História Crazy In love - Capítulo 35


Escrita por: ~

Postado
Categorias Jasmine Villegas, Justin Bieber
Personagens Chaz Somers, Jasmine Villegas, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Justin Bieber, Pattie Mallette, Ryan Butler
Tags Bern Villegas, Chaz Somers, Christian Beadles, Jasmine Villegas, Jream Andrew, Justin Bieber, Justin Villegas, Pattie Mallette, Ryan Butler
Visualizações 215
Palavras 1.334
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Comédia, Crossover, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


ta pequeno mas ta ai! hehe boa leitura babies

Capítulo 35 - Good news is coming!


Fanfic / Fanfiction Crazy In love - Capítulo 35 - Good news is coming!

Bern: Jas, - ela sentou do meu lado e também me abraçou – não fica assim! Brad só quer o seu melhor.

Bieber: Desculpa Bern, mas se eu não sou o melhor pra Jasmine, quem vai ser? Ela já se meteu com aquele tal de Quincy ai e não deu nada certo.

Jasmine: Chega! Não cite mais esse nome, por favor. – pedi fazendo bico e ele assentiu. Percebi duas pessoas entrando na sala, olhei e eram Jream e Mary.

Jream: O que aconteceu aqui? – perguntou preocupado e olhando pra mim.

Bern: Bieber estava conversando com Brad!

Mary: E no que deu? – perguntou curiosa.

Bieber: Ele vai mesmo levar a Jasmine pra Inglaterra. – falou me abraçando forte.

Jream: Quê? – perguntou bravo – Ah não! Agora quem vai conversar com esse homem sou eu. – disse decidido.

Bern: Jream, - ela se levantou o encarando – você não vai fazer isso.

Jream: E quem vai me impedir? Eu conheço esse homem melhor que a senhora e vou conversar com ele sim. – ele falou e saiu andando.

Mary: Jream! – ela ameaçou ir atrás dele.

Jasmine: Mary, o deixe fazer o que quiser, ele sabe o que está fazendo! – pedi e ela parou.

Bieber: Sério mesmo que ele vai enfrentar aquele homem? – ele perguntou impressionado.

Bern: Se ninguém o impedir, vai sim! – ela disse e saiu andando.

Mary: Ela foi atrás dele?

Jasmine: Eu acho que não porque quando o Jream está decidido em fazer alguma coisa, ninguém consegue o impedir! Se ela for atrás, não vai poder fazer nada. – dei de ombros.

Bieber: Melhor assim! Tomara que ele consiga fazer alguma coisa. – disse esperançosa.

Mary: Tomara mesmo! – ela disse sorrindo.

Jasmine: Ele vai conseguir sim, confiem nele.

POV Jream

 Sai daquela casa morrendo de raiva do Brad. Primeiro ele me manda vigiar a Jasmine e agora quer sumir com ela pra Inglaterra? Não, esse homem vai ouvir umas verdades! Ah, se vai. Peguei um táxi e fui até o Hotel onde ele está hospedado, quando cheguei, subi direto, não queria cerimônia. Vou entrar, falar o que tenho para falar e ir embora. Apertei a campainha e ele mesmo quem atendeu.

Brad: Ora, à que devo a honra de sua ilustre visita? – perguntou ironicamente. Entrei me esbarrando nele que fechou a porta em seguida.

Jream: Preciso falar com você e é sério. – disse quando ele resolveu me olhar.

Brad: Por que será que eu não me surpreendo? – perguntou retoricamente e se sentou – Conversar sobre o quê? Sua irmã e a viagem?

Jream: Isso mesmo. – me sentei em outro sofá.

Brad: Pode começar. – falou sorrindo.

Jream: Você não vai levar a Jasmine pra Inglaterra! – disse o encarando que ficou alguns segundos me olhando perplexo.

Brad: Quem você pensa que é pra falar assim comigo? – me encarou.

Jream: Eu vou falar de novo... Você não vai levar a Jasmine pra Inglaterra. Primeiro motivo: você não se importa com ela e muito menos com os sentimentos dela. Você já conviveu com ela alguma vez na vida? Pois eu sim e eu sei como ninguém que ela ama demais o Bieber, você não pode separar um amor verdadeiro assim como é o deles. Segundo motivo: Eu sei muita coisa sobre você, coisas que te condena e que você nem imagina. Experimenta só levar ela pra Inglaterra.

Brad: Está me ameaçando? – continuou me encarando, cínico.

Jream: Te ameaçando? Claro que não! Por que ameaçaria? – disse ironicamente, ele ficou bravo.

Brad: Garoto, você não sabe nada sobre mim!

Jream: Não sei? Então continua pensando assim, arrumo provas e te mostro, que tal? – arqueei uma sobrancelha.

Brad: Do que você está falando? – perguntou confuso.

Jream: Da sua venda de propina! Compra roubada e vende por milhões pra outras pessoas. – disse e ele arregalou os olhos.

Brad: Como você sabe disso? – perguntou assustado.

Jream: Eu tenho os meus contatos!- disse e pisquei gostando da reação que ele estava tendo. - Mas eai, ainda vai levar a Jasmine pra Inglaterra? – desafiei-o.

Brad: Não confio em você! Posso não levar ela agora, mas ano que vem vou leva-la de qualquer jeito.

Jream: Leva sim se não estiver na cadeia. – disse e ri.

Brad: Garoto! Acha mesmo que alguém vai acreditar em você do que em mim? – ele se levantou mais bravo ainda, fiz o mesmo só pra mostrar quem é o melhor.

Jream: Acho! Por que não acreditariam? Você já tem passagem pela polícia, cara.

Brad: Isso não importa.

Jream: Como pode ter tanta certeza? Acho bom mudar de opinião logo de uma vez, não quer ser preso, quer? – disse andando em direção á porta, quando terminei, sai daquele lugar.

POV Justin

 Depois que a Jasmine se acalmou, ela e Mary começaram a falar de coisas que não me interessavam, até eu ouvir o nome do Chaz. A Mary estava dizendo que ele tinha a chamado pra sair e ela aceitou. Jasmine perguntava os detalhes de tudo que me deixou entediado. Quando elas terminaram, Mary saiu da sala nos deixando á sós, até que enfim.

Justin: Estava na hora, vocês conversam demais. – falei revirando os olhos.

Jasmine: Não reclame, estávamos falando da felicidade do seu amigo. – me encarou rindo.

Justin: Posso te lembrar de que ele também é seu amigo? – a encarei também.

Jasmine: Ok, a felicidade do nosso amigo! Qual eu já fiquei uma vez. – ela disse sorridente.

Justin: Pra que ficar me lembrando duma coisa dessas? – disse bravo – Eu sei que você já ficou com o Ryan também, mas não precisa lembrar isso, ok? – estava bravo, realmente.

Jasmine: Eu não falei por mau, me desculpa! – pediu acariciando meu rosto.

Justin: Tudo bem. – sorri – Mas é que eu não suporto imaginar você ficando com outros caras! Sobe-me uma raiva. – falei e ela riu, então abraçou meu pescoço com as mãos – Sabe que eu te amo, né? – disse e ela assentiu, então eu a beijei.

Jasmine: Tá com fome? – perguntou e eu neguei – Mas eu estou! – falou e se levantou, então seu celular começou a tocar – É o Jream.

Justin: Coloca na viva-voz, por favor. – pedi e ela atendeu colocando na viva-voz.

Jream: JASMINE! – ele disse animado.

Jasmine: JREAM, o que você fez? – perguntou curiosa.

Jream: Eu falei com o Brad, oras! – falou obviamente.

Jasmine: Mas eai?

Jream: Ele continua querendo te levar pra Inglaterra, mas só ano que vem. – ele disse e Jasmine começou a pular loucamente.

Jasmine: MEU DEUS! Como fez isso?

Jream: É entre mim e o Brad, você não precisa saber. – pelo visto é sério.

Jasmine: Como não? Eu preciso saber sim!

Jream: Você não quer mais motivos pra odiar o Brad, quer?

Jasmine: Quero! Então me conta.

Jream: Em casa eu te conto, por celular não dá, sério.

Jasmine: Isso só pra me deixar curiosa, né?

Jream: Não, Jas! Sério. E eu preciso desligar, já estou chegando ai... beijos!

Jasmine: Ok, beijos! – disse e desligou.

Justin: Agora até eu fiquei curioso. – me levantei.

Jasmine: Ele vai ter que me contar o que está acontecendo. – disse olhando para o nada.

Justin: Não se preocupa, ele vai contar! E você vai me contar quem é Quincy. – a encarei que me olhou incrédula – O que?

Jasmine: Como assim quem é Quincy? Eu te contei no nosso primeiro encontro. – ela disse como se fosse óbvio.

Justin: Pois é, mas eu não me lembro! – dei de ombros.

Jasmine: Não se lembra? Esqueceu-se do nosso primeiro encontro? – ela parecia inconformada.

Justin: Que isso, Jasmine! Claro que não. Eu só não me lembro de quando você me disse sobre esse tal de Quincy. – falei me sentando.

Jasmine: Ok. – ela sentou no sofá em frente – Quincy é meu ex-namorado! Namorávamos há dois anos, mas ele me traiu com uma garota que dizia ser minha amiga, então eu vim pra cá, morava na Califórnia.

Justin: Agora eu estou me lembrando! Eu deveria ter arrebentado a cara daquele vagabundo. – falei completamente irritado.

Jasmine: Meu amor, já passou tá? Não se preocupe com isso. – falou se sentando ao meu lado e acariciou meu rosto, sorri. – Eu te amo.

Justin: Eu te amo mais. – disse e a beijei.

 

Continua...


Notas Finais


espero que tenham gostado! e é isso, tiau


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...