História Crazy Love - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Justin Bieber
Visualizações 94
Palavras 538
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Leiam as notas finais... SEMPRE (= ( Mesmo se não tiver nada de interessante lá ;D )


Boa leitura

Capítulo 9 - Capitulo 8


Capitulo 8

-Sério, me desculpa por ela. –falava com Justin ao telefone-

Minha mãe praticamente o expulsou daqui. E eu ainda tive que escutar ela falando da minha irresponsabilidade de trazer desconhecidos pra dentro de casa.

-Está tudo bem Jessie.

-Mesmo?

-Mesmo. –ele respondeu dando uma risadinha fraca- Ela só não gostou de ver sua filinha sozinha com um cara.

-Jéssica, desliga esse telefone, o jantar está pronto. –disse minha mãe abrindo a porta do quarto-

-Hm, eu tenho que desligar.

-Tudo bem. A gente se fala depois.

•••

Pov Justin

Estava arrumando as coisas de Lucy, pois ela iria viajar com Anny.

-Lucy, vamos. Sua mãe está te esperando.

-Não quero viajar com a mamãe. –ela disse com voz de choro-

Suspirei e peguei-a no colo. Anny nunca fora atenciosa com Lucy, ela sempre a deixava com a mãe ou comigo. Ela diz que é muito nova para perder tempo cuidando de uma “criança insignificante”, era assim que ela chamava Lucy.

-Eu quero ficar com você papai.

Coloquei-a na cama e peguei meu celular em seguida ligando para Anny.

-Lucy vai ficar comigo. –disse assim que ela atendeu-

-Ótimo. Agora eu posso curtir sem me preocupar com... com essa coisa ai. –ela desligou-

Voltei para o quarto e Lucy estava deitada e abraçada com seu unicórnio de pelúcia.

-Hey gatinha. O que você acha de ver um filme?

-Não da papai. –ela riu- Eu vou pra bem longe com a mamãe. Esqueceu?

-Mm. Eu acho que não vai mais.

Em um piscar de olhos tinha uma garotinha em cima de mim me abraçando. O melhor abraço do mundo. Lucy é a melhor coisa que já aconteceu na minha vida. Minha princesinha. Quem dera se ela nunca crescesse.

No dia seguinte tive que acordar bem cedo. Deixei Lucy com minha mãe e fui para o escritório resolver algumas coisas. Fiquei o dia todo lendo e relendo aqueles processos. Devia ter escolhido uma profissão mais fácil, mas alguém teria que “herdar” o escritório do meu pai, e como meu irmão havia falecido há alguns anos, sobrou para mim. Kate, minha irmã, diz que é uma profissão muito chata, por isso ela preferiu fazer fotografia.

         -Obrigada por cuidar dela mãe. –falei para minha mãe enquanto pegava Lucy que estava dormindo. Era quase 00:00-

         -Que isso. Eu adoro quando você a deixa aqui. –ela disse sorrindo- Tome cuidado no caminho. Não corra muito.

         -Dona Pattie, sempre preocupada. Vou tomar cuidado sim. Eu te amo mãe –falei lhe dando um beijo na bochecha e indo até o carro-

Pov Jessie

Férias. Isso quer dizer que eu posso dormir até tarde, certo?

Errado.

Tinha um ser pulando na minha cama às... que horas são mesmo?

-Acorda logo maninha.

Molly

-Já acordei Molly.

Ela continuava pulando

Molly é minha irmã mais nova. Ela tem 10 anos. Ela estava passando um tempo na casa da vovó Anna.

-Por que você ainda está pulando? Hein? Hein? -A derrubei na cama fazendo cosquinhas. -

-Não. Para Jess. –ela tentava proteger a barriga com as mãos- Para. Por favor.

Parei e me deitei ao lado dela.

-Senti sua falta Jess –falou me abraçando-

-Eu também senti a sua, Molls –fechei meus olhos e apenas a abracei de volta-


Notas Finais


Yeah. tá uma bosta. mas okay. Foi o que eu consegui.
espero que gostem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...