História Crazy In Love Four Season - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amber Heard, Barbara Palvin, Justin Bieber
Personagens Personagens Originais
Tags Atlanta, Criminal, Policial, Romance
Exibições 216
Palavras 1.477
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


TEM MUITO TIROOO!!!

Desculpem pela demora, final de ano está uma correria e eu estou tentando deixar o máximo de capítulos prontos <3

Espero que gostem do capitulo, boa leitura <3

Não querendo ser má, mas VEM CAPITULO 14!

Capítulo 12 - Apologize Madison.


Pov. Justin.

 

Os meninos já haviam chegado a Atlanta, as famílias deles iriam chegar está noite. Nós estávamos em meu escritório planejando o assalto da próxima semana.

 

- Vocês não estão enferrujados para roubar bancos?- Pergunta Katherine entrando no escritório. - Sem querer ofender.

 

- Que ofensa Katherine!- Diz Chaz colocando sua mão sobre seu peito e mudando sua afeição para chateado.

 

- Nós fizemos isso por anos Katherine, precisaria de séculos para nós esquecermos. - Diz Chris enquanto olhava para o mapa do banco.- É caras, nós somos bons demais nisso!- Exclama ele orgulhoso.

 

- Se vocês dizem. - Ela levanta as mãos como se estivesse se rendendo.- Quando as meninas chegaram em Atlanta?- Pergunta ela.

 

- Está noite. - Respondo, a mesma encara o chão mordendo os lábios.- Por que você não conversa com a Lauren?

 

- Hoje é a entrevista com o representante da faculdade onde ela quer estudar. - Responde Katherine.- Irei ajudar vocês!- Ela se involuntária.

 

- Em que?- Pergunta Ryan cruzando os braços.

 

- Em tudo! Desculpe-me, mas graças a mim e meu plano que você vulgava ser “Idiota”, vocês quase conseguiram matar o Mikelson. - Responde ela se defendendo.- Por que só há três alfinetes verdes no mapa?- Pergunta ela confusa.

 

- Chaz irá voltar a ser nosso hacker, até nós acharmos alguém novo. - Respondo a ela bebericando meu Whisky.

 

- E a Kylie?- Questiona ela.

 

- Nós entramos em contato com ela. Porém ela nos disse que não está mais nessa vida!- Respondo e a vejo mudar sua expressão para triste.

 

- Devemos ir visita-la um dia. - Propõe Katherine com um sorriso nos lábios.- Só irá vocês três realizar o assalto?

 

- Sim!- Respondo e a vejo sorrir pensativa. - Fala logo oque você quer?

 

- Eu quero ir com vocês!-Responde ela e eu a encaro com as sobrancelhas arqueadas. - Por favor.- Pede ela.

 

- Katherine...

 

- Sem desculpas Bieber! Eu sou boa Justin e você sabe disso, eu posso ajudar vocês. - Diz ela olhando para cada um de nós.

 

- Você jura que não irá falar nada, se eu deixar você ir conosco?- Pergunto a encarando e a mesma concorda. - Tudo bem, você ira conosco.- Digo e ela me abraça alegre.

 

- Quem sabe eu possa te recompensar depois. - Sussurra ela maliciosa em meu ouvido.

 

- Sem querer atrapalhar o casal, mas temos um assalto para planejar, - Chaz chama a nossa atenção, fazendo com que nós nos separássemos e o encara-lo. - Continuando, pelas fotos que vocês nos mostrou, há mais seguranças a noite! Então teríamos que colocar alguém lá dentro para despistá-los. Por isso é melhor invadir de madruga, quando ele estiver fechado. - Comenta ele.

 

- Por que será melhor de madrugada?- Pergunta Katherine o interrompendo.

 

- Por que o banco estará fechado! E a maioria dos seguranças estará cochilando e não estarão prestando atenção. Por isso esse plano é o melhor!- Responde Chaz.

 

- Mas qual é o outro plano?- Pergunta Katherine novamente.

 

- Invadir o banco no meio da madrugada e matar os seguranças! Porém este plano chamará muito mais a atenção da policia e não é isso que queremos. - Responde ele.- Já o outro nós iremos fazê-lo em um completo sigilo, iremos invadir o banco sem os guarda perceberem e iremos fazer ele de reféns.- Termina ele.

 

- E como faremos isso?- Pergunta Chris cruzando os braços.

 

- Simples, pelo telhado. Eu vi algumas imagens aéreas e há uma parte do telhado que é feita de vidro, é como umas janelas para poder entrar a luz do sol e vocês iram entrar por lá. - Responde ele e eu concordo.

 

- Já temos tudo pronto para o assalto!- Digo orgulhoso.

 

- Cadê a Katherine?- Escuto a voz de Hailey do outro lado da porta.

 

- Por favor, ela não. - Desejo e escuto Katherine rir.

 

- Hailey!- Katherine abre a porta do escritório, assim que Hailey a vê corre até Katherine a abraçando.

 

- Você não sabe como eu senti sua falta!- Diz Hailey sem separar o abraço.

 

- Como foi a viajem?- Pergunta Chaz abraçando Eleanor e Dylan.

 

- Normal, minha mãe começou a discutir no voo com uma mulher. Dylan e uma garota foram ao banheiro e provavelmente transaram por que ela saiu toda descabela de lá e o pescoço de Dylan está todo roxo! E eu fiquei assistindo filme.- Respondo Eleanor nos fazendo dar risada.

 

- A garota era gostosa?- Pergunto a Dylan.

 

- Sim, e muito! Ela tinha um peitos. - Responde ele com um sorriso malicioso nos lábios.

 

- Que orgulho desse moleque. - Digo bagunçando o cabelo dele.

 

- Onde está a Madison?- Pergunta ele curioso.

 

- Acabou de transar com uma mina e já está atrás da Madison, porra Dylan!- Brinca Eleanor.

 

- Ela está na escola, eu tenho que ir buscá-la agora. - Responde Katherine.

 

- Eu posso ir buscá-la junto com você?- Pergunta Dylan a Katherine.

 

- Você vai deixar a Madison ser a segunda opção dele tio Justin?- Pergunta Eleanor se colocando ao meu lado e eu passo meu braço pelo seu pescoço.

 

- Se ele magoar a minha filha eu mato ele. - Respondo a ela.

 

- Pode matar ele, eu sempre quis ser filha única. - Diz Eleanor me fazendo rir.

 

- Vamos Dylan?- Katherine o chama.

 

Pov. Madison.

 

[...]

 

Eu estava sentada na entrada da escola a espera da minha mãe, ela não respondia minhas mensagens e nem atendia minhas ligações. Eu havia ligado para o meu pai, ele disse que ela estava a caminho.

 

- Madison...

 

- Dylan?- Levanto minha cabeça o encarando confusa. - Oque você faz aqui?

 

- Eu vim com a sua mãe lhe buscar. - Responde ele.- E Também vim lhe pedir desculpas...

 

-Pelo oque?- O questiono.

 

- Por ter sido um babaca com você na festa, eu venho me culpando todos os dias por não ter lhe pedido desculpas! Eu deveria ter feito isso há muito tempo, nós deveríamos ter isso, mas não fizemos por que somos dois orgulhos. Não vamos deixar um sentimento idiota acabar com a nossa amizade de anos. - Responde ele se aproximando.

 

- Pra você é um sentimento idiota?- Pergunto a ele e o mesmo olha para o chão sorrindo.

 

- Não! Mas esse sentimento pode acabar com a nossa amizade e nenhum de nós queremos isso. - Responde ele e eu escuto uma buzina atrás de nós.- É melhor nós irmos.

 

- Marcas legais. - Digo vendo as marcas de chupões em seu pescoço.

 

[...]

 

- Que demora!- Reclama minha mãe enquanto ela dirigia. - Da próxima vez, eu deixo vocês!

 

- A Ariel também está lá em casa?- Pergunta Julian.

 

- Ainda não, ela irá chegar à noite. - Responde minha mãe a ele.

 

[...]

 

Minha mãe estaciona o carro na entrada e nós descemos do mesmo rapidamente a deixando lá dentro.

 

- Como eu senti sua falta!- Corro até Eleanor a abraçando.

 

- Você perdeu tantas coisas no Canadá depois que foi embora. - Diz ela me deixando curiosa.

 

- Vamos para o meu quarto e você irá me contar tudo. - Digo e nós entramos em minha casa.

 

Pov. Katherine

 

- Onde estão todos?- Pergunto a Hailey entrando em casa.

 

- Os meninos foram ver se ainda existe o antigo galpão. - Responde ela se levantando do sofá e vindo em minha direção.- Oque é isso Katherine Campbell?- Pergunta ela mostrando uma caixa de teste de gravidez.

 

- Você não consegue ler? É um teste de gravidez. - Respondo irônica.

 

- Kath, você está gravida?- Questiona ela.

 

- Não sei! Eu nem fiz o teste. - Respondo me defendendo.

 

- Então você irá fazer ele agora!- Ela me puxa até a porta do banheiro e me entrega o teste. - Entra nessa porra de banheiro e faz o teste.

 

- Calma, eu irei fazer. - Respondo entrando no banheiro.

 

[...]

 

- Diz logo o resultado, e não venha dizer que não tem resultado por que eu ouvi o barulho que faz quando sai o resultado. - Diz ela assim que eu saio do banheiro.- Qual é o resultado Katherine?

 

- Positivo. - Respondo em um tom baixo e olho para os meus pés.

 

- De novo Katherine, mais um bebê. - Ela me repreende.- É isso que acontece quando se transa sem proteção.

 

- Não venha me dar aula de sexologia, Hailey. - Digo a ela.

 

- Pra que eu daria? Você e o Bieber parecem dois animais!- Exclama ela. - Você irá contar para o Bieber hoje?- Pergunta ela.

 

- Não! Eu irei contar depois do assalto. - Respondo a ela quebrando o teste.- Se o Bieber souber, ele não irá me deixar participar do assalto.

 

- Kath...

 

- Juro que eu irei contar a ele assim que finalizarmos o assalto. - Digo a ela.

 

Continua...


Notas Finais


#Baby3DeJatherine!!!! O casal que gosta de ter filho, pqp! Me adota Jatherine!!!!

Espero que tenham gostado do capitulo, não se esqueçam de comentar, favoritar e divulgar a fic <3 Um beijo e até logo<3<3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...