História Corações em chamas - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Pokémon
Tags Pokémon
Exibições 36
Palavras 1.298
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Slash, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Ola pessoa, tudo bem com vocês!
Esta aqui mais um capitulo para vocês, desculpem pelos erros de portugues, é que eu não me dou muito bem com o portugues, mas eu tento não errar muito!
Enfim, esta ai, leiam, se divirtam, e até a proxima um grande abraço no coração de vocês!

Capítulo 5 - Uma roda gigante e um pedido


  A luz do sol da manha brilhava, o céu estava azul quase sem nuvens, e a cidade de pallet estava calma, era domingo e dois garotos estavam deitados sobre a grama de um campo aberto, Ash e Gary os dois já haviam se declarado, nada de especial aconteceu, a não ser para os dois que um ficar com o outro já era especial.

  A manha passou e ambos já estavam indo cada um para sua casa, mas Gary teve de chamar por Ash:

-Ash, nós estamos nos separando agora, mas a noite eu quero levar você num lugar!
-Ta bom, mas aonde você vai me levar?
-Surpresa, eu vou te buscar na sua casa, esteja pronto as 20:00 horas!
-Tudo bem, eu te espero, até mais Gary!
-Tchau Ash!

  Então os dois se despediram com um longo beijo e um forte abraço, e ambos seguiram seus caminhos.

  Ash chegou em sua casa e já foi abordado por sua mãe:

-Ash querido, onde você estava?
-Desculpa mãe, esqueci de te avisar, eu e o Gary fomos dar uma volta e paramos num campo aberto!
-Tudo bem então, ele não vai almoçar aqui?
-Infelizmente não, mas ele disse pra mim que vai me levar num lugar hoje a noite, ele só não disse onde!
-Ash, vocês estão namorando?
-Não, ainda não, ele ainda não me pediu ainda, mas acho que ele vai pedir, não teria problema se eu namorasse um garoto?
-Você gosta dele?
-Sim eu gosto, e ele já tinha se declarado pra mim, só que eu pedi para ele esperar um pouco para eu pensar!
-Então, você não terá problemas comigo, você gosta dele e isso vai te fazer feliz, e é tudo o que eu quero, ver meu filho feliz!
-Nossa mãe, assim você me deixa sem jeito, obrigado, eu te amo?
-Que isso meu filho, então vamos almoçar, que a comida já esta pronta!
-Mãe, você pode me ajudar, é que eu tive um pesadelo?
-O que aconteceu?
-Foi tipo assim, eu estava na praia e tinha acabado de sair de casa pois você e o papai haviam me expulsado, pois vocês descobriram da minha sexualidade e não gostaram, e bastante pessoas que nós conhecemos me falaram bastante coisas ruins, ai eu fui pra praia e o Gary apareceu eu fui correndo para abraçar ele, mas ele me parou e começou a falar que vocês me pediram para ele descobrir se era verdade, ai vocês descobriram e me expulsaram, ai eu pensei em me matar, e foi isso que eu fiz, eu mergulhei no mar até o fundo e eu esperei o tempo passar, ai eu acordei!
-Nossa filho eu e seu pai fizemos isso mesmo?
-Sim, mas creio que na vida real vocês não fariam isso!
-Claro que não, e olha tenho certeza que esse sonho veio para te alertar que você vai ser mais feliz!
-Como assim, vou ser mais feliz com uma coisa ruim?
-É que as vezes nós sonhamos coisas ruins, e essas coisas predizem coisas boas mesmo você sonhando coisas ruins, por exemplo, esse sonho que você teve, no sonho o Gary te abandonou e agora na vida real ele quer estar com você e não te abandonar, no sonho você foi expulso de casa por mim e por seu pai e agora na vida real eu não vou fazer isso e tenho certeza que seu pai não iria fazer isso também, no sonho você teve vontade de se matar e se matou e agora na vida real tenho certeza que você não vai ter a minima vontade de se matar e nem vai se matar até porque você não vai querer deixar eu e o Gary tristes alem também dos seus amigos!
-Então espero que venha bastante coisas boas, muito obrigado mãe, você é a melhor pessoa que existe no mundo, eu te amo!
-Ah Ash também te amo, e vou estar aqui para ajudar vocês dois no que precisarem!
-OK, obrigado mãe!

  A hora do almoço passou, a tarde passou e a noite chegou, Ash estava terminando de se arrumar, e a mãe dele bateu na porta do quarto o chamando:

-Ash querido, o Gary já chegou, ele esta na sala!
-OK mãe, fala para ele que eu já estou indo, é rápido!
-Ta bom, não demore!

  Não demorou muito, e Ash terminou, saiu de seu quarto, chegou até a sala e avistou Gary:

-Oi Gary, tudo bem!
-Tudo sim, vamos?
-Vamos sim, tchau mãe!
-Tchau sra. Delia!
-Tchau e cuidem-se!

  As ruas estavam calmas, e os dois estavam andando, mal prestavam atenção onde estavam, conversa vai conversa vem e os dois chegaram a frente de um parque de diversão onde Ash se pronunciou:

-É aqui Gary, esse parque?
-Sim, só que a surpresa é no final, nós também vamos ter que se divertir um pouco!
-Ta bom, estou ansioso!

  Eles entraram no parque, se direcionaram a vários brinquedos, os carrinhos bate-bate, montanha russa, kamikaze, se divertiram bastante, pararam um pouco, comeram alguma coisa, depois de um tempo veio a atração principal, a roda gigante, os dois estavam parados na frente dela e Ash se pronunciou:

-Então Gary, nós já fomos em todos os brinquedos, e só falta esse, então essa era a surpresa?
-Mais ou menos, a surpresa esta lá em cima vamos?
-Claro, estou louco para descobrir o que é essa tal surpresa!

  Os dois entraram em uma cabine enquanto a roda gigante ia subindo os dois conversavam:

-Sabe Ash, eu conversei com o meu avô sobre o pesadelo que eu tive!
-Verdade, e o que ele disse?
-Ele disse que as vezes nós sonhamos coisas ruins, porque as vezes eles dizem que coisas boas podem acontecer!
-Verdade, eu também conversei com a minha mãe sobre o pesadelo que eu tive, e podemos dizer que ela disse a mesma coisa!
-Interessante, eu acho que é verdade tudo o que aconteceu no pesadelo, esta acontecendo ao contrario!
-É, eu também acho!

  A roda gigante foi subindo e os dois garotos foram conversando e olhando a vista, quando chegaram no topo Gary chamou Ash:

-Ash, eu te amo, é como eu falei para você ontem no seu quarto, eu gosto muito de você, do seu jeito, e quando eu fico longe de você eu sinto muita saudades de você, e quando eu estou perto de você meu coração fica em chamas, realmente eu gosto de você, e muito!
-Gary, eu também gosto muito de você, eu penso muito em você, e realmente o que você disse acontece comigo, quando estou longe de você eu sinto muito a sua falta, mas quando estou perto de você meu coração fica em chamas!
-Ash você pensou no que eu te disse, vou falar melhor, você quer namorar comigo?
-Gary eu te amo, quero namorar com você sim!

  A roda gigante ainda estava parada e podia se ver a lua cheia por completa em sua total maestria, perfeição iluminando toda a cidade, e na roda gigante na cabine no topo estavam dois tarados se beijando, um beijo quente cheio de desejo amor carinho, Ash estava com as mãos na cabeça de Gary, e Gary estava segurando Ash pela cintura, podemos dizer que estava no momento perfeito para acontecer aquilo, a roda gigante começou a descer éo beijo acabou e Gary tirou do bolso duas pulseiras feita de fios azul, vermelho, verde e roxo com uma placa dourada escrita em cada uma o nome dos dois e uma chama com um coração desenhado no meio:

-Toma Ash, isso simboliza nossa união, eu te amo!
-Obrigado Gary!

  Ash colocou no pulso de Gary e beijou, depois Gary fez a mesma coisa, logo apos a roda gigante descer, os dois saíram e foram embora, Gary deixou Ash em casa e depois seguiu para a dele.

                                CONTINUA


Notas Finais


Espero que tenham gostado do capitulo, como eu disse não sou bom em portugues, então desculpem pelos erros, até aproxima!
Beijos e abraços no coração de vocês!


OBS: Acho que esse foi o capitulo mais kawai que eu fiz, só acho!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...