História Couple Goals - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Suga
Tags Bts, Jimin, Social, Suga, Yoongi, Yoonmin
Visualizações 103
Palavras 1.973
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Fluffy, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olaaa. Como vocês estão? Eu estou bem, obg hueh

Eu disse que tinha programado só mais esse cap e que talvez pudesse sair outro, mas vai ser só esse mesmo então sim, esse é o último cap :((

Espero que gostem.

Obs; Como sempre as fotos da capa são as fotos citadas no cap então...

Boa leitura ❤🌌❤

Capítulo 6 - Amo você (final)


Fanfic / Fanfiction Couple Goals - Capítulo 6 - Amo você (final)


Jimin sabia que aquela não era a melhor opção, mas não sabia o que fazer, e levar Yoongi para toda a confusão que ocorria dentro de si seria ainda pior.

Naquela noite, chegando em casa, deixou as janelas e portas trancadas. Deitou em sua cama e vagou pelo perfil na rede social.

Jimin amava seu perfil. Sempre teve tanto cuidado e trabalho com as fotos, sempre gostou do seu público.

E apesar de todo esse problema ter chego junto com o relacionamento complicado que tinha com Yoongi, o loiro gostava ainda mais de seu hyung do que de qualquer outra coisa.

Se sentia bem e completo, e o melhor de tudo, sentia que era recíproco.

Jimin buscou o ícone de configuração da conta e em seguida a deletou. Estava feito, não tinha volta.

Uma semana foi o tempo que Yoongi esperou, uma semana de angustia. Claro que gostaria de ir atrás de Jimin, mas seja lá o que fizera ao outro, sabia que ele precisava de um tempo.

Yoongi ligou, mandou mensagens. Se desculpou sem ter o que se desculpar, apenas pedia perdão.

Durante as noites, se deitava e lembrava da maravilhosa sensação de ter o corpo de Jimin consigo. Doía, mesmo que não tivessem chego a ter um relacionamento sério, doía.

O som da risada bonita deu lugar de volta ao silêncio do apartamento que nunca fora problema para Yoongi, mas agora era como dezenas de facadas em seu peito.

Parecia exagero, mas ele sentia realmente muita falta do mais novo.

Uma semana sem notícias de Jimin já era o suficiente, por isso a primeira coisa que fez no sábado de manhã fora mandar uma mensagem.

Sem resposta, decidiu então ligar para o número do loirinho.

Chamou, chamou. Até que fosse direcionado para a caixa de mensagens.

Yoongi se arrumou e não demorou a sair de casa. Iria até Jimin, mesmo que o medo de continuar sendo rejeitando o fizesse travar algumas vezes, ele continuou caminhando até lá.

Quando Yoongi avistou o prédio, virou a esquina correndo e não demorou a estar em frente ao portão.

—Eu gostaria de ir até o apartamento de Park Jimin, ele está?—. Perguntou assim que apertou o interfone.

—Park Jimin? Ele não se encontra. Mudou faz alguns dias—. Respondeu o porteiro.

—E-ele se mudou?—.

Yoongi gelou. Jimin estava o tirando de sua vida, assim, sem mais nem menos. Sem uma explicação, sem um adeus.

—O senhor não sabe para onde ele foi?—.

—O Sr.Park não me disse nada, apenas se despediu e saiu—.

E se ele voltou para Busan? Com certeza seria o fim.

—Bem, se te ajuda. Ele saiu junto com aquele amigo bonito dele, um alto, moreno—.

Amigo bonito? Jin!

Então ele provavelmente estava morando com o amigo modelo.

Yoongi agradeceu ao porteiro e começou a andar de voltar para a casa. Buscou no celular o número da agência em que havia trabalhado com o modelo e diria que precisava de seu número para conversar sobre as fotos, conseguiria o número de Jin e acharia Jimin. Touché.

Yoongi parou no sinal, observou os carros passando apressados pela avenida. Instantaneamente bloqueou e guardou o celular no bolso.

Jimin não o queria, estava se afastando por um propósito, havia até mesmo se mudado. Yoongi precisava respeitar isso.

Ele precisava aceitar que era o fim.

—Quanto tempo mais você vai fingir que está ok com isso?—.

—Hyung, eu estou ok com isso. Não estou fingindo—.

—Jimin, você passa a maior parte do tempo stalkeando o perfil dele, e eu ouço você se praguejando sempre que ele liga ou manda mensagem—.

Jimin se jogou no sofá e bufou frustrado.

—Isso é o melhor que eu posso fazer, Jin-hyung—.

O moreno aproximou a mão dos fios loiros e os bagunçou.

—Você sabe que não é, Jiminie. Você sabe que o melhor é atender as ligações dele, pedir desculpas por ser um idiota e dizer que gosta dele e que quer se encontrar com ele de novo—.

Jimin clicou sobre uma foto no perfil de Yoongi, dando zoom em seus pequenos olhos escuros.

Era verdade, ele sabia.

Sentia tanto a falta de Yoongi, achava que morreria qualquer dia desses.

Sentia falta de suas mensagens, das chamadas de vídeo e dos telefonemas antes de dormir.

Sentia falta de seus beijos e da sua presença.

—Eu não sei se tenho coragem para vê-lo novamente—. Confessou, desviando do olhar de seu hyung.

O mais velho apenas puxou-o para um abraço desengonçado pelas posições em que estavam no sofá e suspirou pesado ao perceber que Jimin chorava.

—Você é mesmo um tonto, Saeng. Sorte sua que eu amo você—.

Jimin riu soprado e desferiu um tapa no peito do mais velho, que reclamou pela dor.

Um mês depois

Um mês difícil, talvez um dos mais ruins de Yoongi.

Após terminar seu último trabalho, se prontificou de não pegar nenhum outro. Precisava se concentrar nas provas da faculdade e sabia que o dinheiro que tinha era o bastante para se sustentar por um tempo.

A questão não era a faculdade, não totalmente. O que incomodava Yoongi era a falta que sentia de Jimin.

Um mês se passou e Yoongi sabia que estava, com certeza, fora da vida da outro, o que lhe magoava muito.

Por alguns dias havia planejado coisas melhores para seus futuro juntos. Eram coisas que nem mesmo se igualavam a tudo o que estava acontecendo.

Yoongi usava o dia de hoje para arrumar seu apartamento, um mês apenas vivendo ali resultou em uma sujeira terrível, tanto que ele se sentia extremamente cansado após a faxina.

Decidiu se levantar apenas para buscar um copo com água na geladeira, orgulhoso se como o apartamento estava organizando e limpo, voltou a sentar-se no sofá e buscou o celular que estava jogado sobre o estofado.

Não haviam muitas notificações. Não voltou a postar muito após tudo o que houve com Jimin e o último mês fora difícil por conta dos estudos. Apenas alguns novos seguidores lhe chamavam a atenção.

Entre eles estava Jin, o amigo modelo de Jimin. Yoongi não demorou a entrar em seu perfil e segui-lo de volta.

Desceu por seu feed vendo as fotos muito bem elaboradas, combinando cores e efeitos. A aparência de Jin também ajudava.

A última foto postada, entretanto, fora a que mais chamou a atenção de Yoongi. Nela, Jin dividia espaço com Jimin em uma selfie onde ambos seguravam sorvetes coloridos.

Yoongi abriu a foto e suspirou, se recordando do quanto Jimin era lindo. Óbvio que nunca esquecera, não havia como. Mas alguns de seus traços estavam mais destacados agora que o mesmo voltara com a cor natural dos fios de seu cabelo.

Preto. Estava realmente combinando muito bem com ele.

E o sorriso largo, onde os olhos desapareciam. Facilmente fazia o coração de Yoongi se agitar e doer por saber que nunca o teria de volta.

Ao clicar novamente sobre a foto percebeu que o amigo marcara um user sobre o rosto de Jimin. Yoongi entrou no perfil, confuso.

Não estava com foto, nem mesmo tinha o nome de Jimin. Mas as fotos não mentiam, era o perfil novo dele.

Mais confuso ainda ficou quando percebeu que o perfil novo já o seguia. Jimin o acompanhou durante todo esse tempo, estava ali, escondido, mas permaneceu.

Jimin vagava pelo aplicativo do YouTube quando recebeu uma notificação do Instagram. Pausou o vídeo de dança que assistia e rolou a barra de notificação.

AguStD publicou uma foto nova depois de um tempo

O coração disparou, doeu, parou. Ele não sabia bem o que era aquela confusão afinal.

Jimin passou o dedo sobre a notificação, indo instantemente para o perfil do loiro onde a nova publicação chamava a atenção de Jimin, mas não tanto quanto a legenda dela.

A foto fora tirada da janela de Yoongi, onde as janelas do outro prédio exalavam apenas a luz de dentro e brilhavam, cada uma com uma característica diferente.

Na legenda, Yoongi colocou um texto em inglês.

“Em cada janela uma vida, um destino, um futuro, um amor. O que veem pela minha desde que você se foi?”.

Doeu, claro que doeu. E logo em seguida a notificação de que Yoongi agora o seguia de volta vez o celular vibrar novamente.

Ele sabia que Jimin estava ali, lendo. Sabia que ele sempre esteve.

O que Jimin pensava afinal? Que Yoongi nunca o descobriria só por usar um perfil sem foto?.

Jin surgiu na porta do quarto, havia acabado de voltar de um ensaio fotográfico e se preparava para tomar um banho.

—Ainda sem coragem para conversar com o loirinho? —. Falou irônico.

—Por acaso você não teria nada a ver com o fato de que ele descobriu meu perfil, não é?—. Jimin perguntou mesmo já sabendo a resposta.

—Vocês precisam conversar, Jimin. Vou tomar banho e quando eu voltar, quero vocês dois de namorico assim como faziam antes—.

—Mas você disse que odiava isso—.

O mais velho revirou os olhos e bufou.

— E eu odeio. Mas prefiro ver vocês bem um com o outro—. Jin se retirou, enquanto ainda falava.

Jimin não precisou de muito tempo para pensar. Correu pela galeria de fotos de seu celular, buscando alguma foto na qual poderia usar para postar agora e achou uma perfeita, havia tirado no começo da última semana.

Postou com a legenda em coreano mesmo; “ Se me perguntarem, direi que és a melhor coisa que já ganhei da vida”.

E não demorou para que o primeiro a curtir fosse Yoongi.

Era o sinal de que estava tudo bem em conversarem. Que Yoongi não iria ignora-lo, assim como passou a pensar desde o dia em que deixou o mais velho sozinho em seu apartamento.

PJ95 enviou uma mensagem.

“Eu quero falar, mas eu não sei como”.

Yoongi podia jurar sentir seu coração amolecendo, seus órgãos vibrando, seu estômago retorcendo, sua mente perdendo os sentidos.

AguStD enviou uma mensagem

“Parece que nós somos o mais novo casal reatado da internet. Prazer, Min Yoongi”.

Jimin riu por se lembrar da primeira mensagem enviada pelo outro. Ele apenas tentava afastar o clima ruim.

PJ95 enviou uma mensagem

“Park Jimin. E agora eu juro não ser um babaca”.

Jimin saiu do aplicativo e procurou pelo número de Yoongi sem saber que o loiro fazia o mesmo.

Ambos tentavam ligar um para o outro, mas vendo que dava ocupado, Jimin bufou frustrado.

Yoongi continuou tentando até que conseguiu.

—Jimin—.


—Yoongi—.

Fora a única coisa que disseram, depois houve alguns segundos de silêncio onde ambos buscavam o que dizer.

—E-eu estava tentando te ligar também —.

Jimin ouviu Yoongi rir.

—Então por isso estava dando ocupado. E eu achando que você não queria atender—.


—Yoongi, eu sinto muito. Eu sou tão imbecil, eu não queria que nada disso tivesse acont...—.

Mas antes que Jimin terminasse Yoongi o cortou, fazendo-o se calar.

—Jiminie, eu amo você—.

Jimin sentiu o nariz arder, as vistas embaçaram e ele não foi capaz de segurar a primeira das várias lágrimas que começaram a escorrer por suas bochechas avermelhadas.


—Amo você, Yoongi—.


Os dois acabaram passando horas conversando. Jin saiu do banho e se sentiu orgulhoso pelo amigo, mas logo já estava cheio do namorico alheio e decidiu ir dormir mais cedo para não ouviu toda aquela melação.

Jimin se explicou para Yoongi, que o desculpou no mesmo minuto mas disse que o mais novo o devia um jantar.

A conversa no celular durou até que Park estivesse sonolento demais para prosseguir com um assunto.

No outro dia marcaram de se encontrar e então Jimin pagou o jantar que devia a Yoongi.

Poderiam ser o mais maravilhoso Couple Goals da internet por suas fotos ou por aparentemente parecerem perfeitos. Mas na vida real, o relacionamento um pouco confuso e bagunçado, imperfeito e complicado era o bastante para os dois.

Só o amor os bastava.


Notas Finais


Aaaaaaaah

E então, gostaram? Eu tô até triste de tão lindo. Amo meus pais Yoonmin ❤❤

Enfim, obrigada pelo apoio. Obrigada a quem teve paciência e esperou até agora, não desistiu. Espero não ter decepcionado vocês. Obrigada de coração.

Vou panfletar essa neném aqui pq ela tá flopada até hoje. Deem amor a Cry Baby, eu amo esse plot. :')

https://spiritfanfics.com/historia/cry-baby-8732660

E meu Twitter se alguém quiser ser meu abiguinho @/sweetyoonnie

Kissus e até uma próxima história ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...