História Contos Hentai. - Capítulo 2


Escrita por: ~

Visualizações 806
Palavras 1.297
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Colegial, Ecchi, Famí­lia, Fantasia, FemmeSlash, Festa, Ficção, Harem, Hentai, Magia, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Slash, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Self Inserction, Sexo, Transsexualidade
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


[Isso é apenas um conto, nada escrito é um spoiler do jogo, filme, série ou alguma outra coisa. Todos os personagens apresentados são ficcionais. Vocês podem dar sugestões de personagens ou alguma outra coia para eu escrever. Boa leitura.]

Capítulo 2 - Jeff The Killer 1.


Era mais uma noite fria, ainda não estava chovendo como de costume, e por culpa disso o clima estava abafado e quente, eu acabei de matar mais uma pessoa, minha jaqueta branca estava com várias gotas de sangue por toda sua extensão, se você estiver se perguntando... Sim, eu sou Jeff The Killer, não é difícil matar pessoas, eu apenas escolho a mais vulnerável, a sigo até sua casa, e fico na torcida para que lá dentro tenha mais de uma pessoa, matar é uma das melhores sensações do mundo, mas sempre depois de fazer um banho de sangue, eu sinto que alguém fica me observando ao longe, fora da minha área de visão, eu não fico nada assustado quando isso acontece, mas que me irrita e me deixa agonizado até o fundo da minha alma deixa... 


-Por que ninguém me acha lindo?! - Digo enfurecido bebendo mais um pouco de vodka, sentado no canto de um beco - Eu sou o mais lindo!


 -Mais uma crise Jeff? - Uma voz feminina muito familiar ecoou no beco.

 

-J-Jane?! - Me levantei alerta, já com a faca em mãos - O que quer aqui?! Veio me matar de novo?!


 Ela saiu das sombras e eu vi minha antiga conhecida, fazia muito tempo desde nosso último encontro a alguns anos, ela tentou me matar como sempre fazia, mas dessa vez ela estava diferente, seu vestido preto estava mais colado e apertado em seu corpo, realçando bem mais suas curvas e seu corpo escultural, havia um corte em seu vestido, mostrando suas lindas pernas a cada passo que ela dava em direção a mim, seu corpo estava mais belo do que a última vez, suas pernas mais bonita, sua bunda maior, e seus peitos mais grandes e bonitos...


 -Não Jeff, eu vim te chamar pra entrar no lado do Slender também. - Ela parou a minha frente, mesmo tentando muito, eu não consegui ficar sem olhar pro corpo dela.


 -Você sabe que eu não me volto pro lado daquele poste de jeito nenhum! - Disse voltando minha atenção até seus lindos olhos escuros.


 -Ele disse que você é uma força útil pra gente Jeff, as forças de Zalgo estão aumentando, precisamos de você. - Sua voz soou tranquila e até mesmo um pouco triste - Eu faço qualquer coisa pra te levar comigo, qualquer coisa mesmo...


 -Qualquer coisa em Jane? - Digo passando minha mão por sua cintura - Acho que você não veio só porque o Slender pediu...


 -Faz um tempinho que estou de olho em você Jeff... - Jane disse em baixo no meu ouvido - Eu tenho que admitir que você é bem gatinho...


 -Será que você entende disso o mesmo tanto que você entende de matar pessoas?! - Ela pulou e eu a segurei pelas pernas, a prendendo contra a parede do beco logo em seguida.


 -Quer tirar a prova...? - Ela disse e em seguida mordeu o lábio inferior - Mas que tal acharmos uma casa, eu sinceramente não estou afim de transar no beco...


 Saímos dali já trocando carícias um com o outro, a casa da minha última vítima só ia ficar mais movimentada pela manhã, quando os policiais chegassem, então nosso lugar ia ser lá, eu não queria ir para o lado do Slender, mas com essa proposta de Jane, quem podeira recusar?


 -Você é tão gostosa Jane... - Disse abrindo a porta já trocando beijos e tentando tirar sua roupa - Acho que devíamos ter parado essa briga a anos...


 -Concordo plenamente Jeff... - Ela abriu o zíper de minha jaqueta facilmente e em seguida deslizou seus dedos frios até minha calça - Será que você é tudo que aparenta ser...?


 -Descubra por si mesma Jane. - Disse enquanto ela me empurrava pro sofá e se ajoelhava em minha frente.


 -Vamos ver... - Ela tirou meu pau já duro dentro da minha calça, era fácil ver sua feição impressionada com meu tamanho - Wow Jeff, você até que é grande...


 Depois de dizer isso, ela lambeu toda a extensão do meu pau, me fazendo já delirar um pouco, sua língua passeava a babava todo meu membro, um grande sorriso habitava em seu rosto enquanto fazia isso, mas ela não parou nisso, depois de alguns segundos nesse processo, ela começou lamber circularmente a cabecinha, me fazendo delirar ainda mais, em meses, não, anos eu não tinha sentido nada desse jeito..


 Quando ela começou me chupar aos poucos, eu soltei um pequeno gemido jogando a cabeça para trás, fazia realmente muito tempo da última vez em que senti uma boca fazendo isso em mim, a cada tentativa de ir mais fundo, ela engasgava um pouco, mas ela não desistia e apenas continuava me chupando, masturbando o resto com as mãos...


 -Está gostando Jeff...? - Ela disse um pouco ofegante ao tirar o pau de sua boca e ficar me masturbando enquanto me olhava - Porque eu lhe garanto que estou amando muito isso tudo...~


 -Se eu for pro lado dele, e receber um desses alguns dias na semana, eu juro que o traio tão cedo. - Dei uma risadinha enquanto passava a mão em seu cabelo.


 -Você é tão bom Jeff... - Isso foi a única coisa que disse antes de voltar a me chupar com tudo. Em sua primeira investida ela já muito fundo, me surpreendendo bastante, eu não ia aguentar muito nesse ritmo, logo logo eu já ia gozar, mas eu tive de resistir o máximo possível, esse boquete foi o melhor que recebi em toda minha existência...


 Não demorou pra eu gozar dentro da boca dela, eu não avisei porque senão ela ia tirar ele pra fora, e isso não seria nada legal, então quando gozei, ela se engasgou e tentou engolir o máximo possível de minha porra, mas não demorou pra ela tirar da boca e deixar um pouco cair no chão...


 -Quando for gozar avisa... - Jane disse bem ofegante, engolindo a porra que estava em sua boca em seguida - Você aguenta mais uma?


 -Eu quero te fuder agora... - Disse olhando para seu corpo enquanto ela se levantava e tirava sua calcinha.


 Depois de tirar sua calcinha, ela se sentou em cima de mim me encarando enquanto rebolava em meu colo, seus olhos brilhavam lentamente, e eu conseguia sentir seu intimo molhado nas minhas pernas, ela gemeu alto e tremeu um pouco quando começou me colocar dentro de si, e eu apenas sorria e a ajudava, aproveitando ao máximo esses momentos, mesmo sabendo que depois eu ter melhores, mas mesmo assim, eu queria muito aproveitar esses momentos e os guardar eternamente em minha mente.


 -Me fode Jeff... - Jane disse gemendo alto e descontroladamente enquanto quicava no meu pau - Me fode com força...


 -Você gosta? - Dei um tapa consideravelmente forte em sua bunda, apenas pra ouvir ela gemer meu nome mais e mais - Quem diria que eu ia ver Jane The Killer implorando por mais sexo em cima de mim...


 Depois de um tempo nesse processo, já estávamos cansados e suados, nosso suor se misturava em nossas pernas, aumentando cada vez mais o calor entre eu e ela, mas tudo que é bom acaba uma hora não é? Então os gemidos dela cessaram quando tirei meu pau de dentro de seu intimo e gozei bastante em seu vestido preto, a cair em meu ombro, cansada e ofegante, eu tenho que admitir, essa foi a melhor noite da minha vida...


 -Então Jeff... - Ela se levantou um pouco bamba e colocou sua calcinha novamente - Está do nosso lado agora?


 -Agora eu estou do seu lado Jane. - Arrumei minha calça e me levantei, a beijando em seguida, e do nada, um chiado começou ecooar em minha cabeça - Ele já está aqui nos esperando...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...