História Criminal Love - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cúmplices de um Resgate, João Guilherme Ávila, Larissa Manoela
Personagens Isabela Junqueira, João Guilherme Ávila, Joaquim Vaz, Larissa Manoela, Manuela Agnes
Tags Jobela, Jolari, Majo, Mateo, Mhafhe, Teobela
Exibições 297
Palavras 994
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Ficção, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 3 - Capitulo 2


Minha vida? Continuou normal, claro com exceção da minha Princesa. Eu passei a vender vadias também, essas putas dão muito dinheiro!
Mais vamos parar de falar da minha vida, por que agora, Larissa Taques esta de volta a Atlanta!.  E esta disposta a se vingar de Joao Guilherme!

(  NARRADORA  ​“Pra muitos, a vingaça é a pior objeção, e já a disseram por diersas vezes que este é um prato que se come frio. Mais só se esqueceram que para Larissa Taques, este é o que ela fará questão de saborear com prazer! ” )

Mharessa:- Acorda o piranha!- 

Lari:- Oque é?!-falei com a voz rouca

Mharessa- Tenho que te contar uma coisinha. E acho que você não vai gostar muito- me virei coçando os olhos, encarando Mharessa ha minha frente.

(Pensamento da Lari) Mharessa Fernanda Elias, se tornou minha melhor amiga, a conheci três meses depois que fui embora de Atlanta, ela tinha acabado de ser expulsa de casa, por não suportar mais seu pai bêbado, que batia na mesma todo dia, e acabou se “alterando”, e acertando uma facada, no braço de Hugo (pai dela). Então foi quando a encontrei sentada em uma das calçadas solitárias de Miami. Nos conhecemos, e então ela vive comigo des de então, me ajudando com minha bebe, e com a Mafia, se tornando meu braço direito. Ela pode ter carinha de santa, mais tem vezes que até eu fico com medo dela, alem de ser uma safada e loca por sexo!...

Lari:- Desimbuxa- falei já sabendo que ai vem bomba

Mharessa:- Você vai ter que trabalhar com o Ávila!- a encarei e comecei a gargalhar,

Larissa:- serio eu, com o Ávila a única coisa que eu quero com ele, é enterrar uma bala no meio de sua testa!

O João se tornou meu pior inimigo, ninguém sabe a vontade que tenho de poder sentir seu sangue escorrer por minhas mãos. Aquele filho da puta é chefe da Máfia de todos os EUA, já tentei o derrubar por inúmeras vezes mas nunca consigo, sempre que bolo planos perfeitos para eliminar esse miserável, ele arruma um modo de escapar. Sempre com os infelizes Fhelipe e Luckas para o ajudar, sem contar o Lipe, nerd de um caralho!

Lari:- Você só pode ta louca

Mharessa:- Não, eu não estou, digamos que vocês tem um inimigo em comum, e se vocês se juntarem, acabariam com ele logo- falou seria 

Lari:- Fala serio, eu não vou me juntar com o Joao, você sabe muito bem o que ele fez no passado, eu tenho ódio dele, tenho vontade de matar ele da pior forma possível!- rosnei abrindo um sorrisinho maléfico no final

Mharessa: - Eu sei, eu sei, sua maior vontade é de matá-lo, mais isso já esta passando dos limites, Geraldo agora que se juntou com o irmão, estão nos dando prejuízo,ontem a noite o filho da puta roubou o nosso carregamento de cocaína-   

Senti meu sangue ferver, quem esse filho da puta pensa que é para me roubar?! Logo A Rainha Do Tráfico!

P.O.V Larissa
 Geraldo e Brandon, chefes da Mafia Italiana, não se contentam com isso e agora estão atrás das Máfias de Miami e EUA, que no caso pertencem a mim e ao João por isso estão tentando nos derrubar, filhos da puta! Geraldo esta a mais tempo nisso, um homem de 42 anos, não suporta que “garotos” de 20 (eu) e 21 (João) anos, sejam mais poderosos que ele. É casado com Laura, uma mulher antipática dona de joalherias, (Tiffany's) que adora gastar o dinheiro do marido!
Brandon é novo no ramo, mais o filho da puta entende muito disse, tem 37 anos, é obcecado por poder, quer ter o mundo em suas mão, quer ser o todo poderoso. É um homem que gosta de vadiar, vive com cada dia uma Mulher diferente! 

Larissa:- Filhos de uma égua - falei com raiva

Mharessa- Então, vai fazer uma parceria com o Ávila?

Larissa- Eu vou pensar ta legal!- falei indo em direção ao banheiro fazer minha higiene matinal, aproveitei para tomar um banho, e tirar o estresse.

Bem, até que se eu me juntasse com o João, não seria uma má ideia, juntando nossas equipes não teria pra ninguém, e bom, nada me impedi que depois de acabarmos com Geraldo e Brandon eu não possa o matar!
Sai do banho e fui até o closet, me vesti de um jeito “adequado” para ir fazer uma visitinha para o João, peguei minha bolsa pus meu celular, minha arma que tinha alguns detalhes cor de rosa e um gloss.

Cheguei a casa de Joao, e pude ver os seguranças ficarem em alerta, sai do quarto e fui ate a pequena casinha e havia um segurança no mesmo

Larissa:- Oi, o Ávila esta em casa- falei fazendo cara de vadia

Xxx:- Ele não se encontra no momento- me olhou de cima a baixo mordendo os lábios, nojento

Larissa:- Há, é que o Ryan me pediu para fazer uma surpresinha pra ele, disse que ele anda muito estressado- fiz cara de safada

Xxx:- HM, se é assim, pode entrar- sorri como resposta, idiota  Adentrei a mansão, e continuava da mesma maneira, tinha algumas coisas mais inovadas, com o mesmo luxo de sempre! Subi as escadas indo em direção ao escritório, continuava no mesmo lugar, mais agora estava completamente diferente, antes que era em um tom de creme e marrom. Agora era em preto e branco, ao lado direito uma parede preta com uma grande janela de vidro dando a visão da área da piscina, as outras paredes eram brancas, do lado esquerdo avia um sofá, branco com quadros acima do mesmo, a frente da porta, uma mesa de madeira branca com alguns papeis em cima, atrás uma cadeira de couro preta, a frente a mesa duas poltronas pretas. Fui até a cadeira do João me sentando na mesma, virando de costa apreciando a vista.  Até ouvir a porta sento aberta, Joao.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...