História Cyborg in Love - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Seventeen
Personagens Boo Seungkwan, Hansol "Vernon" Chwe, Hong Jisoo "Joshua", Jeon Wonwoo, Junghan "Jeonghan", Kim Mingyu, Lee Chan "Dino", Lee Jihun "Woozi", Lee Seokmin "DK", Seungcheol "S.Coups", Soonyoung "Hoshi", Wen Junhui "JUN", Xu Ming Hao "THE8"
Tags Hozi, Verkwan
Exibições 41
Palavras 1.142
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Fluffy, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Hey ♥

Podem me matar por ter demorado para postar e ainda fazer capítulo pequeno t.t

Mas só faltam mais 4 capítulos para o final da fanfic. Pois é..

Esse capítulo foi betado, caso tenha algum erro, deve ser um erro bem pequeno ♥

O próximo capítulo irá demorar um pouco, porque eu vou fazer ele bem grande para adiantar logo as coisas. O último capítulo vai detalhar a vida deles dez anos depois de tudo. ( Spoiler huehue )

Boa leitura ♥

Capítulo 13 - Woozi irá morrer?


6 horas depois. 04:47 AM.

— Joshua??? – Jeong entrou rapidamente na sala e começou a chamar por Joshua. — É sobre o Woozi, e não é nada bom. Acorde!!!

Joshua acorda assim que escuta alguém lhe chamando. O mesmo repara que é Jeonghan que estava ali na sala, e ele dizia que era algo sobre Woozi que não era muito bom.

— O que? O que aconteceu com ele?? – Joshua perguntou preocupado, se aproximando rapidamente do enfermeiro.

— Ele piorou, e não sabemos se ele vai conseguir sobreviver. Ele já teve uma parada cardíaca. E quanto ao Hoshi, não sabemos o que ele tem; ele acordou e começou a falar algumas coisas estranhas antes de desmaiar novamente. – Ele explicou sobre os dois pacientes, deixando Joshua aflito com aquilo. Ele tinha certeza que deveria ligar para Dino, Jun, Boo e Vernon, mas estava com medo de como seus amigos iriam reagir a essas últimas notícias.

— Mas não podemos fazer mais nada para salvar Woozi? – Os olhos de Joshua estavam cheios de lágrimas.  Ele não poderia perder seus amigos assim, do nada.

— Temos que esperar agora... o doutor irá fazer o que pode. – Jeong deu um fraco suspiro e colocou a mão no ombro de Joshua. Ele queria o ajudar, mas não sabia de que forma poderia fazer isso.

O enfermeiro abaixou a cabeça  e se virou, andando até a porta e saindo por ela. Joshua passou a mão em seu rosto e pegou as chaves de seu carro, saindo às pressas do hospital.

Ele estava demorando um pouco para chegar no laboratório de Vernon por causa do trânsito de Seoul, e se ele fosse mais rápido, poderia ser pego pela polícia. Depois de uns quinze minutos ele já havia estacionado em frente ao laboratório, invadindo o mesmo e vendo Boo e Vernon juntos, fazendo alguma no sistema de Hoshi.

— O que estão fazendo?! – Joshua perguntou em voz alta, se aproximando dos dois que se viraram rapidamente.

— Estamos vendo o que podemos fazer para salvar o cyborg. – Boo começou e se virou para continuar mexendo no sistema de Hoshi.

— Hoshi está melhor que Woozi! Vocês deveriam fazer alguma coisa para salvar o Woozi, ele não vai aguentar por tanto tempo. – Joshua cruzou os braços olhando indignado para os amigos. Woozi estava quase morrendo e os dois só se preocupam em arrumar o sistema de Hoshi, isso o deixou extremamente irritado.

— O que podemos fazer com o Woozi? Ele não é um cyborg, Joshua!  Ele é humano como nós. – Vernon reclamou dando um soco na mesa ao lado dele. Boo deu um passo para trás, assustado com a atitude de Vernon. Joshua revirou os olhos, ficando cara a cara com o americano, olhando diretamente nos olhos dele.

— Você não salvou Woozi uma vez? Pode salvar de novo, não acha? Você pode criar algum remédio, use alguma emoção, sentimento.. alguma coisa de Hoshi! Woozi ficou tão feliz quando viu o cyborg dele de novo...É muito injusto ele morrer agora, não é? Você não deixaria seu amigo morrer.. ou deixaria?– Joshua tocou no braço de Vernon que estava de cabeça baixa no momento. Ele negou com a cabeça fazendo Boo sorrir, Joshua já estava estranhando a relação dos dois a meses, mas nunca quis lhes perguntar algo.

— Mas você disse que ele pode morrer. Irá demorar para ser feito um remédio que faça o estado dele melhorar. – Vernon murmurou indo até um bloquinho de anotações que ele tinha ali. — Mas podemos fazer alguma coisa, para Hoshi nos ajudar.. ele está bem não é? – Ele perguntou começando a anotar várias coisas no papel.

— Se Hoshi está bem, ele pode ajudar Woozi a ficar bem.. não pode? – Boo deu a ideia, se lembrando de um filme que viu em que uma moça sofre acidente, e o marido dela está prestes a morrer, mas ele disse que se ela ficasse bem, ele melhoraria. — Hoshi definitivamente é a cura de Woozi. – Boo brincou, imaginando que os outros não levariam aquilo tão a sério.

— Boo, você é muito.. inteligente. – Vernon falou empolgado com a ideia que Boo havia lhe dado. Era exatamente aquilo que eles tinham que fazer, se Hoshi ficasse bem, Woozi iria melhorar.

— Por que isso pode ser uma boa ideia? – Joshua ficou pensativo, analisando a ideia de Boo e tentando entender o que ele estava querendo dizer com aquilo.

— Olha só.. Woozi ama o cyborg, certo? Woozi devia ter ficado com medo de ver Hoshi morrer, e seu quadro médico deve ter piorado por conta disso. Acho que ele ficará melhor ao ver que Hoshi ficou bem. – Boo explicou da melhor forma que pode, para que Joshua entendesse a ideia dele.

— Hum... e acham mesmo que isso irá dar certo? Pelo que vi, Hoshi estará pronto amanhã a noite para sair do hospital, e eu não acho que ele esteja apaixonado ainda por Woozi. – Joshua cruzou os braços e olhou para os dois que sorriam malicioso um para o outro.

— Você acha mesmo que Hoshi não sente algo por Woozi? Na hora do acidente, Boo estava aqui, e quando Woozi colocou a mão em sua frente para o salvar, o coração de Hoshi disparou, e não foi pelo impacto.  – Vernon deu um sorriso de canto e arrancou a folhinha de seu caderno.

— Acho melhor a gente começar a pensar em algo para fazer Hoshi voltar a amar Woozi. – Boo puxou Joshua para o ajudar a procurar algumas coisas, enquanto Vernon pensava em como faria aquilo em poucos dias, já que Woozi estava entre a vida e a morte.

••♥••

Frases do capítulo:

° “Eu estou cego de amor! Você também deveria estar. Mas você está bem, só o meu coração dói.”

° “É uma coisa engraçada né? Para mim há apenas você, mas às vezes não consigo dizer muito como um estranho.”

° “Eu queria que você pudesse aparecer em minha frente por um momento; Eu queria que você pudesse retornar ao meu lado”

••♥••

Teaser – Próximo capítulo.

Woozi havia entrado em estado de coma, e estava naquele hospital há uma semana. Hoshi queria poder ajudar ele, mas não sabia de que forma poderia ajudar quem salvou a vida dele, porque se Woozi não tivesse colocado o braço na frente de Hoshi, o cyborg não estaria vivo.

— Sentimos muito, não podemos mais deixar ele ali. Não há mais nada que possamos fazer, iremos desligar os aparelhos ao anoitecer. – O médico disse a Dino e Boo, já que Vernon e Joshua estavam ocupados tentando convencer Hoshi.

Aquele era o último momento para Hoshi o salvar, pois os aparelhos médicos seriam desligados ao anoitecer, e naquele momento, Woozi daria seu último suspiro.


Notas Finais


Realmente me desculpem, esse capítulo foi mais um up para o próximo.

Mesmo assim, espero que tenham gostado. E como vêem no teaser do próximo capítulo.. talvez vocês irão chorar, talvel não.. depende do emocional de vocês ^^

Chu ♥♡♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...