História Coração Angelical - Capítulo 29


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Anjos, Aventura, Escolar, Magia, Poderes, Suspense
Visualizações 19
Palavras 599
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Escolar, Fantasia, Magia, Romance e Novela, Suspense, Universo Alternativo
Avisos: Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Manipulada
"Meus passos, minhas conquistas, minhas vitórias não me traziam felicidade, pois eles não eram meus. Eles são as ordens de alguém."

Capítulo 29 - Descoberta


Fanfic / Fanfiction Coração Angelical - Capítulo 29 - Descoberta

Eu fiquei parada encarando Camille, esperando que ela fale que era apenas uma piada, mas isso não aconteceu. Eu procurei algo para falar, algum comentário para fazer, alguma explicação para o que acabou de acontecer, mas nada. Nada, não conseguia pronunciar nenhuma palavra, então eu apenas fiquei ali, parada, pensando em algo para fazer.
      Ela me olhava esperando uma resposta, uma reação, algo. Sua expressão era triste, ela queria que eu fizesse algo, mas não havia nada para fazer. Lágrimas começaram a surgir em seus olhos, ela abriu sua boca tentando falar algo, mas desistiu.
      Camille tentou enxugar as lágrimas, mas falhou. Ela cobriu seu rosto e começou a chorar. Eu coloquei minha mão em seu ombro, tentando confortá-la.
      - Calma, está tu-
      Ela me abraçou forte, colocou sua cabeça em meu ombro e apertava minha camisa.
      Eu não estava entendendo nada. Coloquei minha mão em sua cabeça e sussurrei.
      - Calma... Você consegue me explicar o que aconteceu....?
      Ela disse, chorando.
      - S....si...sim....
      - Primeiro se acalme, não precisa se apressar, eu estou aqui....
      Ela enxugou suas lágrimas, respirou fundo e me soltou. Começou a falar com calma, ainda chorando um pouco.
      - E-eu s-sou um ro-robô.... meu p-pai era ci-cientista, ele me construiu d-durante um experimento.
      Ela respirou fundo e continuou.
      - E-ele estava fazendo um experimento sobre partes robóticas mais realistas e resistentes para deficientes, eu realmente pareço u-uma menina normal, minha pele é macia e meu cabelo é real. E-eu sou a prova de água e sou o primeiro protótipo de robô assim.
      - Isso é verdade...?
      - Sim.... meu p-pai me construiu para ser uma menina perfeita: bonita, inteligente, gentil, paciente, corajosa e criativa. Eu não escolhi dançar, ele me força, eu não quero ser perfeita, ele me força, eu quero ser livre, ele não permite.
      - Então mostra para ele, ele não pode fazer isso com você, você tem direito de ser o que quiser.
      - E-eu não p-posso.... Quando eu não faço o que ele quer, ele m-me t-tort-tura...
      - Que horror! Mas isso é crime, ele não pode fazer isso!
      - Ele pode, todos acham que eu sou um robô sem emoções e que devo fazer tudo que querem. Eu não tenho os mesmos direitos que vocês humanos, eu não sou quem, eu sou o que.
      - Eu vou te ajudar então. Eu vou te ajudar a ganhar seus direitos, custe o que custar. Apenas me diga o que fazer.
      - Você vai realmente fazer isso por m-mim?
      - Claro que vou!
      - Então... mate meu pai e minha mãe.
      - Hum!?
      - Os mate, eu sei que você não é humana, eu sei do que você é capaz. Me mostre que você é minha amiga e mate meus pais.
      - Não! Eu não posso fazer isso....
      - Eu SEI o QUE você é... Se você quer me ajudar então faça isso...!
      - Eu não posso apenas matá-los! - Respondo.
      - Então me dê seus poderes para que eu possa matá-los! - Insiste
      - NÃO!
      Ela vai chegando mais perto de mim com um olhar assustador e ganancioso, eu dou passos para trás me afastando. Quando eu percebo eu estava no desfiladeiro e ela estava prestes a me derrubar.
      - Camille para!
      Ela ignora meu pedido e com uma força anormal me empurra.
      - Adeus.... Mist....
      Seu rosto foi se afastando do meu, eu estava caindo.


Notas Finais


Obrigada por ler! Espero que estejam gostando. Eu gosto de deixar vocês curiosos~! Até o próximo capítulo!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...