História Contos eróticos+18 (Sexo) Larry Stylinson - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias One Direction
Personagens Harry Styles, Liam Payne, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Mais Sexo, Sexo
Visualizações 123
Palavras 638
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai
Avisos: Adultério, Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Lembrando que Harry não gosta de whatsapp 😂😂😂

Meu filho é de mais 💙💚

Capítulo 18 - Conto 18


Louis Tomlinson
brincando sexualmente, excitando seu baby...

#NAMORO #A #DISTANCIA

Era um dia como outro qualquer acordei, arrumei algumas coisas e fui para o whatsapp falar com Harry.

Uns dias atrás ele me deixou com tanto tesão só dizendo algumas palavras quentes, logo pela tarde quando acabou seu expediente no trabalho Harry me ligou pra gente começar mais um sexophone, eu tava muito excitado e quando já estava no clímax a mãe dele chegou e melou nossos planos de foda, fiquei subindo pelas paredes, mas sabia que teria que me controlar, pois havíamos prometido que só fariamos algo juntos, depois dessa tomei um banho bem gelado para diminuir o fogo.

Tia Anne não deu tempo e ficamos uns 4 dias sem sexo. Passou o feriado e a gente não se falou, foi aí que tive uma idéia, fui na rua aproveitando a ausência dele e comprei um gel com a embalagem semelhante a um pênis. Embalagem que media 15 cm e era muito grossa.

Cheguei em casa comecei a tirar fotos e enviar no whats dele, pois eu sabia que no dia seguinte Harry estaria tão louca quanto eu.
Enviei as fotos e fiquei aguardando ansioso.

No dia seguinte lá estava ele, abriu a pág e logo foi baixando as fotos, quando as fotos ia sendo carregadas ele ficava surpreso. Assim ele disse..

Depois de baixar as fotos ele me chamou no whats e disse que gostou da boxer roxa que eu estava usando, Harry disse que não precisariamos de gel pois ele usaria o próprio pré gozo para me lubrificar quando viesse na minha casa, ai eu respondi que não pretendia usar o gel e sim a embalagem.

Harry pensou por alguns segundos e logo entendeu meu plano infalível.
Quando o cacheado entendeu logo o pau dele ficou ereto e ele precisa me ligar pra gente fazer amor.
Mas como na casa dele tinha alguns parentes, devido ele ainda morar com a mãe não deu pra ele ligar no momento, aí o maior pediu pra eu enviar fotos pra ele, enviei varias fotos de minha bunda empinada, por ultimo tentei enfiar a embalagem na minha entrada para mandar a foto pra ele, só que minha entrada é apertadinho e a embalagem grossa, não queria entrar fazendo eu ter um pouco de dor.

Meu amor deixou bem claro que queria foto da embalagem dentro de mim.
Falei que não cabia e ele disse pra eu me virar, pois ele tava com muito tesão e queria se masturbar  comigo usando aquela embalagem.

Forcei e a embalagem entrou quase que rasgando tudo,tirei a foto e mandei pra ele.
Quando a foto chegou lá ele ficou louco, disse que na casa dele tinha a mãe e alguns parentes, mas que ele não aguentava mais e queria fazer um sexophone naquele momento mesmo.

Foi aí que ele me ligou, eu já estava com a embalagem do lubrificante dentro do meu orifício.
Harry falava comigo do outro lado da linha.

- Oi amor, eu queria tanto te foder pessoalmente.

E foi assim que começamos, falei que ia obedecer as ordem dele direitinho na cama, pois é assim que Harry gosta. Ele pediu pra eu rebolar e gemer.. assim fiz.

Comecei a chorar de dor e prazer, Harry escutando aquilo tudo ficou inda mais louco e gozou fortemente após se masturbar, quando eu já estava quase gozando avisei pra ele aos soluços.

- Isso baby, goza gostoso.

Gemi alto liberando todo o ar de meus pulmões, o maior falava do outro lado da linha pra eu não parar de bombar, quem mandava era ele eu só teria que obedecer.

– Queria está aí fazendo o serviço dessa embalagem.

Fiquei de lado, de frente, de quatro, e gozei intensamente só com o som rouco de sua voz.

Depois dessa masturbação  gostosa fiquei andando com as pernas meio aberta, mas faria tudo outra vez só para agradar meu boy dos olhos verdes.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...