História Corações Partidos -Mitw - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Destiny
Personagens Personagens Originais
Exibições 35
Palavras 1.203
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Magia, Survival, Terror e Horror, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sadomasoquismo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpem não postar na hora certa

Sem enrolação
Boa leitura ❤

Capítulo 5 - Novo amigo ❤


Fanfic / Fanfiction Corações Partidos -Mitw - Capítulo 5 - Novo amigo ❤

P.V Jean 


Oi gente meu nome é Jean Pierri Neckel tenho 17 anos e estou indo pra Londrina encontrar meu "amigo" Pac, aí vc me perguntam: "Jean pq amigo em aspas?" Pq a gente sempre se tratou como irmão então é tipo isso. E eu sempre tive um tombo pela Yraci, então vai ser melhor para eu me aproximar dela e quem sabe tentar ter uma relação seria ( N.A: só se aparecer a ***** para vc abrir os olhos amigo) 

Sai do avião e pego um táxi até a mansão de Pac, aí vcs me perguntam denovo: "Mansão Jean? E muito exagero" exagero nada, o Pac sempre foi rico muitooooo rico mesmo. Acho que ele nunca vai ficar pobre desse jeito, ponho meus fones e espero até chegar lá.



P.V Tarik


Aí meu cu vibro ( N.A:Essa frase é Do Pk meu amigo) e Hj que o Jean vem aqui em casa, tô neuvoser melhor eu me arrumar. Pego o elevador e subo até o 5 andar, abro a porta do meu quarto e corro pro banheiro me despi e todo um banho relaxante porém rápido. Me seco e enrolo a toalha em minha cintura, vou até o guarda-roupa e pego: uma blusa pólo azul marinho, uma calça jeans preta rasgada nos joelhos, um par de meias brancas e meu tênis Adidas branco. Me visto arrumo meu cabelo é desço correndo, quase caindo. Chego na sala e vejo a Panda com um short jeans preto curso por sinal, uma blusa grande da Adidas toda preta e um tênis Adidas branco com dourado. Estava linda por sinal, pulo do terceiro degrau encima dela e a abraço. 

-AHHHH QUE SUSTO POHA, me mata não quero ver o Jean antes de morrer. -Eu e ela consideramos o Jean como nosso irmão, quando ia responder ouço a campanha tocar umas duas vezes, olho pra Panda e saímos correndo até a porta. Abro ela com tudo e vejo que é o Jean que estava lá, automaticamente eu e Panda pulamos em cima dele e o abraçamos logo caindo no chão. 

-Que saudade de tu Jeane, Tava quase indo te buscar pelos cabelos -falo sentindo algumas lágrimas caírem do meu rosto e Jean logo secando a mesma, ele também estava chorando era como se não nos vermos a anos. Mais é verdade, faz 12 anos que não vimos ele. Levanto devagar e vejo que Panda ainda está abraçado a ele soluçando muito, sempre sentimental.

-Oi pandinha, tô vendo que sentiu minha saudade né? -Jean

-Não duvide disso Jeane, vc fez muita falta nessa família que agora somos só eu, vc e o Pac -Quando ela fala isso sinto meu coração da uma pontada, nossos pais adoravam o Jean até falaram que iriam pegar ele pra eles. 

-Eu sinto muito pelo aconteceu -Ele fala e abraça nos dois, fui forte e não chorei não sei como mais consegui.

-Bom vamos entrar, vamos te apresentar a casa e a City -Panda fala puxando ele para dentro e eu peço prós guardas guardarem as malas dele, que eram 4 grandes malas. Ah esqueci de falar, ele vai morar com a gente aqui, já que a casa e enorme e tem mais de 10 quartos desocupados. 



P.V Mikhael 


Mais um dia nesse inferno que chamo de casa, desde que aconteceu aquele incidente nunca mais fui feliz e olha que isso aconteceu a 6 meses atrás. Vejo Cauê descendo as escadas com a seguinte roupa: uma regata azul, uma calça branca e um vans preto. Ele senta do meu lado, olha pra mim, pega minha mão e sai de casa esse menino deve ter bipolaridade. 

-Sabe Mike, acho que a gente tinha que seguir em frente, esquecer o passado e seguir o presente. -Meu Deus oq aconteceu com o Cauê que eu conheço? Os E.T.S devem ter invadido a terra, mais pensando bem ele tá certo, devemos seguir a nossa vida e esquecer o passado. -Quem eu tô querendo enganar, nem consigo esquecer a minha nota do ano passado vou esquecer o amor da minha vida. -Eh, não aconteceu nada com ele. 

-Vamos tentar esquecer? Vc já vai fazer 19 anos e eu 20, temos que seguir a vida. -Entramos em um shopping e de longe vejo Pac, Panda e o...Jean?MEU DEUS O JEAN (N.A: não amigo e o Mickey mouse) corro até ele ligando o Foda-se pra todos, vejo ele correndo até a minha direção e nos abraçamos. Sinto saudades dele, ele era como um melhor amigo pra mim é continua sendo. Vejo Pac e Panda vindo pulando em nossa direção e me solto dele, imagino que eles não iriam querer falar conosco, nem nunca. 

-Mike que saudades cara -Jean 

-Eu também estava Jeane -dou um sorriso de canto, todos chamamos ele de Jeane pelo simples fato de ele ter um jeito afeminado.

-Olá Linnykers, como vão a vida? -Pac pergunta curti e grosso, nunca tinha visto ele assim.

-Indo Pacagnan...indo...olha eu

... -Sou interrompido pelo Pac gritando, dou um passo pra trás, só acho que ele está gritando de dor. Olho em sua direção e ele está com um olho azul e o outro vermelho, Panda e Jean se entreolham ( N.A: e assim que se escreve? Não tenho certeza) e se ajoelharam do lado de Pac.

-Que o Deus das trevas e da escuridão perdoem o mal comportamento de meu amigo -os olhos deles ficam brancos e depois eles viram a cabeça para o céu, um raio caí do lado deles é Todos saem correndo do shopping. Tô me cagando aqui socorro, Cauê aperta minha mão e da um passo pra trás, parece que quando estamos perto deles acontecem coisas sobrenaturais. 



P.V Panda  (AE FINALMENTE MEU SANTO DA COXINHA) 


Oi genti linda do meu core, bom me chamo Yraci Pacagnan tenho 18 anos quase 19, e sou irmã do Pac que nesse momento está sendo condenado pelas trevas por não fazer oq lhe pediram. 

Quando tínhamos 6 anos fomos considerados as crianças mais bonitas e poderosas do mundo, e tínhamos 2 escolhas: Ir para o céu e ter que matar todos os Homossexuais, ou ir pro inferno e matar todos os preconceituosos. Claro que a gente escolheu as trevas, não por ter que matar os preconceituosos mais sim pq temos dupla personalidade, um lado normal que é o nosso lado do dia-a-dia e o lado psicopata. Somos controlados mais as trevas sempre falam para nós matarmos alguém, e agora elas falaram que eram pra nós matarmos o Mikhael, E ÓBVIO que o Pac nunca iria fazer isso Porisso ele está sendo castigado. Quando não fizemos oq eles falam recebemos um choque de 600 volts em forma de raio, e o melhor jeito de parar isso é quando o seu amigo ou irmão conversa com as trevas.

-Que o Deus das trevas e da escuridão perdoem o mal comportamento do meu amigo -Falamos em uniom e o raio volta para o céu, e deixa Pac no chão desacordada.

-Linnykers não comentem nada do que aconteceu aqui ok? Por favor -falo com lágrimas nos olhos e encaro eles

-T-tudo bem Yraci -Cauê fala e sinto meu coração bater mais rápido, dou um sorriso de lado pego a mão de Jean e Pac e nos teleporto para cada.



Será que Pac sobreviverá a esse choque? 


Continua...



Notas Finais


preciso de ajuda genti

A)Pac esquece de Mikhael e Mike tenta consertar o passado
B) o lado psicopata de Pac se ativa e ele perde o controle e tenta matar Mikhael
C)Pac fica em coma e acorda depois de 6 meses


Me ajudem a tirar essa dúvida

Kissus de sangue ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...