História Criminal Love - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Jeremy Bieber, Justin Bieber, Personagens Originais
Tags Barbara Palvin, Criminal, Drama, Justin Bieber, Sexo, Violencia
Exibições 99
Palavras 514
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção, Mistério, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey,to de volta.
=>Comentários são sempre um estímulo para o escritor,deixe o seu.
{...}
Obrigada :)

Capítulo 5 - O que está acontecendo


Fanfic / Fanfiction Criminal Love - Capítulo 5 - O que está acontecendo

       -Bom Dia Alison.-Um Homem com uma toca na cabeça.

-Quem e você ?-Olhei ao redor,vi meu irmão ensanguentado sob o chão.

-Fique quietinha querida,se cooperar comigo,talvez não seja tão doloroso.-Sorriu.

Já com lágrimas escorrendo tento sair da cama,mas meus braços estavam presos.

-Me solta..Me solta,porfavo!-Gritei

-Calma Alison,sou eu seu irmão.-Tentando me conter.

-Me solta...-Abri meus olhos.-Jaxon?Deus!

-O que aconteceu Ali?-Falou assustado.

Botei a mão na cabeça .-Eu não sei,foi um sonho horrível,você estava morto no chão e tinha um homem com uma touca na cabeça,ele queria me matar.-Lágrimas caíram.

-Esta tudo Bem Ali.-Me abraçou.-Você quase me matou de susto quando começou a gritar.-Falou tentando me animar.

Dei um sorriso é me puis a levantar,fui em direção ao banheiro,e me olhei no espelho,olheiras estavam avista,não des de que sai de Miami,eu não como quase nada,estou um "Bagaço",como meu irmão sempre me diz.Estou tentando melhorar mas é demais pra mim,ficar longe de meu pai,de minha casa e da minha mãe .mesmo não sendo um ótimo lugar para estar quando você tem milhares de inimigos.Eu sinto falta.

Olhei para trás e meu irmão já não estava lá,fiz minhas Higienes e voltei ao meu quarto,fui no guarda-Roupa,peguei um moletom,e uma legue preta rasgada (Estilo),e continuei de havaiana.

Sentei na beira da janela,dava para observar muitas coisas de lá,mas já não via graça em quase tudo,era uma coisa escassa pra mim.

-Oi Ali,trouxe algo para você comer,tem aqui suco de laranja natural,o seu preferido,sanduiches,e uma maçã que é sua fruta preferida, é o que me diz?.-Olhei para aquilo me deu vontade de vomitar.

Corri para o banheiro,me ajuellhei diante do vaso,e vomitei.Jaxon Apareceu no banheiro,segurou meu cabelo para que não sujasse.Logo Após,lavei minha boca.

-Eu não acredito nisso Alison.-Falou atrás de mim.

-Me desculpa,eu gostei do que fez..

Me interrompeu.-Você está grávida? -Virei para ele emburrada.

-Claro que não Jaxon,eu sou virgem.-Me virei novamente.

-Seus comportamentos estão estranhos,você está se comportando como uma grávida.

-Parabéns De palhaçada Jaxon,eu não estou grávida ,e eu sou muito virgem ta,agora me dá licença.

-Não esquece de comer,vai estar encima da cama.-Falou saindo.

Damon P.O.,V

Acordei com muitos barulhos,peguei minha arma que estava debaixo do meu travesseiro e a destravei,apontei-a,e fui saindo do quarto devagar,em alerta,não vi meu celular,em meu quarto,então voltei a andar pela casa,ate eu chegar na sala,a porta estava aberta (Arrombada),antes mesmo de eu pensar eu olhar para trás alguém bate com algo em minha cabeça que me fez desmaiar.

{...}

-Bom Dia Mocinha.-Falou um Homem com uma toca em sua cabeça que cobria todo o seu rosto exceto os Olhos a boca e o nariz.

Percebi que estava amarrado em uma cadeira,sem minha arma,e com uma dor enorme em minha cabeça.

Tirou a toca que cobria o rosto.

-Jeremy.-Falei quando vi seu rosto.

-Que surpresa não.

-O que você quer.?

-Tirando ver você morto,quero a chave do cofre.-Um homem troxe o cofre.

-Por que eu faria isso?-Ri após.

Jeremy deu um soco em meu rosto.

-Ou você me dá,ou você morre.

Meu nariz estava sangrando com o soco.

-Eu não tô com a chave.-Falei o fitando.

-A não.?-Deu um outro soco em meu rosto.-Me fala aonde está a porra da chave.-Falou gritando.

-Não.-Me deu um outro soco.

-Ele não vai nos falar,mata esse filho da puta.-E assim fez os capangas,mirou em minha cabeça,e todos eles deu um tiro.





Notas Finais


Obrigada por lerem até aqui.
=>Comentário são sempre um estímulo para o escritor,deixe o seu.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...