História Cruzando Os Dedos - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Luan Santana
Personagens Luan Santana, Personagens Originais
Visualizações 71
Palavras 341
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 12 - O errado sou eu


👦|Luan|

Ontem quando sai de casa fui para a casa de Marta, acabamos brigando por ciúmes dela, mas eu já avisei só temos um caso e ela não tem direito de sentir nada a mais do que prazer por mim.

Cheguei em casa e Júlia não estava, depois de muito tempo ela chegou e disse que estava no shopping. Como estava com raiva de Marta, e minha mulher estava ali resolvi que ela iria me satisfazer.

Acordei e ela ja não estava mais na cama, essa vida de médica dela é muito corrida.

Hoje eu viajaria para Salvador e Marta iria junto, afinal ela é minha maquiadora.

Luan: Bom dia -falei entrando na van-

Todos: Bom dia -responderam em coro-

Sentei ao lado de Marta que ouvia música em seu celular com o fone.

Marta: A noite foi boa patrão? -perguntou baixo tirando o fone de ouvido e eu assenti- Sabia, quando eu não te satisfaço você corre pra médicazinha otária que te aceita -riu-

Luan: Não fala assim dela, a única pessoa errada nessa história sou eu que traio ela, então não fale dela -disse rude e ela me olhou espantada- Ela vai no show daqui semana que vem, então por favor não faça nada -pedi e ela assentiu voltado a ouvir sua música-

Depois de horas de viajem chegamos em Salvador. Fui para o meu quarto descansar mas Marta sismou de vir atrás de mim e claro que eu não negaria uma transa antes do show. 👧|Júlia|

O dia foi cansativo, muitas cirurgias, mas valeu a pena. Gabriel é uma ótima companhia, e eu amei a idéia de ter ele me ajudando, ja vi que seremos grandes amigos.

Antes de ir pra casa decidi passar na casa da minha mãe para ver minha irmã.

Adrielly: Oi, lembrou que tem família -disse abrindo a porta e me vendo-

Júlia: Ai mana não fala assim -fiz bico e a abracei- Eu nunca esqueci, a questão é o tempo que é corrido demais -falei assim que nos soltamos e fomos para a sala-



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...