História Criminal - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Hobi Hehe, Kook, Namjin, Tae Hetero, Vai Ter Mais Gente, Yoonmin
Visualizações 18
Palavras 2.030
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Policial, Romance e Novela, Saga, Suspense, Yaoi
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


E aí minhas corujas bolinhas de arroz beijinhos de brigadeiro?
Ta, vamo ler.

Capítulo 4 - Desculpa


Fanfic / Fanfiction Criminal - Capítulo 4 - Desculpa

Pensamentos confusos tomavam conta da minha cabeça, eu realmente não entendia. Nunca achei que o caminho de casa fosse tão demorado pra ser percorrido. Chegando ao meu quarteirão, desacelerei o passo e continuei andando, até que sinto alguém me arrastar pelo braço e me jogar contra um muro.

-Por que você saiu daquele jeito?

-Me solta, eu só quero ir pra casa. É pedir de mais?

- Lanny, eu só quero saber o que ta acontecendo contigo.

-Comigo? O que ta acontecendo com você Taehyung! Tem uma semana que me evita.

- Desculpa.- Ele me solta.- Quando eu foco em uma coisa, não consigo tirar a atenção que tenho sobre ela.

- Você ficou com a Lisa?- Ele arregala os olhos.

- Bom... eu...

- Ficou ou não?

- Eu não sei.

- Como assim "não sei"?- Soco seu peito de leve.

- Naquela noite da festa,eu tentei te ligar,mais você não me atendia, então eu pedi o celular da Lisa emprestado. A gente foi lá pro quarto procurá-lo, e depois disso só me lembro de ficar tonto e no dia seguinte acordar na cama dela.

-Ótimo, agora vou ser chamada de chifruda, porque não sei se certa pessoa se lembra, mais saiu falando que a gente tava de rolo!

- Só não falei contigo essa semana pro Yoongi não ficar com ciúme!

- Cê ta louco?

- Vocês saíram juntos da festa, e eu sei que certa garota não passou a noite em casa.

- C como você...? PARK JIMIN!!

- Ele tava preocupado contigo, e não ponha culpa de nada no garoto!- Tae altera sua voz.

- Pode ir falando baixinho, porque eu não sou a puta da Lisa pra aturar seus desaforos!- Dou de costas. Ele me puxa pela cintura.-Me solta Taehyung!

- Quer mesmo que eu solte?- Sinto aquela cenourinha sussurrar em meu ouvido.

- Quero, e agora!- O empurro.

- Tão linda, mais tão chata.- Solta um sorriso provocante.

- Chato é você!-Reviro os olhos.

-Lanny, eu não quero que sinta raiva de mim, a final, você é uma ótima amiga!

- Eu não to com raiva de você, só não entendo essas suas loucuras.

- Sério?- Ele me abraça.

-Sério.- Solto um leve sorriso.

- Você sorriu pra mim? Pelo visto milagres acontecem, não é mesmo?- Solta um picar de olho.

- Nem vem se acostumando.

- Ah, quase ia equecendo...- Ele pega sua jaqueta que estava dobrada e puxa um objeto de lá.- Seu caderno.

- Ue? – Apanho- o – A Lisa mandou você me entregar?

- Bom...

(...)

-Entra Tae!- Ela me puxa e segue em direção ao seu quarto.

- Por que a Lanny saiu daquele jeito?

- Não faço a mínima idéia.

- Esse caderno aí na cama é seu?- Apanho o objeto.

- Não, esse é dela.

- Legal.

- Aqui a sua jaqueta.

- Agora, se me der licença...

- Fica mais um pouquinho Tae...- Ela puxa meu braço.

-É ruim hein!- Empurro a garota e saio correndo.

(...)

-Digamos que não deu tempo de copiar a atividade.

- Porra, Taehyung, tu roubou o caderno?- Rimos escandalosamente.

- Quase isso.- Solta um doce olhar.- Bom, te vejo amanhã na escola?

- Pode ser.-Dou de ombros.

- Tão fofa, mais tão...

-Chata!- Completo sua frase com um pingo de ironia.

- Vou te levar até sua casa.

-Não precisa...

- Eu faço questão!

- Tá bom.

Continuamos andando até minha casa. Convidei o garoto pra entrar e beber uma água. Vou na cozinha enquanto ele fica na sala, e quando volto vejo ele conversando com o rosado.

- Toma- Entrego o copo a ele.

- Obrigado.-Bebe a água.- Com sua licença...

-Já vai?

- Sim.

- Até mais então!

- Até.- Ele sai.

Saio da sala e vou direto para o meu quarto. Pensei muito sobre o que Tae disse sobre o hyung- Ele tava preocupado contigo, e não ponha culpa de nada no garoto!- Por certa parte ele estava certo, não posso obrigar o Jimin ficar com o Yoongi se ele não quiser. Tava criando coragem pra me desculpar com o rosado até ouvir alguém bater em minha porta.

-Lanny..-Ele se escora na porta com uma voz manhosa.-Posso entrar?

- Entra.- Me sento na cama,agarrando meu travesseiro.

- Me desculpa, eu não me controlei e acabei "machucando"- Faz aspas- o Yoongi. Não queria ter feito aquilo.

- Hyung, sou eu quem devo desculpas por me meter na sua vida.

- Não, sou eu quem devo desculpas.

-Não, sou eu!- Jogo meu travesseiro nele.

- É guerra que você quer? Então é guerra que você terá!- Jimin pula em cima de mim fazendo cócegas.

-Para Jimin!- Me debato loucamente para fugir dos seus braços.

- Veio com o Tae, hein?

-Ah, hyung sai do quarto!- O levo pra fora e fecho a porta.

-EÉÉÉÉ O AMOOOOORRRRR!!!

-Bobo.- Começo a rir do outro lado da porta.

(...)

(Tava tudo escuro, eu olhava tentando procurar uma luz mínima, mais tudo que encontrava era um breu terrível. Gritei por ajuda, não sabia se ia dar certo ou errado, até que vejo alguém... não dava pra ver o seu rosto, mais tinha a silhueta de uma garota, e essa correu até mim. Quando estava perto de me tocar ela some. Olho para frente e vejo... Taehyung ? Ele parecia estar machucado. Eu tentei ajudá-lo, mais não conseguia me mover... OH NÃO!! Tae também desaparece, e a única coisa que me resta é gritar "socorro".)

-SOCORRO!!

-Lanny?- Jimin corre pro meu quarto.- Você ta bem?

- Eu tive outro pesadelo e... deixa pra lá.

-Qualquer coisa, pode me chamar, agora se arruma que daqui a pouco a gente tem que ir pra escola.- Ele ri docemente.

-Ta bom hyung.

Me arrumo as pressas e corro pra tomar café. Entrei na escola meio confusa, a final, não sabia o que aquele sonho significava ou quem era aquela garota. Mal chego na sala e Lisa vem falar comigo.

- Lanny, sobre ontem...

- Olha Lisa, eu não quero ouvir explicações,obrigada.

- Ah,entendo. Deve ser horrível saber que o Tae tranzou comigo, enquanto tava de rolo com você!- Solta uma risada escandalosa, enquanto não sei como, permaneço calma. A sala inteira correu pra observar a treta de perto.

-Difícil é saber que ele só inventou ta de rolo comigo pra não te pegar, e pior é descobrir que vocês só ficaram porque ele tava bêbado, não sabia que cê era tão desesperada por macho!- Dou um riso de canto enquanto a sala toda vaia a garota.

- IXXX Lisa, eu num deixava!- Gritavam de um lado.

- Chamou de puta?- Gritavam do outro.

- O que é que ta acontecendo aqui?- Todos param de gritar ao ver Taehyung nos olhando da porta.

- Tae! - Lisa corre para abraçá-lo. - Fala pra ela que você ficou comigo porque quis, e não por estar bêbado! - Aponta pra mim com cara de choro.

-E eu já fiquei contigo? - A sala grita e vaia a garota.- Eu me lembro de tudo que aconteceu nesses últimos dias menos disso.

- Você é um idiota, todos vocês são!! – Ela sai da sala acompanhada por um grupinho de garotas.

- Lanny, você ta bem?

- To...

As aulas até que foram calmas - mais do que eu imaginei- . Meio que eu nem tava prestando atenção, porque o Sr Taehyung não deixava.

-Ei, que tal se a gente desse uma volta hoje depois da escola. - Ele sussurra.

-Não sei, acho que o clima ta um pouco tenso.

-Mais é justamente pra tirar essa tensão que eu to te chamando pra sair!

-Sei não...

- Por favor, vai!

-Ta bom. – Reviro os olhos.

- HURRRUL- O garoto grita e pula da cadeira, atraindo a atenção da sala para si.

- Aconteceu alguma coisa Kim Taehyung?

- Hã? Ah, é que eu consegui fazer a atividade.

- Ah, é? Traga aqui á minha mesa.

- Com todo o prazer. - Tae se levanta com o caderno na mão.

- Hm... - O professor olha a atividade incrédulo. - volte ao seu lugar, e por favor sem alarde.

- Claro professor! - Dá um riso de canto e volta a sua cadeira.

- Lanny,não se esquece, ta?

- Ta bom Taehyung!- Reviro os olhos outra vez.

No intervalo, eu e o cenoura fomos encontrar Jimin e Yoongi, mais no caminho a "bitch" nos para.

- Lisa, dá licença.

-Pra você sim, mais ele... - Dá um sorriso malicioso e joga Tae na parede.- Deixa que eu cuido.- Encosta para beijá-lo e ele se afasta.

- SAI GAROTA, QUE INFERNO! ME DEIXA, NÃO VÊ QUE EU NÃO QUERO FICAR COM VOCÊ??- Ela se afasta, assustada. - Só não te bato porque você é mulher!

- Vem Tae, deixa ela aí.- Pego na sua mão e o levo pra onde estão os garotos.- Olha os meninos ali, vamo lá.

- Tae!- Jimin o abraça.

-Oi Minnie, oi Yoongi.

-Oi. – Yoongi aperta sua mão.

- Oi gente!

-Oi Lanny! - Respondem em uníssono.

-Deu treta na tua sala lanny?

- Não suginha..

-Suginha?- Tae pergunta estranhado o apelido.

- Sim, você não chama meu irmão de Minnie? Eu chamo o Yoongi de Suga.

- E por quê?- Pergunta o hyung.

-Por que ele tem diabete.

- Eu tenho tendência, é muito diferente!

- Não é não.

- Mana...- Jimin me abraça.- Hoje eu e o Yoongi temos só quatro aulas,então não vai dar de te esperar...

- Tudo bem hyung, depois da escola eu vou dar uma volta.

- Você quis dizer "nós" vamos dar uma volta, não é mesmo Lanny? – Ah, Kim Taehyung e sua arte de me tirar do sério.

- Pera aí, só vocês dois?- Pergunta Yoongi.

- Sei não esses dois!- Jimin ri.

-Sem comentários, é só uma volta.

- Jimin,o sinal tocou. vamos?

- Desde quando vocês dois tão com essa indimidade?- Falo ironicamente.

- A gente estuda na mesma sala, seria bobagem não nos falarmos as vezes!- Yoongi solta um olhar suspeito.

- Vamo logo gente, se não depois vai todo mundo ficar de castigo.

-Ta bom Jimin!- Abraço os garotos e volto pra sala com Tae.

Depois das aulas, fomos a cafeteria perto da escola. O Tae foi no banheiro enquanto eu fazia os pedidos. A moça me entregou dois cappuccinos, que eu quase derrubei ao topar com alguma pessoa que tava na fila.

- Ai, desculpa... Jin?

-Oi pequena!- Ele sorri.- Pelo visto você curte esse lugar, não é mesmo?

- Ele é bem agradável!- Solto uma risada fofa.

- Quanto café aí em?

- Ah, é que eu to com um amigo.

-Que legal! E... cadê ele?

- Foi no banheiro.

- É aquele de cabelinho laranja?- Aponta para Tae, que vinha em nossa direção com uma cara não muito boa.

-É sim! Taehyung, deixa eu te apresentar o...

-A gente tem que ir.- Ele me puxa até o lado de fora da cafeteria.

- Meu Deus, que porra foi essa?

- Você não pode conversar com esse garoto, não sabe nada sobre ele!

- E você sabe? Não, ne? Ele é só um conhecido, e eu vou conversar com ele quando eu quiser!- Meu celular vibra.

Jin- Aconteceu algo? (13:30)

Lanny- Acho q meu amigo tava c pressa, só isso.(13:30)

Lanny- Dsclp pelo mal jeito. (13:31)

-Ta falando com quem aí?

- Não te interessa!

-Chata!!

-Olha só quem fala.

- Quer saber, pra mim já deu!

- Pra mim também!- Saímos cada um pra um lado.

Ao chegar em casa, vou direto pro meu quarto e troco de roupa. A minha mãe é médica e teve de fazer plantão hoje, então eu e Jimin vamos passar fome, por que a gente não sabe fritar nem um ovo sem botar fogo na casa. Se eu não me engano,ela deixou um pedaço de lasanha pra gente, vou logo ver se o Jimin não comeu tudo.

- Hyung...- Falo em tom manhoso.- Ainda tem lasanha?

- Tem, e tem suco também.

Pego a lasanha e esquento no microondas. Pus o suco em um copo e me sentei na mesa pra almoçar.

-Lanny...- Agora ele fala com voz manhosa.

- Quê?- Reviro o copo de suco na boca.

- Pede pro Yoongi dormir aqui?- Cuspo o suco na cara do Hyung.- Lanny, você ta bem?

- QUE? Tu e Yoongi? AMÉM JESUS!!!!!

- Ele sabe cozinhar. Você tem outra idéia pra não morrer de fome?

- HMMMMMM.

-Lanny, vai falar ou não?

- Eu vou mesmo virar babá de vocês essa noite?

- Relaxa, eu também chamei o Tae!- Solta uma risada escandalosa.

- Jimin!- Me levanto da mesa.- Só vou pedir pro Yoongi dormir  aqui por amor ao shipp.-Puxo o celular do bolso.

Lanny- SUGINHAAAA!! (14:30)

Yoongi cunhadozone- Que merda é? 14:32)

Lanny - Credo, quanto mau- humor. (14:33)

Lanny - O Jimin mandou eu pedir pra você dormir aqui em casa, mais parece que você não quer... (14:35)

Yoongi cunhadozone -O que? (14:35)

Yoongi cunhadozone (audio)- É brincadeira ne? Cê ta me trolando ne? É serio mermo? MEU DEUS,SOCORRO!! (14:35)

Lanny - Nossaa, cadê o garoto que não gostava do meu hyung? (14:36)

Yoongi cunhadozone - Ta saindo de casa agora.( 14:37)

-Ele disse o que?

- Que vai pensar. - Sorrio.


Notas Finais


Hehe
Prevejo merdas acontecendo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...