História Crazy In Love Third Season - Capítulo 29


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amber Heard, Barbara Palvin, Justin Bieber
Personagens Personagens Originais
Tags Amber Heard, Barbara Palvin, Criminal, Drogas, James Franco, Justin Bieber, Romance, Sexo, Violencia
Visualizações 495
Palavras 1.381
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Policial, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Só queria dizer que uma cena do trailer vai se profetizar aaaaanfidjdjdu segurem o core amores❤💓 Um beijo e boa leitura 💕

Capítulo 29 - I loved and I loved and I lost you


Pov. Katherine

 

Duas semanas depois...

 

- Mãe!- Escuto Madison vir atrás de mim.- Quando eu vou poder ver meu pai?

 

- Em breve meu anjo, posso lhe dizer que se acontecer algo muito bom será em algumas horas.- Respondo.

 

- Falaram na televisão que ele irá morrer.- Diz ela me encarando.- É verdade?

 

- Não! Nunca acredite em que as outras pessoas falam.- Respondo a ela e dou um beijo em sua testa. 

 

Escuto uma buzina alta e impaciente do lado de fora, só pode ser a Ashley. Coloco meus óculos escuros e saio de casa entrando no carro dela.

 

[...]

 

- Sabe Ashley eu apenas estou lhe aturando para salvar o Justin!- Digo a ela enquanto ela dirigia até para a prisão.

 

- E você acha que eu também não? Aprenda nós podemos ser irmãs mas eu te odeio!- Exclama ela.

 

- Sabe não entendo o por que você quer ajudá-lo a fugir, já que você fugiu a anos atrás.- Digo irônica e dou uma breve olhada nela.

 

- Você também tentou fugir, nós duas estamos erradas!- Responde ela me dando uma breve olhada.- Por que você quis ir embora?

 

- Por que eu tive medo!- Respondo.

 

- Medo do que Katherine? Justin pode está preso mas ele deixou uma puta equipe de segurança para cuidar de você, Lauren e seus filhos.- Diz ela parando o carro e me encarando.

 

- Você sabe oque é temer pela vida de um filho não é Ashley? Você mesma fugiu grávida de Lauren, assim como eu fugi grávida da Madison!- Respondo e ela volta a dirigir.

 

- Foram razões diferentes!

 

- Sim foram, ele havia lhe agredido, estava bêbado, drogado e com ódio! Por isso eu não te julgo te ter fugido. E eu? Eu encontrei você e ele transando no sofá da minha casa, na minha sala de estar! Nós duas temos algo em comum, fomos magoadas pelo o homem que mas amamos.- Digo a ela.

 

- Oque importa Katherine? Você ganhou e eu perdi! Acabou, agora ele está com você e vocês dois tem uma família. Eu o amo, eu amo ele pra caralho mas eu não posso tê-lo e isso dói muito!- Diz ela enquanto dirigia.- Nós vamos tirar ele da cadeia. Sabe Katherine, imagine se as coisas fossem ao contrário? E se você fosse a vilã que roubou ele de mim, seria estranho! Mas sabe por que eu sou a vilã? Por que os vilões tem sempre os melhores finais.

 

- Nem sempre Ashley!- Digo e escuto meu celular tocar.

 

Ligação On. 

 

- Chaz?- Pergunto preocupada.

 

- Venha logo!- Diz ele apreensivo.

 

- Oque houve?- Pergunto mais ele já havia desligado a chamada.

 

Ligação Off.

 

- Aumenta a velocidade!- Grito batendo no braço de Ashley.

 

- Me bate de novo pra você caralho, eu vou te matar!- Grita ela pisando no acelerador.- Oque aconteceu? 

 

- Chaz estava agitado, acho que algo aconteceu.- Respondo e ela começa a ir mais rápido.

 

- Espero que não tenha acontecido nada!- Exclama ela.

 

[...]

 

- Oque houve?- Pergunto a Chaz assim que desço do carro e vejo uma multidão de pessoas.

 

- Eles estão fazendo uma rebelião para sair!- Responde ele.

 

- Senhora Bieber! Você acha que o seu marido foi que organizou tudo isso?- Pergunta a reporte colocando o microfone em meu rosto.

 

- Você é chata pra caralho, puta que pariu. Sai daqui logo por que se não eu te bato.- Digo a ameaçando e ela me encara.- Não vai sair? Tudo bem então.- Digo acertando um soco em seu nariz.

 

- Você é revoltada mesmo.- Diz Ashley vendo a reporte sair correndo com o nariz escorrendo sangue.

 

- Não começa não.- Digo a ela.- E agora?- Pergunto encarando os meninos.

 

- Não sabemos, ninguém entra e ninguém sai de lá!- Responde Chris.- Está um inferno.

 

- Porra.- Grito e chuto o carro de Ashley.

 

- Pode parar que o meu carro não tem nada haver com isso, que chutar algo? Se chuta de um penhasco porra!- Diz ela nervosa e assim que ela termina, escutamos uma bomba explodir e nós abaixamos.

 

- Porra.- Digo me recompondo.

 

- Todos estão bem?- Pergunta Ryan.

 

- Que porra foi essa.- Diz Tyler nervoso.

 

- Katherine!- Escuto a voz de Justin me chamar e eu me viro para encarar ele.

 

- Justin!- Grito alegre e vou até ele.

 

Faltava apenas poucos metros para mim alcançá-lo, muito pouco! Vejo uma bala atingir Justin na cabeça e seu sangue respinga um pouco em mim. Eu havia paralisado, eu estava paralisada vendo seu corpo cair lentamente no chão, parecia que eu havia usado um tipo de morfina, um paralisante! Era como se meu mundo estivesse se desmourando em cima de mim, eu não estava na terra e sim no inferno! Era como se minha vida não valesse mais nada. Escuto a voz distante de Ashley gritar histérica e os meninos gritarem um não, eu começo a caminhar lentamente e caio de joelho em frente ao seu corpo.

 

- Justin?- Pergunto com a voz embargada o chacoalhando.- Por favor fala comigo.- Imploro me derrubando em lágrimas.

 

Vejo todas as pessoas se aproximar de nós dois, os meninos as tiram de lá e Ashley se ajoelha ao meu lado em prantos, logo os meninos de abaixam.

 

- Bieber seu cuzão, responde.- Implora ela em pratos.- Eu juro que lhe deixarei em paz.

 

- Meu filho, meu filho!- Escuto os gritos desesperados de Pattie e vejo Jeremy atrás dela.

 

- Tia Pattie calma.- Ryan tenta acalmá-la mas a tentativa é falha.- Como vocês souberam?

 

-Ela viu no noticiário oque estava acontecendo aqui e decidiu vir, ela passou na casa onde eu estou hospedado e perguntou se eu queria vir, eu topei! Então nós escutamos na rádio que Justin Bieber havia sido morto.- Responde ele tentando controlar as lágrimas.

 

- Justin fala comigo.- Implora Pattie em entre lágrimas.- Meu único filho se foi.

 

- Justin para de palhaçada e me responda! Eu não imagino vivendo uma vida sem você, por favor Justin não me deixe você prometeu! E o: Eu sou incapaz de deixá-la Katharine?- Digo chorando cada vez mais e o seu ferimento sagrava.- Não me deixe.- Imploro e vejo Ashley chorando ao meu lado.

 

- Bieber eu compro a passagem hoje!- Diz ela o chacoalhando.

 

- Chaz, vamos levá-lo a um hospital! Ele deve ter chances de sobreviver, ele não pode morrer, ele se machuca e não morre. Vamos.- Me levando e digo a Chaz.

 

- Ele morreu Katherine.- Diz ele chorando e abre os braços para eu o abraça-lo.- O Justin morreu...

 

- Eu pedi para trazerem uma van para nós podermos levá-lo para um IML.- Diz Chris enxugando as lágrimas.

 

- Oque eu irei fazer agora Chaz? Como eu irei dizer para os nossos filhos que o pai deles morreu?- Perguntou chorando e ainda abraçada a Chaz.

 

- Eu realmente não sei.- Responde ele, diz olhando para van que havia chegado.- Nós iremos o levar para o IML, Tyler irá te levar para casa.- Responde ele.

 

- Eu me nego ficar longe dele!- Diz Ashley ao ver os segurança pegar o corpo do Bieber e o colocar na van, vou até ela e a abraço.- Por que isso foi acontecer?- Perguntou ela chorando.

 

- Eu não sei, eu realmente não sei!- Respondo a ela chorando e ela passa sua mão em meu cabelo.

 

- Eu irei embora de Atlanta depois do enterro dele, sei que eu e você nunca nos demos bem mais eu irei lhe dar esse privilégio. Fique com Lauren, já vai ser difícil demais ela passar por essa transição da morte do Justin e ficar longe dos irmãos será pior ainda! Cuide dela e a leve para me visitar.- Diz ela enxugando as lágrimas.

 

- Tudo bem Ashley, muito obrigada! Lauren é como se fosse minha filha.- Respondo e ela concorda, ela vai até o carro dela e vai embora.- Espera!- Grito antes da van começar a se mover.

 

Abro a porta lateral da van e vejo o corpo dele deitado e sem vida.

 

- Eu te amo.- Digo dando um beijo em sua boca que antes era quente e agora se tornará gelada.- Se cuida ai no céu ou no inferno.- Digo e dou mais um beijo nele e saio da van.

 

Continua...


Notas Finais


Realmente eu chorei muito mesmo escrevendo esse capítulo, meu olho tá até inchado 💔

Não se esqueçam de comentar, favoritar e divulgar a fic💓💕 Um beijo e até logo❤
#2💔


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...