História Cruzando os céus - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Inuyasha
Personagens Inuyasha, Kagome, Kikyou, Miroku, Rin, Sango, Sesshoumaru
Tags Inukag, Inuyasha, Kagome
Exibições 94
Palavras 598
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Falei que tava escrevendo mais..

Capítulo 9 - Instintos.


Fanfic / Fanfiction Cruzando os céus - Capítulo 9 - Instintos.

Kagome estava confusa demais para formular algo pra falar. Era ela? A garotinha que tirou a flecha de Inuyasha... isso era impossível. Não era? Como ? Essa era a primeira vez que estava nesse lugar...
-Não era eu..
Ela conseguiu falar.
-Seu cheiro Kagome... é inconfundível ...
Ele disse enquanto cheirava seu pescoço.
Kagome se arrepiou.
-Mas.. eu nunca tinha vindo pra cá antes.
-Você sofreu um trauma, bateu a cabeça... se esqueceu, é comum. Vocês humanos são muito  frágeis, ainda mais quando pequenos.
-Ah, e os Hanyos não?
-Bem eu não, sou mais forte que qualquer yokai completo!
Kagome ia brincar mas então se tocou de uma coisa.
-Hm...Yokais..eles.. eles existem?
-Sim, estão por ai,vivendo entre vocês.
-Ah...mas... não são perigosos?
-São... mas tanto quanto um humano armado. No seu tempo Kagome os yokais não são a maior ameaça, e além disso existem muitos que não fazem maldades.
-Dá pra reconhecer um Yokai?
-Os humanos não.. mas nós sentimos o cheiro... aquele Kouga por exemplo.
Inuyasha fez uma careta de nojo ao falar o nome dele.
-O QUE? KOUGA É UM YOKAI!?!?!
Kagome se setou rapidamente em choque.
-Maldição! Quantas vezes eu tenho que te dizer pra não gritar?!
Inuyasha a puxou para a cama novamente, dessa vez rolando sobre ela e fazendo sua camisola subir. 
-Eu não quero falar sobre esse Kouga.
Disse ele antes de a beijar.
Ah... Kagome perdeu-se em tudo o que estava pra dizer, os lábios dele tão suaves, macios, gostosos, era  difícil se concentrar em qualquer coisa quando o cabelo dele tocava sua pele, e sua mão passeava por sua cintura.
A história que ele tinha contado, as revelações, nada parecia ter importância.
Ambos começaram a ficar quentes mesmo com a porta da varanda aberta e o vento soprando gelado. Kagome abriu a boca e Inuyasha sentiu sua língua, eles se renderam, ao mesmo tempo, se entregaram com a mesma intensidade, as pernas nuas de Kagome se entrelaçavam com as Inuyasha que apertava a cintura ele e e forçava seu quadril a se chocar com o dele. Kagome por sua vez segurava os cabelos dele, certificando-se que o beijo não terminaria tão cedo, ele sugava seus lábios urgentemente e mesmo assim conseguia ser gentil com sua língua acariciando a dela. 
Era difícil pensar, era quase puro instinto, as mãos e Inuyasha deixaram sua cintura subiu pela barriga quente e tocou-lhe os seios que estavam rígidos, ele o apertou o mamilo e ela gemeu. Ele desceu a boca até seu pescoço e orelha, chupando e mordendo onde podia enquanto acariciava os peitos pequenos e macios.
-Inu...eu...
Ela tentou falar mais então a boca dele estava de novo na sua invadindo com a língua, as mãos deixaram os seios para abraçá-la e a outra ele entrelaçou os dedos nos dela e deu atenção ao beijo enquanto ela se contorcia embaixo dele. Ele chupou sua língua devagar, saboreando esse gosto , ficando viciado nele, passou a língua nos lábios dela e mordeu e de novo devorou sua boca. Era difícil parar, não queria parar. Se afastou apenas para tirar a roupa.
-Inu espere eu não...
Ele a abraçou de novo.
-Eu..eu não vou fazer nada que você não queria.. só..me deixa te fazer querer.
ele sussurrou e mordeu sua orelha, puxou sua camisola e ela estava só de calcinha. Ele estava duro.
Kagome não conseguia pará-lo ... não queria pará-lo... não iria pará-lo ... 
Eles se olharam , os olhos dourados sendo hipnotizantes, os olhos castanhos sendo desconcertante,  ambos estavam com a respiração descompassada, e aquele segundo fez Inuyasha recuar.
-Kagome... tudo bem continuar?
 


Notas Finais


enfim um ecchi não aguentava mais, agora vai começar a esquentar as coisa...o palavriado pode não agradar a todos...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...