História Criminal Love - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Chaz Somers, Justin Bieber
Personagens Chaz Somers, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Personagens Originais
Tags Justin Bieber Criminal
Exibições 32
Palavras 628
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Festa, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Ola amores😘

Espero que gostem.

Capítulo 9 - Gângster?


Justin on ~ 

 Depois que a Mariana correu eu fiquei parado,  queria ir atrás dela mas o que  eu iria dizer?  Ia me desculpar?  Não,  Nem pensar,  eu sou um dos maiores gangsters da Cidade,  não vou me desculpar com uma menina por um beij... 

 meus pensamentos foram interrompidos por um grito do fundo da casa,  um grito da Mariana. 

 Com a música alta da festa não dava pra ouvir mas eu estava perto do fundo da casa porque estava pensando e andando.

  Então quando ouvi o grito corri em direção a ele.  Só deu tempo de ver 3 Pessoas de Preto pulando o muro e uma delas levava a Mariana nas costas. 

 Foi quando puxei a minha arma e comecei a atirar,  com maior cuidado pra não acertar na Mariana,  mas por causa desse cuidado eu não acertei tiro em ninguém,  corri em direção ao muro enquanto pegava meu celular e ligava pro Chaz.  

 Quando ele atendeu Eu estava do outro lado do muro correndo atrás dos sequestradores. 

 Justin: Chaz,  pega o carro e corre pro fundo da casa do Ryan,  Depois eu explico só corre! 

 Ele pelo jeito viu que era urgente entao só falou um ok e desligou enquanto eu corria atrás dos caras,  eles entraram no carro e eu continuei correndo,  mas perdi eles de vista.  Quando o Chaz chegou correndo de carro e eu entrei no banco do passageiro.

 Chaz: O que aconteceu? 

 Justin: A Mariana!  Levaram a Mariana! 

 Chaz: Que?!  Como assim? 

 Justin: Eu estava passando perto do fundo da casa quando ouvi o grito dela,  Quando fui olhar tinha 3 caras encapuzados pulando o muro,  e um deles estava com a Mariana desacordada nas costas,  eu atirei neles mas por causa da Mariana não acertei,  ai pulei o muro e te liguei só que eles estavam de carro e fugiram (Não contei a parte do beijo,  Ele ia me xingar de idiota e estava muito preocupado com a Mari pra isso ) 

Chaz: Temos que acha-la. 

 Justin : Sim, estou ligando pros segurança,  ligue pro Ryan. 

 Chaz: Ok 

 Já era mais ou menos 08:00 da manhã e nada da Mariana. Eu estava entrando na casa do Ryan pra ver se alguém tinha alguma novidade,  mas ao chegar vi a amiga dela chorando.

 Justin: É, Pelo jeito nenhuma notícia né?  

 Cris: Não. 

 O Cris estava quase chorando , o Chaz e até o Ryan e foi que eu percebi que todos estavam muito próximos dela e que foi uma besteira eu me afastar. Mas isso agora não importa o que importa é achar ela.

Mariana on ~

 Acordei com a cabeca e o corpo doendo, estava sentada em uma cadeira com os braços amarrados, estava tentando entender quando ouço uma voz grossa falando.

 Homem : Acordou princesa.

 Mari : Quem é você? 

 Homem : No momento o seu pior pesadelo * Falou rindo e me dando um forte tapa no rosto *

Mari:  Aaaaaaai * Gritei * Porque você fez isso?  O que eu te fiz?  

Homem: Você? Você não me fez nada,  Mas o seu amiguinho me fez,  ele roubou meu Império quase tudo de mim, aquele moleque roubou o meu trono no tráfico,  e você pelo jeito vai pagar.

 Mari: Tráfico?  Trono?  o que?  do que tá falando?  você é louco?!  eu não sei de nada disso.

Homem : Hahahahahahaha * Falou gargalhando * Vai se fazer de desentendida pra não me contar os segredos do Justin? as fraquezas?  Vadia! 

Mari: o Justin  ?

  Aquele homem riu mais ainda e  começou a me dar vários socos e tapas,  pegou uma faca e começou a fazer cortes em minhas pernas toda vez que fazia uma daquelas perguntas que eu não tinha ideia. Eu não aguentava mais chorar e pedir pra ele parar quando desmaiei.     


Notas Finais


Beijoos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...