História Coração indomável e imprevisível - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO, Super Junior, TWICE
Personagens Baekhyun, Chaeyoung, Chanyeol, Chen, Cho Kyuhyun, Choi Siwon, D.O, Dahyun, Han Geng, Heechul, Henry Lau, Jihyo, Jimin, Jin, Jungyeon, Kai, Kangin, Kim Heechul, Kim Jongwoon, Kim Kibum, Kim Ryeowook, Kim Youngwoon, Kris Wu, Lay, Lee Donghae, Lee Hyukjae "Eunhyuk", Lee Sungmin, Lu Han, Mina, Momo, Nayeon, Park Jungsu, Personagens Originais, Rap Monster, Sana, Sehun, Shin Donghee, Shindong, Suga, Suho, Tao, Tzuyu, V, Xiumin, Yesung, Zhou Mi
Tags Aruna, Kpop, Romances
Visualizações 15
Palavras 695
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, FemmeSlash, Festa, Ficção, Mistério, Policial, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá, meu amorzinhos! ! Tudo bem com vocês?! Não sou muito experiente com isso.
mas eu prometo dá o meu melhor. Fiz com muito amor e carinho quero que leiam com atenção 😌

Aviso: essa fanfic é de autoria minha, por favor não retire nada daqui. Plágio é crime.

Sem mais delongas vamos começar a fic.
Beijos no kokoro💟💟💗💗💖💖

Capítulo 1 - A história de Aruna


Fanfic / Fanfiction Coração indomável e imprevisível - Capítulo 1 - A história de Aruna

Aruna kwan Nyunah, meu nome,tenho 17 anos,estou cursando o terceiro ano do ensino médio. Irei contar um pouco sobre a minha história, mas primeiro falarei da minha personalidade. Sou uma pessoa cuja personalidade é forte. Não aceito indiretas e muito menos engulo desaforos, sou muito sincera e digo na cara o que penso sem me importar se vai machucar alguém ou não. Falo o que quero, escuto o que não gosto, mas eu não ligo. Sou curta e grossa, gosto logo de ir direto ao assunto. Não gosto de enrolações e odeio fofocas, pois, para mim fofocas podem e são transformadas em intrigas. Às vezes sou intolerante e arrogante, sou impaciente parcial, eu aguento até certo ponto. Sou como uma bomba relógio tenho meu tempo limite de explodir. Deixando de falar sobre a minha personalidade eu vou contar um pouco a história da minha vida. 

Eu nasci em manp'o uma cidade do noroeste da coreia do norte,localizada na província de Chagang. Fui criada e registrada em Daegu, coreia do sul. Não ache isso estranho, porque eu sou adotada! Isso mesmo! Minha mãe biológica me abandonou quando eu tinha acabado de nascer. Ela me deixou em um brothel ( casa de prostituição ). Por causa disso eu não tenho nenhuma vontade de conhecê-la. Vou começar do início para melhor compreensão:

'há muitos anos atrás,minha tia yura,irmã da minha mãe adotiva; queria adotar uma criança. Mas como não tinha condições financeiras, ela ; que morava na Coréia do Norte na época; ligou para Myn Nyunah,minha mãe adotiva,dizendo que havia uma criança recém-nascida e que essa criança era uma menina. Minha mãe veio correndo para a Coreia com a passagem paga pela irmã de meu pai, que era sul-coreana  e tinha feito esse favor porque ela gostava muito da minha mãe e ela era rica. Continuando... minha mãe foi com a minha tia ao brothel onde eu estava enrolada nuns lençóis de cama. Do mesmo jeito que nasci,sem roupa nenhuma. Não tinha tomado um banho sequer! Minha mãe me pegou no colo e chorou ao me ver tão frágil e pequenina,eu nasci pré-matura tinha apenas 1,800kg. Então ela falou com a dona do brothel perguntando se ela conhecia a minha mãe verdadeira ela respondeu que não,pois, eu fui abandonada na porta do brothel e não se sabe quem me deixou lá. Depois que ela retornou à coreia do sul,fui criada lá com mais quatro meninas.ela morreu com apenas 53 anos de idade deixando cinco filhas; hanna kwan Nyunah com 18 anos, Amy Kwan Nyunah , Myka Kwan Nyunah, Kim kwan Nyunah e eu com apenas 2 anos. Hanna é filha verdadeira de Myn Jung Nyunah (mãe adotiva) com Viktor Mi-cha kwan (pai adotivo). Amy é filha do meu pai (viktor) com outra mulher. Minha só soube quando a mãe de Amy morreu assim que ela nasceu. Como ela não tinha parentes , meu pai não tendo outra solução abriu o jogo e contou a verdade, que a  havia traído. Minha mãe criou a Amy como sua filha junto com a Hanna. 11 anos mais tarde minha mãe teve gêmeos, mas não sobreviveu. Com essa notícia inesperada,Myn Jung se desesperou. Foi aí que apareceu Kim e Myka na porta da sua casa. Kim recém-nascida e Myka com dois anos. Dois anos depois eu fui adotada. Dois anos depois Myn Jung morre. Deixando cinco filhas,uma maior de idade e três menores. Nossa família passou a ser sustentada pela Hanna, porque o nosso pai tinha perdido o emprego por conta de uma crise política. Hanna estava se formando na faculdade de direito e trabalhava para pagar a faculdade e o sustento da família. Cinco anos depois nosso pai morre com cancer pulmonar, o que nos deixou desesperadas. Amy caiu em uma depressão profunda. Mais tarde,quando Amy se recupera da depressão, Hanna fica desaparecida e dois anos após o desaparecimento é encontrada morta. Não se sabe até hoje o motivo do crime, porque Hanna era uma garota amada por todos, logo, esse foi mais um crime brutal de uma sociedade maldosa.

Então essa é a minha história, um pouco sofrida, mas é assim que vou levando a vida. Vou dormir amanhã eu terei aula.



Notas Finais


Olá, meus amores ! Acabou o primeiro capítulo ! Espero que tenham gostado 😊☺☺😀 deixem nos comentários
Me perdoem os erros.
Beijos da tia vi😙😘😚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...