rainhas príncipes e bruxos
mais essa história e um pouco diferente de todos os outros contos de fada que você já
ouviu e como se dizem uma história de cabeça para baixo uma história que em vez de
príncipe e princesa e príncipe com plebeu e princesa com plebeia sim nessa história
teremos um contos de fadas que os papéis se invertem e teremos outra forma de amor
diferente e não muito bem aceitada no seu tempo e no seu reino em fim vamos pra história
que está cheia de aventura ação amor e comédia nessas história iremos acompanhar a vida
de Vitor e Alice dois irmãos fora de série emfim agora vamos para o reino de arakiel um reino aonde a paz reina a não ser pelo o bruxo Leonard mais isso deixamos mais para frente agora vamos contar a história desses irmãos que sofreram tanto mais nem por isso
deixaram de caminhar a frente do seu tempo Alice e Vitor era filho de Eliel e Arnald e eliza e
Lara mais como eles podem ter dois país e duas mães simples Eliel e eliza foram criados
como irmãos filhos de duques os país os decidiram lhe casar mais Eliel e era apaixonado
pelo filho da serviçal e eliza também era apaixonada pela Lara irmã de arnald mais no reino
cheio de costumes e tradições seu amor era proibido então Eliel e eliza tiveram uma ideia
como eles ia se casar e teriam sua própria casa eles decidiram que seu amor poderia dar
certo então casaram se e contrataram Lara e arnald como seus empregados assim eles
poderiam ficar juntos mais com passar dos tempos seus país queriam netos então
passaram a pressionar os dois então arnald e Lara enciumados não permitiam que os dois
fizessem sexo então eles já tinham ouvido falado de bruxo poderoso mais melefico e irmão
mais novo do rei arakin então os quatros seguiram uma jornada cheia de perigos e mistérios
depois de três dias subindo uma montanha cheia de criatura perigosas e mágicas eles
finalmente chegaram num palácio sem vida ele era todo cinzas e em volta todas as flores
estavam mortas mais mesmo assim eles não se abalaram eles eram capazes de tudo para
conseguirem o que queriam então chegaram a o encontro de arankin mais arankin poderia
resolver seus problemas claro facilmente mais arankin não eram uma pessoa boa então ele
inventou uma história muito bem feito ele os disse que o que eles queriam era possível mais
eles teriam que dar o primeiro filho que nascesse al mago entroca que eliza engravidasse
contendo a genética e DNA de Arnold Eliel e lara ele ficaram muitos tristes pela a notícia
mais teriam que dar netos a seus país e eram muitos ciumentos a deixar os dois fazerem
sexo então eles a aceitaram mais o mago não bota apenas o DNA dos quatros na gravidez
mais também boto o seu próprio DNA assim ele tambem seria país das criancas então elas
naceriam com magia já que apenas a liangem real tinha magia e como ele tinha inventado
a história que teriam que dar a primeira criança a arankin seu plano estavam completo
assim ele poderia ter seu filho depois dos nove meses eliza finalmente a havia entrado em
trabalho de parto depois de duas horas três criancas nasceram primeiro Leonard a segunda
Alice e o terceiro Vitor mais eliza já no pensava na ideia que teria que dar o pobre Leonard
a aquele homem terrível então ela invetou uma história que ao rei já que era o único que
também tinha magia e poderia enfrentar arankin ela inventou a arakiel que o arankin havia a
nove meses atrás em sua casa e dito que ela teria três filhos mais ele pegariam o
primogênito para ele o rei comovido pela a jovem moça acreditou a na história então
quando arankin foi pega o arnald o arakiel lhe armou uma armadilha para que ele pegasse o
arankin mais arakiel tinham menos poder que ele mais o bruxo ainda não conseguia o
matar então cheio de raiva o bruxo decidiu matar os quatros mais arnald pegou uma espada
e foi a luta para que os outros três o escapassem mais o coitado do arnald não pode fazer
nada perante o bruxo poderoso então o bruxo invocou um golem em apenas um segundo o Arnold havia sido esmagado Eliel Lara e eliza não conseguiram deixar o Arnal então
presenciaram tudo Eliel não conseguiu ficar com ódio então correu para matar o bruxo mais
com a própria espada de Arnold ele deu ao fim a vida Eliel arrancando a cabeça do próprio
com a espada do seu amado enquanto isso o golem se aproximava das duas Lara então
decidiu enfrentar o golem para que sua mada escapasse mais eliza não conseguia se mexer
diante de tudo que havia presenciado então o golem chegou na frente das duas Lara se pós
em frente a amada então o golem lhe pegou e lhe rasgou em dois pedaços para um lado foi
a as pernas e do lado de eliza caiu o tronco e a cabeça de lara então a única coisa era
esperam a morte mais Arankin mandou o golem parar e mandou de volta para a floresta da
morte então ele pegou as três crianças tirou do colo da mãe logo depois ele invocou uma
cruz gigante então pregou a mão e as pernas da mulher com prego deixou cinco horas
sofrendo e depois das cincos horas ele tacou fogo no começo da cruz e a eliza teve seu fim
sendo crucificada e queimada viva mais Arankin só queria Leonard por que apenas o
primogênito teria mais poder e ainda sim dominando a magia das trevas ele seria quase
invencível o bruxo mal como sempre deixou as crianças na floresta da morte para morrerem
mais ele temia que os dois sobrevivesse por causa da magia então o jogou uma maldição
que as duas crianças toda noite sonharia tudo que havia acontecido com seus país ao seja
todas suas mortes mais claro que ele apagou o Leonard desses sonhos assim eles não
poderiam se lembrar que havia tido outro irmão e também admirado pela a beleza do
terceiro filho ele sentiu que aquele menino era a própria reencarnação da luz e que no
futuro poderia ser um problema a Leonard então ele jogou uma magia de fogo e não deu
certo pelo um escudo que a criança havia criado então ele invocou um golem o mesmo foi
destruído pelo o escudo então ele viu que não podia os matar por que o menino havia seu
sangue ele controlava as duas magias luz e trevas e um mago que controlava isso poderia
ser invencível então ele invocou uma magia antiga apenas no Vítor ele quando a magia das
trevas fosse libertada na criança ela cairia no sonho que apenas o beijo do amor verdadeiro
poderia o salvar assim o mago deixou as dua crianças na floresta e foi a seu castelo Vitor e
Alice foram encontrados pelo o velho chamado hector que viu no lenço que as crianças
estavam enroladas os seus nomes o velho não podia deixar as crianças então o levou os
com ele e aos passar do anos ele viu que toda noite as crianças choravam e dizia que havia
sonhado a mesmo coisa o velho entedia de magia já que o próprio lhe havia botado uma
magia que viveria para sempre ou seja a imortalidade mais o velho criou amor pelo os
jovens quando eles chegaram aos dezesseis anos o velho decidiu que não podia ver suas
crianças chorar então o velho se lembrou que ele poderia acabar com qualquer magia mais
em troca ele teria que acabar com sua imortalidade e todos os anos que ele já havia vivido
voltariam de uma vez então o velho decidiu que acabaria com a maldição dos seus filhos
então ele se lembrou da amiga violet que morava em Arakiel então ele iria pedir que a violet
cuidasse dos seus filhos então ele foi mais os jovens a Arakiel e falou com violet e ela
aceitou as crianças já que nunca ela havia e nem poderia ter filhos por causa de uma
doença que teve mais jovens então ele deixou os jovens dormir e recitou a quebra da
maldição do jovens
‘’ eu que bebi do poço da imortalidade e ganhei a vida eterna agora troco minha
imortalidade mesmo sabendo que morrerei para quebrar maldição que caem sobre esses
jovens ‘’
Então o quarto todo se iluminou e os jovens acordaram uma luz cobriu os três e a última
coisa que o hector fez foi abraçar Victor e Alice e murmurar essa palavras
‘’ meus caros filhos eu quebrei a velha maldição que haviam jogado em vocês com minha
vida mais saiba que não me arrependo disso pois amo vocês e faria isso mil vezes se
precisasse então não quero que sejam crianças tristes e assim alegres e loucos como
sempre foram agora junto a mim eu levarei esse seus sonhos que tanto lhe perturbar meus
filhos eu amo vocês “
Então os dois caíram chorando e Alice se pronunciou
Vitor que tal fazemos um pacto nos não choraremos mais por nada e seguiremos nossas
vidas loucos e alegres como sempre fomos ­ então ela com o dente cortou a ponta do
dedão
Sim ­ então Vitor também cortou com o dente a ponta do dedão
Então um botaram um dedo do outro na boca assim firmando o pacto
Agora que estamos na cidades finalmente vamos encontrar nosso amor ­ pronunciou Vitor
Claro e também e acharei minha princesa e você seu príncipe ­ falou Alice rindo
Então um sugou o dedo do outro e assim vamos começar essa história de cabeça pra baixo


Notas Finais


Tomara que tenham gostado dessa história esse é só o prólogo vcs decidem se eu posto próximos capítulos ou não

Obs : Gente meu notebook tá no concerto mais quando ele volta pra minhas lindas mãos eu vou revisar ( mesmo sendo ruim nisso ) toda a história para ficar melhor pra vcs lerem
Bjs do Vitinho


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...