História Cruel - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Barbara Palvin, Justin Bieber, Originais
Personagens Barbara Palvin, Justin Bieber, Personagens Originais
Tags Amor, Barbarapalvin, Criminal, Danielsharman, Drama, Drogas, Festas, Iansomerhalder, Justinbieber, Originais, Romance, Suspense
Exibições 15
Palavras 273
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Mistério, Suspense
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Once in the forest.


Um, dois, três, ele fugiu outra vez! Querem ouvir uma história? Bem, eu sei que querem, aliás todos gostam de histórias, certo?

Era uma vez, uma linda menininha, curiosa, aventureira e sem qualquer medo, apesar de ter apenas seis anos. Essa mesma menina morava em uma cidade pouco habitada onde não muito distante havia uma floresta que todos diziam morar terríveis animais selvagens, a garotinha assustada, pela primeira vez, evitou de se aventurar naquela direção. Mas como a curiosidade é bem maior do que qualquer coisa ela decidiu ir, mas prometeu para sí mesma que não iria tão longe. As folhas nas copas das gigantescas árvores se amontoavam formando uma enorme cabana verde o que fazia com que aquele lugar ficasse extremamente escuro e ainda mais assustador, não se ouvia nenhum som se quer, nem pássaros ou esquilos correndo entre os galhos com a boca cheia de nozes. Com toda essa cena parecia que não existia uma só alma viva naquela floresta, apenas a corajosa garotinha. Quanto mais adentrava na extensa floresta mais longe de casa ficava e todos sabem, o perigo está onde menos se espera. Barulhos de galhos se quebrando foram ouvidos, folhas sendo esmagadas por enormes pés, aqueles sons fizeram a garotinha ficar ainda mais apavorada e antes que pudesse pensar em qualquer lugar para se esconder um pequeno pedaço de pano fora brutalmente prensado contra sua boca e nariz, o efeito do que quer que ela tivesse cheirado naquele pano fez seus olhos ficarem pesados e tudo ficou ainda mais escuro, mal aguentando seu próprio peso deixou que seu corpo caísse nos braços de quem quer que estivesse atrás dela.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...