História Contra Os Instintos (ABO) - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, Got7
Personagens Baekhyun, BamBam, Chanyeol, Chen, D.O, Jackson, JB, Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jinyoung, Jisoo, Jungkook, Kai, Lay, Lisa, Mark, Personagens Originais, Rap Monster, Rosé, Sehun, Suga, Suho, V, Xiumin, Youngjae, Yugyeom
Tags Abo, Bts, Jungkook, Jungkook Alfa
Visualizações 19
Palavras 1.700
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Ficção, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Muito obrigada pelos 10 favoritos
♥♥♥♥♥♥♥♥♥♥

Capítulo 5 - "Pode se afastar? "


Fanfic / Fanfiction Contra Os Instintos (ABO) - Capítulo 5 - "Pode se afastar? "

Química, matemática, português e várias outras matérias que eu simplesmente taquei o foda-se. Todo o tempo senti ele me observando, mas ignorei o máximo que pude, nem sequer o olhei. Tenho a impressão de que se eu o encarar é capaz de eu me afogar no mar negro de seus olhos. O sinal para o intervalo me faz acordar de meus devaneios, não acredito que vou perder tempo apresentando a escola aff. 

- Ai! - Mel reclama ao receber um tapa muito bem dado na nuca. 

- Isso é para você aprender a não nos comprometer, só porque achou um alfa bonitinho. Onde você estava com a cabeça?! Sabe que eu não gosto de ter contato com alfas e ainda por cima não vamos nem aproveitar o intervalo - estava bem puta com ela.

- Fale por vocês, quero bater um papinho com aquele alfa pálido ali - ela fala apontando com a cabeça - aliás, você percebeu que o alfa lúpus de cabelo preto não parou de te olhar, acho que estou te fazendo um favor - eu quase corei, quase.

Percebi e caguei pra isso, agora vamos logo antes que eu perca a pouca paciência me resta.

Saímos da sala, dando de cara com onze pessoinhas nos esperando. Juro, eu tentei parecer animada e acho que consegui, pois eles sorriram. 

- Tá, o que vocês querem conhecer? - falo guiando eles pelos corredores. 

- Eu queria saber onde fica a sala de música - um garoto pálido fala. 

- Claro, vem comigo - todos me seguem pelos corredores da grande escola. Paramos em frente à um porta preta a qual estava escrito: "sala de música, apenas para estudantes " , ou seja, nem os professores podem entrar. Abro a porta e vejo uma enorme sala, onde há todos os tipos de instrumentos e uma cabine de gravação que é usada para treinar o vocal e habilidades com rap.

- Nossa, se eu soubesse que o equipamento daqui era tão bom eu teria vindo antes - o pálido fala encantado com a sala. 

- Qual é o seu nome mesmo? - Mel fala se aproximando do garoto. 

- Min Yoongi, mas prefiro Suga - ele aperta a mão dela fazendo ela estremecer um pouco, o tal Suga também pareceu ter levado um choque. 

- Melanie Braga, mas me chame de Mel - eu rio baixo logo após ela falar isso - que foi, doida? 

- É que Suga em inglês é açúcar, Mel em português é mel (só pra lembrar, eles tão na Coréia e não conhecem quase porra nenhuma de português) mel com açúcar, eu shippo - falo e os dois bufão e reviram os olhos. 

- Vai te ferrar! - os dois falam juntos, todos riem, menos os dois. 

- Eu também shippo! - olho para o lado e vejo Jungkook vindo em minha direção, então ele para ao meu lado. 

- Mel com açúcar, a combinação mais doce e o casal mais azedo que vai existir - falo e todos caem na gargalhada. 

- NÓS NÃO SOMOS UM CASAL!!! - eles falam juntos - caralho! Para de repetir o que eu digo!!! - de novo eles falaram juntos o que só aumentou as risadas. 

- Tá, deixando isso pra depois, quem vai ficar e quem vem comigo? - falo e eles se entre olham. - Tá bom, Suga, Namjoon, Lisa, Jennie, Hoseok e V vão ficar com a Mel, o resto vem comigo - falo e eles me seguem novamente.

- Você tem certeza de que é ômega? - A Park pergunta - você tem jeito de alfa. 

- Tenho certeza que sou ômega, só não baixo a cabeça para alfas, muito menos ser submissa - falo dando de ombros. Logo ouço um berro, conheço essa voz muito bem. Todos os ômegas se encolhem, menos eu que dou um suspiro cansado. Viro-me devagar para ele buscando uma paciência do fundo da minha alma, se meus olhos mudarem agora tô fudida.

- O que você quer, Mark? - Jandi põe a mão sobre meu ombro, tentando me passar tranquilidade. 

- Terminar a conversa de hoje mais cedo - ele fala ignorando os alfas lúpus e confesso que achei engraçado. 

- A conversa já acabou, eu não vou sair você e ponto final. Agora se me der licença, tenho que apresentar a escola - olho para os novatos - cubram os ouvidos dos ômegas. - Eles fazem o que eu pesso e eu sigo em frente. 

Os latidos deles já não me afetam mais, mais uma conquista. Sinto duas mãos em volta dos meus ouvidos e logo as tiro.

- Eu não preciso disso - falo andando mais rápido. 

- Sério? Você não é normal - é a voz de Jungkook. 

- E isso é ruim? - pergunto calma. 

- Não sei - ele responde. 

Fomos para a sala de culinária e me surpreende o grito que a ômega ruiva deu ao entrar no lugar. 

- Chany! - ela grita e abraça o alfa que estava dentro da sala. Baek pareceu não gostar da aproximação dela com o namorado.

- Quem é você? - Baek pergunta. 

- Minha prima - Chanyeol responde. Ele é um dos poucos alfas que eu respeito, não por ser alfa, mas pelo seu coração. 

- Hm - Baek é meu amigo, mas é muito ciumento. 

- Baek, não precisa se preocupar, não sou ameaça, aliás, fui eu que ajudei ele a te pedir em namoro - Rosé se defende - o Chany tá sempre falando de você e pedindo conselhos, nem perguntar se minha mãe tá bem ele pergunta, é Baek isso, é Baek aquilo. Ah, você sabia que quando ele dorme... - ela não pode terminar de falar, porque um Chanyeol com o rosto parecendo quase um tomate tampou a boca dela. Os olhos de Baek brilharam ao saber que o namorado era tão apaixonado por ele. Rosé tira a mão do primo da boca e tenta empurrar ele - Baek eu tenho vários podres dele que eu TENHO que te contar - todos já estavam rindo da cara de Chany. E ele? Estava de cabeça baixa, todo vermelho. 

- Rosé, não te conheço, mas já vi que é das minhas - Baek fala e todo o ciúmes que ele tinha desapareceu.

- Não sei se estou triste ou feliz por terem se dado bem - Chany fala. 

- Pode ter certeza que é triste - falo rindo. Conheço o Baek e sei que ele não vai deixar a oportunidade de deixar o namorado constrangido passar. - Ok, quem vai ficar aqui? 

- Eu vou ficar aqui com o Chany - o Park fala se aproximando do Chany - você tá ferrado, juntar a Rosé com seu namorado vai dar merda. 

- Ei! Eu tô aqui Jimin! Que seja, eu vou ficar com o Baek. 

- Bom, eu e meu irmão vamos ficar porque precisamos nos matricular - a Jisoo fala com um sorriso doce. 

- Eu vou acompanhar eles - Jandi diz. 

- Sobrou? - apesar de saber a resposta ainda tenho esperança de ele ficar. 

- Eu! - é, o Jungkook não mudou de idéia. 

- Ok, vamos - falo já saindo pela porta - onde quer ir? - viro-me para ele. 

- Sala de dança, quero me inscrever - ele fala se aproximando. 

- Tá, siga-me - falo dando as costas para ele. 

Ele me segue e percebo que ele está chegando perto, tipo muito perto mesmo. 

- Sabia... - ele começa. Ele estava com a boca quase colada na minha orelha, tão perto que ele só precisava sussurrar - que você tem um cheiro incrivelmente forte de rosas - ele ainda tem a ousadia de cheirar levemente o meu pescoço. 

- Sabia - se ele pensa que eu vou baixar a guarda está muito enganado - você não é o primeiro a me dizer isso e não será o último - aperto o passo me afastando. Tenho certeza que essa frase foi como um soco no estômago. 

Paro em frente à sala de porta preta, a sala de dança. Abro a e dou espaço para que ele entre. A sala é grande, tem uma parede com 3 metros de altura e 18 de comprimento toda coberta com um espelho, na minha opinião é grande. Tem uma caixa de som do lado direito e ao lado esquerdo uma parede cheio de quadros de competições de dança que nós participamos, vários prêmios estavam em prateleiras da parede. Eu estou presente em várias fotos, eu amo dançar, me faz feliz. 

- Você faz dança? - ele pergunta observando com atenção as fotos. 

- Pergunta meio óbvia considerando que está me vendo nelas - falo me referindo às fotos. 

- Mais respeito, sou um alfa lúpus. Deve ter medo de mim - ele fala convencido. 

Dou uma risada sem humor e ele me encara confuso. Encosto minhas costas na parede contrária ao espelho, ao lado da porta. 

- Medo? De você? Nunca - falo seca. Como a Mel já disse, eu dando fora sou cruel, mal espero a hora de dar um fora nele. Odeio alfa que se acha. 

Ele vem em minha direção como um predador, olhar ameaçador e um sorriso maldoso nos lábios. Qualquer ômega já teria estremecido a muito tempo, já eu por outro lado estava completamente calma. Corpo relaxado, respiração serena, batimento cardíaco normal, - aprendi que eles conseguem analisar isso da pior maneira - olhar descrente e rosto indiferente. Minha máscara de calmaria escondia bem o turbilhão pensamentos em minha cabeça, todos sendo comandados pelos malditos instintos de baixar a cabeça. Ele prensa meu corpo com o seu na parede, colocando as mãos uma de cada lado me impedindo de sair. 

- Agora está com medo? - ele fala com o rosto bem perto do meu. Seu olhar parece me analisar a cada segundo, confesso que estou começando a ficar bem desconfortável. 

- Pareço estar com medo? - falo desinteressada. Ele vai se aproximando mais do meu rosto e quando percebo o que ele vai fazer viro o rosto.- Pode se afastar?

- Não.

Antes que eu pudesse sequer reagir ele segura meu rosto e ataca meus lábios. 

Fiquei sem reação... 

Isso não acontece a muitos anos...




Notas Finais


Por favor, deixem nos comentários quais shipps vocês gostariam que tivesse (vou tentar arrumar o shipp do Mark e do Jackson, mas não prometo nada )


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...