História Crazy In Love Third Season - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amber Heard, Barbara Palvin, Justin Bieber
Personagens Personagens Originais
Tags Amber Heard, Barbara Palvin, Criminal, Drogas, James Franco, Justin Bieber, Romance, Sexo, Violencia
Exibições 421
Palavras 1.885
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Policial, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Cheguei migas! Com mais um capítulo com vários ruris adorooooo!! Espero que gostem do capítulo, beijos até logo❤💕

#6💔

Capítulo 28 - My soul mate


Fanfic / Fanfiction Crazy In Love Third Season - Capítulo 28 - My soul mate

Pov. Katherine.

 

Uma semana depois...

 

Oque eu poderia dizer? Acho que nada, depois que o prefeito disse coisas sobre o Justin na televisão nossa vida se tornou um inferno! Sim, havia os leais fiéis a ele e o ajudava quando a polícia estava próxima. Mas não eram todos, Lauren e Madison iam acompanhadas por seguranças para a escola, eu tentava deixar Justin o mais calmo possível e ele? Ele ficava trancado naquele escritório e mandava algum capanga explodir algo para o prefeito ver que ele não estava de brincadeira, as meninas já estavam na escola por conta do recital de balé deles e eu estava me pronta para ir, só estava fechando a bolsa de Julian.

 

- No que tanto pensa?- Pergunta Justin acariciando minha Buchecha.

 

- Em que você só fica naquele escritório.- Respondo e ele suspira profundamente.

 

- Katherine, eu estou apenas trabalhando!- Ele se defende e eu o encaro nervosa.

 

 

- Tudo bem, se você diz!- Digo a ele.- Estou triste por você perde o recital de balé das meninas.

 

- E quem disse que eu não vou? Elas são minhas filhas, então eu vou!- Exclama ele.

 

- Justin é perigoso.- Pego Julian no colo e jogo uma manta por cima dele, já que estava frio lá fora.

 

- Eu gosto do perigo.- Diz ele pegando a bolsa de Julian do meu ombro e as chaves do carro.- Vamos?- Diz ele abrindo a porta.

 

- É perigoso.- Disse enquanto nós saiamos de casa e caminhávamos até a Range Rover dourada de Justin. 

 

- Eu sei.- Responde ele pegando Julian do meu colo e o coloca na cadeirinha, enquanto eu entrava no carro.

 

Escuto a porta bater atrás de mim, Justin abre a porta do motorista e entra no carro.

 

- Desiste.- Peço enquanto ele fecha a porta do carro.

 

- Nunca.- Ele da partida no carro.

 

[...]

 

Justin estaciona o carro na frente da escola de Lauren e Madison, havia algumas câmeras lá e eu estava preocupada.

 

- Como você irá entrar?- Pergunto a ele, ele veste uma blusa e coloca o capuz na cabeça. 

 

- Pela porta da frente.- Responde ele abrindo a porta do carro e descendo do mesmo.

 

Abro a porta do carro e desço dele fechando a porta, abro a porta dos banco traseiros e tiro Julian da cadeirinha e o pego no colo. Entrego a bolsa de Julian para Justin e ele a pega e entra rapidamente na escola das meninas tentando não chamar nenhuma atenção.

 

Julian me encarava com seus olhos azuis arregalados.

 

- Você é tão lindo.- Digo fazendo uma voz fina e ele sorri sem dentes.

 

- Ba...Ba.- Ele tenta falar algo.

 

- Não, mamãe!- Digo e eu digo meu capítulo até a escola. 

 

- Senhora Bieber!- Grita uma reporte e eu reviro os olhos.

 

- Que é porra? Eu quero ver o recital das minhas filhas por favor.- Peço a ela, mas ela não me deixa passar.- Tira a porra da câmera do rosto do meu filho.- Bato na câmera e a derrubo no chão. 

 

- Seu marido é o maior traficante de Atlanta! Oque você pensa sobre isso?- Pergunta um outro repórter. 

 

- Que você deve tomar no seu cu.- Respondo e entro dentro da escola, e sigo  caminho até o “ Teatro” que havia na escola delas.

 

Justin havia me enviado uma mensagem dizendo que eles estavam sentados na primeira fileira.

 

- Eu vou bater em você.- Assim que chego lá vejo Pattie batendo em Justin e Jeremy a ajudava.

 

- Katherine me ajuda.- Pede Justin.

 

- Eu? Eles são seus pais amor.- Digo e vejo Jazmyn e Jaxon vindo minha direção. 

 

- Isso Pattie e Jeremy, bate nele!- Diz Hailey feliz.

 

- Meus amores, vocês cresceram.- Digo entregando Julian para Emma, e me abaixo para abraçar Jazmyn e Jaxon. 

 

- Oi Kath.- Diz Jazzy feliz.

 

- Kath, você continua linda.- Diz Jaxon com um sorriso sapeca nos lábios. 

 

Tópico Bieber.

 

- Seu Zé Ruela, dá mais uma cantada na minha mulher e eu te mato.- Justin o ameaça.

 

- Jeremy, quanto tempo!- Digo o cumprimentando.

 

- Katherine! A cada vez que eu te vejo, você fica mais linda.- Diz ele e eu sinto minhas Buchecha coroarem.- Meu filho é muito feio pra você.- Diz ele zoando o Justin.

 

- Foi o seu pau que me fez.- Diz Justin se defendendo.

 

- E a Chelsey e Allie? Elas não vieram?- Pergunto a ele.

 

- Não, ela disse que tentará vir para Atlanta está semana.- Responde ele e eu concordo abraçando Pattie.

 

[...]

 

- Senhoras e Senhores! Eu lhes apresento a turma de balé da senhora Villeneuve.- Diz a diretora da escola no microfone e todos começam a aplaudir.

 

Vejo Lauren e Madison subirem ao palco com roupas de bailarina, as duas acenam para nós.

 

A música começa a tocar e elas começam a dançar ao ritmo da música, Pattie se mantinha com sua câmera em mãos gravando todo o recital, Justin estava com Julian no colo e eu estava com minha cabeça deitada em seu ombro.

 

- Elas mandam bem.- Sussurro para Justin. 

 

- São minhas filhas! Você acha que elas não seriam fodas!- Diz Justin.- Julian será o fodinha Bieber.- Diz ele e Julian sorri para ele.

 

- Pa...Pa!- Diz Julian e Justin mantinha um sorriso bobo nos lábios.

 

Vemos uma movimentação estranha no teatro e Justin fica atento e me entrega Julian, ele pega o telefone dele e fala com o chefe de segurança.

 

- Vamos tirar as meninas do palco e sair daqui.- Sussurra ele em meu ouvido.- Agora!

 

- Oque está acontecendo?- Pergunto a ele.

 

- Algum filho da puta disse que eu estava aqui, agora a polícia está aqui!- Responde ele e minha respiração começa a falhar.- Meus seguranças estão se pondo a postos para nós sairmos daqui.- Continua ele.

 

Justin avisa a todos nós sobre oque estava acontecendo. Eu estava com medo de pegaram o Justin e o prenderem na frente das crianças.

 

- Se levante e saia como se nada tivesse acontecido, os seguranças levará as meninas para o carro quando o recital acabar.- Diz ele e eu me levanto com Julian em meu colo.

 

- Parado!- Grita um policial apontado a arma para Justin.

 

A luz do teatro é ligada e todos que estavam começam a gritar em desespero, Justin retira a arma dele da cintura apontando para o policial.

 

- Kylie, tire o Julian daqui.- Entrego Julian para ela.- Por favor.

 

- Tudo bem, não façam nada arriscado!- Responde ela saindo com Julian.

 

- Coloque a arma no chão e coloque suas mãos aonde eu possa ver.- Diz o policial e Justin da uma risada irônica. 

 

- Me desculpem, não posso fazer isso.- Diz Justin segurando em minha mão.- Tira esse salto, e me entregue um.- Sussurra ele e eu me abaixo e tiro meu salto e entrego um a ele.

 

- Não irei repetir!

 

- Nem precisa.- Diz ele e Justin pega o salto ataca o salto no olho dele.- Vamos!- Justin me ouça pela mão e nós começamos a correr e subimos em cima do palco, escutamos o barulho das armas sendo destravadas.

 

- Mãe! Pai!- Madison e Lauren exclamam assustadas.

 

- Vão com a tia Cait, daqui a pouco nós nos veremos.- Digo a elas e voltamos a correr.

 

Entramos nos fundo dos palcos e passávamos por vários obstáculos, subimos uma escada pequena rapidamente, escutávamos os barulhos de passos nos seguindo e isso nos faziam ir mas rápidos. Entramos na sala da professora de dança e vimos que os policiais estavam pertos. 

 

- Oque iremos fazer?- Pergunto a ele, ele pega o extintor de incêndio quebrando as grandes janelas que iam do chão até o teto que havia lá.- Justin, estávamos no segundo andar!

 

- Há sacos de lixos lá em baixo, vamos logo Katherine.- Diz ele e os barulhos de passos ficavam mais altos.- Você confia em mim?- Pergunta ele e eu concordo. 

 

- Sim!- Respondo ele segura minha mão e escuto o barulho de nossas alianças de bater uma contra a outra.- Vamos!- Diz ele e nós pulamos pela janela.

 

Eu segurava firme a mão dele, o barulho do vento forte estava fazendo meus ouvidos doerem. Era como andar de avião com as janelas abertas.

 

Sinto o impacto do meu corpo se bater contra os sacos de lixos, abro meus olhos e olho para o lado vendo Justin respirando ofegante e olhando para mim.

 

- Vamos!- Ele se levanta rapidamente e me ajuda a se levantar, nós saímos correndo. 

 

- Como nós iremos para casa porra? Não tem como pegar o carro.- Digo a ele tremendo de frio e ele retira o casaco e o coloca por cima dos meus ombros. 

 

- Vou roubar um carro!- Diz ele e nós atravessamos a rua rapidamente.- Fica de olho de ninguém está vindo.- Diz ele quebrando o vidro do carro e abrindo a porta do carro.

 

Justin começa a fazer ligação direta no carro, os barulhos das sirenes da polícia estavam ficando altas.

 

- Consegui!- Digo e escuto o barulho de motor.- Entra logo!- Diz ele e eu abro a dos fundos entrando no carro.

 

Justin da partida no carro e dirigi o mais rápido possível, o carro que Justin havia roubado não era muito rápido.

 

[...]

 

Justin estaciona o carro na entrada de casa, os carros de todos estavam lá.

 

Justin desliga o carro e respira fundo, passo minhas mãos pelo seus ombros.

 

Justin abre porta do carro e eu também, descemos juntos dele.

 

- Coloquem fogo nesse carro!- Ordena Justin para os capangas e vai até a porta de entrada a abrindo, eu o digo e entro em casa.

 

- Graça a Deus!- Grita Pattie alegre e nos abraça. 

 

Madison e Lauren corre em nossas direção nos abraçando.

 

- Vocês não vão pegar o Julian não, vocês fedem, e ele já tomou banho !- Diz Kylie.

 

- Como vocês conseguiram sair de lá?- Pergunta Ryan.

 

- Pulamos do segundo andar.- Responde Justin nervoso e sobe as escadas.

 

- Bieber tá puto!

 

- Puto é pouco, não gosto de expulsar vocês mas, tchau.- Digo pegando Julian no colo e subindo as escadas e indo até o quarto de Julian.

 

[...]

 

- Você é tão lindo.- Digo a Julian.- Mas você tem que dormir.- Digo e o coloco deitado no berço.

 

Saio do quarto do Julian e deixo a porta dele entreaberta, vejo que a porta do quarto estava aberta e a luz acesa, vejo Justin sentado na cama com Madison em seu colo.

 

- Oque é uma alma gêmea, papai?- Escuto Madison pergunta a ele.

 

- É uma... Bem, é como uma melhor amiga, mas mais. É a única pessoa no mundo que lhe conhecer melhor do que ninguém, essa pessoa de ama acima de tudo, não importa oque esteja acontecendo ela estará lá ao seu lado para qualquer momento.- Responde ele e eu me encosto na porta.

 

- Como você e a mamãe?

 

- Sim, ela é minha alma gêmea!- Diz ele me olhando.- Vá dormir, já está tarde.- Diz ele beijando sua testa.

 

Ela desce do colo dele e vem até mim, eu lhe dou um beijo na Buchecha e ela sai do quarto, eu fecho a porta.

 

- Então eu sou sua alma gêmea?- Pergunto a ele.

 

- Sim! Sempre foi e sempre será.

 

Continua...

 


Notas Finais


Gente eu não aguento vocês dois! Tão maraviperfeitos❤❤💕

Espero que tenham gostado do capítulo, não se esqueçam de comentar, favoritar e divulgar a fic❤ Um beijo e até logo💕❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...