História Crazy - Capítulo 21


Escrita por: ~

Postado
Categorias Os Heróis do Olimpo
Tags Frazel, Jasiper, Lazel, Luchel, Percabeth, Thalico
Exibições 92
Palavras 6.305
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Esporte, Famí­lia, Festa, Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Mutilação, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Sorry por ter demorado tanto,mas finalmente eu consegui postar a capítulo.

Capítulo 21 - Não a nada como uma sexta-feira!


                                                              Annabeth 

Graças aos Deuses já era sexta-feira.E provavelmente a única coisa que fiz de útil essa semana foi fazer uma nova amizade,eu já tinha feito amizade com a Kat,na verdade todo mundo tinha feito amizade com ela já que a menina é super gente boa.Já estava chegando na escola  quando senti alguém me puxar pelo braço.Já achei que era um assalto(Só se levasse a minha alma porque dinheiro eu não tenho não).Estava pronta para reagir quando vi que Percy tinha me puxado para longe do portão.

-Não me assusta assim mais-Falei cruzando os braços-Eu podia ter te matado,seu idiota!

-Nossa Sabidinha-Falou Percy desapontado-Como você podia me matar?

Apenas revirei os olhos,já estava cheia de xplicar para as pessoas que eu fiz curso de defesa pessoal e fazia aula de Judô quando tinha oito anos lá em São Francisco mas a última vez que apliquei um golpe em alguém foi em São Francisco quando peguei meu ex-namorado me traindo(Só um pouquinho violenta e psicopata).

-Eu sei lutar tá bom-Falei voltando a caminhar em direção a escola-Vai matar aula  Cabeça de Alga?Lembra que o primeiro tempo tem professor de história novo.

-Só um beijo Annabeth-Pediu Percy segurando minha mão-Nunca te pedi nada.

-Ta bom-Falei revirando os olhos-Mas eu te dou um beijo.Só um e a gente vai para aula.

Coloquei as mãos no cabelo de Percy e o beijei.Meu lado conciente gritava:"Saia correndo Annabeth,você está se apaixonando ainda mais!" e meu outro lado gritava:"Vai se fuder lado conciente!".O sinal tocou para o que o primeiro tempo começasse.Separei o beijo e peguei a mão de Percy.

-Vamos Cabeça de Alga!

Sai correndo obrigando Percy a me acompanhar.Não que eu não gostasse de correr mas eu  ainda teria que correr na Educação Física e não queria ficar toda suada sem botar o pé na quadra.Conseguimos chegar antes que o portão fechasse na gente.Corremos para os nossos armários e pegamos nossas coisas o mais rápido o possível.Teriamos o primeiro tempo juntos então fomos correndo para a mesma sala de aula.Piper estava sentada em uma das cadeiras da frente e pediu com a mão para que eu não entrasse na sala de aula,mas a    inteligente aqui ignorou e entrou na sala.Parei quando vi o professor escrevendo no quadro e larguei a mão de Percy.Naquele momento a minha cara deveria estar muito egraçada pois estava muito chocada.

-Podem entrar-Disse meu pai-Sou o Sr.Chase.

Isso mesmo América,meu pai era o novo professor de história da escola e o pior de tudo era que ele não sabia que eu e Percy estavamos namorando então...Fudeu!Depois de algum tempo caminhei até o lugar que eu costumava sentar que por nada acaso era atrás de Piper.Larguei meu livro,caderno,estojo e celular na mesa e me enclinei para frente para falar perto do ouvido de Piper.

-Como meu pai veio parar na sala de aula?-Sussurrrei no ouvido dela.

-Não sei!-Sussurrou Piper de volta-Ele simplismente estava aqui quando eu cheguei,eu tentei avisar.Acha que ele viu vocês dois de mãos dadas?

-Não,eu espero-Respondi voltando a me sentar direito.

-Bem-Disse o professor/meu pai-Como já disse sou Sr.Chase o novo professor de história.

-O senhor tem um filha nessa turma não?-Perguntou Katie,já não gosto dessa garota.

-Vai ganhar nota boa só porque é filhinha do professor-Falou Drew assoprando as unhas.

Me abaixei um pouco para baixo da mesa,mas era impóssivel todos não olharem para mim já que eu era a única Chase ali.

-Ela  tem cérebro Drew-Falou Cali mordendo a ponta da caneta-Coisa que você não sabe usar porque o seu está intoxicado de progressiva.

Meu pai se escorou na mesa de frente para a turma e disse:

-Respondendo sua pergunta,sim eu tenho uma filha nessa turma mas creio que isso não vai afetar em nada,não vou dar nota boa só por causa que tem  meu DNA.Gostaria que tidos dissesem os seus nomes.Pode começar aqui na frente.

Meu pai apontou para Piper que exitou e se ajeitou na cadeira.Meu pai estava perguntando o nome dela,se ele a conhecia.A moral disso era cada fileira falar o seus integrantes e nós estavamos na fileira do canto,ou seja a primeira.

-Piper McLean-Falou Piper e se virou pra mim.

-Annabeth Chase.

-Percy Jackson.

-Travis Stoll.

-Miranda Gardiner.

-Rachel Dare.

-A outra fileira por favor-Pediu meu pai apontando para a fielira ao lado.

-Zoë Atlas.

-Katie Gardner.

-Chris Rodriguez.

-Leo Valdez.

-Hazel Levesque.

-Frank Zhang.

-Próxima fileira-Pediu meu pai se sentando na sua cadeira.

-Connor Stoll.

-Reyna Arellano.

-Jason Grace.

-Clarisse La Rue.

-Calipso Atlas.

-Nico di Angelo.

-Fila seguinte-Pediu meu pai mais uma vez.

-Drew Tanaka.

-Ethan Nakamura.

-Bianca di Angelo.

-Katherine Hale.

-Michael Yew.

-Will Solance.

Meu pai se levantou e analizou os lugares depois passou por todas as fileiras e voltou ao seu lugar.

-Agora sei o nome de cada um de vocês.E os lugares são bons.Espero que a "a turma do fundão" não faça bagunça.Bem vamos continuar de onde vocês pararam que foi...

-Em Roma-Falou Jason-Nós estávamos começando a ver Roma.

-Gostaria de começar a aula com um trabalho de trio.Vamos formar o grupo a partir das fileiras,já que são seis em cada vai ser os três da frente um grupo e os três de traz outro.Quero que vocês façam uma pequena apresentação no final da aula sobre o que vocês sabem de Roma.

A turma inteira juntou as mesas com os seus grupos e nós três fizemos o mesmo.Peguei meu caderno e vi o resumo que eu fiz do que eu aprendi de Roma na escola até agora e deu apenas trinta folhas.Piper e Percy me olharam assustados com o "pouco" que eu sabia sobre Roma,pena que eles não viram o da Grécia que deu quase dois cadernos(O pessoinha que gosta de escrever).Com certeza se eu não fosse apaixonada por arquitetura e tivesse um laptop cheio de projetos de arquitetura eu seria escritora.Mas a vida e nem eu queremos,então deixa para lá.Olhei para os dois que ainda me olhavam assustados por conta do meu resumo.

-Anda vocês dois-Falei estralando os dedos na frente deles-Eu não sou escrava de vocês para fazer tudo sozinha.

-Seu pai tem que considerar a nossa nota-Falou Percy.

-Você não conhece meu pai-Falei  baixo-Se quer que ele considere a sua existência faça por merecer.

-Está no sangue da família Chase-Resmungou Percy.

-Fala isso porque você mal conhece a tia Atena-Sussurrou Piper rindo.

-Gente,tenho que tirar uma nota muito alta-Falei escrevendo mais sobre Roma no meu caderno-Eu preciso provar para o meu pai que eu posso tirar nota boa.

-Annie-Falou Percy-Você tira as melhores notas do primeiro ano dos últimos  vinte anos.

As pessoas não entende o quanto é importante para mim ser a melhor da família Chase,eu precisava entrar nessa turma de alunos mega inteligentes que meus pais estudaram e mais eu precisava passar com a melhor nota da turma.Aliás tinham faculdades interessados em mim,sendo que faltam praticamente dois anos para eu me formar.

                                                                        Leo

Não que eu não gostasse de história,só não gosto da história de Roma.Por algum motivo não consigo lembrar o que eu estudei no sexto ano.Mas era bom fazer trabalho com Hazel r Frank,os dois sabiam muita coisa de Roma.A parte ruim é que eles estavam conversando.Bateu aquele sentimento de que eu estava sobrando...então comecei a fazer aviões de papel. 

-Vocês dois vão falar-Falou Hazel chutando a minha perna.

-Ai-Reclamei passando a mãos na perna que ela chutou-Por que eu tenho que falar?

-A gente fez o  trabalho inteiro-Falou Hazel terminando de escrever-E eu sou tímida.

-Pessoas tímidas não armam barraco-Resmunguei e ela me chutou outra vez.

-Eu posso ser tímida mas não levo desaforo para casa-Falou Hazel se levantando-Vou levar o trabalho para o professor.E de nada por fazer o trabalho.

Quando Hazel saiu,Frank ficou olhando ela se afastar.

-Quer um babador?-Perguntei era para ter soado como brincadeira mas saiu mostrando que eu estava com ciúmes.

-Hã?-Perguntou Frank olhando para mim-Está com ciúmes Valdez?

-Claro que não-Falei forçando um sorriso-Eu me garanto.Sou o bad boy da parada.

-Se você diz-Falou Frank rindo sarcasticamente.

-Quer...-Comecei a falar.

-Tudo bem?-Perguntou Hazel se sentando na cadeira outra vez e me interrompendo-Vocês já sabem o que é para falar?

-A gente vai ter mesmo que falar alguma coisa?-Perguntei desanimado.

-Não Leo,eu disse isso só porque quero ouvir suas lindas vozes-Falou Hazel se virando para Frank-Pode me passar as fotos pelo Wathsapp?

-Sim-Disse Frank pegando o celular-Só não tenho o seu número.

-Me empresta o seu celular-Frank integrou o celular a ela que digitou o seu número-Agora você tem meu número.

Frank enviou para Hazel a foto do trabalho que o enviou para mim.Não eu não estava com ciúmes,eu estava MORRENDO DE CIÚMES.Quem ele pensa que é para fazer trabalho com a Hazel?Em falar em trabalho,eu não estava nem ai,por isso a nossa apresentação não teria sido tão boa se Hazel não tivesse mandado nós dois calarmos a boca e deixar que ela falasse.Mesmo sendo tímida ela conseguia falar em público muito bem.Eu também sei falar em público(E como eu falo)mas eu não tinha intendido nem o meu nome,já que fui eu quem escreveu e eu tenho uma letra horrível.Finalmente aquela aula acabou e nós ficamos com a segunda maior nota da turma só perdendo para Annabeth,Piper e Percy(Isso é muito injusto,eles tem a Annie).A única parte boa de a próxima aula ser educação física é que tinha as garotas de uniforme...Levei um tapa na cabeça de Percy como se ele lece meu pensamento.

-Ai-Falei esfregando onde ele tinha batido-O que foi?

-A gente já chegou no vestiário-Falou ele revirando os olhos-Estava pensando em comida azul?

-Comida azul Percy?-Perguntei confuso e entrei no vestiário-Tanto faz,por que soltou a mão da Annie?Ficou com medo do sogrão?

-A Annie não contou para ele que a gente namora-Falou Percy pegando seu uniforme de educação física.

-Cara,o pai da Hazel sabe que a gente se beijou e a gente nem namora-Percy me encarou-Porque ela não quer.

-Cala a boca Valdez-Gritou Nico do outro corredor-Não fale da minha irmã mais nova.

Ok,eu fiquei quieto.Ninguém merece ser agredido pelo di Angelo.Logo o diretor veio gritando para a gente ir ao campo e parar de nós arrumar como se fossemos meninas,na verdade o único que estava se arrumando era Jason que peenteava ao cabelo,provavelmente o resto não peenteava o cabelo nem para sair,já Jason peenteava mais o cabelo num dia do que a Clarisse na vida toda(Clarisse/Eu li isso em)(Leo/Saiu do meu POV,espera o seu)(Clarisse/Essa maldita da Thayssa não cria um POV para mim!)(Nico/Também não tenho POV!Isso é injusto comigo...)(Autora/Logo tera POV de vocês dois!)Bem continuando com a narração,fomos para o campo ficar olhando o treinador andar de um lado para o outro esperando as meninas chegar(Piper/Lembrando que só pode sair do vestiário quando todos estiverem prontos)até que as bonitas(Literalmente)chegaram.

-Muito bem belas-Falou o trenador de cara amarrada-Vocês chegaram atrasadas,vocês começam correndo.E bando de garotos inutéis se alonguem.E a senhorita Clarisse puxa.

Eu sinceramente não sei o que é pior,correr ou ter que alongar.Mas pelo menos eu não teria que correr tão sedo.

                                                                   Katherine

Deve estar pensando o que essa desgraça está fazendo aqui?Bem sou Katherine Hale e tenho uma história trágica de vida e blá,blá,blá...Mas essa não sou por completo.Meu pai e minha mãe morreram em um acidente de carro,na verdade  o carro da minha mãe caiu no rio Hudson a quatro anos a trás e ela morreu.Já meu pai virou outra pessoa depois da morte da minha mãe.A mudança começou alguns dias depois que minha mãe morreu quando ele me impediu de ir ao interro e querendo se livrar de tudo que o lembrava da minha mãe,e foi assim que eu fui parar na Indiana.Ele começou a beber,fumar,jogar e parar de ligar para minha existência.Até parece que era ele que estava no carro com ela...Sim,eu estava naquele carro com a minha mãe quando ela morreu e isso me casou um enorme tralma e depressão com apenas onze anos de idade.Ai um belo dia eu achei um bilhete do meu pai escrito 'Desculpa Kat,mas isso é para te proteger de pessoas que querem fazer muito mau a nós dois.Isso não é um adeus,nós ainda vamos ser feliz juntos.Eu prometo!' depois de alguns istantes ouvi uma explosão na cozinha...Meu pai tentou me matar e me abandonou mas pelo menos chamou os bombeiros que me levaram para a delegâcia prestar depoimento e depois eu fui para um abrigo no Broklyn,mas eu fiquei apenas vinte minutos naquele lugar,pois a melhor amiga da minha mãe foi me buscar.Eu tinha minha avó materna em Londres mas ela não tem condições de cuidar de nós duas e eu não faço ideia quem são meus avós paternos,devem estar perdidos no Canadá.Meus pais se conhecerem em 1997 quando meu pai saiu da cidade de Bunff,no Canadá,para fazer intercâmbio em Londres,na Inglaterra.Eles se conheceram quando meu pai estudava inglês(Qual liga se fala no Canadá?!)na mesma escola que minha mãe fazia dança,ai eles desenvolveram amigos em comum,se tornaram amigos,começaram a sair o que resultou num namoro,até que meu pai teve que voltar para o Canadá e eles começaram um namoro a distância através de cartas e e-mails,se viam algumas vezes por ano até que em uma viagem de Natal da minha mãe ao Canadá,em 2000,meu pai pediu ela em casamento e minha mãe foi morar no Canadá com meu pai.Ai meu pai recebeu uma proposta de trabalho inrecussavél em Manhattan e minha mãe conseguiu virar dançarina até engravidar e começar a trabalhar na empresa Olympus onde conheceu Maria di Angelo e onde eu conheci meus amigos de infância.Minha vida era perfeita até minha mãe morrer e eu me mudar.Ai eu virei uma menina rebelde e comecei a bater em todos na escola e pintei meu cabelo de vermelho(Sim,eu tinha cabelo vermelho com doze anos).Eu não perdoava ninguém,me inrritou apanhou.Até que o treinador disse para mim bater nas pessoas,mas lutando,ai descobri que me apaixonei pelo esporte e sai da minha faze orfã rebelde.Metade inglesa,metade canadense,mas cem por sento americana!Essa sou eu,Katherine Hale!

Mas como quem vive de passado é museu(Clichê pra caralho)vamos para o presente.Eu estava me arrumando para um encontro que Bianca arrumou para nós duas.Iamos sair com o crush dela e o amigo dele.Parece que sexta-feira é dia de sair nessa casa,pois ninguém ia ficar em casa a noite.Nico também ia sair com um ser misterioso(Ai tem coisa...),Hazel iria a casa de Leo fazer sei lá o que(Suspeito também...) e Maria e Hades iriam sair para jantar já que se livraram das "crianças".Estava fazendo chapinha(Cabelo ruim minha gente)sentada no chão a frente do espelho de corpo do quarto da Hazel enquanto Bianca tentava forçar Hazel a passar maquiagem.

-Eu não quero!-Resmungou Hazel-Eu vou ver um filme,não é um encontro.

-Só um rímel e um brilho labial,não vai nem aparecer!-Insistiu Bianca.

-Rímel tudo bem,mas brilho labial parece que eu comi frango!-Falou Hazel se sentando na cama-Alguém passa rímel em mim?Eu tenho sério problema de enfiar o pincél dentro do olho.

Eu e Bianca rimos dela,afinal quem nunca?Peguei o rímel e passei nela com a maior delicadeza para não borrar e nem deixar Hazel cega.Peguei um lenço de colocar no pescoço e entreguei a Hazel.

-Vai ficar mais legal-Falei guardando a chapinha-Prontas? 

As duas assentiram e fomos ao corredor onde Nico parou nós três e como se fosse nosso pai perguntou:

-Vocês estão muito bonitas,onde vão?

-Nós vamos...Ai não te entereça!-Falou Bianca ajeitando o cabelo no espelho do corredor-E você vai sair com quem?

-Também não te entereça!-Gritou Nico cruzando os braços-Vocês não vão a lugar nem um!

-Haha,muito bom Nico-Falou Hazel tentando passar por Nico-Gostaria muito de ouvir você  contando piada,mas eu tenho que ir ver filme com meu melhor amigo.

-Aquele abusado aproveitador do Valdez?-Falou Nico rindo sarcasticamente-Agora que você não vai mesmo!Na verdade nem uma de vocês vai!

-Quer ver?-Perguntou Bianca sorrindo maliciosamente-O pai vem aqui!-Gritou Bianca chamando tio Hades.

O que essa vádia tem na cabeça?Agora que a gente não sai mesmo!Mentira tio Hades e Nico estam no corpo errado,Nico é o pai e tio Hades é o filho.

-Quem morreu?-Perguntou tio Hades saindo do quarto.

-Nico não quer deixar a gente sair,isso não é justo!-Falei tentando parecer brava.

-Nico,eu tenho a oportunidade de me livrar das crianças e sair com a sua e você quer atrapalhar tudo-Tio Hades analisou se Maria não iria escutar nada e sussurrou:-As regras são:Não use drogas,não dirijam bêbados,voltem vivos,sem gravidez e se forem fazer alguma coisa usem camisinha.Ok,amo os quatro agora sumam!

-Vocês estão lindos-Falou tia Maria analisando nós quatro-Se cuidem crianças,amo vocês todos!Tchau,hoje é a noite dos adultos sairem!

Fomos para o carro de Nico que resmungava sobre nós sairmos e tal,mas nem uma das três estava ligando para o que  ele falava.Primeiro ele largou Hazel na casa de Leo e depois nos levou para um shopping  onde Bianca tinha marcado o tal encotro.

-Nico-Chamei antes de sair do carro-Não importa o que você faça,lembre do seu pai,use camisinha.

-Vai se fuder Kat!-Falou Nico irritado-E cuidado com esses tarados que vocês vão sair,você é minha terceira irmã agora.

-Ok papai-Falei dando um beijo na bochecha dele e sussurrei no seu ouvido:-Manda um beijo para a Thalia.

Ele arregalou os olhos quando eu mencionei Thalia,afinal eu deveria ser a única que sabia do namoro dos dois já que vi eles se agarrando outro dia.Sai do carro e entrei no shopping com Bianca para o tal encontro e confesso que não estava nem um pouco animada para o encontro,mas como sou uma ótima amiga,fui com Bianca para não a deixar sozinha e se ela precisar de ajuda eu perto para a violência,não iria deixar ninguém machucar minha irmã mais velha de coração!

                                                                   Piper

Estava me arrumando para sair com Jason,na verdade Jason não sabia que nós dois iriamos sair,eu iria na casa dele e o sequestraria para qualquer lugar.Passei um batom e peguei meu celular.

PipesMcLean:Annie,se eu não abrir a porta em cinco minutos liga para Leo,ele vai estar em casa.Vou sequestrar uma pessoa.

Ela vizualizou a mensagem e não respondeu,mas ela havia lido isso que importava.Meu pai teve que ir a Los Angeles e eu fui para a casa de minha mãe e meu padrasto.Eles também haviam saido já que minha mãe iria receber um prêmio pelo seu trabalho de psicóloga de casais,e nós sabemos que ela e Hefesto não voltam sedo ou talvez nem hoje...mas ele são bem crescidinho e sabem se cuidar.Só quando estava arrumando meu cabelo na frente do espelho que vi Leo na porta do quarto.

-Charles e Silena já sairam?-Perguntei a ele-Você não se importa de ficar sozinho?

-Já sairam e você que pensa que eu   vou ficar sozinho aqui-Falou Leo saindo da porta.

-Vai sair?-Perguntei terminando de me arrumar.

-Não-Falou Leo-Hazel vai vir aqui daqui a pouco.

-Descidiram assumir?-Perguntei pegando minha bolsa.

-Assumir?Assumir o que?-Leo se fez de desintendido.

-Esquece vocês são o casalzinho que não se assume-Falei revirando os olhos-Lancy,vamos!Tchau,meu táxi chegou.

Desci as  escada e quando abri a porta Hazel iria tocar a mesma.Ela estava usando um lenço vermelho no pescoço...A cor favorita de Leo...Tenho certeza que isso é coisa da diaba da Kat,sim ela é uma pessoa legal e é minha amiga desde quarta-feira e eu tenho direito de chamar ela de diaba.

-Tá bonita Hazel-Falei sorrindo e saindo-Veio arrasar corações na minha casa? 

-Quem vai arazar corações é você Piperzinha-Falou Hazel entrando na casa. 

Entrei no táxi e larguei Lancy na casa de uma amiga dela.Fui até a residência dos Graces que não ficava muito longe da casa da minha mãe.Toquei a campainha e Mis abriu.

-Oi minha cunhada favorita-Falou ela sorrindo-Por favor me diz que veio tirar Jason do sofá,eu quero muito ver Grey's Anatomy.

-Sim Mis,eu vim tirar Jason do sofá-Falei rindo dela.

Caminhei até a sala de TV da casa dos Graces.Quando cheguei na sala vi Jason deitado no sofá vendo aquela série super sem graça,Under the Dome.Bati palma chamando a atenção dele que me olhou da cabeça aos pés.

-Nossa Linda,você está mais linda ainda-Falou ele boquiaberta.

-Não precisa babar,eu sou toda sua-Falei rindo-Agora você e eu vamos sair.

-Sair?-Falou ele jogando a cabeça para trás-Eu não quero sair...

-Você vai sair comigo ou eu vou sair sozinha Jason Grace?-Perguntei desligando a TV. 

-Tchau pragas-Falou Thalia descendo as escadas e indo até a porta-Vou sair,não enteressa para onde ou com quem.

-Onde ela pensa...-Começou ele.

-Vamos,você tem dezesseis ou setenta?-Perguntei puxando ele-Vou escolher uma roupa para você,se você sair assim vão achar que eu estou fazendo caridade.

-Ei!-Reclamou ele se levantando.

-Você é lindo,isso compença-Falei dando um selinho nele e sorrindo-Vamos achar uma roupa perfeita para você.

Subimos até o quarto de Jason e eu peguei uma roupa e dei para ele ir se trocar no banheiro.Fui olhar os troféus de Jason de futebol na prateleira em cima da escrivaninha.Logo ele saiu do banheiro sem camiseta.

-Você esqueceu de me dar uma camiseta-Falou ele caminhando até o armário.

-Não coloca nada-Falei entortando a cabeça-Eu gosto de você assim.

-Posso sair assim e todo mundo vai ver meu belo abdômen-Falou ele rindo e se virando para o armário.

-Nem ai para os outros,você é meu-Falei me sentando na casa-E seu belo abdômen está vem no pacote.

-Ok,quer escolher alguma coisa em especial ou posso vestir qualquer uma?-Perguntou Jason.

Me aproximei dele para ver alguma coisa naquele armário.Peguei uma camisa e entreguei a ele que aproveitou e passou os braços ao redor da minha cintura e me beijou.

-A propósito nós vamos no cinema,espera para me agarrar lá,ok?-Falei me afastando e indo até a porta do quarto,mas lembrei de uma coisa e me  virei para ele-Coloca aquele perfume maravilhoso,pessoas cheirosas são inresistivéis.

Falei e sai do quarto ouvindo uma risada dele.Desci as escadas e fiquei esperando Jason se arrumar para nós sairmos vendo Grey's Anatomy com Artemis.Não que eu me interessasse por Grey's Anatomy mas era melhor do que Under the Dome.Depois de uns dez minutos Jason desceu para nós irmos ao cinema.Claro que nós não vimos filme nem um.

                                                                      Hazel

Velozes e Furiosos é um s filme mais perfeito que existe,depois de todos do Harry Potter é claro.Estava sentada no sofá da casa do Leo comendo brigadeira e assistindo obviamente o primeiro Velozes e Furiosos.Meu celular vibrava toda hora com mensagens de Nico.Bloqueei meu irmão por estar me enchendo o saco,quem aguenta aquele barulho chato de celular. Brigadeiro tem que ser considerado a oitava maravilha do mundo.Logo a porra do meu celular voltou a vibrar,só podia se macumba do meu irmão!Mas por incrível que pareça mensagem não era dele e sim de Frank...UHULL!Nós tinhamos conversado praticamente a tarde irteira hoje.Dei um leve sorriso maior do que o do Coringa.Quando fui responder Leo tirou o celular da minha mão e jogou no outro sofá,ou seja um pontinho rosa no meio do sofá cinza,meu celular era aquele Iphone 5c super discreto rosa cintilante.

-Ei!-Falei tentando pegar meu telefone-O que você tem na cabeça?Já foi um sacrifício fazer meu pai me dar aquele maldito celular,ele não vai pagar outro!

-O japônes do Canadá não vai morrer se você não responder ele-Falou Leo me impedindo de sair do sofá.

-Ele é chinês não japonês-Falei e ele revirou os olhos-E nasceu em Vancouver para ser mais específica.

-Tanto faz,de qualquer jeito ele tem olho puxado.

Sinceriamente foi muito dificíl fazer meu pai me dar um celular novo,só ganhei de presente a uns dois meses atrás de aniversário de quinze anos mesmo eu só fazendo quinze anos dia dezessete de dezembro,ou seja daqui um pouco mais que uma semana.Estava quase saindo do sofá quando Leo passou brigadeiro na minha bochecha,qual o problema dele?

-Tá diperdiçando comida por que?Tem tanta gente passando fome no mundo-Falei pegando o pote de brigadeiro.

-Quem disse que é disperdicio de comida?-Perguntou Leo com seu sorriso tipíco,lá vem merda...

Ele lambeu o brigadeiro da minha bochecha.Ai você pensa:"Que nojo e acabou   amizade",mas não foi nem um pouco o que aconteceu,porque a vingança é um prato que se come com Coca Diet.Coloquei meu dedo dentro do pote de brigadeiro e passei na testa dele e lambi,porque eu sou do mau,MUHAHA!(Isso foi uma risada malignída que não deu certo).

-Foi você quem pediu Miss Luisiana!-Leo saiu correndo atrás de mim com o pote de brigadeiro.

Eu corri para o andar de cima quase caindo na escada,mas estamos ai né.A parte de cima da casa tinha tantas portas que eu não sabia em qual entrar.Descidi ir para a porta mais longe que achei.Entrei em um quarto super bagunçado e com muito vermelho,não precisa nem dizer de quem era.Ouvi Leo gritar atrás de mim.Pisei em algumas coisas no chão,era impóssivel não pisar em nada,o chão estava cheio de objetos não identificados,e me sentei na cama,qualquer pessoa em seu juíso perfeito não sujaria sua própria cama.Mesmo assim Leo me jogou de costa na cama e subiu em cima de mim.Eu deveria ter ficado um cosplay de um tomate.

-Olha-Falei tentando não gaguejar-Não vai sujar  sua cama,né?

-A cama não-Falou Leo sorrindo-Só a senhorita.

-Não ouse...-Mas já era tarde demais,ele pasosu brigadeiro no meu braço direito-Você pede para morrer em um nivél...

Não terminei de falar e passei brigadeiro na cara dele,imagina que lindo ele ficou com marca de três dedos no rosto.Ai começou a Terceira Guerra Mundial.Logo eu tinha chocolate na minha canela,mesmo eu estanto de calça jeans.

-Atrapalho?-Perguntou Lancy batendo na porta que estava aberta-Meu Zayn Malik do céu,o que aconteceu com vocês dois? 

-Guerra de brigadeiro-Falou Leo se sentando do meu lado na cama-Não estava em uma festa de não sei quem?

-Estava mas eu não suporto um garoto da minha turma-Falou Lancy bufando-Por que os garotos da sexta série são tão idiotas? 

-Os do primeiro ano também-Falei rindo.

-Senti uma referência ao certo gostosão para dedeu que mora na nessa casa-Falou Leo tirando brigadeiro da bochecha.

-É melhor vocês tomarem um banho-Falou Lancy-Se quiser Hazel eu te empresto uma roupa.Pode usar meu banheiro.

-Eu asseito-Falei me levantando.

-Admita que está louca para tomar banho comigo-Falou Leo sorriso maliciosamente.

-Só se for no seus sonhos-Falei seguindo Lancy para o quarto dela.

O quarto de Lancy era o primeiro quarto do correrdor então tivemos que voltar tudo outra vez.Lancy era a caçula da casa(Eu sei como é)então era a única ali a ser filha da Tia Dite e do Tio Hefesto,Silena,Piper e Mitchell(Mesmo ele não morando mais ali pois está na faculdade)eram só filhos de Tia Dite e Charles e Leo eram filhos só do Tio Hefesto.O quarto era em um tom claro de amarelho,cheio de borboletas de diversas cores e posters do Zayn Malik,Demi Lovato e Shawm Mendes.Ela viu uma roupa para mim e se sentou fazendo pernas de índio.

-Hazel-Começou Lancy-Você já se interessou por algum garoto que te inrrite e você quer bem longe? 

-Na verdade,Lancy-Falei parando na frente da cama-Sim,o seu irmão é muito irritante.

-Você gosta do meu irmão?-Disse ela arregalando os olhos.

-Eu achava que era só amizade,mas ai eu percebi que tinha algo mais-Falei suspirando o que fez Lancy rir.

-Senta ai e me conta-Falou Lancy batendo na cama-Quero saber,porque tem um garoto que eu meio que gosto,ele também gosta de mim mas eu tenho medo de ficar com ele,eu nunca beijei.

-Eu morria de medo de beijar também achava nojento e tal,até que um dia eu estava caminhando na escola olhando para o meu crush e surpresa...Meu melhor amigo me agarrou!E não é tão nojento o quanto pensa,é bom.

-Eu quero saber como viu que estava gostandodo do meu irmão-Pediu Lancy impaciente.

-Ok-Falei ajeitando o cabelo-Meus amigos me disseram que eu estava com ciúmes demais,mas eu sempre tive ciúmes de tudo,até da minha pasta de dente.Mas meu ciúmes pelo Leo é maior do que pelos outros.Eu achava que estava indecisa entre o meu crush desde a quarta série e ele,mas eu sou muito mais Time Leo.Mas não conta nada para ninguém,porque se um dia eu for sua cunhada,vou ser a cunhada do mau.

-Não tão mau quanto a namorada do Mitchell-Falou Lancy rindo-Ela é uma vaca.

-Ok,agora eu vou tomar um banho-Falei indo em direção ao banheiro-As moscas já estam atrás de mim.

Eu estava completamente cheia de brigadeiro e não foi tão fácil assim tirar aquilo de mim,eu tinha brigadeiro até nos seios.Pobrezinha da minha roupa,vai ficar em duas semanas só lavando.Lavei meu cabelo com o Shampoo com cheiro de morango da Lancy(Mesmo eu prefirindo o meu de canela),coloquei minha roupa em uma sacola já que eu teria que dormir aqui já que meu pai me expulsou de casa.Sim,eu fui expulsa de casa,quando eu voltar provalvelmente eles vão ter fabrícado outro di Angelo já que Bianca e Kat iriam dormir na casa do meu avô porque elas iriam para a balada depois e a casa do meu avô era mais perto do que a nossa e Nico só Deus sabe onde essa criatura vai dormir.Mas eu só trouxe meu pijama e a roupa para usar amanhã e como eu sou só um pouco mais desastrada do que um filhote de labrador(Bela comparação)eu provavelmente iria sujar minha roupa.Quando voltei ao quarto da Lancy ela não estava mais lá.Fui para o quarto de Leo onde tinha deixado minha mochila.Guardei minha roupa lá dentro e quando ia sair notei uma coisa rosa cintilante no meio do edredom vermelho...Meu celular!Corri pisando em algumas coisas,peguei ele e me sentei na cama.Desbloqueei e vi que alguém já havia respondido as mensagem de Frank...Desgraçado!Logo ouvi a porta do banheiro do quarto de Leo abrir.

-Eu vou te matar...-Parei de falar quando ele apareceu no quarto com uma toalha inrolada na cintura-Nunca ouvi falar em roupa?Como desbloqueou meu celular?

-Uma pergunta de cada vez...-Falou Leo sorrindo-Primeiro não imaginei que teria uma garota no meu quarto e segundo eu tentei 17122001.

-Seu viado-Falei tentando não olhar para o abdômen dele que era bem favoravél para uma pessoa tão magra-Como sabe que é minha data de nascimento?

-Quem nunca colocou a data de aniversário como senha,a do meu Facebook é 19062001-Ele sorriu quando percebeu que estava olhando para ele-Apreciando o material? 

-Só se for a falta dele-Falei me levantando e indo até a porta,e digamos que eu estava  a cor do edredom.

-Espera-Falou ele fazendo eu me virar-Eu sei que você é caidinha por mim,eu sem querer ouvi através da porta você falando com a Lancy.

-Se você não sabia disso é muito burro-Falei tentando não ficar da cor do edredom-Coloca uma roupa pelo amor de Deus!

Desci as escada com meu rosto queimando.Lancy estava sentada no sofá assistindo Violetta e comendo pizza.Peguei um pedaço de pizza que a linda tinha pedido para gente e me sentei do lado dela.Violetta não era uma série chata,afinal eu gostava de Nicky,Ricky,Dicky e Dawn.Logo Leo desceu já com roupa e se sentou no meu lado.Lancy estava muito concetrada na série,já eu tentava me concetrar enquanto Leo passava a mão na  minha coxa.E assim foi minha sexta-feira,eu fui levimente assediada por meu melhor amigo.

                                                                    Percy

Eu e Annabeth estavamos caminhando perto da ponte que liga Manhattan ao Broklyn porque eu arrastei ela para perto do rio,eu precisava ver a água.Como diz a minha,na outra vida eu fui um peixe azul.Annabeth me forçou a parar um pouco,afinal nós tinhamos caminhado bastante.

-Caralho Percy,não está sentido frio?-Falou Annabeth esfregando os braços.

-Não-Falei sorrindo-Mas como eu sou um cavalheiro eu lhe dou meu casaco.

-Não quero porra nem uma-Falou Annabeth pegando minha mão-Vamos voltar para a sua casa,ainda não está na hora de ir dormir na casa de Piper.

-Vamos então senhorita Nega Casacos-Resmunguei e ela riu.

Antes de irmos para a minha casa fomos buscar meu irmão mais novo em uma festa de aniversário de alguém da turma dele.Meu irmão estava bem animado pois tinha irritado uma garota que ele não gostava muito da turma dele.Tysson ia caminhando na frente e eu e Annie logo atrás e eu estava com o braço nos ombros dela e de mãos dadas.

-Vocês não tem idéia de quanto ela ficou irritada-Falou Tysson mais uma vez-Eu adoro irritar a Lancy.

-Lancy não é a irmã da Piper?-Perguntei a Annabeth.

-A Lancy é irmã da minha melhor amiga-Falou Annie rindo-Inclusive eu vou dormir na casa dela hoje.

-Sabe...Você podia...Perguntar se ela é...Afim de mim?-Sussurrou Tysson e mesmo assim eu e Annie ouvimos.

-Parece que alguém está caidinho pela loirinha de aparelho-Falei rindo e levando um soco de Annie nas costas de leve-Mas a Annie pode sim perguntar,né?

-Claro-Falou Annie sorrindo-Vai ser um prazer ajudar meu cunhado favorito.

-É que eu pedi parar ficar com ela mas ela recusou...Ela não gosta muito da minha pessoa-Falou Tysson.

-Não esquenta,os Jackson gostam de mulheres difícies-Falei rindo-Eu e o papai somos a prova viva.

-Vou tocar você dentro do rio...Que história é essa de mulheres difícies?Ta me traindo?-Perguntou Annabeth séria.

-Você não se considera uma nerd marrenta?-Perguntei e ela me beliscou no braço-E eu nunca te trairia,tudo que eu preciso eu tenho em você.

-Acho bom mesmo Jackson-Falou Annabeth sorrindo de canto-Tem uma fila de homens aos meus pés.

-Eu afogo todos eles-Falei e ela riu-Eu to falando sério.

Logo a gente chegou na minha humilde residência.Eu morava em um apartamento grande com vista para o rio Hudson.Subimos até quinto andar e entramos na nossa casa.Meus pais estavam no nosso apartamento novo pintando as paredes então estavamos sozinhos.Tysson já tinha comido não tal festa(Um conselho que meu pai dava para nós dois era:Enche a barriga nessas festas,provavelmente não vai ter comida em casa).Tive uma idéia e puxei Annabeth para cozinha.

-Vamos fazer alguma coisa azul-Falei e ela revirou os olhos-Donuts.

-Eu não sei fazer donuts-Reclamou Annabeth.

Peguei o notebook e ela pesquisou a receita na internet e nós começamos a fazer ou melhor destruir a cozinha da minha mãe.Quando eu for escolher uma carreira,me lebrem de riscar chefe de cozinha.Annabeth também não nasceu para isso.Finalmente quando terminamos os donuts a cozinha e nós dois estavamos sujos de farinha e corante azul.

-Annie-Falei chamando a atenção dela que olhava as unhas-Tá meio azul aqui-Falei apontando para a bochecha dela.

-Olha quem fala,Papai Smurf-Falou Annabeth pegando um pouco de massa azul da bancada e colocando na boca-Acho que não está muito bom.

-É-Falei beijando ela-Não senti diferença nem uma-Falei entre o beijo.

O beijo ficou mais intenso e nós resbalamos e caimos no chão.Mesmo assim o beijo continuou,nem ai para a cozinha azul de corante.Annie parou o beijo por falta de ar e me olhou.

-Vamos comer nossos donuts-disse ela se levantando-Você teve a idéia,você limpa.

Annie se sentou no sofá e ligou a TV e estava passando a minha série...TWO AND A HALF A MAN.Impendi Annabeth de trocar de canal e me sentei do lado dela.Comemos os doces vendo a série mesmo com Annie insistindo para trocar de canal.Quando terminou eu coloquei em The Big Bang Theory.

-Valeu Percy-Falou Annie sem pensar-Esse é um dos motivos pelo qual eu te amo.

ANNABETH CHASE CONFEÇOU QUE ME AMA?PARA O MUNDO QUE EU QUERO DESCER!Olhei para ela que arregalou os olhos quando disse a última parte.Depois de alguns minutos eu sai do meu transe e disse:

-Acho que não ouvi o que você disse,pode repetir mais alto?

Annabeth revirou os olhos e caminhou até a janela.Achei que ela ia me dar uma voadora com começar a falar na língua dos inteligentes para me deixar com cara de idiota,mas ela apenas me encarou e disse:

-Quer que eu diga mais alto?-Perguntou ela,colocou a cabeça para fora da janela e gritou-Eu amo o idiota do Percy Jackson!

Ela colocou a cabeça para dentro e me olhou.Intendi o que ela queria e também coloquei a cabeça para fora da janela e gritei:

-Eu amo a marrenta da Annabeth Chase!

Ela me olhou e sorriu,o pai dela não sabia do nosso namoro mas nós tínhamos acabado de gritar para Manhattan inteira que a gente se ama.Coloquei as mãos envolta da cintura dela e a deitei no sofá.Logo estávamos deitados nos beijando no sofá da minha casa.Comecei a beijar o pescoço dela que soltava baixos gemidos.

-Tá...-Annabeth foi interrompida por um gemido involuntário-Tá na hora de eu ir para a casa de Piper.

Mesmo contra a vontade sai de cima dela deixando a mesma passar.Ela se levantou e eu levei ela até a casa de Piper sem falar nem uma palavra.Quando chegamos ela me deu um selinho e segurou minhas duas mãos.

-Eu te amo-Ela sussurrou no meu ouvido-A gente namora a pouco tempo,um dia vai acontecer,só acho que agora é sedo.

-No seu tempo Sabidinha Marrentinha-Falei abraçando ela.

-Eu não sou marrenta caralho!-Falou ela separando o abraço e me dando um beijo rápido-Tchau Cabeça de Alga.

-Tchau...Annie,antes que você me agrida-Falei sorrindo.

Ela entrou na casa de Piper e eu segui para minha casa feliz,afinal eu tinha minha namorada que ME AMAVA e eu AMAVA ELA.

                                                                Piper

Eu e Jason tínhamos ido ao cinema e nem preciso dizer que rolou muitos amassos.Mas digamos que a coisa ficou um pouco mais séria agora,nós estávamos nos agarrando na minha cama.Puxei ele mais perto pela cinto e tirei sua camisa fazendo o máximo possível para não interromper o beijo.Eu também já estava sem minha blusa e minha jaqueta.

-Piper cheguei-Disse Annabeth batendo na porta-Tudo bem?

Eu e Jason nos olhamos.Ela colocou a camiseta,eu coloquei minha blusa e liguei a TV.Abri a porta e uma Annie azul entrou.

-Eu atrapalhei algo?-Perguntou Annabeth.

-Não eu já estava indo embora-Falou Jason me beijando-Tchau Linda,tchau Annie.

Annabeth tomou um banho rápido e logo Hazel apareceu na porta do quarto sorrindo.Annie saiu do banho e as duas se sentaram na minha cama de frente para mim.

-Pode contar-Falou Hazel-Nós vimos o jeito em que Jason saiu daqui e você não está muito melhor que ele não.

-Não aconteceu nada-Falei corando.

-Porque eu cheguei antes-Falou Annie sorrindo.

-Hoje não aconteceu nada-Falei sorrindo.

-Hoje?-Perguntaram as duas juntas.

Contei a elas tudo e depois Hazel foi dormir no quarto de Leo e eu e Annie fomos assistir The Big Bang Theory até pegar num sono profundamente profundo e só acordar no dia seguinte.


Notas Finais


Desculpa pelos erros de português,estou com preguiça de revisar.
Comentem o que então achando,bjos!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...