História Crossed Destinies! - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Drama, Jungkook, Romance, Taehyung, Taekook, Universo Alternativo, Vkook
Exibições 105
Palavras 3.001
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Ficção, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Cross-dresser, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oie, gente :3
Primeiramente quero pedir desculpas pelo atraso e quero lembrar que tenho algo importante para falar nas notas finais. Bom vejo vocês lá, tenham uma boa leitura
<3

Capítulo 4 - Capítulo Quatro .: O Jantar de Noivado!!


Fanfic / Fanfiction Crossed Destinies! - Capítulo 4 - Capítulo Quatro .: O Jantar de Noivado!!

Capítulo Quatro .:
O Jantar de Noivado!!

"O amor as vezes nos confunde, as vezes eles nos levam a pessoa errada, para aprendemos a sofrer, assim ficamos fortes o suficiente, para viver o verdadeiro amor."

 

Jungkook p.o.v

DIA DO NOIVADO : 

10 Horas antes do Jantar!!

Fui acordado, com a gritaria dos meus amigos me chamando, assim que abri meus olhos me deparo com um Taehyung sorridente sentado ao meu lado na cama. Olhei em volta e meus amigos e os deles estavam sentados nas outras camas do quarto, eles pareciam bem animados, provavelmente com o grande acontecimento que teria naquela noite, finalmente havia chegado o dia do jantar de noivado, meu com o Taehyung. Me sentei me alongando, assim que senti o vendo frio entrando pela janela senti uma vontade de me enrolar nas cobertas como se fosse um casulo e voltar a dormir até de noite.

- Finalmente acordou, bela adormecida. - Taehyung provocou.

- Não enche o saco, hyung. - falei ainda meio sonolento.

Após dizer isso me levantei ainda com dificuldade e andei ainda sonolento para o banheiro e antes de entrar escultei o Taehyung conversando com os meus amigos.

- Tem como ele ser ainda mais fofo? - escultei o Tae perguntar para si mesmo, mas seus amigos ecultaram.

- Tem. - Hoseok falou - Quando ele fica com ciúmes. - pela sua voz, ele parecia estar sorrindo. - Não é Nam.

- É sim, o jungkook costuma ser muito ciumento. - falou Namjoon entre risos.

Escultei a risada contagiante do Taehyung, e não pude deixar de sentir minhas bochechas quentes. Droga, eu odeio ser acordado assim, eu preciso me acalmar... Tomei um banho rápido e sai do banheiro apenas com uma toalha enrolada na cintura. Todos me olharam, e eu juro que naquele momento eu ainda estava com sono, por essa razão não pensei em meus atos. Fui até a comoda ao lado da minha cama, peguei minhas roupas e me vesti na frente de todos, eu não entendi por que estavam me olhando, afinal somos todos homens não somos? Tudo que tenho eles também tem.

- Jungkook? - Hoseok me chamou serio. - Porque não se troca no banhiro menino? Temos vizitas.

- Você fala como se já não tivesse me visto nú antes hyung. - falei e sorri abertamente vendo o Hoseok corar. - Tanto você, como o Namjoon, já tomaram banho comigo. E de qualquer forma, todos aqui são homens.

Me virei novamente e terminei de me vestir como se nada tivesse acontecido. Senti um olhar sobre mim e olhei para o lado, o Taehyung me olhava intensamente, mordendo o lábio inferior. Sabe pensando bem, até que não seria uma má ideia ficar com o Taehyung, vamos ver quanto tempo ele registe... Prepara-se Kim, eu irei jogar sujo, afinal também quero um pouco de diverção.

- TaeTae. - o chamei de forma manhosa, Namjoon e Hoseok sabiam que quando eu falava assim, era porque queria aprontar algo e sorriram quando entenderam minha jogadas. - O que vamos fazer com o jantar em. - me sentei em seu colo na maior cara de pau.

Yoongi e Jin começaram a rir muito e Namjoon e Hoseok já gargalhavam alto. Ja o Taehyung se encontrava sem reação, com o tamanho da minha ousadia. Sorri sastisfeito.

- O-o quê? - ele perguntou, e pela sua expressão, estava bastnate confuso.

- Esqueceu que hoje é o jantar de noivado? - perguntei um pouco mais serio e sai do colo dele, me sentei ao seu lado na cama.

- Bom, eu já pensei nisso. - ele falou pegando seu celular - Tenho uma amiga que me deve um favor, e irei cobra-lo hoje. - Ele digitou alguma coisa e depois bloqueou a tela e se virou para os outros - Eu e o Kookie, já vamos. Eu espero vocês lá no jantar.

Todos concordaram e saímos do hotel. O carro que o Taehyung tinha, estava próximo a entrada do prédio. Assim que entramos no mesmo, Taehyung me chamou e seu rosto estava bem sério.

- Vamos exclarecer algumas coisas ok? - ele falou depois de um tempo.

- Ok, fala.

- É simples, se você quer tanto assim que eu te agarre, não precisa provocar tanto assim me seduzindo. Bastava apensas me dizer. - ele estava sério e eu comecei a rir.

- Quando eu te privoquei Tae? - perguntei com uma falsa incência.

Ele apenas riu desacreditado e balançou a cabeça antes de colocar o sinto de segurança e dar a partida no carro. Aproveitei o silencio e comecei a olhar o ambiente a minha volta, eu havia chegado a dois dias e ainda não tive tempo de sair e connhcer um pouco da cidade. Eu me perguntava contantimente se estava realmente fazendo a coisa certa. Será que me casar no lugar da minha irmã era mesmo necessário? Eu sei que esses pensamentos podem ser egoístas, mas não podia evitar de me sentir cupado, como se fizesse algo de errado. Paramos próximo a um salão de beleza, e apenas pela fachada parecia ser um lugar caro e refinado. Com certeza um corte simples de cabelo ali, custaria no minimo um mês de salario meu.

- Venha Kookie. - ele saiu do carro e esperou que eu saísse também antes de ativar o alarme. - A dona desse salão é uma antiga colega de escola, uma parceira de farra. Eu a ajudei com um cara uma vez e ele ficou me devendo um favor.

Ao entramos no salão, vi que meus pensamentos estavam mais do que certos. O espaço do salão era realmente grande, e na entrada havia uma grande sala de espera, com uma recepcionista que tinha a atanção voltada exclusivamente para a tela do computador de ultima geração. De cara eu achei um lugar agradável, tranmitia certa confinança.Taehyung foi até a recepcionista e quando a mesma notou sua presença sorriu abertamente e me olhou fixamente.

- Ola sr. Kim, - ela voltou sua atenção para o Taehyung. - Que bom reve-lo. - era impressão minha ou essa garota estava tentando ser sexy?

- Olá Yuri. - ele disse de forma fria. - Onde está a Tiffany?

- Ela está no setor de Spa sr. Kim, deseja que eu a chame? - ela ralmente estava tentando ser sensual.

- Faça isso.

A garota apenas sorriu de lado e pegou um telefone que estava ao lado do computador e falou algo que não consegui entender. Alguns minutos depois apareceu uma mulher muito bonita, ela trajava um vestido curto vermelho que lhe caia muito bem, tinha uma pele clara e seus cabelos eram longos e de castanhos. Quando a mesma viu o Taehyung sorriu e foi até ele o abraçando.

- A quanto tempo Taehyung.

- Pare com isso, eu te vi ontem mesmo. - a mulher apenas riu concordando e se afastou indo para uma area que tinha dois sofas grandes, eram brancos e muito confortáveis.

- E qual o motivo da sua visita? 

- Como disse ontem, vim aqui cobrar aquele favor que você me deve.

- O que você quer? - ela perguntou seriamente.

- Serei breve, então preste bastante atenção Tiffany. - ele olhou pra mim como se pedisse autorização para revelar o nosso segredo, eu apenas assenti com a cabeça e ele prosseguiu. - Como você já sabe, eu terei que me casar com uma mulher, e sabe que nunca vária isso. Por essa razão quero que você deixe esse garoto - ele apontou pra mim. - Perfeitamente igual a uma garota.

De repente me senti desconfortavel e envergonhado, ela ria alto de toda a sintuação.

- Você realmente não presta Taehyung, quem imaginaria que para se vingar de seu pai, escolheu um garoto que pudesse facilmente se passar por mulher? Você se superou dessa vez.

- Você está enganada. - Assim que Taehyung falou ela parou de rir. - Eu não pedi isso a ele, esse pirralho que foi idiota o suficiente para não esconder o pomo de adão e estragou o proprio disfarce.

Ela nos olhava de forma confusa, e eu tomando um pouco de coragem, a olhei e contei tudo.

- A prometida do Taehyung era minha irmã, e como ela ama outro eu vim no seu lugar, minha intensão era me passar por ela sem que ninguém solbesse, mas como o Tae disse, eu esqueci de esconder o pomo de adão.

- Entendo, sua irmã tem muita sorte de te ter como irmão.- ela se levantou e saiu e algum tempo depois voltou com uma bolsa em mãos. - Vou te deixar empecavel, quanto tempo temos até o jantar?

- 9 horas - Tae respondeu. - Eu o busco as 20:00hs, espero que esteja pronto até la. - ele falou pra mim.

- E pra onde a gente vai? - perguntei.

- As compras. - Tiffany falou animada.

- Tae, você não vai com a gente?

- Eu também tenho que me arrumar Kookie. - ele disse me dando um beijo na testa - Até as 20:00hs Kookie.

Ele saiu sem olhar pra trás, eu apenas olhei para a mulher a minha frente.

- Então... Vamos... - ela parou na porta e me olhou.

- Jungkook. - me apresentei.

- Vamos, Jungkook, ainda temos muita coisa pra fazer e muito pouco tempo pra isso.

E assim saímos do salão, iriamos para o shopping mais proximo, suspirei, naquela altura do campionato, eu não podia mais figir, minha unica opção era ficar e rezar para que tudo desse certo.

 

 

 

 

 

-------- >.< --------

 

Narrador(a)  p.o.v

Assim que Taehyung saiu do salão, foi até uma loja qualquer que havia pelo caminho e comprou um terno, afinal o evento de mais tarde pedia por uma vestimenta mais adequada. E o terno que tinha já estava velho. Depois foi direto para a casa, e assim que chegou, encontrou seu pai na entrada da casa o esperando. 

- Onde estava Taehyung? - sr. Kim perguntou assim que seu filho saiu do carro.

- Com a minha noiva. - falou sorrindo ao ver que seu pai o olhou surpreso.

- E como a Eun-ji está? - o Kim mais velho perguntou depois que se recompos da surpresa inesperada.

- Um pouco nervosa - Taehyung falou passando pelo pai - E admito que ela até que é bonita, estou começando a gosta da ideia de me casar com ela, obrigado pai. - pronto, ele já havia joado a bomba, e esperava que pelo menos assim, seria deixado em paz por alguns dias. 

- Fico feliz com essa notícia, mal posso esperar pra ter meus netos correndo pela casa. - o sr. Kim falou enquanto imaginava duas crianças correndo e brinando pela casa.

- É eu também estou ansioso. - Taehyung mentiu - Mal posso esperar.

Se despediram e o Sr. Kim saiu para algum lugar e o Taehyung entrou, o que ele mais queria naquele momento era dormir um pouco, precisava de ter a mente limpa e disperta na naquela noite. 

No outro lado da cidade, em um apartamento em um bairro simples, quatro jovens conversavam animadamente entre si. Yoongi estava sentado em uma prontona incrinada, e Hoseok estava sentado no braço da prontona ao seu lado, ambos riam de alguma piada que Namjoon falava. Jin esava sentado na cama, com os joelhos dobrados e as costas apoadas da cabecera da cama, e Namjoon estava deitado ao seu lado.

- Ei, sabem o que eu estava pensando? - perguntou Hoseok quebrando o silêncio que preencheu o lugar depois que Namjoon contou uma história que rendeu uma boa crise de risos em todos presentes. - Em como o Jungkook ficará.

- Espero que ele fique apresentavel dessa vez. - Namjoon falou pensando em algo. - E espero que ele escontada o pomo de adão.

- Vai dar tudo certo, disso eu tenho certeza. - Jin falava enquanto olhava Namjoon intensamente. - Nam, vamos sair depois do Jantar? Eu quero te mostrar onde fica a minha boate preferida.

- Claro Jin, eu quero beber até falar chega - disse animado, e assim que um pensamento invadiu sua mente sorriu maliciosamente - E também aproveitar pra sair da seca. - falou encarando todo o corpo de Jin.

- Porque não param com as desculpas e vão se comerem logo? - Yoongi perguntou e Namjoon mais Jin coraram na hora - Ah, qual é, agindo desse jeito até parece que são virgens.

- Você faz tudo parecer tão fácil. - Jin sussurra ainda constrangido.

- E qual é a dificuldade em simplesmente tirar a roupa e aproveitar o momento?

- Porque não fazemos assim - Hoseok disse intenropendo Yoongi que o olhou seriamente - Somos todos adultos, e solteiros. Assim que o jantar de noivado do Jungkook acabar, nós quatro saímos. E eu e o Yoongi já temos um lugar para ir.

Namjoon sorriu entendendo as intensões ocultas do amigo.

- Acho que finalmente vamos sair da seca depois de tanto tempo Hoseok. - Namjoon disse sorrindo maliciosamente.

- Agora sim alguém falou a minha língua. - Yoongi falou animado. 

Com certeza ele era o mais animado dali, afinal desdo momento em que bateu os olhos em Hoseok, sentiu um baita tesão/atracão pelo mesmo. E tinha muitos planos naquela noite, e dormir não estava incluido neles.

 

X

 

~~ Taehyung p.o.v ~~

Eu me encontrava já bem arrumada, estava com um terno preto que me caia bem, usava uma blusa social branca, com uma gravata borboleta também preta. Calça e blezer pretos, em conjuto ao sapato também pretos. Arrumei meus cabelos, os alinhando bem, eu realmente estava arrumando de mais. Ouvi batidas na porta do quarto e pedi pra entrar. Depois vi minha mãe, usando um vestido bege com detalhes de enda preta, ele a deixava mais nova e lhe caia bem. 

- Nossa, como a minha mãe está linda - falei sorrindo.

- Você que está lindo, filho,

- Agora eu sei que eu puxei - ambos rimos.

- Tem certeza que quer fazer isso? Se quiser eu posso tentar converser seu pai, pra cancelar essa loucura de casamento arranjado. - ela falou depois de um tempo. Minha mãe sempre deixou bem claro que era totalmente contra esse casamento.

- Eu quero me casar agora, mãe.

- Quem é você e o que vez com o meu filho? - ela brincou.

- Eu ainda estou aqui mãe. E quando minha "noiva" finalmente chegar você vai entender o motivo por trás da minha mudança. Basta você prestar bastante atenção os detalhes. - pisquei pra ela e sai do quarto com ela ao meu lado.

Quando decia as escadas senti meu celular vibrar, pedi que minha mãe fosse na frente e assim que ela sumiu escadas abaixo, peguei meu celular. Era uma mensagem da Tiffany.

 

[enviada as 20:15] [Tifi-ranha]

Taehyung,

Vamos nos atrasar um pouco mais que o previsto, então não precisa vir busca-lo. Eu mesma o levarei até a sua casa, assim que ele estiver pronto.
[20:15]

Você não vai acreditar em como ele está irreconhecível, nem parece um homem, eu o deixei lindo e fofo. Se eu não o conhecesse facilmente o confundiria com uma mulher. Até eu estou duvidando depois da transformação que fiz.
[20:16]

Te vejo depois de 20:30hs, acho que chegamos antes das nove.
[20:16]

[Visualizada as 20:18]

 

Senti minha curiosidade crescer mais que o normal, assim que li as mensagens da Tiffany, olhei as horas e eram mais de 20:20hs. Pelo visto ainda iria demorar para poder matar a minha curiosidade. Assim que cheguei na sala de estar, a campainha tocou, uma empregada encarregada de receber os convidados naquela noite, foi abrir a porta. Toda a ansiedade que tinha foi embora assim que vi Namjoon, Jin Yoongi e Hoseok entrarem na sala. Era apenas os amigos, tenha calma Taehyung, respira e espera, logo ele vai chegar e você vai poder matar essa sua curiosidade. Um tempo depois minha mãe, entrou na sala junto do meu pai e o advogado dele, havia também um importante sócio do meu pai, como convidado.

Eram apenas eles ali, e devo admitir que era bem estranho ver meus amigos assim, vestidos de forma formal, geralmente eles eram deslechados. E pelo fato do Yoongi ser muito preguisoso ele era o que andava mais desarrumado. E agora todos estavamos com ternos caros. Minha mãe e meu pai olhavam para o Hoseok e Namjoon com certa curiosidade, afinal era a primeira vez deles na minha casa.

- Mãe, pai. - comecei - Esses são Namjoon e Hoseok, eles são melhores amigos e irmãos de criação da Eun-ji.

Eles comprimentaram meus pais formalmente.

- E onde está o irmão mais novo? - Meu pai quis saber.

- Ele não quis vir sr. Kim, ele não aceitou muito bem essa história de casamento arranjado. - Hoseok falou, e devo admitir que ele menti bem, coitado do Yoongi.

- Entendo. - Meu pai falou sem graça.

- Cadê a noiva Tae? - perguntou Yoongi quebrando o silêncio.

- Ela vai se atrasar um pouco, a Tiffany disse que chegariam daqui a pouco.

E Como esperado, dez minutos depois a campainha tocou novamente e eu ouvi a voz doce do Jungkook, falando algo para a empregada, ele parecia timido e sua voz soava fina e fofa. Minhas mãos começaram a suar e meu coração parecia que queria sair pela boca, comecei a ficar muito nervoso. Quando ele entrou na sala de jantar, meu coração falhou uma batida e eu simplemente paralisei... Meus amigos tiveram a mesma reação que eu, eles estavam olhando fixamente de olhos arregalados em surpresa. Olhei para meus pais e minha mãe me olhou, e sorriu. 

Ela me olhou de um jeito cúmplice... Espera. Sera que ela realmente seguiu minha dica e percebeu o meu plano? Sim, ela com toda a certeza perceneu minha jogada, e sem que agora ela já sabe a verdade, afinal minha mãe me conhece melhor que qualquer outra pessoa. Agora só resta saber de tudo vai bem, ou se eu estou completamente ferrado...


Notas Finais


Bom, primeiramente gostaria de esclarecer o motivo, pelo qual postei novamente o capítulo quatro. Bom gente, eu fui burra o suficiente pra posta o capítulo pela metade, vi isso hoje quando iria posta o cinco. Rsrsrs
Espero que entendem, e me desculpem pelo erro. Aqui está o capítulo completo. E ai o que acharam? Espero que tenham gostado <3

Vou posta o quinto capítulo agora <3
Vejo vocês lá Beijos <3
>.<


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...