História Da Ficção a Realidade - Capítulo 36


Escrita por: ~

Postado
Categorias Laura Prepon, Orange Is the New Black, Taylor Schilling
Personagens Alex Vause, Piper Chapman
Tags Amizades, Drama, Revelaçoes, Romance
Visualizações 215
Palavras 5.847
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Mistério, Orange, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero de coração que vcs não me matem Jaqueline, Jéssica e Vittoria....

Capítulo 36 - O Presente de Aniversário


Fanfic / Fanfiction Da Ficção a Realidade - Capítulo 36 - O Presente de Aniversário

Não sei o que foi pior, ter que me despedir de Sam Pam e Jéss, ou me despedir de Laura,  nossa a Jéss grudou em mim chorando, pedindo que eu não a deixasse ela ir... meu coração ficou em pedaços,  foi difícil ver eles partindo...  Foi difícil ver Jéss chorando.

 

Lau me abraçou, porém estávamos em um aeroporto, já tinha alguns fotógrafos lá... Samira Lauren, Yael e Uzo, estavam lá para se despedir de Laura, e também para me dar um apoio...

 

Pode parecer idiotice, mas é difícil saber que passarei 6 meses longe da mulher que amo, eu nunca pensei que fosse possível amar alguém da maneira que a amo, me sinto segura com ela, protegida, mesmo quando brigamos estamos juntas... Lau assim como eu é muito ciumenta, talvez isso seja o mais difícil dessa viagem... 

 

Logo, após o embarque do meu irmão,  o voo de dela é anunciado, ela abraça Natasha, Yael, Samira, Lauren e Uzo, nos olhamos  sem conter as lagrimas, nos abraçamos, ela diz que me ama e que todos os dias vamos conversar... ela se afasta e segue para embarcar sem olhar para trás, por mais que eu tente não consigo conter meu choro, me sinto amparada pelos braços de Natasha, as meninas me levaram embora do aeroporto.

 

Cheguei no meu apartamento acompanhada de minhas amigas, Jack logo chega,  me abraçou, ficamos conversando um pouco, eu estava triste, não sei, sinto que algo vai acontecer... e que esse algo, não será bom... Eu estou feliz por ela, sei que ama dirigir as cenas... e nesse caso irá atuar e dirigir um filme... mas poxa tinha que ser logo em Los Angeles? e seis meses??? 

 

Lau havia me prometido que iria tentar adiantar o máximo as gravações e a produção... para que ela pudesse voltar antes... bom daqui a quatro meses é meu aniversário... e pelo jeito vou passar longe dela...

 

Samira Lauren, Yael, Uzo, Jack e Natasha tentaram a todo custo me animar, mas eu só queria mesmo tomar um banho e deitar... eu pedi que tanto Sam como Lau me avisassem a hora que chegassem, fiquei lembrando de Jéss chorando pedindo para eu não abandonar ela, amo tanto aquela pequena, Sam fala que ela parece minha filha, pois é igualzinha a mim... ele até chamava ela de Taynizinha, Sam sempre foi tudo que eu tinha, alias ele e Natasha.

 

As meninas se despediram com um até amanhã, apesar da série ter estreado sexta, A Jenji já queria que nós voltássemos na segunda ao trabalho,  Tasha e Jack resolveram dormir comigo essa noite, quer dizer, eu vou tentar dormir... já aquelas duas... acho que elas vão tentar aproveitar o tempo perdido...

 

Antes de irmos deitar, Tasha foi até a cozinha, pegou três cervejas e nos trouxe, procurou um filme no netflix, e colocou para assistirmos, até que alguém chegasse e me ligasse... de Nova Iorque para Boston, Sam Pam, e Jéss demorariam mais ou menos 6:30hr ( Eles pegaram um voo de Nova Iorque para Washington - e de Washington para Manchester Boston ) 

 

Já Lau seria bem mais demorado o tempo estimado de viagem eram de 10 horas, pois ela faria o seguinte itinerário ( Nova Iorque até Chicago onde ela teria que me fazer a primeira ligação e depois Chicago -  Los Angeles outra ligação) Bom de Nova Iorque a Chicago dá mais ou menos 3 horas de voo, então Lau tem que me ligar por volta da 00:00.
 

- Sério gostosa, vai ficar com essa cara de noiva abandonada no altar? A Carrie ficou 7 meses em turnê e você ficou super bem.

- A Carrie eu não amava, já Lau, tenho medo do que pode acontecer nessa viagem, eu tenho medo dela encontrar outra pessoa entende? e não me querer mais, é estranho e ridículo isso... mas não quero perder ela.

- Olha gostosa, isso não vai acontecer, mas caso aconteça eu largo a Jack e fico com você, pode ser? 

- Não mesmo,( Jack falou na hora) Se isso acontecer, eu te largo Natasha e caso com a Tay na mesma hora ( foi impossível não rir da cara da Tasha).

- Ok, acho bom a Prepon não fazer isso... afinal vcs duas não sabem brincar ( novamente rimos)

 

Enquanto conversávamos Lau me ligou

 

- Oi amor (foi a maneira que atendi )

- Oi minha vida, acabei de chegar em Chicago, agora tenho que esperar umas quase 3 horas para a troca do avião...

- Vai procurar algum lugar para dormir? ( perguntei a ela)

- Não, vou esperar por aqui mesmo, eu só liguei porque estou morrendo de saudades de você, e queria saber como está as coisas aí, vc está sozinha?

- Também estou com muitas saudades, Tasha e Jack vão dormir aqui ( Tasha logo puxou o celular da minha mão para falar com a Lau)

- Prepon é o seguinte, a gostosa está com medo de você encontrar outra pessoa aí e querer largar ela, eu disse que se vc fizer isso, termino meu relacionamento que acabei de começar e fico com a Tay, a Jack falou que me larga e casa com ela... então é só para vc saber.

- Cala boca Natasha, eu jamais vou largar a Tay, podem tirando o cavalinho da chuva... agora eu liguei para falar com ela e não com vc.

- Ok, mas sei que vc vai morrer de saudades de mim... fala sério vc me ama mais do que ama a Tay, pode confessar. ( Tasha falou fingindo um tom sério)

- Amo você Natasha, sou completamente apaixonada por ti, vou largar a Tay para ficar com vc, que tal?

- Não exagera Prepon, você é gostosa, mas não faz meu tipo. ( Natasha fez careta nessa hora, fazendo com que Jack e eu risse )

- Ok Natasha! É um pena... já tinha até me animado com a ideia ( o celular estava no viva voz, então escutávamos tudo rindo) - Mas já que vc não quer nada comigo, posso falar com minha noiva então? 

-  É melhor mesmo, não quero te dar falsas esperanças... 

 

Novamente  rimos das besteiras que Natasha dizia, ela me entregou o celular, eu tirei do viva voz, e fiquei falando com Lau, durante um longo tempo, prometemos nos falar todo o dia, uma manteria a outra informada de tudo que iria fazer, não por desconfiança, mas sim por ser uma maneira que encontramos de nos sentirmos mais próximas, eu falei para Lau que iria para o set cedo, que na parte da tarde teríamos uma entrevista, e que provavelmente seria questionada sobre a sua viagem, e para ser sincera não saberia o que responder.

 

Lau ficou um bom tempo tentando se desculpar, disse que deveria ter recusado o trabalho, mas eu logo a cortei disse que não era justo com ela, e que eu jamais faria isso, jamais faria que ela desistisse de qualquer coisa por mim... Eu a amo, e é exatamente por esse motivo que vou apoiar ela em qualquer situação... depois de uma hora de conversa pelo celular, nos despedimos, ela estava cansada e eu teria que estar as 7:00 na reunião já se passava da uma da manhã... Tasha e Jack foram para o quarto "dormir" ... entrei para o banho com intuito de relaxar a mente... quando sai, Sam mandou uma mensagem.
 

" Tayne chegamos em Washington, Jéss adormeceu chorando pedindo por vc... mana fica bem, te amo, não vamos mais ficar tanto tempo longe... promete?"

" Tadinha, fiquei com meu coração apertado, queria muito que não existisse essa distancia toda entre nós... mas concordo Sammy, não podemos ficar tanto tempo longe, eu prometo que não ficarei... amo vocês"

 

Se eu falar que dormi essa noite é mentira... 3:00am mandei uma mensagem para Lau, desejando um ótimo voo até Los Angeles, logo veio uma resposta dela, perguntando o que eu ainda fazia acordada, respondi que não estava conseguindo dormir... a cama estava grande demais... trocamos mensagem por um tempo até ela embarcar, o que ocorreu por volta das 3:30am devido a um atraso na companhia aérea ... de Chicago a Los Angeles é mais ou menos umas 4:30 de viagem... eu precisava dormir um pouco, mas não consegui... passei a noite toda em claro...

 

Seis horas da manhã eu estava entrando no banho, não estava muito no pique de me arrumar, então só coloquei um short preto e uma camisa de cetim rosa, e uma sapatilha, desci e preparei uma café, tínhamos combinado com as meninas de tomarmos um café da manhã todas juntas após a reunião, logo Tasha desceu acompanhada de Jack, em meio algumas brincadeira, deixamos Jack no apartamento de Tasha e seguimos para o set, as meninas vieram me abraçar, conversamos um pouco, e fomos até Jenji, que como sempre era extremamente pontual... as 7:00 começou a reunião.
 

- Bom dia pessoal, mais uma vez, gostaria de parabeniza-los a todos, a série está sendo muito elogiada, Alex e Piper com toda a certeza é o casal mais amado do momento... Uma pena que não teremos mais Laura conosco ( nessa hora, senti como se uma faca fosse enfiada em meu peito, Yael disfarçadamente segurou em minha mão, dando um lindo sorriso que dizia vai dar tudo certo)  - Essas duas semanas, eu gostaria de pedir a colaboração especial de Tay, Uzo, Jason, Natasha, Danielle, sei que fizeram muitas viagens de divulgação, mas muitos locais que ocorreu a estréia querem vocês... E após o retorno, iremos começar a gravar a segunda temporada ( todos comemoraram, vai ser bom eu ocupar minha mente com o trabalho, acho que vai ajudar a passar rápido o tempo) - Pessoal só que dessa vez será mais puxado, vamos gravar a segunda e a terceira temporada na sequencia, o ritmo será mais intenso... agora mais do que nunca preciso do emprenho de vocês...

 

- Estamos aqui para isso chefinha ( Tasha disse, tirando um sorriso de Jenji) - Pode contar conosco sempre.

 

Quando foi umas oito horas da manhã Lau me ligou.

 

- Oi amor acabei de chegar em Los Angeles, como vc está? dormiu?

- Oi amor, Graças a Deus vc chegou bem, não, eu não consegui dormir, acabei de sair da reunião com Jenji, vou tomar um café com as meninas...

- Hum, vc deve estar cansada né vida? está com sono? como foi a reunião?

- O sono ainda não bateu... mas a tarde vai ser cruel... e vai ser bem corrido temos que dar uma entrevista hoje, mas enfim a reunião foi boa, vamos viajar essa semana para mais divulgação da série, e logo que voltarmos vamos dar inicio as gravações da segunda e da terceira temporada, vai ser bem corrido.

- Vamos viajar? quem irá nessa viagem amor???

- Eu, Tasha, Uzo, Danni e Jason

- Jason? bem já vi que não vou conseguir dormir bem com essa noticia

- Para amor... para de pensar besteira, vc sabe que eu te amo néh? e que eu odeio traição? confia em mim.

- Eu confio em vc amor, eu não confio nele, eu sei que ele baba por você, me incomoda... mas enfim... queria estar aí com vocês... estou torcendo para Jenji matar o Larry, e trancar a Piper na solitária pelo resto da série.

- Que horror amor... credo ( falei rindo)

- Credo o que? Só assim eu não corro o risco de ver a Piper beijando outra pessoa, automaticamente não vejo você tendo que dar beijos técnicos ( Lau caiu na risada e eu também) - Amor, Jodi e Teresa estão de mal humor aqui do meu lado... vou desligar, vou dormir um pouco, hoje a tarde já temos reunião, e amanhã cedo começamos com as produções, amo vc.

- Também te amo, e tenha juízo... não vai me trocar por ninguém... e tomara que sua parceira de cena seja uma mulher muito feia ( Lau deu muita risada e desligou).
 

Desligamos, eu fui tomar café com as meninas, Samira Yael e Uzo são uns amores de pessoas, me deram total apoio, fiquei o tempo todo com elas... almoçamos juntas e depois fomos para entrevista, como imaginado fomos questionado sobre Laura, Tasha se prontificou a responder, elogiando Lau e desejando a ela em nome da família Orange todo o sucesso, e revelando que está na torcida para que ela permaneça conosco na série... 

 

Depois de muito trabalho foi encerrado mais um dia, o meu primeiro dia sem Laura... eu estava exausta, mandei mensagem para Lau, perguntando como foi, lá L.A. logo veio a resposta, que ela gravaria amanhã... pedi para ela me mandar uma foto da mulher que seria seu par romântico, ela recusou a principio, mas quando viu que eu não desistiria ela mandou... e nossa, se arrependimento matasse eu estava morta, era uma loira muito bonita, imaginar Laura com ela não me fazia bem... eu logo encerrei a conversa eu fui para o banho... para ajudar hoje dormiria sozinha...

2 Semanas depois

Nossa viagem foi ótima, só risos, várias fotos, entrevistas, a cada lugar que chegávamos eramos ovacionados, "Vauseman" não saia da boca das pessoas, uma adolescente estava com as mechas de seu cabelo pintado de azul, chegou para mim e pediu para que eu deixasse ela ser minha Alex, eu não aguentei e acabei rindo, tiramos foto tanto no celular dela como no meu, Tasha não perdeu tempo, logo gravou o pedido da fã e mandou para Lau, que em poucos minutos veio a resposta dela.

 

" Adoro os carinhos que os fãs nos dão, mas essa menina é muito abusada, só espero que Tanto Tay como a Piper, recuse educadamente esse convite... rsrs"

 

Passamos a semana inteira, fazendo a divulgação, Lau e eu sempre que dava nos falávamos através de videos chamadas, a cada dia que passava a saudade aumentava mais e mais... era difícil controlar... o bom é que me entreguei 100% no trabalho, isso ajudava a manter minha cabeça ocupada...

 

Quando voltamos para Nova Iorque, começamos a gravar... era estranho não ver mais um camarim com o nome Laura Prepon, mas velhas manias nunca mudam não é mesmo? o meu camarim continuava sendo um ponto de encontro, sempre mandávamos fotos para Laura, e ela mandava dela como diretora...

 

Não é segredo para ninguém que Tasha e eu somos irmãs, eu sempre achei que não tinha como nossa amizade se fortalecer mais... mas eu estava enganada, a cada dia que passava, nosso laço de irmandade aumentava, o amigo de Sam estava atrás do irmão dela,  tinha algumas informações... eu até o presente momento não sabia de nada, mas Sam estava sempre apar de tudo.

1° mês

Da maneira mais difícil e com ajuda das meninas, sobrevivi ao primeiro mês longe do meu amor, a cada dia a saudade estava maior... as gravações estava corrida, gravávamos até aos domingos... por esse motivo, nesse primeiro mês não consegui fazer a visita surpresa que eu queria, ela também estava gravando de segunda a segunda... por muitas vezes conversávamos mais por mensagem do que pelo telefone, o que me deixava bem chateada.

 

Tasha sempre estava presente tentando me animar, apesar dela estar com raiva de mim, pois faltei em todas as comemorações que teve até agora... Kate como sempre me tratava como uma filha, chegou até a ir ao meu apartamento só para brigar comigo por ter faltado a festa de comemoração de 1 mês de gravação... me fez prometer que na próxima eu iria...

 

Era sexta feira quando Sam me ligou, dizendo que Jéss estava no hospital internada queimando de febre  e com vomito, sem ao menos pensar duas vezes conversei com Jenji informando que eu não poderia gravar sábado e domingo e fui até Boston para ver minha pequena, saí tão apressada que não avisei nem a Tasha nem a Lau... cheguei a Boston fui direto ao hospital Pam e Sam ficaram surpresos por eu ter ido.

 

- Tayne, não precisava vir

- Lógico que precisava, meu cotoco está internado, o que ela tem? ( perguntei ao Sam, após abraçar os dois)

- Ela está com meningite, mas já vai começar o tratamento, ela vai ficar bem ( Pam respondeu, me agradecendo pela preocupação)

- Graças a Deus posso ver ela?

- Claro ( Pam me levou até minha pequena que dormia)
 

Ela acordou manhosa, chorando, fiquei um pouco com ela, mesmo estando doentinha ela estava linda... logo meu celular tocou e era Natasha, nem preciso dizer que ela estava nervosa comigo, expliquei a ela tudo que aconteceu, ela ficou preocupada com Jéss, mas permaneceu irritada comigo... após ela desligar eu liguei para Lau.
 

- Oi amor. ( ela atendeu feliz)

- Oi amor, atrapalho? ( perguntei)

- Não estou na pausa das gravações, e você está no intervalo também? ( ela perguntou curiosa)

- Não amor, eu estou em Boston no hospital

- Boston? Hospital? o que aconteceu?

- Jéss está internada com meningite, Sam me ligou ontem avisando corri para cá... nem falei com Natasha, ela está puta de raiva comigo.

- Nossa amor, tadinha, mas como ela está agora?

- Está sendo medicada, apesar de ser meningite, ela vai ficar bem Graças a Deus, volto amanhã mesmo 

- Queria estar aí com você, mas aqui está uma loucura, estamos gravando sem pausas...

- Imagino amor, nós também estamos, chego em casa louca pela nossa cama e por você.

- Sinto sua falta ( Laura me disse em um tom triste)

2° mês 
 

As gravações continuavam a todo vapor, no decorrer do mês demos inúmeras entrevistas, a série estava sendo um sucesso, o que nos deixava completamente feliz, por motivo de incompatibilidade de horários, Lau e eu nos falávamos por mensagem, não sei se é impressão mas sinto que Lau está ficando um pouco distante...

 

Tasha afirma que é coisa da minha cabeça. mas eu não sei, eu sentia que algo estava errado, algumas vezes eu liguei para o celular de Lau que me atendia dizendo que estava no hotel descansando, mas no fundo eu escutava muito barulho, como se ela estivesse em algum barzinho, danceteria sei lá... outras vezes Jodi atendia, toda sem graça me dando alguma desculpa sobre Lau não poder atender...

 

Eu perguntei a ela, o que estava achando da parceira romântica dela, e não nego que senti um ciúmes grande quando disse que Cindy era sensacional, um amor de pessoa atenciosa, educada, parceira, compreensiva... eu lógico questionei ela por mensagem.


" Amor é impressão minha ou você está babando por essa Cindy?"


" Para de besteira Tay, só acho que não podia ter parceira melhor para esse trabalho"
 

" Ok, Laura vou fingir que não li isso"


" Para amor, infelizmente não poderei ter vc sempre como meu par romântico"


" Ok Laura, vou dormir, boa noite."


"Ei... para de besteira, você sempre será meu par preferido... amo você"


" acho bom mesmo... Também te amo, vai sair hoje?"


" Não Tay, vou ficar em casa descansando, já estou quase dormindo... as gravações estão corridas... e você?"


" Não amor, também vou ficar em casa... estou bem cansada"
 

De fato eu apesar do convite de Natasha e Jack, fiquei em casa, estava cansada e depois dessa conversa com Laura não me senti bem, mas como de costume desde que Lau foi embora tenho dormido pouco... 

 

Tasha passou a noite inteira me mandando mensagens, ligando, tentando mostrar o que eu havia perdido por ficar em casa... mas o que me chamou atenção, foi uma foto que foi publicada de Laura em uma balada acompanhada de Cindy, na legenda da foto postada por um site de fofoca dizia.


"Dá ficção a realidade?"

 

Ao que deu a entender da foto elas estavam dançando, porra Laura não dança conosco, que merda ela está fazendo? não perdi tempo e liguei para o seu celular 3 tentativas e nada dela atender, liguei para Jodi, e a mesma coisa, então liguei para Teresa.

- Oi Tay

- Oi Teresa posso falar com Laura?

- Tay, é que ela não está aqui

- Não mente para mim Teresa, vi a foto dela e da Cindy no site

- Ai Tay, não é nada disso... 

- Teresa por favor eu posso falar com ela ou não? ( Meu tom era de irritação)

- Claro, espera ( Te entrou novamente no salão, a música estava alta, passou um tempo o barulho foi diminuindo, ainda dava para escutar o som, mas Laura atendeu)

- Amor olha eu posso explicar. ( Lau já atendeu falando)

- Então começa pelo fato de por que você mentiu dizendo que estava no hotel quase dormindo quanto na verdade está dançando ao lado de outra?, outra essa por sinal que é sua companheira de cena.

- Tay, se eu falasse para vc, com total certeza você iria surtar pensar besteira, e como você sabe que estava dançando?

- A foto de vocês duas está estampado na internet, dando a entender que vocês tem um caso

- Amor não temos nada eu juro, confia em mim... foi só uma reunião de elenco o pessoal encheu o saco para eu ir...

- Laura combinamos que não teria mentira entre nós, como posso confiar se você me fala uma coisa e faz outra? ( não conseguia esconder minha irritação)

- Amor me desculpa? estou indo embora ok?

- Laura quer saber, curte sua festa, estou cansada boa noite.

 

Desliguei o telefone na cara de Laura, nem preciso dizer, que choveu ligações e mensagens dela se desculpando, mas acabei desligando o celular para não discutir com ela, quando amanheceu o dia corri para o set onde começamos a gravar, gravei cenas com Kate, Uzo, Yael.

 

Tasha encheu tanto minhas paciências que acabei topando ir para casa dela beber... Krysten iria também... foi o primeiro dia que passei sem falar com Laura, no apartamento de Tasha foi legal, rimos demais, bebemos dançamos, Krys assim como eu estava feliz por Tasha e Jack finalmente terem decidido se darem uma chance, quando publiquei uma foto de nós quatro em meu instagram, com a legenda  " 3 loucas que amo" choveu ligação de Laura, depois de recusar várias acabei atendendo.

 

- Oi Laura

- Oi amor, você ainda está com raiva de mim?

- Laura, estou chateada por ter mentido

- Me desculpa?

- Eu só não quero mais mentiras, fica difícil confiar assim... combinamos que seriamos sinceras.

- Você tem razão amor, desculpe mesmo, prometo que não irei fazer mais isso, agora, vi sua foto... Krysten está aí?

- Sim Lau, mas não se preocupe, já te disse que somos apenas amigas, e ela é bem hétero

- Mas pode ser curiosa ( Lau falou em tom de brincadeira)

- Te amo ( falei quase num suspiro)

- Também te amo Tay, perdão

- Só não faz mais isso ok?

- Ok amo você.
 

Não demorou muito e Krys acabou indo embora, Jack subiu e foi dormir ficou só Tasha e eu na sala conversando e bebendo... os assuntos foram os mais variados possíveis... sempre arrancando sorrisos...

- Loirinha, as vezes acho que fiz besteira começando esse namoro com Jack

- Por que Tasha?

- Sei lá, acho que vamos acabar estragando nossa amizade, não existe amor, acho que é mais atração sabe?

- Não pensa besteira Nat, vive o momento, vcs se gostam, se respeitam...quanto vcs menos esperar vira um amor, assim como Laura e eu.

- Loirinha acho que Shonda podia ter escolhido vc e eu para ser a Cristina Yang e Meredith, você é a minha pessoa e eu sou a sua... o papel ficaria perfeito ( nessa hora eu cai na risada)

- Ok, tem razão eu amo tequila vc também, poderíamos adaptar e colocar a vodka também no meio 

- Imagina nós duas dançando " Where does the good go" 

- Ok Nat, é melhor dormimos já estamos falando besteira de mais... ( respondi rindo)


3° mês
 

Com o decorrer dos dias a saudade vem aumentando, Lau e eu andamos brigando algumas vezes, eu falei a ela que ia ver com Jenji se conseguiria pegar uma semana para ir visita-lá, mas ela me disse que não era para eu fazer isso, pois infelizmente não conseguiria me dar atenção, afinal ela estava gravando todos os dias, sendo que por diversas vezes eles acabavam dormindo no set mesmo, a fim de facilitar as gravações do dia seguinte, lógico que eu não gostei, mas Laura tratou de encerrar o assunto.

 

A cada dia que passa se torna um pouco mais difícil de falar com Laura, Jenji também acelerou mais ainda o ritmo de gravação, chegávamos no set as 07:00 da manhã e estou saindo 22:00hrs, está muito cansativo essa rotina... Jenji ainda não sabia como ficaria o futuro de Alex na serie.

 

Depois de muitos desencontros, finalmente Laura teria uma semana menos puxada nas gravações, eu estava pensando a possibilidade de ir até Los Angeles para ver meu amor, ela assim como eu estava ansiosa por minha ida... mas parece que o destino estava brincando com nossa cara, dois dias antes de eu embarcar, Tasha acabou sofrendo um acidente de carro, ficando por duas semanas hospitalizada... lógico que Laura não gostou nada de eu ter que adiar minha viagem, mas não tinha como deixar Tasha sozinha, Jack não estava em Nova Iorque, eu acabei ficando para cuidar dela.

4° mês

Desde aquele dia que tive que cancelar a viagem, Lau está distante comigo, sempre que ligo ela nunca pode atender, nossas trocas de mensagens são sempre curtas... Tasha já estava bem, voltou a gravar... não estou conseguindo mais lidar com a saudade, ainda mais por conta da ausência de Laura, acabei mandando uma mensagem para ela. 


" Amor, to com saudades da sua voz, te amo"
 

Mas ela não me respondeu, eu estava em meu camarim pensando quando Tasha abre a porta com tudo, por mais que eu esteja acostumada com ela entrando assim, o susto é inevitável.
 

- Que foi loirinha? qual o problema?

- To com saudades da Lau, as vezes penso que tem algo errado.

- Qual é gostosa? desencana ela te ama do mesmo jeito que você a ama, por que isso agora?

- Desde aquele dia que não pude  viajar, ela ficou bem chateada, acho que ela está me evitando... sei lá... sempre que ligo ou é a Jodi ou a Te que me atende, elas como sempre são um amor, mas ficam dando desculpas... sei lá tem algo errado.

- Vem cá, ( Tasha me deitou no colo dela, começou a fazer carinho em minha cabeça enquanto falava comigo) ela deve estar gravando direto, gostosa, faz um coisa, você mergulhou de cabeça nesses quatro meses que ela está la´, você gravou direto, pedi duas semanas para a Jenji e vai encontrar a sua mulher.

- Tasha será que Jenji aceita? e será que Lau vai gostar?

- Olha a Jenji com certeza te dará essa semana, vc gravou 4 meses sem pausa... vc precisa descansar, e Laura? bem eu duvido que a Prepon não irá amar chegar no hotel e pegar uma loira gostosa na cama ( Tasha disse sorrindo).

- Você é chata vc sabe néh??? mas te amo

- Eu sei, sou irresistível ( dei um tapa nela sorrindo).

- Vou falar com ela agora... te amo Tasha....

 

Fui correndo falar com a Jenji que topou na hora sem surpresa, disse que eu merecia, que era bom eu dar um descanso para mente... na verdade eu já tinha gravado quase todas as minhas cenas da 2ª temporada, cheguei correndo no camarim de Tasha para dar a noticia.

- Doidinha ela aceitou, agora é só comprar as passagens e ir ver o amor da minha vida....

- Então eu já sabia que ela iria dar essas duas semanas para você, e como amanhã é o seu aniversário.... vou te dar um presente agora....

- Ahhhh o que é Tasha???? ( perguntei curiosa)

- Abre esse envelope, e abre logo antes que eu me arrependa... ( Tasha estava bem animada)

- Tasha!!!! ( olhei para ela assustada e com os olhos cheios de lagrimas) Como vc fez isso???? ( ela tinha comprado uma passagem de ida e volta para que eu pudesse ver a Laura).

- Há foi simples, eu entrei no site de passagem escolhi o destino, cliquei em comprar...( como sempre Tasha não perde uma oportunidade de zoar)

- Cala boca sua besta, ( falei batendo nela) Eu quis dizer como vc sabia que a Jenji iria deixar???

- Eu já tinha pedido sua boba, vai lá Gostosa, seu embarque é hoje as 14:00, Ted e eu vamos te levar para o aeroporto... e é o seguinte, Laura terá um jantar de reunião no hotel as 20:00 então vc vai chegar se arrumar e ir para o restaurante.... ( eu puxei Tasha para um abraço). 

- Nossa agora são 10 da manhã tenho que correr para meu apartamento arrumar minhas malas...

- Já está pronta... ( Tasha falou tranquilamente)

- O que? como? ( perguntei assustada)

- Ted já fez para você, isso é o nosso presente para vc, vai lá minha loira gostosa, comemora seu aniversário ao lado da mulher que você ama, você merece...

- Não sei o que eu faria sem vc e sem o Ted.... amo vcs...

- Tbm amamos, agora pega logo suas coisas, para que eu possa te levar logo... já vou avisando vou dar uma festa no seu apartamento...
 

Tasha foi me levar até meu apartamento para que eu pudesse tomar um banho e irmos para um restaurante almoçar de lá ela e Ted me levariam ao aeroporto, cheguei no meu apartamento logo abraçando o Ted, disse que ele e Tasha são pedacinhos de mim...
 

Tomei um banho, peguei algumas coisas, minha mala já estava montada então fomos almoçar.
 

- Minha Estrela seu aniversário é só amanhã, mas esse é o primeiro ano que passaremos longe.... ( Ted estava feliz por mim... mas triste por passar meu aniversário longe de mim).
 

-  Pois é gostosa, tem tantos anos que passamos juntas... mesmo quando vc estava com a Carrie, eu sempre ia te dar um abraço assim como vc no meu e no Ted, acho que somos uma família mesmo...
 

- É claro que somos... sem vocês eu não sou nada... mas vamos??? não vejo a hora de ver meu amor...
 

- É Ted, agora é só vc e eu... acho que vou desocupar um quarto de uma loirinha no meu apartamento e montar para vc o que vc acha???
 

-  Adorei a ideia ( Ted disse sorrindo)
 

- Se vc fizer isso eu te mato, aquele quarto é meu ( respondi rindo).
 

Deu o horário do embarque me despedi de Tasha e de Ted, novamente agradeci pelo carinho, de fato há muitos anos não passo meu aniversário longe deles, com certeza iria sentir muita falta deles... mas meu coração estava tão apertado de saudade de Laura...
 

Assim que o avião pousou em Los Angeles mandei mensagem para eles


" Tasha cheguei, obrigada por tudo meu amor... cuida do Ted por mim... amo vc"

" Se joga gostosa, amanhã te ligo quero saber tudo, incluindo quantas vezes vocês gozaram rsrs... Tbm amo vc" ( não tem jeito a Tasha não presta)

" Ted cheguei, sabe que eu te amo néh? faz um favor cuida da minha doidinha amo vc e ela, mais uma vez obrigada"

" Vc merece tudo de mais lindo em sua vida, amo você, e pode deixar eu cuido da Natasha, não sei como vc aguenta ela rsrsrs" ( Ted sempre doce)

 

 

Fui correndo para o hotel tomei um banho e descansei... quando deu 19:00 comecei a me arrumar... estava com muita saudades da Lau, não via a hora de ver ela... mandei uma mensagem, mas dessa vez veio a resposta...



" Amor, me esqueceu foi? te amo"


" Claro que não esqueci, é que está tudo corrido, não estou com tempo"



 

Achei ela um pouco seca... mas tudo bem daqui a pouco mataria a saudade, Tasha e Ted realmente me deram o melhor presente de aniversário... deu 20:00 o jantar da Laura já devia ter começado, então resolvi descer, chegando no restaurante perguntei a recepcionista :
 

- Boa noite, por favor sabe me informar se a Senhorita Laura Prepon já chegou? ela tem uma reserva marcada.
 

- Boa noite, só um momento.... Sim chegou está com sua noiva posso acompanhar?
 

- Desculpe está com quem?? ( perguntei sem entender)
 

- Bom aqui marca que é um jantar de noivado, quer que eu lhe acompanhe?
 

- Não, Pode por favor apenas me providenciar uma mesa? não perto dela tá, mas onde eu possa ve-lás, em determinado momento do noivado, tenho que pedir a entrega de flores, será que pode me ajudar? Será surpresa. ( com toda a certeza não era a minha Laura, essa moça deve ter entendido errado, só pode).
 

- Senhorita Schilling, pode me acompanhar, por favor.
 

- Tudo bem, mas como disse é surpresa, elas não podem me ver antes da hora. 

 

Era de fato a Laura, ela estava acompanhada de Cindy, senti meu coração se quebrar em pedaços, mas fiquei observando, não podia, nem posso fazer show de ciúmes, pedi um vinho e o prato especial da casa, apenas para disfarçar.
 

De repente vejo os senhores que estão com elas sorrirem e ela tira uma caixinha da bolsa, fala alguma coisa e se beijam, naquela hora eu fiquei paralisada, agora estava tudo claro, ela estar sem tempo para mim, eu fiquei olhando sem acreditar, passou um tempo  elas se despediram e se levantaram abraçadas, eu paguei a conta e sai disfarçadamente, elas subiram de elevador, então não pude ver o andar que elas estavam.

 

Fui direto para meu quarto, chorei a noite inteira não era possível a Laura estava me traindo, ficou noiva de outra, eu não podia ficar ali, eu não conseguiria olhar na cara dela, minha vontade era de bater nas duas ali, a Laura me traiu, no dia do meu aniversário ela estava trasando com outra.

 

Peguei um pedaço de papel e escrevi um recado, coloquei em um envelope junto com minha aliança e um colar que ela me deu "I Heart You"  peguei minha mala e desci, cheguei na recepção perguntei se poderiam confirmar se a Senhorita Prepon e sua noiva estavam mesmo no quarto, pois queria que entregassem a elas um café da manhã como presente, e para minha tristeza elas tinham passado a noite juntas mesmo, pedi que entregasse o café mais especial que teriam e que colocassem esse envelope nele, paguei pelo café e fui embora.

 

Eu não sabia para onde ir, o que fazer Tasha logo cedo me mandou mensagem
 

 

" Quero te ligar, mas acho que a Prepon me mataria se eu atrapalhasse a foda de vocês, estão parem de se comer um minuto, para que eu possa te ligar... ok? amo você... Feliz aniversário minha gostosa".

 

Eu não tive coragem de responder, na saída do hotel, encontrei com Jodi e Teresa, ambas ficaram assustadas quando me viram, vieram até mim, mas eu as ignorei entrei no primeiro táxi e saí.
 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...