História Crossed Ways(Namjin) - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Namjin, Vmin, Yoonkook
Exibições 361
Palavras 4.065
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Esporte, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Suspense, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Chegaaaay chegando!
E aí negada?Beleza?
Desculpa essas duas semanas tá?>.< Ficou meio dificil para mim postar antes,mas,aqui estou eu!
Escrevi esse capitulo ouvindo Awake(música do amor da minha vida!)MAMA(Hobi!*-*)21st Century Girl e UMAS QUINHENTAS VEZES BLOOD SWEAT & TEARS!
Espero que gostem!^-^
Fui~

Capítulo 9 - Sick


 

Um mês naquele internato...

Um mês sendo atormentado pelo Tae e pelo Suga...

Um mês olhando pra cara do Kim Idiota Namjoon...

Um mês com esse despertador dos infernos me acordando as 6:00 da manhã!

 

- AHHHHH NAMJOON DESLIGA ESSA COISA! - Grito cobrindo meu rosto com o edredom,é sério, aquele despertador é meu pior inimigo depois do imbecil loiro.

 

- Nossa,bom dia pra você também Princesa,que bom humor em! - Ele fala sarcasticamente com seu tom de voz rouca, devido ter acabado de acordar.

 

- Acontece que esse despertador me da nos nervos! Sabe o que é acordar um mês inteiro com essa coisa? - Pergunto tirando as cobertas e me sentando na cama o encarando.

 

- Não,por que já fazem 13 anos que eu acordo com ele,e ele não me estressa. - O loiro fala calmamente bocejando - Quem é o 1°tempo de hoje?

 

- Química. - Digo antes de me levantar e ir ao banheiro - E ver se explodi o laboratório hoje,como fez na semana passada. - Digo entrando no banheiro.

 

- Qual é? Vai me perturbar por causa disso o resto da vida mesmo é boneca de porcelana? - Ouço ele gritar de dentro do quarto. 

 

 

Por um momento sentir minhas bochechas corarem. Eu ainda não estava acostumado com certos apelidos que ele havia me colocado...

"Princesa"

"Mocinha"

"Flor"

"Boneca"

"Boneca de Porcelana"

Aí eu lhes pergunto...Como suportar uma coisa dessas? Eu simplesmente finjo que ele não existe só isso! Parece que a vida do idiota é me provocar!

Mas uma coisa boa disso,é que ele nunca mais tentou me beijar,desde dia da festa. E vocês me perguntam: "Tá feliz Seokjin?".

POSSO DIZER QUE MINHA VIDA NÃO PODE ESTAR MELHOR!

O Clube de Música tem me ajudado bastante desde que eu entrei,apesar do Taehyung ainda sentir vergonha de cantar,e eu ter que ajudá-lo com a notas mais altas. Yoongi ficou bem conhecido por aqui durante esses um mês,por conta de seus raps,mas ele continua o mesmo anti social de sempre,e eu? Bom,só semana passada recebir mais de 20 bilhetes no meu armário de pessoas se declarando, e por incrível que pareça, 70% delas,são as pessoas que me rejeitavam por eu ser  nem feio da escola. Parece que o jogo virou não é mesmo?

Eu apenas deixei claro,que não irei corresponder aos sentimentos de ninguém. A única pessoa que eu já amei em toda minha vida,me rejeitou...Mas também não estou nem aí pra ele!

 

 

           (...)

 

 

A aula de Química nunca foi tão interessante como hoje...

Parece que o Professor Joong resolveu passar a aula todinha falando da política coreana,coisa que não tem nada haver com química! Mas ok,vamos fingir está interessado na aula não é mesmo?

1...

   2...

      3...

Aleluia Senhor! Nunca pedi pra um sinal tocar como hoje! Brigado Deus!

Professora Ki Ryun! Abri um sorriso enorme ao avistar a mulher alta,de pele pálida e longos cabelos descoloridos. Ela sorriu para turma toda,o sorriso dela é lindo...

 

- Bom Dia crianças... - Ela nos comprimento e ouço vários murmúrios lá pro fundo,coisa tipo: "Não somos crianças", ou "Bom Dia mais eu tenho 18/19 anos!"

 

- Hoje vocês estão bem animados em...Em plena quarta feira? - Todos começam murmurar de novo - Ok,vamos acabar essa feira,não se esqueçam que são rapazes e moças educados(as) em... - Ela se senta em sua mesa e me dirige o olhar - Olá Seokjin. - Ela sorrir para mim. Por um momento,senti meu estômago embrulhar...

 

 

À mais ou menos um mês,o tempo que voltei para cá,venho sentindo alguma coisa estranha relacionada a Professora Ki Ryun, não seu exatamente o que pode ser mais,parece muito com as sensações que eu tinha quando pequeno,pelo Kim Namjoon.

Espera...Eu estou me apaixonando pela minha professora de Língua Estrangeira? Não pode ser! Eu devo estar confundindo as coisas,Ki Ryun é casada! Tem uma filhinha linda,e sempre fala muito bem de seu marido.

Mas acontece que ela é tão amorzinho,tão segura de si,tão linda,tão alegre... É possível?

Sim,a verdade é que já venho nutrindo esse sentimento por ela desde que voltei a vê-la. Ela sempre tão educada,tão preocupada com nós, mas isso é errado,isso é muito errado, não posso olhar a Ki Ryun Noona desse jeito!

A mulher de rosto maduro,porém ainda jovem a minha frente,me encara de um jeito estranho.

 

 

- Seokjin? Você ouviu o que eu disse? - Ahhh aquela voz doce dela,só aí volto para a terra.

 

- S-sim? Desculpe noona,eu...Estava distraído. - Digo me amaldiçoando por estar corado e gaguejando na frente dela.

 

- Perguntei se você pode me ajudar a corrigir as provas do 2°A,você é o mais aplicado da turma,e tenho certeza que entende muito bem deste assunto. - Ela sorrir,ai meu Deus,por favor não...

 

 

Corei com seu elogio,e ainda fiquei encarando a boca da mulher,que ainda mantinha o sorriso...Foco Jin!Deixa de ser idiota!

 

 

- Claro professora. - Falo no tom mais normal que acho,antes da mesma me entregar uma pasta,que continha no mínimo umas 25 provas.

 

- Ótimo,você corrigi essa pasta,que eu corrijo está outra ok?

 

- S-sim.

 

 

Primeiro de tudo,eu sou um idiota,já não basta ter que aguentar o imbecil me pertubando,agora estou ME AUTO perturbando com a idéia de estar apaixonado pela minha professora. Começo a corrigir algumas e nossa! 2°A é uma turma digamos...meio...Eles estudam? Olhaaa a prova de quem veio parar na minha mão,Park Jimin! Vamos ver se o idiota é bom.

Errado.

Errado!

ERRADO!

Como o previsto,ele é horrível em Língua Estrangeira. Rir abafadamente vendo que ele iria tirar apenas 4,3. É Park,quem diria que um dia eu estaria aqui decidindo sua nota na prova não?

Agora vejamos...Aham! Achei! Kim Taehyung...Pelo amor de Deus esse moleque pelo menos tem que tirar um 6,0 ou então ele não tem o sobrenome Kim!

Brincadeira...Mas vamos lá. Hum,nada mal,de 10 perguntas ele acertou 7! 7,0,bom demais,essa é a minha criança imperativa...

Depois de corrigir mais algumas eu havia terminado,meus dedos estavam doloridos,mas estou acostumado com isso,na antiga escola eu também ajudava a corrigir provas,pois eu era o representante de minha turma. Assim que terminei,sorrateiramente olhei para trás, Namjoon estava me fitando intensamente, e até me arrisco dizer que estava com o olhar perdido,parecia até que não estava na terra. O que ele quer comigo em?

Não é a primeira vez que o pego no flagra me olhando,isso vem acontecendo frequentemente, e ele nunca diz nada, apenas desvia o olhar e fingi que nem existo. Isso me deixa com algumas pontas de dúvidas em relação ao loiro.

Ele sempre que volta para o dormitório tem um semblante cansado em seu rosto. Sei que ser Capitão do Time de Basquete não deve ser uma coisa fácil,já assistir os treinos deles umas 3 vezes e o treinador realmente pega pesado com eles. Não que eu esteja preocupado com ele! Não interpretem de outra forma! Acontece que,acho que ele merece descanso,tá sempre se queixando de dores na coluna e coisas do tipo. Não sei,só,me senti com uma vontade estranha de ajudá-lo.

Enquanto a Ki Ryun...O máximo que devo fazer e esquecer esse sentimento idiota que brotou dentro de mim,eu não posso,não por ela,ela é casada! E...Eu ainda não havia gostado de mulheres em minha vida,essa é a primeira vez,que sinto atração por uma mulher. Não! Eu tenho que parar de bobagens...

 

 

                 (...)

 

 

Ótimo,almoço tudo de bom nessa escola,hoje realmente a comida tá uma maravilha! Taehyung tá parecendo retardado dizendo que as noonas da cozinha deveriam trabalhar em nossa casa,enquanto Yoongi continua com sua cara de paisagem de sempre e apenas rindo das maluquices do Tae.

 

 

- Hyung você não vai acreditar! Hoje na aula de História eu descobri que existiam insetos gigantes a um bilhão de anos atrás!

 

- Nossa,não me diga? Como? Isso é impossível! - Digo sarcasticamente vendo a cara do castanho se fechar e um bico muito fofo se formar em seus lábios.

 

- Por favor hyung,deixa essa criança ser feliz. - Yoongi fala quase engasgando de tanto rir da cara que o mais novo fazia - Ownt olha como ele fica lindo com raiva Jinnie. - ele aperta as bochechas de Tae,que na hora cora.

 

- Yahhhh pare com isso,acontece que eu não sabia que existiam insetos gigantes. Magoei agora Jinnie Hyung. 

 

 

Ah meu Deus do Céu que pessoa mais fofa eu tenho como irmão! É sério,eu não resisto a esse moleque. E então comecei a rir de sua cara de bravo.

 

 

- Tá,vamos levar em conta que você ainda é uma criança...A propósito,hoje é seu dia... - Digo dando dois tapinhas nas costas dele.

 

- Sério?Ah! Quero a varinha do Harry Potter hyung! Por favor! Você sabe que meu sonho sempre foi ir pra Hogwords! - Ele dizia eufóricamente me balançando pelo cutuvelo.

 

- Não acredito que ele ainda tá nessa! - Suga sussurra para mim,enquanto o mais novo de nós continua com a sua ceninho de fanboy do Harry Potter.

 

- Eu deveria ter insistido pra Sra.Kim Hyuna não ter levado a gente no cinema naquele dia. - Sussurro de volta gargalhando.

 

- Por favor hyung,por favor,por favor,porfav...

 

- TÁ! Não se preocupe,assim que eu puder,compro o cenário todo de Hogwards pra você. - Digo segurando a gargalhada pela cara que o Min fez,ele me olhou tipo: "É sério isso hyung?"

 

- Ahhhhhhhh meu sonho! - A criança Kim comenta batendo palmas. Por sorte ninguém prestava atenção em nossas doidices,digo,as doidices do Tae.

 

 

Kim Taehyung já fez 18 anos e acha que Hogwords existe. Como não quero ser um hyung mal,vou deixar meu dongsaeng se divertir com a sua imaginação.

Quase esqueço que estávamos em hora de almoço,e então volto a comer. Sabe,já citei que amo culinária? Quando ainda estávamos em casa,eu era quem cozinhava,minha mãe diz que ama esse meu dom,pois ela julga ser difícil um homem saber cozinhar bem. E à alguns tempos venho pensando seriamente em fazer Gastronomia.   

 

 

               (...)

 

 

Já estava em meu quarto,já havia tomado meu banho,e agora estava doido para pegar no sono,ou "puxar um ronco" como Yoongi diz. Dou um pequeno sorriso ao lembrar do baixinho branquinho,durante esse tempo ele tem se dedicado muito ao clube de música,e fico feliz em vê-lo se empenhando tanto em algo que gosta. Não sei como anda sua relação em questão "A Criatura Enviada por Hades"(vulgo Jeon Jungkook),ele não citou mas o moreno em nossas conversas com frequência,foram poucas as vezes em que ele citou algo do tipo. Acho bom,porque pelo menos sei que aquele moleque mimado deixou ele em paz.

 

Enquanto eu continuo com o Kim Tormento Namjoon em meu pé!

 

 

 

                       *******

 

 

Se eu me livrei do Biscoito? NÃO!

Ainda mas,agora que a Professora de Geografia teve a brilhante idéia de fazer um trabalho em dupla,e como sou uma pessoa muito sortuda,adivinha quem ficou para ser minha dupla?Exato!

E ele ainda por cima passou a aula toda grudado comigo como se fossemos melhores amigos. E de graça ainda recebi vários olhares mortais das líderes de torcida,primeiro,como se eu ligasse pra quele pirralho,segundo,tô nem aí pra elas,e terceiro...Alguém de bom coração para me tirar desta biblioteca cheia de livros eu não aguento mais!

Ainda mais com esse garoto irritante falando 24 horas sem parar!

 

 

- Hyung você me ouviu?

 

- Eu não te dei essa intimidade moleque... - Respondo pegando meu caderno e procurando o assunto - Copia logo que é melhor do que gastar duas saliva. - Respondo do modo frio que estou acostumado a tratar as pessoas.

 

- Nossa,que pessoa mais doce,é por isso que Seokjin e Taehyung te chamam de Suga? - Ele pergunta dando um sorrizinho de canto,eu apenas reviro meus olhos - Aiai fantasminha,seja amigável pelo menos uma vez hum? Temos um trabalho em dupla e vale 10,0,e sei que você tem dificuldade em geografia,por isso,agradeça por eu estar com você.

 

 

Era verdade.

 

 

Eu tenho uma certa dificuldade nesta matéria,mesmo com Jin Hyung quebrando a cabeça para me ensinar,eu não consigo,até porque,eu lá tenho paciência pra diferenciar Norte e Sul de Leste e Oeste!

 

 

- Só cala a boca que você ganha mais,e me respeita moleque! - Digo - Cadê o livro?

 

- O nosso não tem todo o conteúdo. - Ele responde abrindo na página 256 - Só tem parte,e só acho que é por isso que estamos aqui na biblioteca não é gênio? - Aquele moleque taça me zoando não é mesmo.

 

Respirei fundo,e fiz de tudo pra não estrangular aquele biscoito ali mesmo.

 

- Ótimo. Aonde tá o bendito livro que tem o resto do conteúdo? - Pergunto me pondo de pé ao lado da cadeira em que eu estava sentado.

 

- No último corredor a esquerda,prateleira de cima dos livros de biologia.

 

 

Fui até lá pisando fundo. Sim,já fazia um mês que aquela peste me atormentava,mas eu simplesmente não dizia nada ao hyung,porque sei que ele iria se preocupar e ativar seu instinto de mãe. Não que eu não goste da proteção que o Jin tem sobre mim e TaeTae,mas não queria preocupa-lo,sei que ele já tem problemas demais para ainda ouvir o meu caso de ter que aguentar todo dia um garoto mimado me chamando de fantasminha.

Cheguei no fim do corredor da biblioteca e dobrei para a esquerda, e vi a prateleira dos livros de geografia. Agora a pergunta que não quer calar...

 

COMO DIABOS EU VOU ALCANÇAR ISSO?

 

Só pra constar,1,76 não é nada comparado com a distância da última prateleira pro chão. Eu sei que sou baixo, MAS OK!

Me ergo,e fico na pontinha,dos dedos de meu pé. Porque diabos esse troço tem que ficar lá no céu? Eu já estava a ponto de ir buscar um banquinho!

Mas tive meus pensamentos de raiva,sobre minha altura esvaídos, quando senti uma mão segurar minha cintura,e uma respiração quente bater de encontro a minha nuca. Arregalei os olhos e engoli em seco. Um selar foi depositado em minha nuca e involuntariamente me arrepiei com o ato. As mãos grandes rodearam minha cintura com ainda mais força,e sinto a boca do ser ir em direção a minha orelha.

 

 

- Quer ajuda...Yoongi Hyung?

 

 

Eu consegui me arrepiar mais ainda pelo tom de voz que fora usado. Eu sinceramente não estava em condições para as brincadeiras do Jeon,até onde sei,vinhemos aqui para fazer esse dito cujo trabalho de geografia!

 

 

- Não precisa,eu j... - Sou interrompido,pois o mesmo eleva seu braço,acima de minha cabeça,e pega o livro que eu provavelmente demoraria séculos para alcançar.

 

Ele continuou...

Ele ainda estava com as mãos na minha cintura...

Ele continuou com a respiração de encontro com a minha nuca...

E eu estava deixando...

 

Pera.

QUÊ?

 

Rapidamente tiro suas mãos de meu corpo de saiu daquele lugar,estranho. Vou caminhando em direção a mesa em que estávamos à alguns minutos atrás,sem dizer uma única palavra,logo Jungkook vem atrás segurando o livro,e com o rosto totalmente corado.

Ele não era o único! Não mesmo. 

Durante toda a nossa pesquisa,tentei ao máximo tirar aquela cena da minha cabeça!

 

 

- Hyung,pod...

 

- Já disse para não me chamar assim garoto! - Respondo usando um tom de voz mais grave,até desconhecido por mim mesmo.

 

- Eu só estava sendo educado,prefere que eu continue te chamando de fantasminha? Tá ok então.

 

 

Moleque idiota!

Moleque irritante!

Na boa,eu preferia mil vezes passar o dia todo ouvindo Taehyung falando sobre,como os ET's vão dominar o Planeta Terra,do que Jeon Jungkook sendo babaca como sempre. Ele conseguiu a arte de me deixar com raiva em menos de 4 segundos,coisa que nem a Ehime,gatinha que Seokjin cria,que nesse momento tenho certeza que a Tia Hyuna deve está mimando,conseguia quando me acordava dando longas lambidas em meu rosto.

Já era um mês inteiro com ele no meu pé,e cá entre nós,eu agradecia mentalmente quando o baixinho ruivo ia se grudar nele,pelo menos eu era um jovem feliz quando isso acontecia,e uma outra coisa que agradeço,e por ele não fazer parte do mesmo clube que eu,já não basta Jackson,um loiro que segundo o hyung,era do 3°G. Desde que entramos no clube ele não para de perseguir o hyung,e até onde já vi,ele deve ser algum tipo de "Putinha de Consolo" do tal Namjoon. Isso que é lindo,se joga pro Namjoon,mas já me perturbou por duas horas direto me perguntando sobre coisas que Seokjin Hyung gostava.

Eu simplesmente não dei mais a mínima para aquela criança com cara de coelho,apenas continuei revisando o trabalho. Não que eu goste de ler,mas prefiro mil vezes isso,do que encarar aquele idiota.

 

 

- Bom,esta tudo em ordem,acho que já podemos ir não acha? - Pergunto me levantando e pegando minhas coisas.

 

- Se você diz,tudo bem,não vou querer ver você irritado. 

 

- Acho bom,porque só hoje,200% de paciência minha já se foram. Pega,você é mais responsável que eu. E se não aparecer amanhã cedo na sala,avise ao seu namoradinho que ele vai ficar viúvo. - Profiro as palavras pronto para a abrir a porta.

 

- Jiminie Hyung?Ele não é meu namorado! - O garoto diz juntando as sobrancelhas.

 

- Claro,só amigos coloridos não? - Reviro os olhos,à quem aquele garoto queria enganar? Pela fé né? Era nítido aquilo.

 

- Não sinto nada pelo Jiminie, não se preocupe. - Saímos da biblioteca, eu caminhava mais a frente,pois não queria ouvir as mil e quinhentas desculpas daquele pirralho.

 

 

Fui até meu armário,para deixar alguns livros que eu não usaria amanhã,e eu estaria feliz se o idiota continuasse andando,e não parado ao meu lado como se estivesse esperando um trem.

 

 

- Vai ficar me seguindo mesmo? Desculpa,eu tenho 18 anos,e sei andar sozinho,não preciso de babá. - Bato a porta do armário com tudo. Ele me olha de cima a baixo,e sorrir,porque ele sorrir?Isso não era pra ter graça!

 

- Ohhh foi mal,a escola é pública,não vi nenhum cartaz escrito"Propriedade de Min Fantasminha Yoongi". - Ele diz apontando para o corredor em que estávamos agora. Eu decido não gastar saliva discutindo com essa criança,afinal,maturidade passou longe dele.

 

 

Assim que me virei,sentir algo,ou melhor,alguém esbarrar em meu ombro.

 

 

- Olhe por onde anda! - Digo encarando ferozmente Kim Namjoon,estranho...Ele tinha uma expressão cansada no rosto. Não sei explicar,ele tava bem esquisitinho,para um garoto de pele brozeada ele estava bem mais palido doque o normal.

 

- Desculpe. - Ele pronúncia com a voz baixa,eu sinceramente não sei mas de nada  - Kookie-ah porque não compareceu ao treino hoje?

 

- Desculpa hyung,esqueci de avisar que eu tinha um trabalho para entregar amanhã. - Jungkook fala enquanto se desencosta de um dos armários ao lado do meu,em que estava apoiado - Que cara é essa em hyung? 

 

- Nada só cansaço,vou indo,até mais tarde.

 

- Até...Nammie Hyung tá estranho. - Ele diz acenando pro mais alto,e logo em seguida corre para perto de mim.

 

- Estranho ele sempre foi. - Digo secamente. Eu só queria ir pro meu quarto e me jogar na cama!

 

- Nossa,por um momento havia esquecido que Seokjin envenenou você contra nós. - Ele fala debochadamente,e,na mesma hora sinto meu sangue ferver.

 

- Ele não me envenenou,ele só falou a verdade,tudo que ele falou sobre vocês serem irritantes é verdade. E sobre você ser um babaca... - Chego em frente aporta de meu quarto,e me viro para ele - Também é verdade.

 

 

Ele ficou me fitando por uns longos 30 minutos,que foi tempo o suficiente para brotar um sorriso cínico em seu rosto,imbecil! Eu apenas me virei para entrar em meu quarto,mas antes disso,sinto meu pulso esquerdo sendo puxado pelo mais alto.

 

 

- Até amanhã,ou hoje no jantar...Yoongi Hyung.

 

 

Me desvencilho de seu aperto e abro a porta de meu quarto,e vejo Tae sentado em sua cama,provavelmente fazendo alguma tarefa. 

Mas outra vez sou impedido,antes de entrar no quarto por completo,sinto o Jeon agarrar minha cintura,e me roubar um selinho. Eu arregalo os olhos e logo o empurro! Meu coração estava acelerado,o que diabos os zeladores iriam dizer se vessem essa cena?

 

 

- Até mais tarde. Você fica lindo com essa tonalidade corada sabia?

 

 

Logo o vejo atravessar a porta de seu quarto,e é em frente ao meu,infelizmente... E ELE NÃO ME DEU SE QUER O DIREITO DE PROTESTAR SOBRE ISSO!

Mas o que foi isso? Esse moleque deve ter algum problema,só pode!

Assim que entrei,e me virei em direção a minha cama,vi Taehyung com os olhos arregalados,e a caneta que segurava,estava caída sobre seu colo.

 

 

- Que negócio foi esse hyung? Porque não disse que estava ficando com Jungkook? - Ele se levanta da cama e vem em minha direção - Jinnie sabe disso Suga? 

 

- Mas do que você tá falando criança? Vai terminar de fazer a tarefa,vai. - Jogo minhas coisas ao lado de minha cama e me jogo na mesma,de bruços,com meus braços cobrindo meus olhos.

 

- Então porque ele te beijou? Ele por acaso te viu,e do nada veio deixar um selinho,selando o contrato de "bons inimigos?" - Fala debochadamente se sentando na beirada de minha cama.

 

- Do mesmo modo que a Ariel,vulgo Park Jimin,deixou um chupão no seu pescoço da quela vez,e vocês não estão ficando também não é mesmo? 

 

- Aish hyung! Aquilo não tem nada a ver! Foi a um mês. - Ele diz fechando a cara e fazendo um bico - Só falo com ele por conta das atividades,nada de mais. - Ele fala cruzando os braços,continuando com a expressão emburrada.

 

- Aham,sei. E o tal...Jung Hoseok? Soube que ele anda muito atrás de você em. - Digo sorrindo malicioso pro mais novo.

 

- Ow! Ele é hetero entendeu? Ele só estava andando atrás de mim,porque ele queria ficar com a Sun Hee,uma garota novata que entrou na sala a menos de 2 semanas. - Ele revira os olhos,e levanta - E também,ele não faz meu tipo,tanto que quando ele veio de graça,pedindo ajuda para ficar com ela,eu deixei ele no corredor falando sozinho.

 

- Hummmmm,e seu tipo por acaso é um garoto da minha altura,ruivo,que apesar dos pesares tem um corpo e um sorriso bonito... - Eu não acredito que ele me interrompeu!

 

- Hyung é sério,isso não tem nada a ver! - É impressão minha,ou ele deu uma coradinha de leve? - E...Ah vou fazer minha tarefa que ganho mais!

 

 

Kim Taehyung,durante seus 18 anos de vida,nunca disse algo tão verdadeiro,que faz sentido. O melhor que ele pode fazer,é suas tarefas e não encher meu saco! Na boa,tô com uma dor de cabeça que só G-Dragon na causa!

Vou ver se consigo cochilar,pelo menos umas 3 horas e meia.

 

 

 

                     *******

 

 

Estava em meu quarto,cantarolando alguma coisa que ouvi hoje no Clube de Música,Yoongi não compareceu hoje ao clube,pois segundo ele,tinha trabalho para fazer. Em um certo ponto fico feliz,pois sei que ele está se dedicando aos estudos,mais do que nos anos anteriores. Isso já é um grande passo!

Vejo a porta ser aberta,revelando um Namjoon,totalmente acabado! Nossa,não é por nada,mais...Ele não está com uma cara muito boa hoje,na realidade a cara dele não está boa nunca certo?

Paro minha brincadeirinha,assim que o vejo cambalear e se segurar na porta. O negócio ficou sério!

Não sei porque,mas ver aquela cena,despertou em mim,o extinto super protetor de hyung mais velho,que tenho com Taehyung e Yoongi. Rapidamente corrir e o segurei,ele estava muito pálido,pálido até demais! Mais pálido até que o Suga!

Segurei ele pelo tronco,e fechei a porta,ele tinha os olhos fechados,e aparentemente,não estava em condições de andar, é estranho mais,isso me preocupou muito,mais do que deveria.

 

 

- Meu Deus garoto,você está queimando em febre! - Digo ao encostar minha mão direita em sua testa. Ele tinha a respiração descompassada,o que só fez minha estranha preocupação aumentar ainda mais.

 

 

Passei seu braço esquerdo por cima de meu ombro,e o guiei até sua cama. Ele estava queimando em febre,o que aconteceu com ele?

 

 

- Porque está assim? Aconteceu algo? - Perguntei assim que deitei ele na cama. 

 

 

O vi abrir a boca várias vezes e tentar formular alguma frase,sua respiração continuava alterada. Ele estava me assustando!

 

 

- E-eu não sei,acho que é,acho que a asma atacou de novo... - Ouço ele falar com dificuldade,sua voz estava muito baixa.

 

- Asma? Namjoon,Namjoon?Imbecil? Eu não acredito... - Ele havia apagado,senti meu coração da uma pequena pontada - Você tem asma Namjoon? - Ainda estava assustado,ele havia desmaiado! - Eu preciso pedi ajuda...

 

 

Mas a quem eu pediria ajuda? A enfermaria óbvio!

Mas acontece que a enfermaria ficava DO OUTRO LADO daquele internato,era mais fácil eu ir correndo até à sala dos professores e...

 

É claro! A sala dos professores!

 

Tenho que pedir ajuda a Professora Ki Ryun!

 


Notas Finais


E aíiiiiiii povin,tudo na boa?
Então assim,honestamente acho que esse cap não ficou tão legal assim...Mas vou esperar a opinião de vocês!:3
Ah sim! E no dia do Comeback,eu escrevir uma oneshot do meu OTP Master(♥Vkook♥),e eu queria que vocês dessem uma olhadinha please?(:
Link: https://spiritfanfics.com/historia/wisdom-and-oceanvkook-6687906
Sim,misturei Mitologia Grega com BTS mesmo,porque sou loka!u.u
Gosto de comentarios,ajuda demais!♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...